Amazon desenvolve aparelho para vestir capaz de ler emoções

A Amazon está desenvolvendo um aparelho vestível, comandado por voz, que será capaz de reconhecer emoções humanas.

O aparelho, para ser usado no pulso, é descrito como produto de saúde e “wellness”, em documentos internos da empresa vistos pela reportagem. É uma colaboração entre a Lab126, a organização de desenvolvimento de hardware por trás do celular Fire e do alto-falante inteligente Echo, e a equipe de software responsável pela Alexa, a assistente digital da Amazon.

Projetado para funcionar com um app para smartphone, o aparelho tem microfones combinados a software capaz de discernir o estado emocional do usuário com base em sua voz, de acordo com documentos e com uma pessoa informada sobre o programa.

No futuro, a tecnologia poderia aconselhar o usuário sobre como interagir mais efetivamente com os outros, mostram os documentos.

Não se sabe em que ponto o desenvolvimento do projeto está, ou se ele virá a se tornar um produto comercial. A Amazon dá às suas equipes grande latitude para experimentar com produtos, alguns dos quais jamais chegam ao mercado.

O trabalho no projeto, cujo codinome é Dylan, continuava, recentemente, de acordo com documentos e com a fonte, que pediu que seu nome não fosse mencionado por estar discutindo um assunto interno da empresa.

Um teste beta está em curso, ainda que não esteja claro se inclui um protótipo de hardware, o software que detecta emoções, ou ambos.

A Amazon se recusou a comentar.

Folhapress