CASO MINEIRO/BETO ROSADO: Prefeitura declara que Kerinho não tinha vínculo efetivo e desmente versão

Foto: reprodução

Um novo documento apresentado pela Prefeitura de São José do Seridó-RN, na qual o então candidato a deputado federal em 2018, Kericles Alves, o “Kerinho”, afirmou perante a Justiça Eleitoral ser servidor efetivo, comprovou que o mesmo não tinha o vínculo que garantia a estabilidade no serviço público.

O documento vem à tona em meio ao pedido de inelegibilidade, o que abriria hipótese de mudança na Câmara Federal, com uma troca de Beto Rosado por Fernando Mineiro, no caso da anulação de votos de Kerinho.

Confira a reportagem completa AQUI, no site Justiça Potiguar.