Governo do Estado confirma construção de Parque Urbano na Via Costeira, no antigo Vale das Cascatas

O Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (IDEMA), construirá um Parque Urbano onde atualmente estão localizados os pinheiros da Via Costeira, local que abrigou durante muitos anos o Camping Club Vale das Cascatas.

A área que pertencia à Companhia de Processamento de Dados do Rio Grande do Norte (Datanorte), foi cedida ao IDEMA, por determinação do Governador Robinson Faria, no último mês de fevereiro e o órgão ambiental com o apoio de arquitetos da Secretaria Estadual de Turismo e Secretaria de Infraestrutura trabalham no projeto e viabilização da construção do Parque.

O terreno conta com aproximadamente 30.000m² de área. A sociedade civil também foi ouvida em relação à construção do novo parque. Serão utilizados os recursos previstos no orçamento do próprio Instituto para a criação e manutenção de Parques e Unidades de Conservação. “O projeto principal foi desenvolvido pela arquiteta e ex-aluna da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Érica Mendes, durante o seu trabalho de conclusão de curso em 2014. A nossa equipe, cuja a autora do projeto também faz parte, está trabalhando na elaboração dos projetos complementares de acessibilidade, elétrico, estrutural e de drenagem. Após essa conclusão, será aberto o processo de licitação”, afirmou o Diretor-Geral do IDEMA, Rondinelle Oliveira.

O Parque Urbano que será construído na Via Costeira será mais uma opção de lazer para a população de Natal e também para turistas e contará com quatro quadras de areia, sendo três delas de menor área, destinadas a esportes com rede, como voleibol, futevôlei, e uma com maior área, para esportes como futebol, handebol, entre outros. Haverá espaço para pic nic, pista para prática de skate e patins, academia pública para idosos, área com equipamentos esportivos (barras verticais, horizontais, paralelas), além de uma pista de cooper por todo o terreno e um espaçoso estacionamento.

“Seguindo as diretrizes do projeto, preservaremos as áreas arborizadas que inclusive são utilizadas para confraternizações, programação de família e até para a prática de esportes”, ressaltou Rondinelle.

A Avenida Senador Dinarte Mariz, conhecida como Via Costeira, é uma via expressa e litorânea com aproximadamente 10km de extensão, muito utilizada para caminhadas e prática de esportes. O local também é ponto de grande visitação turística uma vez que abriga os maiores hotéis da cidade. Por ser considerada “Área Especial de Interesse Turístico”, a via é monitorada 24 horas por dia por algumas das câmeras instaladas ao longo do litoral potiguar.

COMENTE AQUI

sergio vittorino  04/07/2017

deveriam leiloar e assim devolver aos antigos sócios o dinheiro que pagamos durante anos de sociedade com esse empreendimento. isso seria o justo.! existem também grande numero de empresas multinacionais esperando para construir um grande resort e tarzer mais turistas para nata. adoro parques e vias costeiras, mas se for administrado pela prefeitura, vai virar ponto de assaltos e pegações noturnas. - Responder

Almeida  06/04/2017

Olá BG , esse terreno já se encontrar em Leilão, desde 2009. O mesmo está penhorado judicialmente, Não se pode construir nada até que seja resolvida a questão da penhora. - Responder

Tiago Galego  24/03/2017

Souza, realmente a forma de gerenciar esse projeto é o ponto a ser questionado. Todas as outras capitais tem infra estrutura. Natal e o RN parecem parar no tempo. Tudo aqui é complicado, travado. Parece que as pessoas querem morar numa eterna provincia. Hotel Reis Magos tá um lixo. Querem demolir e fazer algo de uso da populacao e tem orgaos e gente contra. Querem da outra cara a Roberto Freire e ja vetaram. Há quem diga q o entorno do arena foi desnecessario. Natal vai crescer como?? Sempre haverá perdas e ganhos em varios segmentos. - Responder


+ Ver todos os comentários