Advogada transexual que havia sido presa com maconha, é novamente detida após furto em supermercado de Mossoró

Foto: Montagem/Ivanúcia Lope/Inter TV Costa Branca

O Justiça Potiguar destaca nesta quarta-feira(18) que a advogada transexual Maitê Ferreira Nobre, de 24 anos, foi presa em flagrante na tarde dessa terça-feira (17), após furtar um queijo e uma castanha do Pará de um supermercado no Centro de Mossoró. Maitê já havia sido presa há menos de um mês por tráfico de drogas.

Segunda a polícia, Maitê Ferreira teria colocado dois itens sem pagar durante uma compra de R$ 86,00 no supermercado. O sistema monitoramento do estabelecimento percebeu a ação da advogada, e a segurança deu voz de prisão. A Polícia Militar foi acionada e conduziu a advogada para Delegacia de Furtos e Roubos para ser autuada pelo crime. Veja mais detalhes aqui em texto na íntegra.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Manoel disse:

    Da primeira vez que foi presa ela alegou que era perseguição porque era transsexual…
    Quando recebeu a carteira da OAB gritou Lulalivre! e ela que foi presa, ironia da vida.

  2. BC3331986GAC disse:

    Made of PT.

  3. vilanir gurgel disse:

    vão acusar o supermercado de Homofobia, Preconceito, Racismo, Bulling

  4. Cláudio disse:

    Advogada formada na era do PT… não precisa dizer mais nada.

    • Jorge Luiz Mendes disse:

      Isto é formação de caráter não por estudo de formação.

  5. Bento disse:

    Depois quer respeito

    • Diogo disse:

      Foste lúcido, sem destilar ódio ou babaquice. É isso aí, furtou tem que pagar.

  6. Antonio Barbosa Santos disse:

    Uma advogada dos tempos atuais.
    Passa mais tempo em audiência de custódia tentando ser solta que defendendo os clientes.
    A OAB sequer vai abrir PAD. Quem aposta?

    • BC3331986GAC disse:

      OAB ?kkkkkk, Já passou da hora desses " Adevogados " ir as ruas saber o que o Povo Honesto pensam deles.