Polícia Civil realiza operação “Seridó Seguro” e prende cinco pessoas em cumprimento de mandados por crimes diversos

A Delegacia Municipal de Currais Novos deflagrou, com o apoio de equipes da 3ª Delegacia Regional, da Delegacia Municipal de Acari, Parelhas, Jucurutu, Santana do Matos, Cruzeta, Florânia e Serra Negra, a Operação “Seridó Seguro”, na manhã desta quinta-feira (23), nos municípios de Currais Novos e Cerro Corá.

O objetivo da ação foi cumprir dez mandados de busca e apreensão e cinco mandados de prisão preventiva, decorrentes de investigações de homicídio e tráfico de drogas na região. A ação contou também com o apoio de uma equipe da Polícia Militar de Cerro Corá e uma equipe do Grupo Tático Operacional (GTO).

Em Cerro Corá, três mandados de prisão e seis mandados de busca e apreensão foram cumpridos. Dentre os presos estão: Ramaiana dos Santos da Silva, 22 anos, Andriele Eugênio dos Santos, 26 anos, e Iago César Luiz da Silva, 21 anos. No local, com Andriele Eugênio, foram apreendidos: um revólver calibre 32, com cinco munições, porções de cocaína, aparelhos celulares e tablets, motivo pelo qual ele foi autuado em flagrante delito.

Em Currais Novos, foram cumpridos dois mandados de prisão e quatro mandados de buscas e apreensão. Dentre os presos: Luan Bezerra da Cunha, 21 anos e Francisco Jodinaldo da Silva, 29 anos. Os alvos da operação também têm envolvimento com crimes contra o patrimônio (roubo).

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Ex-delegado geral acusado pelo MPRN de usar influência para atrapalhar investigação do caso do IPEM é inocentado pela Justiça

Uma sentença proferida pelo juiz Cícero Macedo, da 4ª vara da fazenda, absolveu o delegado aposentado Ronaldo Gomes da acusação de um possível tráfico de influência junto ao ex deputado Gilson Moura para estancar a operação do IPEM, em ação do Ministério Público que apurava o recebimento de gratificações e diárias por funcionários fantasmas.

Há cinco anos, o Ministério Público, por meio da Promotoria de Defesa do Patrimônio Público da Comarca de Natal, ingressou com uma ação Civil Pública que visava a responsabilização pela prática de atos de improbidade administrativa contra o deputado estadual Gilson Moura, o delegado de Polícia Civil Ronaldo Gomes de Moraes e o ex-diretor geral do IPEM, Rychardson de Macedo Bernardo.

“Concluo, pois, pelas provas dos autos, que em relação ao réu Ronaldo Gomes não há como enquadrar a sua conduta na norma prevista no inciso I do art. 11 da LIA. Não é possível nem mesmo concluir, pelas provas dos autos, que tenha havido ao menos a tentativa de fraudar a lei ou a regra de competência”, diz trecho da sentença do juiz Cícero Macedo.

O advogado criminalista Paulo Pinheiro que patrocinou a defesa do ex-delegado geral Ronaldo Gomes, comemorou: “Sempre confiamos na justiça, a ação desde a sua gênese era anômala, seja pela inconsistência probatória e baseada única e exclusivamente na palavra de um delator. Tudo isso foi demonstrado na instrução processual, não poderia haver outro resultado senão a improcedência da ACP em sua integralidade”.

Por fim, o advogado ainda alerta para a cautela em deflagrar ações desta natureza, tendo em vista, que a estigmatização social e o prejuízo moral são devastadores. O caso, inclusive, fez o delegado pedir exoneração e se aposentar em meio aos problemas de saúde que foram se somando com o desgaste.

“Foi uma carga de estresse muito grande na época. O delegado ficou debilitado. Como já estava no tempo, preferiu se aposentar pra tratar sua saúde. A instrução foi demorada e felizmente conseguimos provar de fato que a denúncia foi absurda em todos os sentidos”, concluiu.

VÍDEO: Ministro do STF Alexandre de Moraes crê que pacote anticrime será votado na Câmara até o fim deste semestre

Foto: Carlos Moura/SCO/STF

Quando o ministro da Justiça, Sergio Moro, anunciou seu pacote anticrime, muito se falou sobre ele ser parecido com proposta do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, sobre o mesmo tema.

Moraes, em entrevista exclusiva ao Jornal da Manhã, no entanto, minimizou algumas críticas feitas à apresentação do projeto por Moro. Para o magistrado, há como conciliar ambas as propostas e avalia que até o fim deste semestre o projeto seja votado na Câmara.

“Tivemos várias reuniões na Câmara, o presidente da Casa, Rodrigo Maia, constituiu grupo de trabalho, já participei de audiência com deputados, com o ministro Moro também. Nas últimas semanas tive reuniões com o ministro no sentido de unificação de projetos que tratam de quase todos os mesmos assuntos, com a mesma finalidade de fortalecer o combate ao crime organizado, facilitando o estrangulamento financeiro da organização criminosa e cumprimento de pena real”, disse.

O ministro do Supremo disse acreditar que “até o final desse semestre já consigamos levar para votação na Câmara dos Deputados”.

Alexandre de Moraes criticou ainda que, no Brasil, a legislação, principalmente para crimes graves, tem “execução da pena virtual” que permite saída do presídio após cumprimento de 1/6 da pena.

Sobre uma melhor forma de garantir eficiência nas decisões judiciais, Moraes abordou dois pontos: legislação e reorganização do Judiciário.

“Muto se culpa o Judiciário pelo que não é culpa dele. A legislação permite progressão com 1/6 de pena. A legislação permite benefícios a crimes graves que nenhum país no mundo tem. O Judiciário deve se reorganizar para combater a criminalidade organizada. Uma das propostas que apresentei foi a constituição de regionalizadas (…) Com alteração proposta na execução, no mínimo o [condenado por] crime organizado deve cumprir metade da pena”, explicou.

A respeito do estrangulamento financeiro das organizações criminosas, Alexandre de Moraes defendeu uma cadeia de provas. “Autoriza a sequência de atos bem registrados para poder verificar de onde saiu o dinheiro, para onde ele foi, quais imóveis o dinheiro do crime organizado comprou, passagens para o exterior, e independentemente de ter começado a investigação”.

Confira a entrevista completa com o ministro do STF, Alexandre de Moraes:

Jovem Pan

 

Arrecadação cresce 1,28% em abril, informa Receita Federal

Foto: Agência Brasil

A arrecadação das receitas federais somou R$ 139,030 bilhões, em abril de 2019, informou nesta quinta-feira (23) a Secretaria da Receita Federal do Ministério da Economia (SRF). Houve aumento real (descontada a inflação) de 1,28%, na comparação com o mesmo mês de 2018.

Em abril, as receitas administradas por outros órgãos (principalmente royalties do petróleo) foram as responsáveis pelo crescimento da arrecadação, ao totalizarem R$ 11,030 bilhões, com crescimento de 24,82%.

As receitas administradas pela SRF (como impostos e contribuições) chegaram a R$ 127,99 bilhões, com queda real de 0,34%.

De janeiro a abril, a arrecadação somou R$ 524,371 bilhões, com crescimento real de 1,14%. O faturamento administrado pela Receita chegou a R$ 499,165 bilhões, com aumento real de 0,3%. As receitas administradas por outros órgãos chegaram a R$ 25,205 bilhões, com crescimento de 21,12%.

Agência Brasil

 

Em enquete em rede social do Blog do BG, maioria aprova decreto de armas: 56%, enquanto 44% são contra

Reprodução

Enquete realizada pelo Blog do BG, através do seu storie no Instagram, perguntou aos seus seguidores a sua opinião sobre o novo decreto de armas do Governo Federal. O resultado foi da aprovação de 56%, contra 44% contrários.

Dos mais de 3 mil votos, 1.833 foram favoráveis ao decreto, enquanto 1421 votaram não. O perfil do Blog do BG no Instagram conta com mais de 168 mil seguidores.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carlos Bastos disse:

    Essas pessoas não sabe o que está votando, a nível nacional 60% é contra o porte de arma.

    • João Rodrigues disse:

      Elas sabem no que estão votando, a diferença que a amostragem não reflete a população do RN, quiçá do BR.

    • realmadriddepiumgenerico disse:

      São leitores do Blog, acho que o percentual dos que aprovam está até baixo para os que aqui comentam.

PF cumpre medidas judiciais em Mossoró para combater roubo a empregados dos Correios

A Polícia Federal cumpre nesta quinta-feira (23), na cidade de Mossoró/RN, medidas cautelares deferidas pela 8ª Vara Federal e 10ª Vara Federal, no âmbito da Operação Encartados, com o objetivo de desarticular células locais voltadas à prática de roubo a empregados da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos no desempenho da distribuição domiciliar de correspondências.

Estão sendo cumpridos 03 mandados de busca e apreensão, 02 medidas cautelares de implantação de tornozeleira eletrônica e 01 mandado de prisão temporária.

Os crimes investigados ocorreram no final do mês de novembro de 2018 e foram praticados com a utilização de arma de fogo.

A pena máxima do delito pode superar 16 anos com a majorante introduzida pela Lei n. 13.654 de 2018.

VÍDEO: Carroceiros tomam carro de assalto de casal de idosos em Candelária, na Zona Sul de Natal

O Via Certa Natal destaca nesta quinta-feira(23). Dois carroceiros tomaram de assalto um veículo Ethios Sedan Vermelho, na rua Cruz e Souza, no bairro de Candelária, na Zona Sul de Natal,  ao lado da escola estadual Luiz Antônio. Na ação criminosa, fugiram sentido Prudente ou zona oeste.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lopus disse:

    Não podemos fazer nada… a lei nos impede, pegue um vagabundo desses e de uma tapa nele pra você ver os direitos (humanos) processar e acabar com a vida do cidadão de bem

  2. Papudim disse:

    O póbi não tem trabalho, não tem estudos, não tem carro… mas tem carroça pra fazer assalto… Mas tem arma e faz assaltos… e pode até atirar contra nas vítimas… mas trabalho que é bom ele não quer…. Ô justiça….

  3. M.Vinícius disse:

    Com o desarmamento da população e o desencarceramento dos bandidos, ou melhor, "cidadãos vítimas da sociedade" como pregam os "ídolos da esquerda", estamos lascados!

‘Lamento o ocorrido. Faz parte da democracia perder ou ganhar’, diz Moro sobre mudança do Coaf para o Ministério da Economia

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, lamentou nesta quinta-feira (23), em rede social, o resultado da votação da medida provisória da reforma administrativa que transferiu o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) do Ministério da Justiça para o Ministério da Economia.

O texto-base da MP foi aprovado na noite desta quarta-feira (22), por votação simbólica, no plenário da Câmara dos Deputados. O destaque da MP que previa a manutenção do Coaf no Ministério da Justiça foi rejeitado por 228 votos a 210 (saiba como votou cada deputado).

Moro afirmou que ‘lamenta o ocorrido’ e agradeceu aos deputados que votaram pela manutenção do Coaf no Ministério da Justiça.

“Sobre a decisão da maioria da Câmara de retirar o COAF do Ministério da Justiça, lamento o ocorrido. Faz parte da democracia perder ou ganhar. Como se ganha ou como se perde também tem relevância. Agradeço aos 210 deputados que apoiaram o MJSP e o plano de fortalecimento do COAF”, disse.

Para Moro, Coaf na Justiça é ‘estratégico’

O texto proposto pelo governo retirava o Coaf do extinto Ministério da Fazenda (atual Ministério da Economia) para o Ministério da Justiça, mas partidos de oposição e do Centrão pressionaram o governo para que o órgão ficasse vinculado ao Ministério da Economia.

O Coaf é uma unidade de inteligência financeira do governo federal que atua principalmente na prevenção e no combate à lavagem de dinheiro (crime que consiste na prática de disfarçar dinheiro de origem ilícita).

No início deste mês, Sérgio Moro declarou, durante audiência pública na Câmara dos Deputados, que a permanência do Coaf no Ministério da Justiça era ‘estratégica’ para combate à corrupção e lavagem de dinheiro.

“Entendemos que [o Coaf] é estratégico para o enfrentamento da corrupção e crime organizado”, afirmou o ministro na audiência.

Câmara concluirá votação de MP

A conclusão da votação da MP que estruturou o governo e reduziu o número de ministérios de 29 para 22 ainda depende da análise de dois destaques (propostas de alteração do texto), que ficou para esta quinta-feira (23).

Os destaques com previsão de votação nesta quinta-feira são os seguintes:

Destaque para votação em separado do trecho que limita competência do auditor fiscal, em matéria criminal, à investigação dos crimes contra a ordem tributária ou relacionados ao controle aduaneiro;
Destaque para votação em separado do artigo que estabelece que o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações exercerá as atribuições de Secretaria-Executiva do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT)

O texto que resultar da votação na Câmara ainda terá de passar por votação no Senado, antes de ser enviado para sanção do presidente da República.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ceará-Mundão disse:

    Vi a relação dos deputados que votaram para tirar o COAF do Ministério do Moro. Nela constam corruptos notórios. Achei bastante interessante, por exemplo, ver Aécio Neves junto com TODOS os deputados do PT. Mesmas práticas, mesmos interesses. Confiram a lista. É muito explicativa.

  2. José Augusto Galvão Pereira disse:

    Isso não é derota não, isso é medo

  3. O povo disse:

    Todos estão é com medo de seu atos. Por isso querem a todo custo fugir de vossa excelência. Que tem, tem medo isso é verdade. É se não fosse o senhor ainda estávamos naquele mar de lama de tanta vergonha e desmoralização. Vida longa e saúde ao senhor! DEUS TE PROTEJA SEMPRE!

  4. Antony Cruz Laranjeiras disse:

    Perdeu Playba…..hahahaha

    • Waldemir disse:

      Quem perdeu foi os brasileiros de bem
      Isso sim

    • M.Vinícius disse:

      "Perdeu…"!?
      Na verdade foi uma vitória. O Moro sairia vitorioso de qualquer forma. Sai da justiça e volta para a economia com a equipe do Moro!

  5. Arruda disse:

    É lamentável mesmo, mas é bom pros críticos do governo saberem, quem são os grandes interessados na desgraça do povo brasileiro. Quanto pior melhor pros canalhas.

UFRN não está pagando locação do teatro Riachuelo para posse do novo reitor

A cerimônia de transmissão oficial do cargo de reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), momento no qual a atual reitora Ângela Maria Paiva Cruz, passa a administração da instituição para o reitor eleito para o quadriênio 2019-2023, José Daniel Diniz Melo, será realizada no dia 03 de junho, às 19h, em solenidade no Teatro Riachuelo. A posse é uma Assembleia Universitária oficial e contará com a apresentação da Filarmônica UFRN.

“A solenidade não envolverá recursos públicos da UFRN, pois a contratação do espaço para o evento foi com recursos próprios da FUNPEC, instituição de direito privado que tem apoiado a universidade em diversos eventos acadêmicos, parceria esta amparada inclusive em resolução do Conselho Deliberativo da FUNPEC”, colocou a pró-reitora adjunta de Administração, Maria do Carmo Araújo de Medeiros Fernandes de Oliveira. Tradicionalmente realizado fora da instituição devido a grande quantidade de pessoas que comparecem, bem como à indisponibilidade de auditórios e anfiteatros na instituição adequados para eventos deste porte, a opção pelo Teatro Riachuelo aconteceu em virtude de ser a menos onerosa dentre as opções disponíveis, já que conta com toda infraestrutura necessária, sendo esta a única despesa custeada para o evento.

“Como a posse do Reitor da UFRN é uma solenidade que conta com a presença não só de pessoas da comunidade universitária, mas também de toda a sociedade potiguar, temos a expectativa de um grande número de pessoas”, complementou Maria do Carmo. A solenidade de transmissão do cargo é precedida da assinatura do termo de posse do novo gestor, em cerimônia no MEC. Neste caso, o ato acontece na próxima terça-feira, 28, na sede do Ministério da Educação, em Brasília, a partir das 11h.

Com informações da UFRN

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. MNMelo disse:

    GOSTEI MUITO DO COMENTÁRIO DO CABO SILVA.

  2. Delano disse:

    Garanto, se fosse uma empresa privada, por maior que seja, jamais faria um absurdo com essa dimensão. Só sendo discípulo de luladrão e dilmanta, que qualquer viagem eram frotas de veículos de luxo, reserva de vários andares dos hotéis de luxo e diárias pra um batalhão de corruptos.

  3. Armando S. Pinto disse:

    Rasgaram o art. 8º do Estatuto da FUNPEC!!!

  4. Emmanuel Anacleto disse:

    Tudo bem. No entanto, os recursos da fundação são oriundos em grande parte de "financiadores" públicos; diversos setores públicos somam valores expressivos… ou seja, num deixa de sair dos cofres (dinheiro nosso). A FUNPEC deveria orçar esses recursos em projetos mais audaciosos para beneficiar o seu objeto institucional. Veja no portal da transparência o quanto saiu dos cofres públicos pra essa entidade. É sangrias de dinheiro público por toda parte… ou nós curvaremos a essa seboseira ou somos obrigados a expor nossa repugnância. 😔

  5. Walter Luís (Canal Youtube "Pensador TK") disse:

    A FUNPEC é uma fundação que possui recursos advindos de atividade financeira e também de várias fontes, inclusive governo, logo não dá pra saber ao certo se isto foi bancado com dinheiro público ou não apenas com esta informação.

    Preciso ter acesso ao processo de compra que culminou nesta contratação e seguir o rastro do dinheiro para descobrir a verdade sobre isso.

    Estarei buscando isso e, quem pude ajudar com dados, agradeço.

  6. PROF. EDUARDO AGUIAR disse:

    É muita cara de pau até a posse da governadora foi na escola de governo, dos procuradores-gerais de Justiça também, dos tribunais em seus próprios tribunais .Nossa esse povo da UFRB realmente se acha acima de tudo e de todos. Mamata prestes a acabar e eles esbanjando!!!

  7. LULADRÃO disse:

    É incrível como as pessoas menosprezam a inteligência dos outros? Funpec, Funpac, Funmerda, tudo é dinheiro público. Eu queria que esse pagamento saísse do bolso dos Administradores, para ver se eles fariam essa solenidade no Teatro Riachuelo? O que falta são os órgaõs fiscalizadores atuarem. Só que no Brasil, eles só servem para gerar mordomias e colocarem seus apadrinhados.

  8. Ivan disse:

    Então é na FUNPEC que tá sobrando $$$$…Mete a tesoura Sr Ministro…, verba de pesquisa sendo usada p/festa!!!!

  9. J. DANTAS disse:

    Não seria melhor usar a desculpa que falta espaço na UFRN.. Kkkkk Atenção galera, no Riachuelo tem segurança privada e polícia na área, sem exageros nas comemorações. Kkkkk

  10. canhoto potiguar disse:

    MENTIRA!!!!!!
    A FUNPEC É ENTIDADE VINCULADA A UFRN.
    É GERIDA POR INTEGRANTES DA UNIVERSIDADE.
    ESSA GINÁSTICA FOI PARA BURLAR A LICITAÇÃO QUE DEVERIA HAVER PARA ISSO.
    SEMPRE ASSIM, A FUNPEC É ATRAVESSADORA PARA BURLAR A LEI DE LICITAÇÕES.
    PQ NÃO FAZEM NO AUDITÓRIO DA REITORIA?
    PQ NÃO PEDEM EMPRESTADO À GOVERNADORA FÁTIMA GÓPI O CENTRO DE CONVENÇÕES?
    PQ NÃO PEDEM EMPRESTADO À GOVERNADORA FÁTIMA GÓPI O AUDITÓRIO DO CENTRO ADMINISTRATIVO?
    SABEM PQ?
    PQ PETISTA GOSTA DE LUXO.
    PQ PETISTA GOSTA DE LUXO PAGO COM DINHEIRO PÚBLICO.
    PQ PETISTA GOSTA DE LUXO PAGO COM DINHEIRO PÚBLICO E DA EDUCAÇÃO.

    ALGUM CANHOTO VAI PROTESTAR??????

    • Luciana Morais Gama disse:

      Parabéns Canhoto pelo seu comentário. A FUNPEC se esconde dentro da UFRN.

    • Cabo Silva disse:

      Sem falar que serve para contratar sem concurso público os apadrinhados….

    • Cigano Lulu disse:

      Já o IFRN tem sua congênere, a Funcern. Coincidentemente, também "se esconde" dentro do campus central do IF da Salgado Filho.

  11. Antonio Barbosa Santos disse:

    Bom, e qual o interesse ou vantagem envolvida nessa ação de uma entidade privada em patrocinar a posse do Reitor?
    Ou será que ela está fazendo isso por caridade, por acreditar na vida após a morte ou algo nessa linha?
    Se uma entidade privada faz algo em favor de uma outra de caráter público ou de seus dirigentes, se for legal, é imoral e moralidade na administração ainda é vetor que deve ser observado, ou não?

  12. Luciana Morais Gama disse:

    É a troca de favores. A FUNPEC tá instalada dentro da UFRN sem pagar IPTU (pois é um prédio público), aluguel, ou seja usando a estrutura pública, e o melhor arrecadando $$$ dos postos de gasolina e outros comércios.

    • andrey feitosa disse:

      Luciana, não fale o que não sabe.

    • Gabriel disse:

      Aqui o povo fala o que não sabe…gente, se informem.

    • Marcos disse:

      É ótimo criticar sem provas Luciana, você deveria tecer suas críticas com provas concretos, não por falácias ou senso comum, como esta acontecendo. Lhe dou uma dica, procure documentos públicos, pode ir a FUNPEC e peça informações sobre as fontes de receitas e suas despesas. Não leia comentários de reportagem e ache que esta acontecendo o que as pessoas descrevem, há fontes na qual são confiáveis, diário oficial da união é uma.

TRAGÉDIA (FOTOS): Família de brasileiros morta no Chile tinha viajado para comemorar aniversário da filha

Família morreu em apartamento em Santiago, no Chile — Foto: Noemi Fortunato Nascimento/Arquivo Pessoal

A identidade dos seis brasileiros encontrados mortos em um apartamento em Santiago, no Chile, nesta quarta-feira (22), foi informada nesta quinta por uma parente da família. Cinco das vítimas eram catarinenses e uma, goiana. A polícia ainda não confirmou oficialmente os nomes.

Bombeiros chilenos suspeitam que um vazamento de gás tenha causado as mortes. O prédio todo, no Centro da capital chilena, foi esvaziado durante as operações.

De acordo com a Polícia Civil de Santa Catarina, a família estava em Santiago para comemorar o aniversário de um dos filhos, Caroline Nascimento de Souza, que completaria 15 anos nesta sexta-feira.

Um casal e os dois filhos adolescentes moravam em Biguaçu, na Grande Florianópolis. O segundo casal, formado pelo irmão e a cunhada da mãe da primeira família, morava em Hortolândia, no interior de São Paulo.

As vítimas eram:

Fabiano de Souza, 41 anos (pai dos adolescentes e marido de Débora)
Débora Muniz Nascimento de Souza, 38 anos (mãe dos adolescentes e mulher de Fabiano)
Caroline Nascimento de Souza, que completaria 15 anos nesta semana (filha de Fabiano e Débora)
Felipe Nascimento de Souza, 13 (filho de Fabiano e Débora)
Jonathas Nascimento Krueger, 30 anos (catarinense irmão de Débora e marido de Adriane)
Adriane Krueger (goiana mulher de Jonathas)

As informações foram repassadas por Noemi Fortunato Nascimento, prima de Jonathas e Débora.

“O irmão da Drica está indo hoje para lá. Por enquanto, ainda não sabemos como será o translado, estamos aguardando por mais informações”, explica a prima.

Jonathas e Adriana foram encontrados mortos no Chile — Foto: Noemi Fortunato Nascimento/Divulgação

Mãe de vítimas morreu

O advogado da família catarinense, Mirivaldo Aquino de Campos, também confirmou a identidade das vítimas.

Ele também contou que, nesta madrugada, a mãe de Jonathas e Débora morreu em Florianópolis. O velório começou nesta manhã.

“Vamos primeiro enterrar a mãe depois vamos ver o que fazer”, disse o advogado da família catarinense.

Ainda de acordo com a prima Noemi, a família também está recebendo informações do caso através de amigos de trabalho de Jonathas, que moram em São Paulo e estão em contato com a polícia chilena.

Segundo o Itamaraty, um diplomata do Consulado do Brasil em Santiago foi alertado por um delegado brasileiro do incidente com a família. O delegado teria sido avisado no Brasil por parentes das vítimas. A imprensa chilena informou que o diplomata foi o responsável por acionar a polícia.

O comandante da polícia chilena, Rodrigo Soto, disse ao jornal “El Mercurio” que os policiais encontraram um forte cheiro do gás quando entraram no apartamento. Bombeiros ainda fazem perícia para comprovar o vazamento.

O edifício onde ocorreram as mortes fica na esquina das ruas Santo Domingo e Mosqueto, na região conhecida como Bellas Artes, Centro de Santiago. As autoridades ainda não sabem o que causou o vazamento nem por quanto tempo as vítimas respiraram o gás.

G1

 

Suspeito morre em confronto com policiais na Zona Oeste da capital; pistola de policial civil assassinado na Grande Natal é recuperada

 Foto 1: Polícia Civil do RN/Divulgação. Foto 2: APC André Severiano trabalhava na 2ª DP de Parnamirim(Arquivo pessoal)

A pistola que pertencia ao policial civil André Severiano da Silva, morto no dia 30 de abril em Emaús, na cidade de Parnamirim, na Grande Natal foi recuperada no início da manhã desta quinta-feira (23), durante uma operação conjunta envolvendo a Divisão Especializada de Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR) e a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Segundo a Polícia, o homem que estava com a arma, suspeito de participar do assassinato do agente, foi baleado durante um confronto com as equipes e morreu. O confronto aconteceu na Rua Rio Potengi, no bairro das Quintas, na Zona Oeste da capital.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Toni disse:

    MENOS UM FILHO DE UMA EGUA A NOS ATORMENTAR E ISSO AI METE BALAAAAAAA!!!!!!! REAGIU A PRISÃO METE BALA!!!

  2. Ana leticia disse:

    -1
    .PM

  3. Paulo disse:

    Parabéns aos envolvidos ( Deicor e DHPP). Pistola recuperada e vagabundo pro inferno. Tenta a sorte malandro, o próximo pode ser vc.

  4. C C Moura. disse:

    Parabéns a Polícia. Esse assassino tirou a vida de policial, marido, pai, filho, amigo, parente, de qualidades singulares reconhecidos por todos que conviviam com ele. Uma perda irreparável para toda a família.
    Espero que os outros que estavam com ele é participaram desse assassinato brutal, sejam encontrados é recebam a devida condenação.

  5. Anti-Político de Estimação disse:

    Menos uma alma sebosa a nos atormentar.

  6. LULADRÃO disse:

    Que noticia boa, bandido que mata policial tem mais é que ir para o inferno. Parabéns a todos que participaram dessa maravilhosa operação.

  7. João Rodrigues disse:

    Essa DEICOR não costuma alisar não.

  8. JEFF disse:

    CPF CANCELADO COM SUCESSO,PARABÉNS A POLICIA……

Lula teme Mourão e manda PT abandonar plano para derrubar Bolsonaro

Lula mandou o PT abandonar qualquer plano para derrubar Jair Bolsonaro, porque teme o general Hamilton Mourão.

O recado já chegou ao STF.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Beto Dal disse:

    'Keep Calm'… Lulinha tá apaixonado, tá todo 'relax', nem aí mais pra essas picuinhas… Enquanto todos se intoxicam fazendo defesas ou acusações!! Vamos ficar atentos

  2. Antonio Barbosa Santos disse:

    Como é que chamam uma organização que é comandada de dentro da cadeia?
    Ahhhhh… Lembrei! Facção…

  3. Valdir disse:

    Se Lula realmente quisesse derrubar Bolsonaro, teria ele, aberto mão da candidatura de Hadad em favor de Ciro Gomes, que pelas pesquisas, era o único que derrotava o Boso no segundo turno. Lula quer mesmo que o presidente continue fazendo merda pelos seus quatro anos e o PT voltar por cima da sua impopularidade…!kkkk

    • Arruda disse:

      Não acredite nessas pesquisas. As mesmas também diziam que o mito não derrotava ninguém, o resultado vc conhece.

  4. #Lula Na Cadeia sempre disse:

    Cadê o valente que disse que iria comer a cabeça da JARARACA??? Virou um cordeirinho esse LADRAO CONDENADO

  5. Lourdes Siqueira disse:

    Continua arrogante e covarde…oh ParTido sem homem de moral pra botar esse zumbi em seu devido lugar. Todos de cócoras diante de um deus zoomórfico.

  6. Nelson disse:

    É, A VIDA DE LULINHA NÃO TÁ FÁCIL, SE CORRER O BICHO PEGA, SE FICAR O BICHO COME! RSRSRSRSRSRSRSRSRSRSR

  7. Anti-Comunista disse:

    COMO É QUE BANDIDO DITA AS REGRAS NO BRASIL ?

CONTINGENCIAMENTO: Embora tenha liberado R$ 1,587 bilhão, MEC mantém bloqueio de R$ 5,8 bilhões; entenda

O Ministério da Educação informou nessa quarta-feira (22) que vai manter o contingenciamento de R$ 5,8 bilhões no orçamento da pasta para 2019, apesar do desbloqueio de R$ 1,587 bilhão anunciado à tarde pelo Ministério da Economia.

A liberação do valor de R$ 1,587 bilhão, de acordo com o MEC, vai apenas cancelar uma segunda ordem emitida pelo Ministério da Economia em portaria de 2 de maio, que ainda não tinha sido implementada.

Naquele momento, dias após o anúncio dos bloqueios no ensino superior, o Ministério da Economia pediu um esforço adicional de R$ 3 bilhões a 13 órgãos federais, e mais da metade recaía sobre a Educação. Agora, o ministério revisou a previsão orçamentária.

Bloqueio ativo

Apesar da suspensão dessa segunda ordem, a primeira, de 29 de março, permanece válida.

Com isso, até o momento, o MEC continua com R$ 5,83 bilhões bloqueados no orçamento de 2019. O contingenciamento do MEC atinge tanto o ensino básico quanto as universidades e institutos federais.

Desse total, R$ 1,704 bilhão recai sobre o ensino superior federal. A cifra corresponde a 3,4% do orçamento total das universidades federais, e a 24,84% da verba discricionária (ou seja, excluindo salários e aposentadorias do cálculo) dessas instituições.

Em nota, o Ministério da Educação afirma que passou as últimas semanas negociando com a área econômica: “Para não limitar ainda mais o orçamento da pasta, o MEC manteve diálogo constante com o Ministério da Economia e apresentou o impacto dos bloqueios nas diversas áreas de atuação da pasta”, diz.

Em 15 de maio, estudantes realizaram protestos em todos os estados e no Distrito Federal contra os cortes. Houve manifestações em mais de 200 cidades.

G1

FOTO: Com participação de romeiros vindos do RN e estados vizinhos, procissão de Santa Rita de Cássia leva 80 mil pessoas às ruas de Santa Cruz

Foto: Divulgação

Mesmo sob uma temperatura de mais de 31 graus Celsius, a fé e a religiosidade levaram às ruas da cidade de Santa Cruz (RN) uma multidão de cerca de 80 mil pessoas que acompanharam a procissão de Santa Rita de Cássia, segundo revela a secretária de Turismo do municipio, Marcela Pessoa. O evento religioso reuniu romeiros e turistas vindos de diversas regiões do Rio Grande do Norte e de estado vizinhos, além de representantes da classe política potiguar, que foram recepcionados pelo deputado estadual Tomba Farias (PSDB), sua esposa, a ex-prefeita Fernanda Costa e o prefeito Ivanildo Filho, o “Ivanildinho”.

A governadora Fátima Bezerra (PT) e os deputados estaduais Francisco do PT e Ubaldo Fernandes (PTC) também acompanharam a procissão que percorreu as principais ruas da cidade e terminou no pátio da Igreja Matriz, onde o arcebispo metropolitano de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha, realizou a “Benção do Santíssimo”.

Para o deputado Tomba Farias, a procissão de Santa Rita de Cássia confirma Santa Cruz como um dos principais eventos religiosos do Rio Grande do Norte, atraindo à cidade romeiros de Pernambuco, Ceará e Paraíba, entre outros estados nordestinos.

Desde o último dia 13, Santa Cruz comemora a festa da padroeira Santa Rita de Cássia e assume o papel de “capital da religiosidade do Rio Grande do Norte”, por conta das comemorações alusivas à padroeira da cidade.

Segundo o prefeito Ivanildinho Filho, somente no último domingo, cerca de 300 ônibus de turistas e peregrinos lotavam o estacionamento principal do Santuário de Santa Rita de Cássia, onde está erguida a maior estátua católica do mundo.

Além de visitantes vindos em ônibus, famílias se deslocaram em carro particulares para Santa Cruz

O prefeito de Santa Cruz comemora ainda o fato de o resultado do grande fluxo turístico no município ter gerado um resultado positivo para a economia local, esgotando a oferta de leitos de hotéis e pousadas da cidade e lotando bares e restaurantes.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. nao tenho memoria curta disse:

    vai natal sofrida alienado. vende tudo que tem e entrga ao pastor do lugar que voce frequenta.

  2. Aparecida disse:

    Catolicismo, protestantes, islamismo, budismo, hinduísmo, judaísmo. E só existe uma verdade…rsrsrsrs

  3. natalsofrida disse:

    Não estou criticando amigo, o intuito é ajudar, muitas pessoas não conhecem a palavra de Deus, é preciso divulgar a verdade, somente assim a humanidade será livre do pecado. É preciso conhecer a verdade para não pecar contra nosso criador. Veja no velho testamento, quantas nações foram destruídas por causa da idolatria. Esse assunto é polêmico, pois existem muitas coisas envolvidas, poder, dinheiro e outras mais, mas estou fazendo a minha parte, o resto é com cada um, isso é pessoal. Vou repetir pra ninguém se sentir vitimizado, pois isso no Brasil está se tornando insuportável,: A intenção é ajudar, basta ler e decidir o que você quer, a verdade é uma só.

    • Gabriel disse:

      Homi vai cuidar de teus pecado que não deve ser pouco e deixa a fé do povo em paz…povo chato cheio de mimi esses evangélicos.

  4. natalsofrida disse:

    Respeito primeiro ao criador, depois o resto, se liga, esse negocio de liberdade total, está acabando com a humanidade, respeito ao criador é obrigatório, não é favor, ele fez tudo por nós. Para os nécios: " EU SOU O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA, NINGUÉM VEM AO PAI SE NAO POR MIM", é melhor rever seus conceitos Aparecida, a verdade é uma só.

    • Fátima disse:

      Vc certamente não conhece os milagres feito através da intercessão de Santa Rita.
      Eu já recebi graças e bênçãos !!!

  5. Patu disse:

    Como vc crítica a religião e devoção dos outros

  6. natalsofrida disse:

    Me desculpem, povo sem direção. O Deus verdadeiro odeia isso, adoração somente a ele. Êxodo 20:4-6.

Negado acréscimo de remunerações para servidores do Gabinete Civil do Governo do Estado

Tribunal de Justiça negou o pedido para a implantação nos contracheques dos representados pela Associação dos Servidores do Gabinete Civil – ASSERVIL da “remuneração correspondente a progressos funcionais” por antiguidade e merecimento que cada um teria. O pedido se baseou no artigo 8º da LCE nº 418/2010 e na tabela de vencimento mensal básico dos cargos públicos de provimento efetivo do quadro de pessoal do Gabinete Civil do Governador do Estado.

A decisão ocorreu após extensa apreciação deste Mandado de Segurança, sob relatoria do desembargador Cláudio Santos e com votos-vista de vários desembargadores.

Segundo a entidade, a Administração Pública Estadual relutaria em implementar os reflexos financeiros da progressão por tempo de serviço, já que se omitiria em garantir todas as progressões funcionais por merecimento dos servidores do GAC, quando seria líquido e certo o direito dos representados.

Contudo, o Pleno do TJRN, à unanimidade de votos, votou pela denegação da ordem (desprovimento do pedido), por não ter a Associação comprovado que os servidores do GAC foram submetidos ao crivo da avaliação de desempenho prevista na LCE nº 418/2010, bem como que se encontra o Estado no limite prudencial de gasto com pessoal.

Segundo a decisão, a Lei Complementar Estadual nº 418/2010, nos seus artigos 7º e 8º, estabelece que a progressão funcional do titular do cargo público de provimento efetivo do GAC ocorre com a movimentação do servidor público de um nível remuneratório para o outro imediatamente superior, devendo ser efetivada, alternadamente, por antiguidade ou merecimento. “Quanto a progressão funcional do titular do cargo público do GAC, por merecimento, preconiza o aludido diploma legal que deverá ser observado o interstício de dois anos no mesmo nível remuneratório, mediante avaliação de desempenho”, ressalta.

O julgamento destaca, então, que a avaliação exigida de desempenho deve ser feita pelo Órgão de lotação do servidor, o que não foi demonstrado na demanda, não havendo como aferir qualquer ilegalidade ou abusividade por parte da Administração Pública. “Logo, diante da míngua de provas do preenchimento do requisito legal acima apontado para que se assegure a progressão funcional dos servidores do quadro efetivo do GAC, há de se denegar a segurança”, destaca o relator, que teve a divergência de alguns desembargadores, no que se relaciona às partes que deveriam fazer parte da demanda.

Mandado de Segurança Com Liminar nº 2017.002653-2
TJRN

 

De Faustão a William Bonner, Globo vai passar a faca nos salários milionários. Veja quanto ganha cada um

Após iniciar uma forte redução nos valores do salário de Galvão Bueno e outros profissionais ligados área do esporte, a Globo também pretende passar a faca nos  contra-cheques milionários de grandes nomes da área artística. Estão na mira os seguinteS medalhões: Ana Maria Braga, Luciano Huck, Fátima Bernardes, Fausto Silva, Aguinaldo Silva, Pedro Bial e William Bonner.

O NaTelinha apurou que, inicialmente, os cortes na Globo girarão em torno de 20% a 40% e serão calculados em cima dos salários fixos e não sob os percentuais de participação que cada artista tem nos merchandisings. O assunto vem sendo tratado com alto sigilo dentro da Globo.

Neste cenário, os jornalistas que desempenham funções de apresentadores e pertençam ao núcleo de jornalismo, seriam os mais prejudicados. William Bonner não possui permissão para ser garoto propaganda de marca e incrementar seus vencimento. Diferente dos jornalistas que migraram para a área de entretenimento, como é o caso de Tiago Leifert, Patrícia Poeta e Fernanda Gentil, mais recentemente.

As informações sobre corte nos salários de grandes estrelas já foram vazadas dentro da Globo e causou um forte rebuliço entre alguns contratados.

A faca nos vencimentos milionários de medalhões do casting faz parte de um processo de readequação financeira que a Globo pretende realizar nos próximos meses. Alguns contratados que  estão próximos da renovação de contrato já foram procurados pela direção da emissora para discutir a redução salarial.

A reportagem obteve a tabela dos salários de alguns apresentadores da Globo, incluindo os valores com merchandising durante referente o mês de abril. Confira:

Corte no salário de Galvão Bueno Os primeiros medalhões da Globo a sentir a faca da nova política salarial da emissora foi Galvão Bueno e Cléber Machado.  Os narradores esportivos tiveram seus salários reduzidos em torno de 50%.

Para compensar a queda drástica nos vencimentos, a Globo mudou a regra que também valia para o setor de esporte e passou a autorizar profissionais ligado ao setor a realizar propagandas durante as partidas esportivas.

O primeiro a estrear as novas normas será Galvão Bueno. O locutor vai faturar cerca de R$ 200 mil com ações de merchandising que devem iniciar na Copa América, que começa em junho.

Queda no faturamento

O resultado financeiro da Globo em 2017, que foi publicado em diversos jornais, informa que o porta da web e a emissora de TV obtiveram uma queda de faturamento de 4,6% em relação a 2016, e 8,2% na comparação com 2015.

No total, no último ano, a TV Globo acumulou um prejuízo de R$ 83,3 milhões.

UOL / NA TELINHA

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. JBBatista. disse:

    Todo mundo agora é contra a globobosta, quando chega o Big Brother é tudo pagando e votando nos sem futuro

  2. Paulo disse:

    Viva Bolsonaro 👏👏👏👏👏👏

  3. paulo disse:

    BG
    Acabou a mamata, esse lixo tem que cair mesmo, inclusive os jornalistas comprometidos com políticos nefastos ao Povo Brasileiro.

  4. #Lula Na Cadeia sempre disse:

    Acabou o dinheiro da quadrilha PTralha

  5. DJ Manynho disse:

    Quanto dinheiro jogado fora, absurdo o salario dessa turma, Faustão e o que o gato enterra é a mesma coisa. Brincadeira! Faustão de graça ainda é caro… ôh loco meu!

  6. Emilio disse:

    so paga salario nesses valores porque tinha patrocínio do governo, quando perdeu o sapato apertou
    um absurdo esses salários por isso não acredito nesse Brasil, tenho 46 anos e escuto a mesma conversa dos mesmos politicos e o mesmo povo se lamentando e votando para os mesmos

  7. Ivan disse:

    Super salários, com verba federal jorrando e apoio incondicional do BNDES, fica fácil pagar…Agora vai precisar investir um pouco mais em Gestão!!!!

  8. Anti-Comunista disse:

    NÃO TEM MAIS O MENSALÃO DA PROPAGANDA OFICIAL.

    • Anti-Político de Estimação disse:

      Apenas trocou de lugar, o dinheiro agora vai para a RECORD, SBT e em breve a REDE TV. Não se iluda contribuinte/eleitor.

  9. Tarcísio Eimar disse:

    Corta corta da estrela, Plin plin

  10. Arruda disse:

    Da lhe Mito!!
    Viva o nosso presidente.
    A Globo lixo tem é que fechar as portas.
    Reduzindo salários???
    Cadê a comentarista MIRIAM LEITÃO????
    O nome disso é corte nos salários ou contigenciamento????

    Kkkkkkkkkkkkkkkkk

  11. Luladrão Encantador de Asnos disse:

    Vai fechar, se Deus quiser, pra aprender de qual lado está a maioria.
    Saber que o povo de bem não aguenta mais essa programação anti cristã, essa propaganda maciça contra a família.

  12. Joao maria disse:

    Um salario minimo ja era muito

  13. Valdemir disse:

    Viviam ostentando e poluindo nossos ouvidos, o mito cortou essa farra absurda que era usada com dinheiro público. Acabou a farra das grandes mídias. Dinheiro do povo, será utilizado nas nescessidades da nação, apesar da saída do COAF do MJ. Esse é um governo sério.

    • JBBatista. disse:

      Amigo, muda de canal a TV é nossa e temos a liberdade para isso.