Política

General diz que tem escutas com ameaça a Bolsonaro

O general da reserva Augusto Heleno, anunciado como ministro de um eventual governo de Jair Bolsonaro, afirmou nesta quinta-feira (25) que teve acesso ao conteúdo de escutas telefônicas que comprovam a existência de uma ameaça terrorista contra o capitão reformado.

Em vídeo, que foi divulgado nas redes sociais, ele disse que há também mensagens que corroboraram o plano e que “isso é absolutamente verídico”. Heleno, porém, se recusa a revelar a origem da documentação, com o argumento de que são informações sigilosas.

Opinião dos leitores

  1. Escutas telefônicas sem autorização judicial? Pelo jeito a ditadura está voltando travestida de democracia!

    1. Vc tem amnésia ou é mais um petista doente???? Em 2006 o seu Guru, o LULADRÃO, não foi a nenhum debate.

    2. Pode chorar, serão 4 anos de muito choro da petralha

    3. Lugar de bandidos é no presidio como está o o chefe da quadrilha, agora em 2019 vão lhe fazerem companhias mais ladrões que não conseguiram se reelegerem, tipo lindemberg, dirma e outros mais.

    4. Isso sem contar q o LULADRÃO não tinha levado facada e não estava de licença médica. No mínimo estava bebado, o molusco alcoólatra

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tecnologia

Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN) abre mais de 200 vagas para diversos cursos na área de TI

Foto: Ascom/UFRN

Fundado com a missão de fomentar um polo de Tecnologia da Informação (TI) em Natal e de desenvolver formação e pesquisa nessa área, o Instituto Metrópole Digital (IMD), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), está com mais de 200 vagas abertas neste mês de setembro para ingresso em diversas modalidades de cursos.

As oportunidades estão distribuídas entre cursos de especialização, mestrado (acadêmico e profissional) e doutorado, além de formações do Programa de Estudos Secundários (PES), que podem ser feitas por qualquer profissional com ensino superior completo ou incompleto reconhecido pelo MEC.

As formações do PES estão com inscrições abertas até o próximo sábado, 25, e são oferecidas 35 vagas, distribuídas entre sete áreas: Bioinformática, Ciência de Dados, Inovação e Empreendedorismo, Informática Educacional, Inteligência Artificial, Internet das Coisas e Jogos Digitais. O  processo seletivo consiste em prova on-line de conhecimentos específicos. Os cursos, que são gratuitos, têm duração máxima de 24 meses. Mais informações podem ser obtidas por meio deste link (buscar por Estudos Secundários).

Dispositivos móveis

Dentre as especializações ofertadas pelo IMD, está a de Desenvolvimento para Dispositivos Móveis, que tem 70 vagas abertas e cujas inscrições podem ser feitas até o dia 6 de outubro.  O processo seletivo consiste em análise de experiência profissional e avaliação de histórico escolar. Mais informações estão disponíveis no link (buscar por Dispositivos Móveis).

Outra formação do Instituto é o mestrado profissional do Programa de Pós-Graduação em Tecnologia da Informação (PPGTI). Com três linhas de pesquisa principais – Engenharia de SoftwareInteligência Computacional e Infraestrutura de TI –, o programa está com 29 vagas abertas (buscar PPGTI) e o prazo de inscrições se encerra no dia 28 deste mês.

Tecnologias educacionais

Também no formato de mestrado profissional, encontra-se a formação do Programa de Pós-Graduação em Tecnologias Educacionais (PPGITE). Para o curso, são oferecidas, neste momento, 33 vagas ao todo, com inscrições abertas até o dia 7 de novembro.

O mestrado dispõe de duas linhas de pesquisa – Desenvolvimento de Tecnologias Educacionais e Práticas Educativas com Tecnologias Digitais – e tem duração total de 360 horas. A nova turma está com as aulas previstas para começar em abril de 2022. Mais informações estão disponíveis no Sigaa, na seção de processos seletivos.

Bioinformática

Já o Programa de Pós-Graduação em Bioinformática (PPGBioinfo) do IMD está com processo seletivo aberto desde o primeiro trimestre deste ano. Em regime de fluxo contínuo, a seleção oferece agora, em sua Demanda 3, um total de 50 vagas, distribuídas para mestrado e doutorado, cujas inscrições seguem abertas até os dias 23 e 29 de outubro, respectivamente.

As oportunidades são regidas por três editais diferentes. Dois deles coordenam o ingresso de pesquisadores de empresas de TI ou de biotecnologia nos cursos de mestrado ou doutorado, ambos com 10 vagas. Já o terceiro edital oferece 30 vagas para doutorado em ampla concorrência.

Com UFRN

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

SE LIGA NA OPORTUNIDADE: SINE-RN oferece nesta quinta-feira 105 vagas de emprego para Natal, região metropolitana e Mossoró

A Subsecretaria do Trabalho da Sethas-RN, através do SINE-RN, oferece nesta quinta-feira, dia 23 de setembro, 105 vagas de emprego para Natal, Região Metropolitana e Mossoró e região.

Para concorrer às vagas, o(a) candidato(a) deve se cadastrar via Internet no Portal Emprega Brasil do Ministério do Trabalho e Emprego, através do endereço empregabrasil.mte.gov.br ou nos aplicativos Sine Fácil e Carteira de Trabalho Digital, disponíveis para Android e IOS.

As vagas para pessoas com deficiência são uma parceria da Subsecretaria do Trabalho da SETHAS com a Coordenadoria de Promoção e Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Semjidh.

Todas as oportunidades estão sujeitas a alteração. Para saber em tempo real qual ocupação está de acordo com seu perfil profissional é necessário acessar o empregabrasil.mte.gov.br com o seu login (PIS) e senha ou através do celular no aplicativo SINE Fácil.

Quer tirar alguma dúvida ou agendar um atendimento? Ligue: (84) 3190-0783, 3190-0788.

O atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 12h.

QUANTIDADE DE VAGAS

Natal e Região Metropolitana

ASSISTENTE DE VENDAS 01

ATENDENTE DE MESA 01

AUXILIAR DE ARMAZENAMENTO 02

CONTROLADOR DE PRAGAS 01

DESENHISTA INDUSTRIAL GRÁFICO (DESIGNER GRÁFICO) 02

INSTALADOR DE SOM E ACESSÓRIOS DE VEÍCULOS 01

INSTALADOR-REPARADOR DE LINHAS E APARELHOS DE TELECOMUNICAÇÕES 18

MANICURE 03

MASSAGISTA 06

MECÂNICO DE AUTO EM GERAL 01

MECÂNICO DE AUTOMÓVEL 04

PIZZAIOLO 01

TÉCNICO EM ELETROMECÂNICA 01

VENDEDOR PRACISTA 02

PCD – Pessoas com Deficiências

AUXILIAR DE ENGENHEIRO DA CONSTRUÇÃO CIVIL 01

AUXILIAR DE LIMPEZA 02

AUXILIAR DE LIMPEZA 03

OPERADOR DE TELEMARKETING ATIVO E RECEPTIVO 50

PEDREIRO 01

RECEPCIONISTA ATENDENTE 01

Mossoró e Região

COZINHEIRO GERAL 01

PADEIRO 01

VENDEDOR PRACISTA 01

Total geral = 105 vagas

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 25%

Foto: (Reprodução/Regula/Sesap)

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 25%, registrada no fim da manhã desta quinta-feira (23). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 103.

Até o momento desta publicação são 159 leitos críticos (UTI) disponíveis e 53 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 109 disponíveis e 50 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 29,1% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 14,8% e a Região Seridó tem 23,5%.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

COVID: RN possui 159 leitos críticos e 109 leitos clínicos disponíveis

Foto: Regulação/Sesap

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta de 12h10 desta quinta-feira(23).

Neste período, havia 01 paciente com perfil para leitos críticos na lista de regulação. Apenas 01 aguardava avaliação. Foram registrados disponíveis 159 leitos críticos e outros 109, sendo clínicos.

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Televisão

Sikêra Jr. processa apresentador do RN após ser criticado por homofobia

Foto: Reprodução

Sikêra Jr. entrou com um processo contra o apresentador Jacson Damasceno, do programa “Brasil Urgente” do Rio Grande do Norte, após ter sido criticado por discursos homofóbicos feitos no “Alerta Nacional”, da RedeTV!, em junho deste ano. As informações são do site Na Telinha.

“Além de dinheiro, o que o senhor construiu nesse tempo todo, desde que você explodiu pra cá com as suas palhaçadas que você faz? O que você trouxe de construtivo para o Brasil? De útil para o Brasil? (…) A sexualidade da pessoa não diferencia em nada, não a diminui em nada. Quem é você pra dizer que uma pessoa é um desgraçado filho do cão? Quem é você, Sikêra Júnior? Se enxergue rapaz, você é um coroão velho, se enxergue, se coloque no seu lugar, respeite seus cabelos brancos, pregue, alguma coisa que preste nesse país”, disse Jacson.

O apresentador da Band foi intimado a comparecer à audiência de conciliação no dia 20 de outubro. Os advogados de Sikêra Jr. pedem indenização por dano moral “em decorrência das informações inverídicas e desrespeitosas divulgadas pelo Requerido através de programa televisivo, rede social em âmbito mundial, com acusações inverídicas e exposição do nome do autor, de forma a ridicularizá-lo e agredi-lo moralmente com tais afirmações a seu respeito”, diz a defesa de Sikêra.

Na ação, Sikêra alega que a fala de Jacson causou danos à imagem, à honra e a seu bom nome. “O autor encontra-se injustamente com a imagem abalada, pois o réu busca mostrar o autor como sendo um mau apresentador de televisão, alguém sem caráter”, diz a petição.

Com Justiça Potiguar via Isto é

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

VÍDEO – (FECHOU O TEMPO): Renan Calheiros e Jorginho Melo se desentendem na CPI da Pandemia; de ‘ladrão’ a ‘vagabundo’

O relator Renan Calheiros (MDB-AL) se desentendeu com o senador Jorginho Mello (PL-SC) e a sessão na CPI precisou ser momentaneamente pausada.

Calheiros fez um comentário sobre a percepção de que o governo Bolsonaro seria “corrupto” devido às negativas de Danilo Trento em fornecer detalhes sobre os questionamentos feitos sobre a Precisa Medicamentos. Mello rebateu, e Calheiros pediu para que ele não o interrompesse.

Depois de Mello mandar Calheiros “aos quintos” e o senador rebater dizendo para Jorginho ir “[para os quintos] com o presidente e Luciano Hang”, ambos começaram a discutir.

Calheiros chamou Jorginho Mello de “vagabundo”, enquanto Mello rebateu acusando-o de ser “ladrão”. Senadores tiveram que intervir.

Na volta da sessão, Omar Aziz tentou fazer com que os dois se desculpassem, mas isso não ocorreu. Antes de repassar a palavra para Calheiros, o presidente da comissão pediu para que a briga fosse retirada dos registros oficiais.

“Eu peço que seja retirado dos registros tudo que Jorginho e Renan Falaram. A CPI não é de ninguém. É dos brasileiros. Não é a opinião de A ou B”, disse Aziz, e o depoimento foi retomado.

CNN Brasil

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Câmara de Parnamirim realiza evento para juventude nesta sexta

Haverá palestras, cursos, gincanas e atividades de conscientização pelo Setembro Amarelo. Fotos: Divulgação

A Câmara Municipal de Parnamirim promove o Festival da Juventude, uma série de atividades voltadas para os jovens da cidade, dentro da campanha Setembro Amarelo – mês de combate e conscientização sobre a prevenção ao suicídio. O evento acontece nesta sexta-feira (24), a partir das 14h, na sede da Casa Legislativa.

Durante toda a tarde, eles vão participar de gincana entre equipes, bate-papos com caráter preventivo, dança com o projeto Se Cuida e apresentações culturais e de projetos sociais, serviços e distribuição de material educativo.

Com o tema “Um alerta de prevenção para nossa juventude”, o evento contará com a participação de jovens influenciadores digitais de Parnamirim. Já estão confirmados Andercrazyy (@andercrazyy), Lenfrom (@lenfrom), Gabriela Ferrandino (@gabrielaferrandino) e Dj Rodrigo Souza (@rodrigosouza), que usarão sua influência nas redes sociais para falar da importância do diálogo, sobre o uso consciente das redes sociais e ainda se juntarão aos participantes na gincana entre equipes.

A iniciativa é da Frente Parlamentar da Juventude, composta pelas vereadoras Rhalessa de Clênio e Carol Pires e pelo vereador Thiago Fernandes, que juntamente com os demais parceiros desenvolveu uma programação de atividades para os jovens.

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

FMI elogia o Brasil: ‘desempenho econômico melhor do que o esperado’

Foto: AFP

Em seu relatório anual Artigo IV, o FMI fez uma avaliação positiva da economia brasileira por meio da missão técnica que analisou o país.

No documento que está divulgando hoje, a diretoria executiva do FMI afirma que o “desempenho econômico tem sido melhor do que o esperado”. Projeta um crescimento do PIB de 5,3%. E detalha o motivo:

— Em parte, devido à forte resposta política das autoridades. O PIB recuperou seu nível pré-pandêmico no primeiro trimestre de 2021 e o ímpeto continua favorável, apoiado por termos de troca em expansão e crescimento robusto do crédito ao setor privado.

O documento é otimista em outros aspectos também. Prevê melhoria na taxa de emprego, aumento de consumo “e, à medida que as vacinações continuarem, a demanda reprimida retornará por serviços pessoais”.

Também aposta na queda da inflação “em direção ao ponto médio do intervalo da meta até o final de 2022.”

Sobre o tema vacinas, avalia a situação atual:

— O governo adquiriu doses suficientes para inocular a população adulta em 2021, com a população mais vulnerável prevista para ser totalmente inoculada até o final do ano.

O FMI também elogiou o Brasil “por sua resposta política decisiva” contra a Covid na questão da implantação do auxílio emergencial, “que reduziu significativamente a gravidade da recessão de 2020 e amorteceu seu impacto sobre os pobres e vulneráveis, ao mesmo tempo em que preparou o terreno para uma forte recuperação em 2021”.

Com informações de Lauro Jardim – O Globo

Opinião dos leitores

  1. O FMI que o Brasil conseguiu se livrar no governo Lula reaparece. O que é bom para o FMI é ruim para o povo. Sempre que o FMI esteve presente no país era um cenário igual ao que temos hoje, fome, miséria, desemprego, inflação e arroxo para o povo. Quero o país bom para a população, sem aumento de gasolina, gás, energia e alimentos como temos hoje. Este governo está trazendo tudo de ruim para o país.

  2. Claro… O Brasil paga bilhões de dólares de juros… Tem que elogiar mesmo!
    O pobre do bolsominion querendo atrelar mérito ao mito; triste fim!

  3. Calma Cristian e Mané F, vou me ausentar, vou pra minha Barra de Cunhaú, continuar a reforma da minha humilde casa. Construída com muito esforço.

  4. 23:59 – FHC LACAIO DO FMI!
    00:00 – PAI LULO PAGOU O FMI – BRASIU RESPEITADO NAR GRINGA
    00:01 – TEMI LACAIO DO FMI!
    00:02 – BOZO LACAIO DO FMI!

  5. É ONU, OMS, FMI é Unesco é o mundo todo elogiando o Brasil, só os não patriotas, os esquerdopatas os anos que não querem enxergar, que o Brasil mudou pra melhor.
    É melhor Jair Acostumando.
    O Véio é duro.
    E o Véio da HAVAN, vai ser o nosso futuro Senador.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN não registra óbito por Covid nas últimas 24 horas; novos casos são 23

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quinta-feira (23). São 368.039 casos totalizados, sendo 23 confirmados nas últimas 24h horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.330 no total, sendo nenhum registrado nas últimas 24 horas. Na quarta-feira(22) eram 7.327.  A Sesap ainda registrou 03 mortes após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.319.

Recuperados são 259.490. Casos suspeitos somam 175.292 e descartados são 731.150. Em acompanhamento, são 101.219.

Opinião dos leitores

  1. A vacina veio para salvar vidas, embora a Direita, e principalmente o seu Presidente, queira negar. Não é vitória deste último pois se dependesse dessa anta teríamos milhares de mortes tratamento unicamente com a cloroquina. Minimizaram as consequências do vírus e suas consequências. Mas dentre eles, os que pegaram correram covarde e rapidamente como qualquer mortal para se tratar e vacinar. Mesmo que exista povo burro na esquerda, os da direita não admitem q o são, até mesmo esse despeitado e burro Calígula.

  2. Graças ao Presidente Messias Bolsonaro, que comprou e distribuiu vacinas, se fossemos depender do Consórcio Nordeste comprar a Sputnik V, façamos ferrados.

    1. Seu sem futuro teu presidente nunca ligou para o covid. viva João Dória que começou a comprar vacinas e teu capitão sem futuro correu para não ficar para tràs,

    2. Caligula não passa de uma alma vazia e fútil, borra botas de um presidente vazio, ineficaz e mentiroso. Algum leitor mostre alguma coisa construtiva desta alma sebosa alcunhado por Caligula….

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Casos e mortes relacionados à Covid-19 no país seguem em queda, diz Fiocruz

Foto: Walterson Rosa/MS

Os indicadores da pandemia relacionados a transmissão da doença, testes positivos e mortalidade seguem em queda no Brasil, de acordo com o Boletim Observatório Covid-19, divulgado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) nessa quarta-feira (22). O estudo, que analisa o período entre os dias 12 e 18 de setembro, aponta que nenhum estado brasileiro apresenta taxa de ocupação de leitos de UTI em zona crítica, ou seja, superior a 80%.

Com exceção do Espírito Santo e do Distrito Federal, que têm ocupação acima dos 60% e, por isso, estão na zona de alerta intermediário, todas as outras unidades federativas estão fora do alerta. O boletim afirma que a melhora nas taxas tem ligação direta com a vacinação contra o vírus, que mesmo sem atingir ainda níveis desejáveis, tem avançado de forma diversificada pelo território nacional e atinge um dos objetivos, que é a redução de casos graves.

Os pesquisadores da Fundação ressaltam que são favoráveis à adoção do passaporte sanitário, que é uma política de proteção coletiva e estímulo a imunização. Eles também destacam que o avanço da vacinação para outras faixas etárias deve ser pensado no país.

“A vacinação precisa continuar sendo acelerada e ampliada entre adultos que não se vacinaram ou não completaram o esquema vacinal, idosos que requerem a terceira dose e adolescentes. As novas evidências científicas indicando a segurança e elevada eficácia da vacinação em crianças também devem colocar na mira a expansão da vacinação nesse grupo populacional” afirmam os especialistas.

Assim como os estados, as capitais brasileiras também apresentam melhoras na ocupação. Das 27 capitais, 22 estão fora da zona de alerta. Apenas cinco delas estão na zona intermediária, com taxa acima de 60%: Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Vitória, Porto Alegre e Brasília.

Os pesquisadores ressaltam que, apesar da melhora relevante nos indicadores, ainda é fundamental cautela por parte das autoridades e da população, para que o quadro não seja revertido. O estudo alerta que o uso adequado de máscara e o distanciamento físico ainda devem ser praticados por todos.

Outro destaque desta edição é que, ao passar pela fase aguda da pandemia, o Brasil deve iniciar a preparação para o médio e longo prazo. Dessa forma, o sistema de saúde precisa estar organizado para ser eficiente em cuidados especializados a longo prazo, já que estudos mostram que os efeitos pós-Covid podem resultar em diferentes sintomas, mesmo que a doença tenha sido leve. Entre eles, estão coração acelerado, dores no peito, dificuldade em se concentrar e depressão.

Registros atrasados

No fim da semana epidemiológica analisada houve um aumento brusco no número de casos de Covid-19 notificados no sistema e-SUS, do Ministério da Saúde. Em apenas sete dias foram registrados cerca de 241 mil novos casos da doença, cerca de 16% a mais do que nas duas semanas anteriores.

Os dados estavam represados e afetaram principalmente os estados do Rio de Janeiro e São Paulo. No território fluminense foram registrados 100 mil casos excedentes em apenas um dia, enquanto no estado paulista, foram registrados aproximadamente 45 mil em dois dias.

De acordo com os pesquisadores, o atraso nos dados tem sido um problema crônico na pandemia, porque compromete uma boa gestão de enfrentamento a doença. Eles afirmam que houve uma subestimação da transmissão do vírus, tendo como um dos resultados a flexibilização das medidas, sem respaldo em dados.

CNN Brasil

Opinião dos leitores

    1. Vai perder na próxima Eleição esse genocida aguardem vou ficar sorrindo até 2026 o lapada vai levar esse bolsobosta

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *