Parlamentar acompanha obras de saneamento do San Vale

A realidade da região do San Vale, no bairro de Candelária, zona Sul de Natal, onde é cobrado um dos IPTUs mais caros da cidade, deve mudar em breve. Uma decisão judicial que impede a ampliação da infiltração de esgotos no solo e por conseguinte a construção de novas edificações no quadrilátero formado pela BR 101, Avenida Omar O’Grady, Av. da Integração e Av. dos Xavantes, como forma de preservar as condições de utilização da água para abastecimento público nas regiões leste e oeste da cidade não terá mais sentido de ser cumprida, uma vez que está em vias de conclusão as obras de esgotamento sanitário na região e já existem ruas que não devem ser construídas galerias de águas pluviais e que já podem receber pavimentação.

Com o intuito de acompanhar o andamento das obras de esgotamento sanitário, dirimir dúvidas de moradores que observaram que ainda não ocorreu a implantação das redes em suas ruas e verificar quais logradouros já estão aptos para pavimentação e drenagem, que deve vir a ser executada pela prefeitura, a vereadora Nina Souza esteve na Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (CAERN), em reunião com a Diretora de Empreendimentos, Geny Formiga. Na ocasião também esteve presente o engenheiro sanitarista Sérgio Pinheiro.

“Havia um argumento de que só poderiam ser indiciadas as obras de pavimentação e drenagem no San Vale, após o saneamento, no entanto, essa fase já está praticamente superada e a rede já está executada em várias ruas. Então, já podemos trabalhar junto a prefeitura para definir alternativas para implantação dessas obras”, explicou Nina Souza.

Segundo Geny Formiga, a CAERN está trabalhando para dotar o San Valle de 100% de cobertura de esgotamento sanitário. “Já foi instalado 80% da rede coletora (tubulações) e a as Estações Elevatórias devem iniciar em breve”, afirmou a gestora.

Como forma de viabilizar alternativas de garantir os recursos necessários, a vereadora Nina Souza já está em articulação com o Deputado Federal General Girão, para que o Governo Federal disponibilize recursos para implantação da pavimentação e drenagem, que segundo levantamento da Secretaria Municipal de Obras Públicas e Infra-estrutura (SEMOV) são da ordem de 90 milhões de reais.

“Desde o início do mandato estamos trabalhando para melhorar a realidade do San Vale e também já estamos montando um grupo de trabalho que irá propor reestruturações dentro do Plano Diretor que atendam essa demanda da região, bem como definir junto a comunidade prioridades de implantação das obras de pavimentação e drenagem, como forma de otimizar a aplicação dos recursos que vierem a ser disponibilizados”, concluiu a vereadora Nina Souza.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Salerno disse:

    Para o saneamento totaldo San Vale e Parque das Colinas também está pendente a construção da ETE Guarapes, que estava parada e a nova previsão é para o final do ano que vem, sem contar novos atrasos. Então, esta decisão judicial ainda vai demorar muito devendo ser cumprida.

  2. nasto disse:

    Quem pegou o dinheiro referente a estas ruas que são consideradas calçadas e estão no barro?
    Precisamos saber onde estar o dinheiro. Em Natal como um todo , só se ver ruas sem pavimentação e na prefeitura consta como pavimentada. O Roubo é GRANDE. A mesma coisa é esse serviço de saneamento que estão fazendo em Natal, Parnamirim, etc: É Péssima qualidade o
    serviço. O que sobra de pedra não tem quem conte. Emendas de tubulação mal feitas , as chamadas bocas de lobo fazem vergonha. Onde anda a fiscalização ? Será que esse País ainda tem jeito?

  3. Ana disse:

    O parque das colinas você tem essa mesma situação, paga um dos maiores iptu da cidade, e a prefeitura não oferece absolutamente nada em troca para seus moradores. Não tem saneamento, calçamento, iluminação, segurança nada nada nada. O bairro não cresce e nada dá certo pq insistem em jogar para o povo a inoperância das ações da prefeitura. Comprei um terreno na região para construir minha casa a mais de TRINTA ANOS, e até hoje não se pode fazer nada no local pois somos impedidos pela irresponsabilidade de nossos gestores de construir um barraco no local. Agora nosso iptu, todo ano esses canalhas nos cobram sem dó nem Piedade cristã.

    • Nina Souza disse:

      Ana, o projeto que a prefeitura concebeu engloba Parque das Colinas também. Entre em contato conosco para repassar as informações. O recurso que estamos pleiteado atenderá o Parque das Colinas. Estamos montando grupo de estudos para discussão na revisão do plano diretor. Entre em contato, por favor.

  4. Marcelo disse:

    Gostaria de saber se essas obras contemplarão o Parque da Colinas?

  5. Alana Martins disse:

    Graças a Deus, alguém olhando para o San vale. Parabéns Nina, os moradores agradecem. 👏🏻👏🏻👏🏻

  6. Julia disse:

    Natal parou no tempo com essa proibição de obras do MP. ZP1 não pode nada mas do ouro lado do Rio Pitimbu e da Br101 pode. Embora seja o mesmo lençol freático. Promotora pessoa non grata dos moradores.

  7. françois cevert disse:

    Vereadora olhe pra outra margem da BR 101 por tras do shoping automall e cond.laqua existem ruas sem calaçamentos e incabadas que facilitariam o acesso aos usuarios da br 101 acessar o bairro de neopolis não adianta melhorar a br 101 se não melhorar os acessos a ela. Mesma coisa no bairro de neopolis que existem varias ruas sem calçamentos que constam na prefeitura como calçadas.

COMENTE AQUI