Papa Francisco diz que ‘populismo deve servir às pessoas e não incitar o ódio’

Papa Francisco recomendou um populismo do tipo cristão, depois de ser atacado por políticos italianos por defender os imigrantes. A uma multidão de cerca de 100 mil pessoas reunidas para uma missa ao ar livre, Francisco afirmou neste sábado que “o único populismo possível” é o do modelo cristão, que “ouve e serve ao povo, sem gritar, acusar e incitar brigas”.

O papa falou em Palermo, capital da Sicília, neste sábado. Centenas de milhares de imigrantes resgatados no mar Mediterrâneo nos últimos anos foram levados para os portos da ilha. Francisco defendeu com firmeza os direitos dos imigrantes.

O novo governo populista da Itália tem tentado desencorajar a chegada de mais imigrantes ao país. O ministro do Interior italiano, Matteo Salvini, insiste que as pessoas que forem resgatadas no mar de barcos de traficantes não terão permissão de entrada na Itália. A posição de Salvini sobre a imigração contrasta com os pedidos de solidariedade de Francisco, mas pesquisas de opinião indicam que sua popularidade está aumentando.

Durante a visita à Palermo, para homenagear um padre morto pela máfia por tentar proteger jovens do crime organizado, o papa também se dirigiu aos membros do grupo, pedindo que renunciassem à busca de poder e dinheiro. “Digo aos mafiosos: mudem, irmãos e irmãs. Parem de pensar em vocês mesmos e no seu dinheiro. Vocês sabem, uma mortalha funeral não tem bolsos. Você não pode levá-lo com vocês”, falou Francisco, durante sua homilia.

A viagem de um dia de Francisco à ilha do Mediterrâneo, onde a Cosa Nostra está enraizada, marca o 25º aniversário do assassinato Padre Giuseppe “Pino” Puglisi, que foi declarado mártir pelo Vaticano e beatificado em 2013, último passo formal antes da possível declaração de santidade.

Dezenas de milhares de pessoas aplaudiram Francisco. Um grupo de jovens estendeu uma faixa que dizia “Vamos renovar a Igreja”. A declaração ocorre em um momento de pressão crescente para que o papa diga o que sabe sobre a conduta sexual imprópria do cardeal e arcebispo emérito dos EUA, Theodore McCarrick, que recentemente foi suspenso do exercício público de seu ministério sacerdotal.

Terra

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Net disse:

    Tá bom dele espulsa a viadagem do Vaticano uma vergonha o que acontece por lá depois ele vai olha para o resto papa hipócrita.

  2. Dinarte Cavalcante disse:

    Chico papudo é a pior mazela que a igreja católica pariu nesses dois milênios. É hipócrita, caviloso, velhaco e disfarçado. Um acobertador de sebentos de batina pedófilos e de pervertidos sexuais. Vade retro, maldito!

  3. Fábio disse:

    Saudades de Bento XVI.

  4. Chico disse:

    Tá vendo petralhas, por isso que o papa deu as costas pra o luladrão. Só aí que foram arranjar guarita no quarto de despejo da ONU. Rsrsrs

    • costa disse:

      Mas um ASNO a ladrar, tão idiota, quanto o bandido do Bostanaro. Os os imbecis eleitores de Bostanaro, todos os outros são ladrões, apenas esse bandido, que em 30 anos, nunca aprovou um projeto, patrimônio totalmente fora do padrão de um, ex-militar, quase expulso, que falsamente é chamado de capitão, porra nenhuma, apenas um ex-militar, imbecil tal qual os Asno que os cheguem. Quanta hipocrisia. O que lula roubou foi o coração de todos os seus, por isso a revolta.

  5. Sanduba disse:

    Papa Francisco é um homem bom. E, sendo bom, defende as minorias e os oprimidos, os que sofrem e têm sede de justiça. Por aqui, há eleitores de um certo candidato que chamam aqueles que defendem os imigrantes venezuelanos de comunistas. Será que o papa Francisco é comunista? O Grande Inquisidor seria capaz de condenar o próprio Cristo se Ele voltasse ao nosso mundo e defendesse os oprimidos, os homossexuais ou se condenasse o uso da violência, a liberação do porte de armas.

    • Juan disse:

      Só faltou falar que Jesus já retornou, barbudo e está preso em Curitiba. Eita lavagem cerebral bem feita.

  6. Leo disse:

    Perfeito Franciaco!

COMENTE AQUI