Campanha de vacinação contra gripe inicia segunda-feira (23)

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza 2018 tem início nesta segunda-feira (23) e prossegue até 1° de junho, sendo 12 de maio o “Dia D” de mobilização nacional. De acordo com a Coordenação Estadual de Imunizações (CEI) da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), a estimativa é vacinar mais de 54,4 milhões de pessoas em todo o país e 879.430 no Rio Grande do Norte, tendo como meta vacinar, pelo menos, 90% dos grupos prioritários.

Fazem parte dos grupos elegíveis para a vacinação as crianças na faixa etária de seis meses a menos cinco anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), indivíduos a partir dos 60 anos, trabalhadores da saúde, professores de escolas públicas e privadas, povos indígenas, grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional.

Segundo Katiucia Roseli, coordenadora estadual de Imunizações, “a Sesap está concentrando esforços, por meio da CEI e das Unidades Regionais de Saúde, para que os municípios vacinem o máximo possível de pessoas pertencentes aos grupos prioritários. A ideia é que assim se possa reduzir as internações, complicações e óbitos causados por influenza”.

COMENTE AQUI

Governo considera propor adiamento de reajuste de servidores, diz ministro

O governo federal considera a possibilidade de propor adiamento do reajuste de servidores de 2019 para 2020 para ajudar no cumprimento do teto de gastos, informou neste sábado (21) o ministro do Planejamento, Esteves Colnago.

Segundo ele, essa é uma “carta na mesa” que está sendo avaliada pela equipe econômica para ajudar a aliviar a execução orçamenatária no primeiro ano do próximo presidente da República, que terá de lidar com fortes restrições sem novas medidas de contenção de despesas obrigatórias.

De acordo com dados oficiais, contidos na proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) de 2019, a verba destinada para custeio e investimentos dos ministérios, no ano que vem, poderá ser a menor dos últimos 12 anos. Isso ocorre por conta do teto de gastos – que limita o crescimento das despesas à variação da inflação em 12 meses até junho do ano anterior.

“É uma carta na mesa [o adiamento do reajuste dos servidores] que pode ajudar na observância do teto do gasto. Não há definição ainda e a questão foi posta como uma carta na mesa. Está entre as possibilidades para ajudar no respeito ao teto em 2019”, declarou o novo ministro, que tomou posse recentemente.

Segundo ele, o impacto nas contas públicas, do adiamento do reajuste dos servidores de 2019 para 2020, seria de cerca de R$ 5 bilhões. Esse é o valor que, se a medida for implementada, poderia ser gasto com outras despesas dos ministérios.

Durante eventos do Fundo Monetário Internacional (FMI) em Washington, o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, também adotou o mesmo tom. “2019 tem desafio (fiscal) e esta é uma alternativa”, declarou ele.

 

G1

COMENTE AQUI

Menina de 9 anos é baleada por garoto de 10 após reagir a tentativa de abuso na Bahia

Uma garota de 9 anos foi baleada por um menino de 10 após reagir a uma tentativa de abuso sexual, na cidade de Teixeira de Freitas, extremo sul da Bahia. De acordo com a Polícia Civil, o caso ocorreu na sexta-feira (20), por volta das 19h.

Ainda segundo a polícia, as duas crianças são vizinhas e a menina foi encontrada ferida na casa da madrasta do garoto que atirou, localizada na Rua Projetada, bairro de Tancredo Neves. A vítima foi atingida na região das nádegas. Ela foi socorrida e levada para o Hospital Municipal de Teixeira de Freitas, onde passou por cirurgia e segue internada. Não há detalhes do estado de saúde dela.

A polícia informou que o garoto de 10 anos foi apreendido, levado para a delegacia e ouvido na presença de um representante do Conselho Tutelar da cidade. Após depoimento, a criança foi liberada.

A arma usada para ferir a vítima, uma garrucha, de acordo com a polícia, foi apreendida e pertence ao irmão do menino que atirou. O rapaz, de 17 anos, tem passagens pela polícia por tráfico de drogas e até este sábado (21), não havia sido localizado.

O menino que atirou na garota, segundo a polícia, é órfão de mãe e foi criado pelo pai, com outros seis irmãos. Ele segue com acompanhamento do Conselho Tutelar. A menina baleada mora com os pais. A Polícia Civil informou que vai abrir inquérito para apurar o caso.

G1

COMENTE AQUI

Polícia fará reconstituição dos assassinatos de Marielle e Anderson

A Divisão de Homicídios realizará uma reconstituição do assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, mortos no dia 14 de março passado. A informação é do secretário de Segurança, general Richard Nunes, durante desfile cívico realizado neste sábado na Avenida Primeiro de Março, em homenagem a Tiradentes, padroeiro das forças militares.

Segundo Richard Nunes, a reprodução simulada será realizada no início de maio. O general, no entanto, não comentou as declarações do presidente Miichel Temer que afirmou na sexta-feira, que o esclarecimento do caso estaria próximo do fim.

– Decidimos na sexta-feira, em reunião, realizar reprodução simulada dos fatos. Vai ser no incio de maio porque ainda depende de algum acerto técnico. É complexo realizar uma reprodução simulada como essa, inclusive com disparos teias naquela área. Isso demanda uma série de preparações e também de condições meteorológicas no local. Essa reprodução vai ajudar muito a nós compreendermos de maneira completa a dinâmica daquele crime e também compatibilizar as diferentes versões das testemunhas para que tenhamos visão completa dos fatos – explicou.

O secretário disse ainda que serão distribuídas 265 viaturas à PM na próxima quinta-feira, dia 26:

– É um sinal de que começamos a dar passos efetivos para recuperar nossa capacidade. Novas aquisições virão ao longo desse ano.

O general disse ainda que serão intensificadas operações contra as milícias no estado:

– Estamos planejando, por meio das nossas delegacias especializadas, pela parceria com Ministério Público, o próprio poder judiciário tem nos apoiado muito. Vamos intensificar e coibir essa prática criminosa, como coibiremos qualquer outra prática criminosa.

Há dez anos, a Polícia Militar não promove o desfile cívico em homenagem a Tiradentes. Para o secretário, o retorno dessa tradição eleva a autoestima dos policiais:

– Estamos satisfeitos de resgatar uma tradição que havia sido interrompida há dez anos. Hoje é o dia que comemoramos o mártir da independência, nosso Tiradentes, dia da Polícia Militar. É fundamental que a gente resgate esse tipo de tradição porque isso faz parte da recuperação da capacidade operativa da polícia. Resgatar valores, tradições, isso eleva a autoestima do policial militar, a corporação cresce com isso.

O Globo

COMENTE AQUI

Prisão da Lava Jato espera por Zé Dirceu, dizem juristas

Condenado por corrupção passiva, associação criminosa e lavagem de dinheiro, o ex-ministro José Dirceu está muito perto da prisão da Lava Jato, onde já estão antigos companheiros seus do PT, o ex-ministro Antônio Palocci (Fazenda e Casa Civil) e Lula. A avaliação é de juristas, criminalistas e constitucionalistas, que analisaram a situação de Dirceu.

Na última quinta-feira, 19, ele sofreu duro revés, quando o Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4) rejeitou o recurso de embargos infringentes.

A Corte também manteve a pena de prisão em 30 anos, 9 meses e 11 dias e determinou a execução provisória da pena, quando esgotados os recursos de competência do TRF-4, questão de dias.

Dirceu ainda aguarda em liberdade por decisão do Supremo Tribunal Federal o julgamento de todos os recursos na segunda instância.

Advogados com bastante experiência nessa área avaliam, porém, que a volta de Zé Dirceu para a prisão da Lava Jato é cada vez mais certa. Ele foi preso em regime preventivo no dia 3 de agosto de 2015. Em maio de 2017, o Supremo Tribunal Federal o libertou.

“Em termos práticos, ainda resta a interposição de embargos de declaração questionando a decisão do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4.ª Região) nos embargos infringentes”, considera o advogado Marcellus Ferreira Pinto. “Ocorre que esses embargos não possuem ‘efeitos infringentes’, ou seja, não modificam o julgamento em segunda instância”, acrescenta Ferreira Pinto, do Nelson Wilians e Advogados Associados.

TERRA

COMENTE AQUI

Beber álcool todo dia reduz expectativa de vida, aponta estudo britânico

A pesquisa da Universidade de Cambridge analisou 600 mil pessoas e seus hábitos com álcool

Beber álcool todos os dias pode ser ruim para a saúde e encurtar a vida, segundo uma pesquisa da Universidade de Cambridge divulgada pela revista científica The Lancet.

O estudo, feito com 600 mil pessoas, estimou que os indivíduos que consomem e entre 10 e 15 drinks alcoólicos por semana podem ver ter a vida encurtada em um a dois anos. Quem passa desse ponto e consome mais de 18 drinks por semana pode ter quatro a cinco anos a menos de vida.

No Reino Unido, desde 2016, o sistema de saúde recomenda que as pessoas não bebam mais do que 14 “unidades” por semana – essa quantidade equivale a sete taças de vinho ou sete latas de cerveja.

Os autores do novo estudo dizem que suas descobertas estão de acordo com as novas recomendações britânicas. Eles afirmam que não há grandes riscos de saúde para pessoas que bebem pouco.

No levantamento, foram comparadas a saúde e os hábitos de bebida de pessoas em 19 países. Em seguida, os pesquisadores aplicaram aos dados um modelo de quanto tempo de vida uma pessoa perderia a partir dos 40 anos de idade se continuasse bebendo da mesma forma que antes.

De acordo com eles, pessoas que bebiam o equivalente a 10 drinks por semana encurtaram suas vidas em até seis meses.

A pesquisa também afirma que o excesso de bebida aumenta o risco de doenças cardiovasculares. A cada 12,5 unidades de álcool consumidas acima da recomendação máxima do sistema de saúde (ou seja, 12,5 após as 14 unidades semanais), o risco de ter um acidente vascular cerebral (AVC) aumenta em 14%; de hipertensão, 24%; de ataques cardíacos, 9%, e de aneurisma fatal da aorta, 15%.

Beber álcool foi ligado à redução de doenças cardíacas não fatais em estudos recentes, mas cientistas afirmam que esse benefício é quase anulado por outras doenças associadas ao hábito.

Estudos mais antigos sugerem que beber vinho tinto em quantidades moderadas pode ser bom para o coração, por exemplo, mas alguns cientistas sugerem que esses benefícios também contestam estes resultados.

Outro estudo dinamarquês afirma que beber três ou quatro vezes por semana pode diminuir o risco de diabetes tipo 2.

“Essa nova pesquisa deixa claro que, no geral, não há benefícios para a saúde no consumo de álcool”, diz Tim Chico, professor de medicina cardiovascular na Universidade de Sheffield, que não estava envolvida no levantamento divulgado há duas semanas.

“Embora o doenças cardíacas não fatais sejam menos prováveis em pessoas que bebem, esse benefício é prejudicado pelo aumento do risco de outras formas de doenças fatais no coração”, explica.

Os limites de consumo de álcool recomendados em Itália, Portugal e Espanha são quase 50% maiores que os do Reino Unido – nos Estados Unidos, esse índice é quase o dobro no caso de homens. O Brasil não tem recomendação oficial sobre os limites do consumo de álcool.

Mas Victoria Taylor, nutricionista da Fundação Britânica do Coração, instituição que financiou parte do estudo, diz que esse tipo de recomendação deve ser encarado como um limite e não como um alvo a se alcançar. “O ideal seria beber bem menos que isso”, afirma.

Angela Wood, da Universidade de Cambridge, vai na mesma linha. “A mensagem da pesquisa é a seguinte: se você já bebe álcool, saiba que beber menos pode ajudá-lo a viver mais e diminuir os riscos de desenvolver várias doenças graves”.

 

 

TERRA

COMENTE AQUI

Presidente da Ebserh, Kleber Morais, recebe Título de Cidadão Natalense

“Nada mais justo do que render homenagens a um grande homem, que tantos benefícios gerou para a comunidade”. Foi com estas palavras que o presidente da Câmara Municipal de Natal, vereador Raniere Barbosa, deu início a uma sessão solene no plenário da Casa, nesta sexta-feira (20), para entrega do Título de Cidadão Natalense ao médico Kleber de Melo Morais, presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares – Ebserh. Participaram da solenidade autoridades estaduais e municipais, parlamentares, familiares, amigos e colegas de profissão do homenageado, que é natural do Recife (PE), mas ainda em seus primeiros dias de vida veio moral na capital potiguar.

Kleber Morais construiu ao longo das últimas décadas um currículo de peso, tendo sido presidente da Academia de Medicina do RN e da Comissão Nacional de Reprodução Humana da FEBRASGO, diretor da Maternidade Escola Januário Cicco, chefe do Departamento de Tocoginecologia da Universidade Federal do RN, entre outros inúmeros cargos. Por onde passou chamou atenção pelo alto grau de profissionalismo, espírito de liderança e seriedade na gestão. Professor da UFRN, possui uma atividade acadêmica intensa, que gerou artigos publicados em revistas científicas renomadas e participação em mais de 800 eventos regionais, nacionais e internacionais como palestrante.

“Sua administração à frente da Ebserh ganhou destaque pelos relevantes serviços prestados à saúde pública. Trabalho que somado ao lastro de experiências exitosas, lhe rendeu a indicação para a medalha de mérito Oswaldo Cruz, destinada a galardoar personalidades brasileiras e estrangeiras que contribuíram de forma notável para o bem-estar físico e mental da coletividade”, destacou o presidente Raniere Barbosa, que completou: “Em tempo: não poderia deixar de registrar seu empenho no processo de formatação do Hospital da Mulher, que será construído na Zona Norte da capital. Uma unidade que suprirá a carência de leitos de ginecologia e obstetrícia, de UTI Materna e UTI Neonatal”.

Raniere lembrou que Kleber já recebeu o Título de Cidadão Norte-Riograndense pela Assembleia Legislativa. “Todavia, faltava a consagração em Natal, cidade que o acolheu; terra na qual ele lutou por seus sonhos, cultivou valores e formou sua visão de mundo. E que bom que ele escolheu viver na ensolarada “esquina do continente”, pois contribuiu e contribui demais para o desenvolvimento educacional, científico e social do nosso município. O povo natalense está orgulhoso do seu mais novo conterrâneo”, pontuou o presidente, proponente do título honorífico.

O senador José Agripino disse que a Câmara Municipal de Natal fez justiça ao agraciar o médico Kleber Morais com a cidadania natalense. “Trata-se de um profissional de alta categoria, de padrão internacional, que ocupou posições importantes. Sempre honrando e dignificando a medicina potiguar”, avaliou. Por sua vez, o senador Garibaldi Alves Filho ressaltou a luta do médico e professor para melhorar a qualidade do atendimento nas unidades da rede pública de saúde. “O país precisa de pessoas com a sensibilidade social que Kleber tem”, finalizou.

Para o advogado e ex-reitor da UFRN, Diógenes da Cunha Lima, a seriedade como marca da trajetória profissional do homenageado. “As pesquisas que ele realizou nos colocou em outro patamar. Constitui uma das mentes brilhantes da nossa universidade”, frisou. Também presente ao ato solene, Iaperi Araújo, ex-diretor da Maternidade Januário Cicco, falou dos tempos de estudante de Kleber Morais. “Ele foi meu aluno do Curso de Medicina e eu fui aluno do pai dele. Era um aluno empenhado na busca do conhecimento e vejo que até hoje continua com o coração de estudante”, recordou Iaperi, que é presidente da Fundação José Augusto.

Ao fazer uso da palavra, Kleber de Melo Morais declarou que é uma imensa emoção receber a cidadania natalense. “Depois de 64 anos tenho a alegria de dizer que sou filho desta terra maravilhosa, que tanto influenciou minha vida. Muitos me perguntaram porque eu iria receber este título se já sou natalense. É que todos pensam que sou natalense, mas eu só fiz nascer no Recife e vim embora para Natal com apenas cinco dias de vida. Portanto, agora é oficial: sou natalense!”, comemorou.

“Há uma crescente pressão social em torno do exercício da profissão médica. Na realidade do médico, seu dia a dia é de exaustivo trabalho, geralmente dentro de unidades de atendimento lotadas e em contato com pacientes que não melhoram por dificuldades muito mais sociais do que patológicas. A realidade é dura e desanima muitos. Mas não podemos esmorecer na missão. Temos é que batalhar para que todos os cidadãos tenham medicina de qualidade”, concluiu.

COMENTE AQUI

Advogado pede à Justiça que barre quadro de R$ 85 mil de Serra no Bandeirantes

Em ação popular protocolada no Fórum da Fazenda Pública de São Paulo, o advogado Carlos Alexandre Klomfahs se manifesta contra o valor – R$ 85 mil – desembolsado pelo governo estadual para contratar a pintura do quadro do ex-governador José Serra (PSDB). A ação pede que seja anulado o contrato com o artista Gregório Gruber, contratado com inexibilidade de licitação.

O retrato de Serra, que foi governador entre 2007 e 2010, vai ficar exposto na galeria de todos os mandatários paulistas no primeiro andar do Bandeirantes. A obra, um Serra sorridente, será apresentada nos próximo dias.

Gregório Gruber, que já pintou Cláudio Lembo e Alberto Goldman, foi contratado com inexigibilidade de concorrência pública para pintar Serra. O artigo 25 da Lei de Licitações prevê a inexigibilidade. O texto prevê que não há necessidade de certame para contratação de profissional de qualquer setor artístico, diretamente ou através de empresário exclusivo, desde que consagrado pela crítica especializada ou pela opinião pública

Para Carlos Klomfahs, no entanto, o interesse público veiculado por esta ação popular é referido na origem dos recursos que, segundo dados do próprio site oficial do Governo Federal, São Paulo e Rio de Janeiro respondem por mais da metade da arrecadação de tributos no país.

“Ou seja, nós arcamos com uma alta carga tributária e por isso devemos monitorar os gastos públicos.”

“O presente edital e seus efeitos pelo qual se insurge, revela-se como uma afronta à moralidade administrativa, uma vez que permite um gasto desnecessário na atual quadra de ajustes fiscais pelo qual passa o país, como, outrossim, pela

redução dos investimentos em áreas-chave como segurança, meio ambiente, habitação, cultura, esporte e pessoas com deficiência.”

“Nesse diapasão, o presente edital questionado viola a moralidade administrativa quanto retira valores do orçamento geral e aloca em áreas divorciadas dos objetivos da República, trata-se de áreas essas com ênfase social que prestigiam e beneficiam mais os menos favorecidos, reduzindo assim a desigualdade social”, afirma o autor da ação popular.

COM A PALAVRA, SERRA:

O senador não quis se manifestar.

COM A PALAVRA, O GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO:

O Governo do Estado de São Paulo informa que a contratação da pintura atende processo (GG número 123083), de março de 2018, de inexigibilidade de licitação, conforme previsto na Lei Federal 8.666, de 1993, que trata dos casos de aquisição de trabalho artístico fornecido por produtor exclusivo (Artigo 25, inciso III). Quanto à ação popular proposta, o Governo aguarda decisão da Justiça.

A Galeria de Retratos dos Governadores do Estado de São Paulo integra o acervo da Casa Museu do Palácio dos Bandeirantes, que reúne pinturas dos chefes do Executivo Paulista do Período Republicano.

Assessoria de Imprensa do Governo do Estado de São Paulo

COMENTE AQUI

Barcelona goleia Sevilla (5-0) e conquista Copa do Rei

O Barcelona ergueu neste sábado seu 30º troféu da Copa do Rei, o quarto consecutivo, ao golear por 5 a 0 o Sevilla na final da competição, com direito a dois gols do uruguaio Luis Suárez e outro do brasileiro Philippe Coutinho.

Suárez abriu o placar (14 minutos) e o argentino Lionel Messi ampliou (31), antes do uruguaio voltar a balançar as redes pouco antes do intervalo (40). No segundo tempo, Andrés Iniesta (52) fez o quarto gol e Coutinho (69), de pênalti, selou o título do Barça.

COMENTE AQUI

PT é aconselhado a tirar Lula da mira de holofotes

Petistas têm sido aconselhados a convencer o ex-presidente Lula a desistir da candidatura ao Planalto. Em conversas recentes com ministros do Supremo, ouviram que a única forma de ajudar Lula a sair da prisão é tirá-lo dos holofotes. Enquanto o petista estiver todos os dias na mídia e confrontando o Poder Judiciário é impossível que a Corte vote qualquer ação que possa beneficiá-lo, como o fim da prisão após 2.ª instância. A mesma sugestão foi dada ao senador Aécio Neves, razão pela qual o tucano avalia desistir de participar da eleição deste ano.

Estratégia testada

Um exemplo citado nas conversas com os petistas é o do senador José Serra. O tucano deixou o Ministério das Relações Exteriores e se refugiou no Senado. Desde então, saiu da linha de tiro e já teve um inquérito arquivado no Supremo.

Estadão

COMENTE AQUI

Sexta-feira 13 de Aécio chega com uma semana de atraso

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) - 29/03/2017

Bastava ter-se tornado réu por corrupção em processo aberto no Supremo Tribunal Federal para que o senador Aécio Neves tivesse a certeza que sua carreira política está com os dias contados. Mas, não. O pior estava por vir.

E a sexta-feira 13 de abril do ano da graça de 2018 chegou para ele como se fosse um tsunami. O ex-ministro da Justiça Osmar Serraglio (PMDB-PR) acusou Aécio de tê-lo pressionado com o pedido de indicação de um delegado amigo para cuidar do seu caso.

Sérgio Andrade, acionista da construtora Andrade Gutierrez, confirmou em depoimento à Polícia Federal que pagara propina de R$ 35 milhões a Aécio mediante um contrato fajuto firmado com um dos maiores amigos dele, o empresário Alexandre Accioly.

Por sua vez, Joesley Batista, dono do Grupo JBS, afirmou ter repassado R$ 110 milhões a Aécio para a campanha eleitoral de 2014, além de um “mensalinho” de R$ 50 mil durante dois anos para ajudá-lo a se manter. Quer mais? E tudo de uma vez?

Faz 33 anos, hoje, que morreu sem tomar posse o presidente Tancredo Neves, avó de Aécio, que o inspirou a entrar na política. À época, Aécio não passava de um garoto mimado, filho de família rica, dado a extravagâncias e que vivia na gandaia.

Cometeu, como observou uma vez o ex-presidente José Sarney, o grave erro de prolongar sua juventude despreocupada e irresponsável. Um mandato de deputado federal, dois de governador de Minas e um de senador depois, deu no que se vê.

Em 2014, por pouco, não se elegeu presidente da República. Parecia escrito nas estrelas que tinha tudo para se eleger desta vez depois do governo desastroso de Dilma e do seu trágico fim. Não se elegerá, sequer, deputado federal. Corre o risco de acabar preso. Como Lula.

Ao contrário de Lula, quem antes bajulava Aécio quer distância dele. Geraldo Alckmin, candidato do PSDB a presidente, já disse que Aécio não deve ser candidato a nada. Se for, o senador Antônio Anastasia, candidato do PSDB ao governo de Minas, desistirá de ser.

Que destino, o desse rapaz.

 

VEJA

COMENTE AQUI

Morre PM baleado em tentativa de assalto no Alecrim

O policial militar que foi alvejado em uma tentativa de assalto na manhã deste sábado, 21, no bairro do Alecrim, não resistiu aos ferimentos.

O sargento José Edivaldo do Nascimento foi baleado pelo assaltante e ainda chegou a ser socorrido ao hospital, mas morreu pouco depois das 11h. Ele não estava de serviço. Um suspeito do crime foi preso e dois fugiram.

 

COMENTE AQUI

Mega-Sena, concurso 2.033: aposta do Distrito Federal fatura sozinha R$ 9,3 milhões

Mega-Sena pode pagar R$ 8,5 milhões nesta sexta (20) (Foto: Heloise Hamada/G1)

Uma aposta de Brasília (DF) faturou sozinha R$ 9.349.630,55 no concurso 2.033 da Mega-Sena, realizado na noite desta sexta-feira (20) em Governador Valadares (MG).

Veja as dezenas sorteadas: 10 – 18 – 33 – 38 – 40 – 43.

A quina teve 27 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 81.258,67. Outras 3.644 apostas acertaram a quadra; cada uma receberá R$ 860,11.

Excepcionalmente, foram apenas dois sorteios na semana –o primeiro foi na terça (17). Os sorteios ocorrem normalmente às quartas e sábados. A mudança se dá em razão do feriado de Tiradentes, no sábado (21).

O próximo sorteio, do concurso 2.034, será na quarta-feira (25). O prêmio estimado é de R$ 3 milhões.

COMENTE AQUI

Veja FOTOS e receitas do programa Papo de Fogão deste sábado

PALETA DE SUÍNO AO FORNO

INGREDIENTES
1 paleta de suíno cortada ao meio, na horizontal
8 batatas
4 dentes de alho picado
200g de brócolis
200g de vagem
Azeite
Sal e pimenta do reino a gosto

MODO DE PREPARO

Na parte da carne coloque o alho, alecrim e steakhouse da Koru Brasil e espalhe por toda a paleta. Coloque sal e azeite a gosto.
Vire a palheta e coloque um pouco de sal e azeite na parte da pele. Leve ao forno, 180 graus, por 2h. Faltando 30 minutos, colocar as batatas para assar e faltando 15 minutos, colocar o brócolis e a vagem. Branqueamento dos legumes – Ferva um litro de água, coloque os legumes por 2 a 3 minutos, retire, coloque na água gelada, deixe resfriar por 30 segundos, para parar o cozimento e retire da água.

Pururucar – em uma panela, coloque meia garrafa de óleo para esquentar, quando estiver muito quente, derrame o óleo quente sobre a paleta, até ir pururucando(cuidado pra não se queimar).

DICA RÁPIDA

MOLHO PESTO

INGREDIENTES:
1 maço de manjericão fresco
4 dentes de alho
150ml de azeite Koru de manjericão
100g de queijo parmesão ralado
2 colheres de sopa de nozes
Sal a gosto

MODO DE PREPARO:
Coloque no liquidificador as folhas do manjericão, o alho, o azeite e bata até formar uma pasta. Acrescente as nozes e o parmesão e bata rapidamente. Ajuste o sal. Para guardar na geladeira, coloque um pouco de azeite por cima ou congele.
Use da forma que desejar.

COMENTE AQUI

Ministério Público recomenda anulação de contrato para concurso da PM

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) recomendou à Secretaria Estadual da Administração e dos Recursos Humanos (Searh) que anule o contrato com a empresa que seria responsável pela organização do concurso público para provimento de 1.000 cargos do quadro de praças da Polícia Militar. O documento foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (20).  A Searh tem 10 dias para informar ao Ministério Público as providências adotadas para o cumprimento da recomendação.

Todo o processo administrativo teve por fundamento um projeto básico referente à organização de três etapas e quatro provas do concurso, enquanto o contrato trouxe anexo um novo projeto básico referente à organização de uma etapa e duas provas do certame.

Para o MPRN, essa desconexão entre o projeto básico e o contrato viola flagrantemente as normas aplicáveis aos procedimentos licitatórios, inclusive às hipóteses de dispensa de licitação. “Tais ilegalidades levam à anulação do procedimento de dispensa de licitação e do subsequente contrato”, reforça a recomendação.

O termo de contrato foi firmado entre a Searh e o Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade). O projeto básico faz referência à realização de quatro etapas do concurso, especificadas como sendo provas objetivas, redação, exame médico admissional e teste de aptidão física, baseando todos os atos posteriores dentro desses parâmetros.

Posteriormente, a Comissão do Concurso resolveu, em reunião datada de 5 de dezembro de 2017, que a Polícia Militar ficaria responsável pela realização das etapas do exame de saúde e do teste de aptidão física. Essa alteração “modificou substancialmente o objeto da contratação sem que, todavia, os atos necessários à contratação fossem renovados, notadamente a aprovação pela autoridade competente do projeto básico modificado, a justificativa para a escolha da contratada e os pareceres jurídicos”, destaca trecho da recomendação.

O MPRN também requer que a Searh instaure novo procedimento de licitação ou de dispensa de licitação para a contratação dos serviços especializados de organização e realização de concurso público. O projeto básico deverá estar de acordo com os parâmetros delineados no mandado de segurança impetrado pelo MPRN junto à vara da 6ª vara da Fazenda Pública de Natal em janeiro deste ano.

A recomendação do MPRN relembra ainda que além da nulidade do procedimento já realizado, a decisão judicial proferida no mandado de segurança impetrado em janeiro imprimiu novos parâmetros para o concurso público da PM, com a exigência de outros requisitos para o ingresso no cargo, como a escolaridade de nível superior e a inclusão da nova etapa de avaliação psicológica.

 

 

Com informações da Tribuna do Norte

COMENTE AQUI