SÉRIE C: Restando 15 pontos na disputa da 1ª fase, ABC e Globo podem sonhar com G4, mas risco da degola é realidade; rebaixado teve 20 pontos em 2017

Zona da degola “paquera” pelo menos seis times

Por Rodrigo Matoso

Restando cinco rodadas para o término da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série C, ABC e Globo ao mesmo tempo que nutrem esperanças por uma classificação entre os quatro primeiros do grupo A, para a consequente fase de mata-mata, também estão com sinal de alerta sob a zona de rebaixamento.

Neste momento, o alvinegro em sétimo, com 15 pontos, e o time de Ceará-Mirim, em sexto, com 17, estão muito próximos do Confiança-SE, em quarto, com 19 e, perigosamente, perto dos times que lutam contra as últimas posições.

Por sorte, apenas dois de cada grupo descem para a Série D. Ainda assim, os potiguares precisam ficar alertas. Remo-PA, em último, com 11 pontos, e Juazeirense-BA, antepenúltimo, com 13, amargam o z2. O Salgueiro-PE, em oitavo, com 15, também tenta escapar da degola.

Fazendo um comparativo, no ano passado, pelo mesmo grupo A, o ASA-AL, com 13, e Moto Club-MA, com 20, foram os rebaixados.

Olhando para parte debaixo da tabela, especialmente o ABC, dos 15 pontos que ainda lhe restam na disputa, seis deles serão disputados contra times que lutam diretamente contra o descenso.

Após o Confiança-SE neste sábado(14), no Frasqueirão, na rodada seguinte, no dia 22, também em Natal, encara o Salgueiro-PE.  Na rodada seguinte, o Remo, no Pará, dia 28. E nos dois últimos jogos, enfrenta os dois primeiros colocados do momento: Náutico, em Pernambuco, e fecha contra o Atlético do Acre, na capital potiguar.

Situação do Globo

Sinal total de alerta. Encara o terceiro colocado, Santa Cruz, em Recife, nesse sábado(14), e  o atual líder Atlético do Acre, fora de casa, no outro fim de semana. Na sequência, dois jogos em casa. No dia 28, em Ceará-Mirim, duela contra o Náutico, em ótima fase no G4, e depois o Botafogo-PB. Fecha a participação na 1ª fase contra o Confiança, em Sergipe.