Política

EMIDIO MELO: Braço direito de Girão pede exoneração

 

Após quase quatro anos exercendo a função de assessor parlamentar do deputado federal general José Girão, Emidio Melo anunciou neste domingo, 3, por meio de uma lista de transmissão no whatsapp, sua decisão de deixar o cargo.

Na mensagem que enviou aos amigos, o agora ex-assessor informa que pediu exoneração em virtude de “problemas particulares” e pede aos amigos que em caso de assunto de natureza política, “procure outro assessor”

Eis, na íntegra, a mensagem distribuída:

“Caros amigos, decorridos três anos desempenhando as funções de Assessor Parlamentar do Deputado Federal General Girão, venho informar que por motivos particulares estou saindo do gabinete.
Qualquer assunto de ordem política, por favor procure outro assessor.
Abraços e boa sorte a todos.”

Emídio Melo passou a atuar nos movimentos de Direita a partir de 2013, se aproximou de Girão, atuou na sua campanha em 2018 e terminou se transformando numa espécie de braço direito do parlamentar.

Perde Girão, ganha sem dúvidas Emídio…

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Após ser cassado, Gabriel Monteiro diz que Deus deu e tirou seu mandato e faz campanha para deputado federal

Foto: Twitter

Após ter o mandato cassado na Câmara Municipal do Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (18), Gabriel Monteiro (PL) está confiante de que irá conquistar uma vaga na Câmara dos Deputados, em Brasília, nas eleições deste ano. Em suas redes sociais, ele comentou a decisão do Poder Legislativo Municipal do Rio.

“Deus me deu o mandato, Deus tomou o mandato, glória a Deus por tudo”, escreveu. “Serei o Deputado Federal mais combativo”, completou.

Monteiro respondeu a processo ético-disciplinar no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar por várias denúncias, entre elas estupro e prática de assédio moral e sexual contra assessores do mandato e agressão a um morador de rua para gravação de vídeo para canal no YouTube.

Uma das últimas polêmicas foi áudio divulgado em reportagem do portal G1, que deu embasamento às denúncias. Gabriel comenta sobre a preferência por meninas menores de idade. “Ah, mas a mulher que eu peguei era gata, não era? Pô, 16 aninhos, 17 aninhos. Porque eu gosto muito de novinha”. A cassação foi aprovada por 48 votos favoráveis e dois contrários.

O Liberal

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Meio Ambiente

Moscas carnívoras extintas há quase 200 anos são descobertas na França

Foto: Divulgação

Moscas carnívoras conhecidas como águias-pescadoras, da espécie Thyreophora cynophila que eram dadas como extintas desde 1836 foram encontradas em um Parque Nacional no sul da França. A descoberta foi feita por um guarda florestal, que durante o expediente no Vale do Ossau, região montanhosa onde fica o parque, encontrou um amontoado de moscas rondando os restos mortais de um javali.

O homem ficou surpreso ao reparar que não eram moscas comuns, já que essa espécie se diferencia por ter a cabeça laranja, corpo de coloração azul metálica e as asas com um par de manchas pretas. A mosca foi documentada pela primeira vez no século 18 por um botânico alemão, e se caracteriza por ser mais ativa no inverno, e tirando esse registro, não era encontrada há mais 200 anos.

Esse registro atual se soma a um caso de 2009, em que um fotógrafo também conseguiu capturar a imagem da mosca. Especialistas em insetos acreditam que a espécie permaneceu sem ser vista por tanto tempo devido à sua maneira de buscar alimentos, normalmente feita à noite, no inverno e em regiões de difícil acesso para que profissionais especializados consigam observá-los.

R7

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

VÍDEO: Homem é baleado dentro de carro em Natal; ex da companheira dele é suspeito

Vídeo: Reprodução

Um homem foi baleado dentro de um carro enquanto passava pela rua Santo Onofre, no bairro do Planalto, na zona Oeste de Natal. O caso aconteceu na manhã desta sexta-feira (19). Gravemente ferido, ele foi socorrido para o hospital.

Além da vítima dos tiros, a companheira dele também estava no carro. Ela escapou ilesa da ação criminosa, que aconteceu por volta das 7 horas. De acordo com as informações apuradas pela equipe de reportagem da TV Tropical, o principal suspeito pelo atentado é o ex-companheiro da mulher.

O suspeito chegou em outro veículo e abordou o casal. Ele desceu efetuando os disparos e fugiu em seguida. Segundo as informações, o carro tinha adesivos de uma empresa de transporte por aplicativo. Ninguém foi preso.

A vítima sofreu diversos disparos, inclusive na cabeça. O estado de saúde dele não foi atualizado. A Polícia Civil vai investigar a motivação do crime e se o homem seria mesmo o alvo ou se era a mulher.

Portal da Tropical

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN chega a 14 casos confirmados de varíola dos macacos, aponta Sesap

Foto: istock

O Rio Grande do Norte chegou a 14 casos confirmados de varíola dos macacos, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap) nesta sexta-feira (19). São 14 casos confirmados em pessoas do sexo masculino, sendo 9 em Natal, 4 em Parnamirim e 1 em Mossoró.

São sete confirmações de pessoas entre 40 e 49 anos; 4 de pessoas entre 30 e 39 anos; e 1 confirmação, cada, para pessoas entre 10 a 19 anos; 20 a 29 anos; e 50 a 59 anos. Desde a chegada da doença no Estado, já foram 59 notificações suspeitas, sendo 23 casos descartados.

Segundo a Sesap, muitos ainda estão aguardando o resultado do exame, que é feito pela Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz). Portanto, os números podem aumentar nos próximos dias.

G1 RN

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Atleta potiguar faz campanha para comprar cadeira de rodas motorizada

Foto: Divulgação

O nadador potiguar Leonardo Jovencio, de 18 anos, tem artrogripose – uma malformação das articulações dos bebês, que provoca a limitação de movimento e diminui a força muscular. O esporte foi o caminho encontrado para uma melhor qualidade de vida e logo vieram as competições. Hoje, a coleção tem 50 de medalhas, entre competições regionais e nacionais.

A síndrome atrofia os nervos de Leonardo com o passar dos dias, e o atleta da Sociedade Amigos do Deficiente Físico (Sadef) tem dificuldades de locomoção para curtas e longas distâncias, como explica a irmã, Rafaela Nogueira. Uma alternativa para conseguir uma melhor condição de deslocamento do atleta para treinos e competições seria a aquisição de uma cadeira de rodas motorizada, mas os irmãos, moradores de São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal, não contam com os recursos financeiros necessários.

O valor estimado é de R$ 18 mil. Por este motivo, decidiram criar uma vaquinha on-line para a compra da cadeira de rodas motorizada (confira aqui). – A cadeira de rodas motorizada ajudará muito ele, até porque em algumas competições ele não poderá levar um acompanhante – conta Rafaela, que geralmente acompanha o irmão nas competições.

Técnico de Leonardo, Iarom Marques vê muito potencial no garoto. – Leonardo foi campeão nas Paralimpiadas Escolares. No último Brasileiro, conseguiu uma medalha de ouro e outra de prata. Esse ano já participou duas vezes do camping da seleção brasileira em São Paulo – destacou. A próxima competição que Leonardo vai participar será no dia 8 de setembro.

GE RN

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

ABC aciona Justiça Desportiva contra América e pede bloqueio de renda em jogo na Arena das Dunas

Foto: Alex Régis

O ABC acionou a Justiça Desportiva do Rio Grande do Norte contra o América. O motivo é que, segundo o alvinegro, o rival não repassou ao ABC os valores referentes à divisão da renda entre os clubes em dois jogos decisivos do campeonato estadual deste ano. Na ação, o alvinegro pede que sejam bloqueados R$ 57.803,91 do América, dando como opção, inclusive, a renda do próximo confronto do alvirrubro em Natal, que será no dia 28, na Arena das Dunas.

O vice-presidente Jurídico do ABC, Marco Antônio Medeiros, explicou que havia um acordo com o América para a divisão da renda referentes aos confrontos decisivos entre os clubes, tanto no segundo turno quanto no final do campeonato. O América deveria, de acordo com Marco Medeiros, fazer o repasse de aproximadamente R$ 58 mil, o que não foi realizado. Houve a tentativa de um acordo e o ABC aceitou receber o valor dividido em três vezes. Contudo, ainda segundo o vice-presidente Jurídico do ABC, o América não fez o repasse.

“A gente quer receber o dinheiro, não quer prejudicar o América. O presidente do TJD pode até marcar uma audiência de conciliação que estamos dispostos a resolver a situação”, disse o vice-presidente Jurídico do alvinegro.

Na quinta-feira (18), o América conseguiu realizar um acordo com o Superior Tribunal de Justiça Desportiva e evitou a perda do mando de campo em partida decisiva pela Série D, em Natal. Para se livrar da punição, o América teve a pena revertida em multa de R$ 50 mil e está livre da sanção. Todos os ingressos para o confronto contra o Caxias já foram vendidos.

Tribuna do Norte

Opinião dos leitores

  1. 💃 FILHINHA, PAGUE O PAPAI!
    💃 O PAPAI JÁ DEIXOU VOCÊ PARTICIPAR DA SÉRIE D ESTE ANO E NOS PRÓXIMOS.
    💃 PAGUE CALOUTEIRA!😁😁😆😂😂

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Varíola do macaco ‘está mais perto do que você imagina’, diz homem com a doença internado em SP

Foto: Arquivo Pessoal

Um advogado brasileiro viralizou nas redes sociais após contar detalhes de como estão sendo os dias dele, que foi infectado com a varíola do macaco. João Pinheiro, de 31 anos, foi internado na segunda-feira (17), em São Paulo, para controle da dor. Desde então, tem se dedicado a levar informações a pessoas que muitas vezes desconhecem a doença.

Foi no fim de uma viagem à Europa que ele começou a sentir os primeiros sintomas do que descobriria alguns dias depois ser a infecção pelo vírus monkeypox, que causa um surto global com mais de 40 mil casos. O cansaço e o que achava ser uma afta no lábio foram as primeiras manifestações da infecção.

Ele estava em Malta, no dia 5 de agosto, e ainda passaria um fim de semana em Paris. O cansaço persistiu, mas não interrompeu a programação na capital francesa, conta em entrevista ao R7. “Cheguei a Paris muito cansado no dia seguinte, também achei que o cansaço fosse por causa do calor e da viagem, que já estava no final. A afta começou a doer muito, [a ponto] de atrapalhar meu bem-estar para comer. Não era uma dor que precisasse de analgesia, mas incomodava.”

João, que é bissexual, chegou a comentar com os pais que poderia ser monkeypox, mas tentou se convencer do contrário. “Àquela altura, eu achava que era algo talvez sexualmente transmissível. Eu me envolvi só com uma pessoa na viagem, essa pessoa não tem nada. Pensei que não deveria ser nada.”

No surto atual, a transmissão tem sido relatada, principalmente, por contato sexual, mas pode ocorrer por qualquer contato de pele com um indivíduo que tenha lesões ativas ou até por roupas e lençóis, por exemplo. A suspeita dele começou a ficar mais forte quando retornava ao Brasil. Sentiu-se febril e com outro sintoma comum da varíola do macaco: inchaço de linfonodos, que podem ser no pescoço, atrás da orelha, embaixo dos braços ou na virilha.

“No dia em que eu estava pegando o voo para cá, senti que os gânglios no meu pescoço estavam muito doloridos, a ponto de eu não conseguir virar direito o pescoço. A afta parou de doer, só que estava com um aspecto meio emborrachado.”

Ele procurou um hospital em São Paulo e fez o exame na rede privada — planos de saúde ainda não cobrem o teste. O resultado positivo saiu no dia seguinte.

“No dia em que saiu o resultado, tinha saído um ferida no dedo, tinha essa da boca, uma no pulso e outra na perna. Pensei que seria uma coisa mais branda. No dia seguinte, essa ferida da boca começou a ficar muito grande, perdeu o aspecto de afta e ficou com aspecto de feridona mesmo e doendo muito. Uma dor que só ia aumentando.”

R7

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Datafolha: Bolsonaro amplia vantagem sobre Lula entre evangélicos

Foto: Metrópoles

O presidente e candidato à reeleição, Jair Bolsonaro (PL), ampliou ainda mais a vantagem sobre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na parcela do eleitorado evangélico. De acordo com a pesquisa mais recente do Instituto Datafolha, que ouviu eleitores entre a terça-feira (16/8) e a quinta-feira (18/8), o chefe do Executivo acumula 49% das intenções de voto do segmento, contra 32% do petista.

Esse é o maior patamar de diferença entre os dois candidatos, levando em consideração as últimas pesquisas. Em maio, a diferença entre os dois era de 3 pontos; em junho, de 5 pontos; e em julho, de 10 pontos. Em comparação com a última sondagem, a diferença cresceu 7 pontos percentuais e chegou a 17.

A margem de erro do novo estudo referente ao eleitorado evangélico é de três pontos percentuais para mais ou para menos, levando em conta apenas a porção evangélica do eleitorado, que representa 25% das 5.744 pessoas ouvidas em 281 cidades.

Entre os católicos, o ex-presidente Lula lidera com 52% das intenções de voto, ante 27% de Bolsonaro na disputa de primeiro turno. A parcela de eleitores evangélicos é menos numerosa que os brasileiros que se dizem católicos — segmento que representa 53% da amostra populacional do Datafolha.

Metrópoles

Opinião dos leitores

  1. O cara comparar facção criminosa com facção religiosa, é pedir para perder todo o apoio dos cristãos. De acordo com lula faço parte de uma facção religiosa, e graças a Deus faço parte. Pior é quem faz parte de facção criminosa como o PCC e seus adeptos.

  2. Nós não acreditamos no data fôia.
    Esse instituto é vendável.
    Bolsonaro tá reeleito no primeiro turno e ponto final.
    Se for seguir o que eles dizem, Andrade era o presidente.
    Bolsonaro tem a pior rejeição e perde pra todo mundo, não ganha de ninguém, mas tomou posse.
    Desacreditado esse data fôia.

  3. Desde quando a Datafolha tem crédito? Aind mais sendo paga pela Globo? O Brasil inteiro sabe que Bolsonaro tem vantagem sobre o chefe da quadrilha e não é só no meio evangélico.

  4. NENHUMA PESQUISA publicada até aqui merece crédito. Tudo com resultados manipulados, muitas com números oposto ao que se constata nas ruas.
    Como um candidato com essa proposta pode está a frente das pesquisas:
    Despenalização do tráfego;
    Descriminação do furto;
    Fim do teto de gastos para o governo poder se endividar sem controle;
    Legitimação da invasão das propriedades privadas;
    Volta do imposto sindical;
    Desarmamento da polícia;
    Derrubada da ficha limpa na política;
    Aborto em qualquer situação, feito pelo SUS;
    Para finalizar é ex preso, ainda ex condenado e apoia ditador.
    Seria jogar o país na lama da imoralidade, improbidade, injustiça e insegurança generalizada.

    1. Os próprios eleitores do bostanaro , inventam e espalham FAKE NEWS….. Tenha vergonha

    2. Precisa se atualizar Roberto, tem vários vídeos de candidatos da esquerda falando nessas pautas.
      Do ex presidente tem vídeos dele falando do aborto, descriminalizar o furto, volta do imposto sindical, derrubada da ficha limpa e fim do teto. Os demais itens são de candidatos da esquerda. Isso não é fake.

  5. Tchutchuca do centrão espalhou que o Presidente Lula vai fechar igrejas..
    A boiada imunda tem a quem puxar no ramo da mentira

    1. Não NostraDeu, você está trocando as bolas, todos os países onde a ESQUERDA que venceu as eleições de 2020 para cá, na América Latina, vem permitindo que as igrejas sejam invadidas e profanadas. Basta procurar os vídeos na internet, pois a mídia comprada não vai publicar. Já ocorreu no Chile, Venezuela e Nicarágua. Só falta na Argentina. Se atualize e veja a realidade pelo mundo.

    2. E o maior ladrão do mundo disparado continua sendo seu líder, o molusco de 19 tentáculos, seu Asno.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Finanças

Municípios do RN têm dificuldade para implantar piso da enfermagem

Foto: Rovena Rosa

Sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro no último dia 4 de agosto, o novo piso nacional da Enfermagem foi uma vitória comemorada pela categoria que agora teme não vê-la se concretizar. Isso porque, a nova lei preocupa Estados e Municípios sobre os recursos para esse aumento na folha de pessoal tendo o orçamento que já esbarra nos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

No Rio Grande do Norte, pelo menos 140, dos 167 municípios que se enquadram no perfil de pequeno porte, dependem dos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) para equalizar as finanças e com os questionamentos feitos no Supremo Tribunal Federal (STF) por diversas entidades, o sindicato da categoria vê o risco da conquista não acontecer na prática e planejam mobilização com paralisações incluídas na pauta. O impacto nos municípios do RN pode ser de R$ 272,4 milhões, segundo levantamento da Confederação Nacional dos Municípios (CNM).

A presidente do Conselho Municipal das Secretarias de Saúde do RN (Cosems), Maria Eliza Garcia, diz que o novo piso é merecido para esses profissionais que trabalham diretamente na linha de frente do atendimento à população, porém , ressalta que há preocupação enquanto gestão.  “Temos 140 municípios com menos de 20 mil habitantes e eles não têm sustentação de arrecadação vivendo do FPM para garantir o pagamento desse piso”, alertou a presidente.

Segundo a gestora, o novo piso elevará a folha dos enfermeiros de quase todos os municípios em 100%. “Estamos preocupados em como vamos articular, organizar e cumprir o piso, que sabemos que teremos que fazer, mas como vamos ter recursos para isso?”, questiona.

A Lei 14.434 estipula que, em todo o país, enfermeiros não poderão receber menos que R$ 4.750, independentemente de trabalharem na iniciativa privada ou no serviço público federal, estadual, municipal ou do Distrito Federal, mas não apenas isso, uma vez que 70% (R$ 3.325) deste valor deve ser pago aos técnicos e 50% (R$ 2.375), para auxiliares e parteiras. Os pisos salariais deverão ser aplicados por todos os setores até o início do próximo exercício financeiro. Por enquanto, só poderão ser aplicados em instituições privadas e filantrópicas e municípios que tenham disponibilidade orçamentária.

A lei que institui os pisos nacionais também determina que as remunerações e salários atualmente pagos a quem já ganha acima desses pisos deverão ser mantidos, independentemente da jornada de trabalho para o qual o trabalhador foi admitido. E que também os acordos individuais ou coletivos devem respeitar esses valores mínimos.

Tribuna do Norte

Opinião dos leitores

  1. Enquanto isso para vereadores, prefeitos, vice prefeitos e secretários municipal, não faltam dinheiro.
    Contém outra.

  2. Os políticos enchem as prefeituras de funcionários, sem necessidade. Só pra compensar os votos que ganhou na eleição. Esse é o retrato da maioria dos municípios. Prefeitos, vereadores, são votados em troca de indicação para empregos.

  3. A maioria dos municípios tem um quantitativo “pequeno” desses profissionais, fico calado, c,/Natal, Mossoró, Parnamirim….porém é o que me chama atenção, é que a mídia diz que os governadores e prefeitos, nunca viram tanto dinheiro, oriundo dos impostos, impulsionados pelo aumento de preços de produtos vendidos. É a velha choradeira, coicidentemente em período eleitoral federal e já bastante conhecido de todos.

    1. Exatamente, todos chorando lágrimas de crocodilo. Joguem pesado contra esses políticos safados e exijam seus direitos.

  4. Era esperado! O bandido das rachadinhas era contra (o Eduardo BANANINHA até votou contra o piso) mas como medida pra ganhar popularidade estilo DilmAnta, acabou sancionando um aumento e passando a responsabilidade para os demais entes federativos pagarem, isso após o corte do ICMS em alguns produtos que não só reduzem a arrecadação dos Estados mas também dos municípios…

    1. Sempre falando merda, diarreia ambulante dê um tempo aos leitores, eles tem que lê alguma visão que preste, mas vc faz questão de só escrever excrementos, seu baitola.

    2. Augusto gado véi, deixe de ser lambe botas de político (mas vai que vc precisa disso para ganhar seu salário né!)… Se a verdade dói em vc o problema não é meu !

  5. Conversa, se contrata uma banda ou um cantor desses chibata, pra tocar uma noite e paga 200, 300 ou até 500 mil reais, logo pode sim pagar um salário digno pra meia dúzia de enfermeiros. Lutem e não desistam, é direito de vocês.

  6. Para aumento do judiciário e legislativo não falta dinheiro, para profissionais de saúde, começa campanha de não tem dinheiro. Se não pode pagar fecha essa porra e entrega a chave pro Lula.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comportamento

“É possível ser gay, ídolo e ganhar título”, diz ex-goleiro do América-RN, Flamengo e Grêmio

Foto: Arquivo Pessoal

Era apenas um amistoso na pré-temporada do Grêmio em 1993, contra o Capão da Canoa. Aos 12 minutos do primeiro tempo, o goleiro Kita, do Capão, lança o atacante Melancia. Ao ver o ponta livre, o jovem goleiro Emerson, então com 21 anos, se joga com força sobre o adversário para impedir o chute.

O choque provocou na perna direita de Emerson uma lesão gravíssima que o afastaria dos gramados por praticamente dois anos. Ninguém entendeu o reflexo arriscado em um jogo que não valia nada, e que terminaria inclusive com um placar elástico — 6 a 1 para o Grêmio.

Naquela altura, Emerson já era um goleiro das categorias de base da seleção brasileira, valorizado e assediado. E isso virou um fardo. Quanto mais famoso ficava, maior o risco de ser descoberto como homem gay pelos companheiros, pela mídia e até pela família.

“Eu me joguei desesperado. Na verdade, o desespero era outro, não era um desespero para não tomar gol. A minha vida pessoal, a cada defesa que eu fazia, cada vez que eu me destacava mais dentro de campo, o buraco vazio aumentava também inversamente proporcional. Quanto mais famoso eu ficava, mais difícil se tornava ser gay dentro desse ambiente.”

“Eu não tinha tido contato com o mundo gay até então, com 21 anos. Então, quando eu quebrei a perna, e foi uma lesão grave que poderia inclusive ter ter acabado com minha carreira, porque quebrou a tíbia e fíbula, eu acabei saindo de cena, apesar de toda a fama e todo a comoção que causou no Rio Grande do Sul. Mas eu acabei saindo de cena um pouco e foi o que me deu a oportunidade de poder repensar algumas coisas e começar a equilibrar isso. Foi inconsciente, mas foi um ato de desespero mesmo para tentar mudar o rumo das coisas”, diz o ex-goleiro.

No podcast do ge, “Nos Armários dos Vestiários”, Emerson decidiu falar publicamente sobre como lidou com sua sexualidade durante os mais de 30 anos de futebol para ser um exemplo positivo especialmente para os atletas mais jovens que eventualmente se sintam presos no armário por causa do preconceito.

“O ambiente do futebol é muito hostil para um gay, muito mesmo. Eu fico imaginando quantos garotos desistiram de se tornar jogador de futebol por conta disso, por perceberem essa situação. Quantos talentos foram perdidos? O futebol perdeu, os clubes perderam, porque o ambiente realmente não ajuda. Eu segui com tudo isso, mas sofri com as consequências de seguir, era o meu sonho. Eu queria ser goleiro do Grêmio. Eu queria ser um jogador de futebol. Eu eu conquistei isso, só tive que que enfrentar um outro lado que é muito difícil”, afirma.

GE

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *