2019, o ano em que exterminaremos a enxaqueca; novo remédio tomado a cada 3 meses promete livrar crises para o resto da vida

A enxaqueca afeta um em cada cinco brasileiros, é três vezes mais comum em mulheres e as crises de dor podem durar até 72 horas. Mesmo assim, não existem remédios específicos para esse tipo de dor de cabeça. Quem tem crises frequentes precisa se virar com analgésicos e tratamentos com medicamentos criados para outras doenças.

Mas isso pode melhorar em breve, com o desenvolvimento de uma injeção que previne as crises com apenas uma dose a cada três meses. Segundo o relatório da Adler Biopharmaceuticals, 98% dos participantes da fase de testes tiveram alguma redução no número de crises por 12 semanas, com apenas uma dose do remédio.

Na maioria dos voluntários, o número de crises por mês caiu pela metade. Um terço deles teve 75% menos crises do que o normal e 8% não tiveram crise nenhuma.

Os principais sintomas da enxaqueca são dores pulsantes na cabeça, sensibilidade à luz e náusea. Aos primeiros sinais de dor, analgésicos podem barrar a crise, mas muitas pessoas não têm alívio nenhum com eles.

Atualmente, quem tem crises crônicas e resistentes faz tratamentos preventivos com remédios para outras doenças. Anticonvulsivos, desenvolvidos para tratar epilepsia, como o topiramato e o valproato sódico, são um exemplo. Betabloqueadores, utilizados para tratar problemas de coração, também são usados para prevenir as crises. Mas esses medicamentos vêm com uma grande quantidade de reações adversas.

O estudo da Alder não trata dos possíveis efeitos colaterais da injeção, mas ela tem sido aprovada em todos os testes de segurança. A droga deve ir este ano para a última fase de testes clínicos e, se os resultados continuarem positivos, ela pode ser aprovada para a comercialização em 2019.

Super Interessante

COMENTE AQUI

Brasileiro leva luta contra deportação à Suprema Corte dos EUA; Wescley Pereira, de 37 anos, vive há 18 anos no país e tem duas filhas americanas

Imigrante ilegal é revistado por oficiais de imigração, em Nova York – John Moore/Getty Images/AFP

Wescley Pereira precisa provar que o tempo não parou. Esse brasileiro que vive há quase duas décadas sem documentos nos Estados Unidos luta para não ser deportado num caso que pode abrir um precedente para milhares de outros imigrantes na mesma situação que a dele.

E a contagem dos anos que ele passou em solo americano é o pivô da batalha jurídica que acaba de chegar à Suprema Corte do país. Se não quiser voltar para o Brasil, Pereira deve convencer os juízes da mais alta instância da Justiça americana que uma intimação que ele recebeu há mais de uma década não travou o relógio legal para ele.

Uma regra dos anos 1990 determina que um imigrante ilegal que tenha vivido no mínimo dez anos no país sem cometer nenhum crime pode pedir o chamado “cancelamento de remoção”, desde que prove também que sua expulsão do território americano causaria grande sofrimento a seus parentes que são cidadãos ou residentes legais permanentes.

Mas o pintor e faz-tudo que vive na ilha de Martha’s Vineyard, a colônia de férias favorita de presidentes e endinheirados no nordeste americano, recebeu em 2006 uma intimação pedindo que ele fosse a um tribunal para o início de seu processo de deportação.

No entendimento de alguns advogados, a notificação teria interrompido naquele instante a contagem dos anos que Pereira passou nos EUA, o que o tornaria inelegível para um eventual perdão do juiz.

“O governo dá início a um processo de deportação com uma intimação”, diz Jessica Vaughan, do Center for Migration Studies, grupo que defende regras mais duras anti-imigração. “Não deve importar quando, onde e a que horas a audiência vai acontecer.”

Outros especialistas, no entanto, alegam que, como a intimação não especificava data nem hora e local para que ele se apresentasse às autoridades, o seu efeito seria nulo, dando a ele o tempo de permanência exigido pela regra.

Pereira, que tem agora 37 anos, entrou no país aos 19 com um visto de turista e nunca mais voltou para casa. Além de ressaltar o tempo que passou aqui, seu pedido para ficar nos EUA argumenta que sua expulsão prejudicaria suas duas filhas pequenas, que nasceram na ilha onde vive e, por isso, são cidadãs americanas.

“Há muitas pessoas nessa situação em que um tempo passou entre uma intimação e outra e precisam saber se isso conta ou não conta”, disse David Zimmer, um dos advogados do brasileiro, a uma rádio de Boston. “Se o tempo contar, isso pode determinar que ele seja ou não elegível para um cancelamento de remoção.”

Juízes de tribunais inferiores nos EUA discordam sobre essa questão, e a decisão da Suprema Corte sobre o caso de Pereira, aguardada para junho, pode determinar o fim das dúvidas sobre esses casos.

Folha de São Paulo

 

COMENTE AQUI

Ex-combatente no Afeganistão recebe primeiro transplante de pênis e escroto no mundo em cirurgia de 14 horas

Médicos da Universidade Johns Hopkins (JHU, na sigla em inglês) anunciaram nessa segunda-feira (23) a conclusão do primeiro transplante total de pênis e escroto em um militar que foi ferido no Afeganistão.

A cirurgia de 14 horas de duração foi feita em 26 de março por uma equipe de nove cirurgiões plásticos e dois cirurgiões urologistas, anunciou a JHU em nota.

“Estamos otimistas que esse transplante vai ajudar a restabelecer as funções urinária e sexual próximo do normal para este jovem homem”, disse W.P. Andrew Lee, professor e diretor de cirurgia plástica e reconstrutiva na Escola de Medicina da JHU.

Segundo os médicos, o rapaz deverá voltar a urinar pelo pênis nas próximas semanas e, por fim, deverá recuperar sensibilidade o suficiente para ter ereção. Mas a extensão de sua função sexual só será conhecida em cerca de seis meses.

O paciente foi gravemente ferido há alguns anos na explosão de um artefato artesanal no Afeganistão, explicou Lee.

Todo o pênis, o escroto sem os testículos e parte da parede abdominal vieram de um doador falecido.

O militar pediu anonimato, mas divulgou uma curta nota, dizendo que espera deixar o hospital na semana que vem.

“É um ferimento realmente incompreensível, não é fácil de aceitá-lo”, disse. “Quando acordei, finalmente me senti mais normal”, completou.

O paciente consegue se levantar e dar alguns passos e deve ter alta do hospital esta semana.

Transplantes penianos já haviam sido feitos, mas a soma do escroto representa um avanço adicional para a medicina.

Embora também tenha perdido os testículos na explosão, os médicos não os restauraram no transplante.

“Os testículos não foram transplantados porque nós tomamos uma decisão no início do programa de não transplantar tecido que produza esperma porque isto traria uma série de questões éticas”, explicou o cirurgião plástico da JHU, Damon Cooney.

“Em particular, a capacidade do receptor do transplante em ter filhos resultaria na transmissão do material genético do doador do tecido transplantado à descendência do receptor”, prosseguiu Cooney.

Embora tenha preservado a próstata na explosão, como perdeu os testículos, ele não conseguirá ejacular.

O primeiro transplante de pênis do mundo foi feito na China, mas precisou ser removido posteriormente devido “a um severo problema psicológico no receptor e em sua esposa”, explicaram os médicos.

Ainda segundo eles, apenas quatro transplantes penianos foram realizados com sucesso, inclusive o anunciado nessa segunda.

Dois foram feitos na África do Sul, país onde foi realizada a primeira cirurgia bem sucedida, em 2015. Os Estados Unidos fizeram o primeiro transplante peniano exitoso em 2016.

UOL

COMENTE AQUI

Ibope: só 19% dos brasileiros pretendem ter filhos nos próximos 2 anos

Nos próximos dois anos, apenas 19% dos brasileiros pretendem ter filhos, 17% por gravidez e 2% por adoção. É o que mostra uma pesquisa sobre natalidade, divulgada pelo Ibope. Do total de entrevistados, 79% não pretendem ter filhos até 2020, e 2% não sabem.

A pesquisa do Ibope foi realizada entre os dias 15 e 18 de março com 1.491 pessoas com mais de 16 anos, em 143 municípios de todas as regiões do país.

Foto: (Marcelo Camargo/Arquivo Agência Brasil)

O Nordeste é a região onde as pessoas estão mais abertas à maternidade/paternidade, 19% pretendem ter filhos biológicos e 3% querem adotar uma criança. Lá, 76% não pretendem ter filhos. Na Região Sul, apenas 11% pretendem ter filhos biológicos, e 87% não pretendem nos próximos dois anos.

No Sudeste, 18% querem filhos biológicos e 2% querem adotar; 77% não pretendem ter filhos. No período de dois anos, nas regiões Norte e Centro-Oeste, 16% dos entrevistados pretendem ter filhos, por meio de uma gravidez e 1% por adoção; 82% não querem filhos.

Parto natural ou cesária

Entre os que pretendem ter filhos, 76% querem o parto normal em uma maternidade ou hospital, e 3% querem o parto em casa. Mesmo no caso de uma gravidez sem complicações, ou seja, quando não há risco nem para a mãe e nem para o bebê, 20% pretendem fazer uma cesariana.

Agência Brasil

 

COMENTE AQUI

Conmebol quer seis das 24 vagas no novo Mundial de Clubes da Fifa

A Conmebol quer seis vagas no novo Mundial de Clubes que a Fifa planeja tirar do papel a partir de 2021. Como o GloboEsporte.com mostrou na semana passada, a proposta da entidade é criar um torneio com 24 participantes que seja disputado a cada quatro anos.

No plano apresentado ao Conselho da Fifa no mês passado em Bogotá, a divisão das vagas entre os continentes prevê quatro vagas diretas para a América do Sul e mais uma vaga numa repescagem a ser disputada contra um representante da Oceania.

Pela proposta original da Fifa, a Conmebol mandaria ao Mundial os quatro últimos campeões da Libertadores; os quatro últimos campeões da Sul-Americana disputariam a vaga da repescagem. Se um time ganhar a Libertadores mais de uma vez no período de quatro anos anterior ao Mundial, o ranking da confederação deve ser usado como critério para classificação.

De acordo com a proposta da Fifa, as 24 vagas seriam assim divididas: 12 para a Uefa, 4,5 para a Conmebol, 0,5 para a Oceania, 2 para a Concacaf, 2 para a Ásia, 2 para a África e 1 para o país-sede.

O assunto voltará a ser discutido em breve, já que a Fifa quer acelerar a aprovação da criação do torneio. Nesta segunda-feira, o jornal americano “The New York Times” informou que o presidente da entidade, Gianni Infantino, convocou uma reunião de emergência com os seis presidentes das confederações continentais de futebol para tratar do assunto.

Não se trata só de uma questão esportiva: a Fifa tem sobre a mesa uma proposta no valor de US$ 25 bilhões de um fundo de investimento interessado em comprar os direitos de três edições do torneio – e mais os direitos de uma espécie de “liga mundial de seleções”, ainda a ser criada.

Globo Esporte

COMENTE AQUI

Recurso é rejeitado e Estado terá que efetivar correções monetárias após atraso salarial para agentes penitenciários

Os desembargadores que integram o Pleno do Tribunal de Justiça do RN rejeitaram os Embargos de Declaração movidos pelo Estado do Rio Grande do Norte contra Mandado de Segurança coletivo que favoreceu, em parte, o Sindicato dos Agentes Penitenciários estaduais (Sindasp), os quais pediam a efetivação do pagamento salarial até o último dia de cada mês. O ente público alegou no recurso que alguns apontamentos deixaram de ser apreciados pela Corte potiguar, mas o argumento não foi acolhido pela relatoria e acompanhado à unanimidade pelos integrantes do Pleno.

Segundo o ente estatal, o TJRN teria deixado de se pronunciar a respeito do artigo 5º, da Constituição Federal (Princípio da isonomia) e artigo 393, parágrafo único, do Código Civil (caso fortuito e força maior como excludentes da responsabilidade civil), requerendo, assim, a complementação do julgado, para fins de prequestionamento.

Contudo, para a relatoria, sob voto do desembargador Vivaldo Pinheiro, há precedentes jurisprudenciais da Corte de Justiça estadual, que gera a necessidade de ser determinado, às autoridades, a aplicação da correção monetária sobre os valores remuneratórios pagos aos servidores substituídos após o último dia do mês, nos termos do artigo 28, da Constituição Estadual.

Segundo a decisão, a constitucionalidade da medida é reconhecida pelo Supremo Tribunal Federal (STF), na ADI 144, com a prevalência do princípio da dignidade da pessoa humana, em detrimento do alegado déficit financeiro e orçamentário. O julgamento ainda ressaltou que o pleito do sindicato representa verbas de natureza alimentar.

“Como se observa, os embargos não merecem acolhida. Isto porque, conforme entendimento do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ainda que manejados com a finalidade de prequestionamento, os Embargos de Declaração demandam a ocorrência de algum dos vícios constantes do artigo 1.022 do Código de Processo Civil (CPC)”, destacou o desembargador, ao enfatizar que, na situação em análise, não houve omissão alguma a ser suprida, uma vez que a controvérsia foi enfrentada com a devida fundamentação e em perfeita consonância com a jurisprudência pertinente, nos limites necessários exigidos pelo feito.

(Embargos de Declaração em Mandado de Segurança n° 2016.007079-0/0001.00)
TJRN

 

COMENTE AQUI

gust  24/04/2018

O estado recorre para não cumprir uma obrigação que ele impõe a quem lhe deve. - Responder

Viagens, combustível e assessoria aos senadores potiguares custaram quase R$ 3 milhões em 4 anos. Fátima lidera com mais de R$ 1 milhão

Quase R$ 3 milhões. Esse foi o montante que os três senadores potiguares (Fátima Bezerra, do PT; Garibaldi Alves Filho, do MDB; e José Agripino, do DEM) gastaram da chamada “cota parlamentar” nos últimos quatro anos de mandato, segundo dados disponíveis no portal do Senado Federal. A petista, pré-candidata ao Governo do Estado, teve o mandato “mais caro” até o momento, com mais de R$ 1 milhão em despesas custeadas pela Casa até agora.

Das despesas de Fátima Bezerra, a que mais se destaca são os custos com passagem aérea. Foram R$ 404 mil só com despesas relacionadas a viagens de avião. Ela foi, de longe, a que mais desembolsou recursos públicos com isso. Só em 2015, no primeiro ano de mandato dela, foram R$ 139 mil com passagens aéreas.

O segundo maior gastador do trio potiguar no Senado foi José Agripino, ex-presidente nacional do Democratas. Os últimos quatro anos do mandato dele estão custando R$ 991 mil para os cofres públicos, sobretudo, com a rubrica “locomoção, hospedagem, alimentação e combustíveis”. Nesse quesito, destaca-se a despesa mensal do senador com a Espacial Car Rental LTDA, que custam ao Senado R$ 6,8 mil todos os meses.

O mais “econômico” foi o presidente estadual do MDB, Garibaldi Alves Filho, que deve ser candidato a reeleição neste ano (assim como Agripino; Fátima tem mais quatro anos no Senado). Dos R$ 869 gastos por ele da cota indenizatória, boa parte foi neste ano, quando o senador desembolsou, em menos de quatro meses, R$ 125 mil – apenas R$ 70 mil a menos do valor gasto por ele durante todo o ano de 2016.

E das despesas do senador emedebista, chamaram mais a atenção a “contratação de serviços de apoio ao parlamentar”, que consumiu R$ 68 mil em apenas quatro meses. Só gastos relacionados a redes sociais (apresentação de dados, mapeamento de redes e produção de textos), o senador desembolsou R$ 17,5 mil em março.

LEVANTAMENTO

Segundo matéria produzida pelo G1.com, em 2017 o Senado Federal gastou R$ 26,6 milhões da cota indenizatória, que é um valor restituído pela Casa para as despesas dos senadores com o chamado “exercício parlamentar”. Nessa cota, não estão inclusas as despesas com a equipe fixa de assessoramento dos senadores, mas entra sim uma eventual contratação de pessoa jurídica para esse serviço.

Garibaldi Filho, por exemplo, tem em seu gabinete em Brasília 25 assessores contratados pelo Senado e outros 19 no escritório de apoio, localizado em Natal. Mesmo assim, pagou R$ 4 mil por “serviço de exame de projetos pertinentes ao mandato sob o aspecto jurídico” a Adélia Morbeck Sociedade Individual de Advocacia, em março deste ano. Em abril, pagou outros R$ 17 mil para a Agência Brasileira de Comunicação LTDA, para “acompanhamento em sessões plenárias, comissões e analise de pareceres” e “serviços de consultoria em planejamento estratégico, preparação de proposições legislativas, pronunciamentos e consultorias de imagem”.

COMENTE AQUI

[email protected]  24/04/2018

É o que ela pensa, tem muito caminho a ser percorrido, não é tão fácil assim. temos que ter muito cuidado para eleger um bom governador. - Responder

Debby  24/04/2018

Isso tem que acabar....Essa mulher quer ser Governadora do Estado.... - Responder

  24/04/2018

Bando de partasitas e tem gente que ainda se mata por eles - Responder

CONHEÇA OS DETALHES: Receita regulamenta Refis para micro e pequenas empresas já está valendo

A Receita Federal publicou nesta segunda-feira (23) no “Diário Oficial da União” (DOU) duas resoluções que regulamentam o Programa Especial de Regularização Tributária (Pert) das micro e pequenas empresas optantes do Simples Nacional. As normas foram editadas após o Congresso Nacional ter derrubado, no começo do mês, o veto do governo ao novo Refis.

De acordo com as regras publicadas, as empresas podem aderir ao programa até 9 de julho de 2018 e renegociar débitos registrados até novembro de 2017, que poderão ser parcelados em até 15 anos.

Regras

As cinco primeiras parcelas vencerão a partir do mês de adesão. O contribuinte deve pagar à vista 5% da dívida consolidada (com as atualizações). O saldo restante poderá ser liquidado em uma única parcela, com o benefício de redução de 90% dos juros de mora, 70% das multas de mora e 100% dos encargos legais, inclusive honorários advocatício.

Outra opção para os 95% é parcelar em até 145 pagamentos mensais, com redução de 80% dos juros de mora, 50% das multas de mora e 100% dos encargos legais, inclusive honorários advocatícios.

Uma terceira alternativa é parcelar os 95% em até 175 mensais, com redução de 50% dos juros de mora, 25% das multas de mora e 100% dos encargos legais. A escolha da modalidade ocorrerá no momento da adesão e será irretratável, informa a Receita.

O valor da parcela mínima será de R$ 50 para o Microempreendedor Individual (MEI) e de R$ 300 para as demais empresas. As parcelas serão corrigidas pela Selic.

A adesão ao PERT/SN suspende eventual termo de exclusão do Simples Nacional, inclusive Ato Declaratório Executivo, que estiver no prazo de regularização de débitos tributários, que é de 30 dias a partir da ciência do respectivo termo.

VALOR

COMENTE AQUI

Corrida do Trabalhador de Parnamirim encerra inscrições nesta quarta-feira

A Corrida do Trabalhador de Parnamirim, que acontece tradicionalmente no feriado de 1º de Maio, alcança um novo patamar tecnológico em sua sexta edição, disponibilizando chips de cronometragem para as quinhentas vagas abertas no SITE do evento. As inscrições podem ser feitas até esta quarta-feira (25).

“A Prefeitura está investindo no esporte e no lazer aliados à tecnologia, para que o cidadão possa ter acesso a ações como esta, como mais uma alternativa que promove a qualidade de vida”, disse o Prefeito Rosano Taveira.

De acordo com o Secretário Municipal de Turismo, Esporte e Lazer, Ricardo Wagner, o evento servirá para congratular o trabalhador parnamirinense, “O objetivo de ação é incentivar o esporte amador da cidade e comemorar essa data importante”.

Ainda de acordo com o titular da SETEL, Ricardo Wagner, a utilização de chips de cronometragem vai tornar mais preciso o controle do tempo e a classificação dos atletas.

INSCRIÇÕES ABERTAS

Os interessados em participar poderão fazer a inscrição até esta quarta(25), tanto no SITE do evento(aqui) como na sede da SECRETARIA MUNICIPAL DE TURISMO, ESPORTE E LAZER (SETEL), localizada na Avenida Tenente Medeiros N° 83, Centro, das 08h às 17h.

Para efetuar a inscrição, será preciso apresentar um documento de identidade e o comprovante de residência. Não há taxa de investimento, ou seja, a participação é gratuita.

Poderão participar de corrida, pessoas de ambos os sexos com idades a partir de 16 anos. Cada atleta receberá um número de identificação e senha de controle no ato da inscrição.

A largada acontecerá às 07h30, em frente ao Estádio Tenente Luiz Gonzaga, o “Potiguar Esporte Clube”, situado na Avenida Comandante Pettit S/N°, no Centro. A chegada será neste mesmo local.

Ao longo do percurso, haverá postos de água e, no local de chegada, serão servidos frutas para os participantes.

Na edição 2017, a Corrida do Trabalhador reuniu 321 participantes, premiando os 26 melhores desempenhos com cheques. Neste ano, além de troféus, serão entregues cheques nos valores de R$ 100 a R$ 300 reais, para os cinco primeiro classificados, conforme o regulamento.

COMENTE AQUI

LAMPIÃO  24/04/2018

Ô VONTADE! NO MÍNIMO, IGNORANDO O FATO DE JOGAR FORA DE CASA, BOTE NA ORDEM ALFABÉTICA. PARAFRASEANDO O JIU-JITSU, CUIDADO COM A REVERSÃO. - Responder

Incêndio arrasa loja de material de construção em Natal

O Corpo de Bombeiros registrou um incêndio em uma loja de material de construção na manhã desta terça-feira (24), na Rua Mira Mangue, no bairro Planalto, na Zona Oeste de Natal. Na ocasião, uma viatura foi enviada ao local, mas não conseguiu conter as chamas e precisou chamar reforço.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o material inflamável que estava na loja facilitou a propagação das chamas, que destruíram boa parte da loja em um rápido intervalo de tempo. Somente com a chegada dos reforços, o fogo foi controlado.

Ainda não é possível informar o que teria causado as chamas. Felizmente, ninguém ficou ferido.

 

COMENTE AQUI

Ciro e Haddad se reúnem e falam sobre frente de centro-esquerda

O “polo popular, democrático e progressista”, defendido por Fernando Henrique Cardoso no seu último livro, o recém-lançado “Crise e Reinvenção da Política no Brasil”, deu nesta segunda-feira (23) um passo à frente significativo: Ciro Gomes, Fernando Haddad, Delfim Netto e Luiz Carlos Bresser-Pereira reuniram-se pela manhã. A concordância deles quanto ao que fazer foi completa.

Concordaram, por exemplo, em não convidar Fernando Henrique para o próximo encontro do quarteto, marcado para daqui a um mês. “Converso com todo mundo, mas acho que FHC não quer nada comigo”, disse Ciro Gomes, o último a chegar, às 11h30, e o primeiro a tirar a gravata.

“O apoio do Fernando a João Doria Jr. e o flerte com Luciano Huck mostram que ele não busca criar um ambiente que ajude o Brasil a ir para a frente”, disse Delfim Netto. Nenhum dos quatro acredita que Geraldo Alckmin chegará ao Planalto.

Foto: Lalo de Almeida/Folhapress

“É a centro-esquerda que tem chances reais”, opinou o ex-prefeito Fernando Haddad. Tanto ele quanto Ciro Gomes acham possível que o PDT e o PT formem uma chapa conjunta já para o primeiro turno, com Haddad como vice.

O responsável pelo encontro, o professor José Márcio Rego, da FGV, lembrou que setores da direção do PT não viram com bons olhos as conversas do ex-prefeito com Ciro. “Já está tudo bem”, informou-lhes Haddad. “Até brinquei com gente do partido, dizendo: vocês diziam que eu era muito técnico, mas quando começo a fazer política, reclamam”.

A incógnita na conversa, que se realizou no escritório de Delfim, no Pacaembu, foi Joaquim Barbosa. “Se ele sair, será a primeira vez que muita gente não votará em branco”, atalhou Delfim com um trocadilho que arrancou risos.

Para ele, Barbosa tem as seguintes virtudes eleitorais: “Veio de baixo, como Lula, foi intransigente contra a corrupção e é um homem direito”. Ele continuou, olhando para Ciro: “Ele tem fama de ser mais estourado que você”. Novamente, todos riram. “Não, ele é mais do que eu, melhorei muito”, respondeu o pedetista.

“O problema do Joaquim Barbosa é que não se sabe o que ele pensa sobre economia, qual a sua ideia de Brasil”, disse Bresser-Pereira. “A tendência é que, na economia, ele se limite a repetir a receita liberal de sempre. E disso o Brasil não precisa”.

Pelas informações de que os quatro dispunham, há três empecilhos à candidatura de Barbosa: sua família não quer; setores regionais do PSB não o veem com bons olhos, em função de alianças locais; e o próprio ex-ministro do Supremo não sabe se quer ser candidato.

“Essas dificuldades irão diminuir como que por encanto e logo desaparecerão, se ele crescer nas próximas pesquisas de opinião pública”, disse Ciro, e todos concordaram.

No diagnóstico de Bresser, uma chapa com Ciro e Haddad teria condições de romper com a camisa de força que se quer pôr no eleitorado. “Acho que o Lula preso pode causar tanto barulho eleitoral quanto solto”, disse Delfim.

“Mas há questões práticas”, interrompeu Haddad. “Lula não pode falar, aparecer em vídeos”. Para Ciro, isso não está decidido: “Nessas eleições, a tendência é muita coisa ir parar na Justiça”.

​Bresser disse a Delfim, na frente de todos, que era ótimo que ele participasse das conversas com Ciro e Haddad. “Você é de centro-direita, mas sempre se bateu pelo desenvolvimento. E isto é o importante no momento”. Delfim respondeu que essas classificações estavam defasadas.
Pouco se falou de corrupção. A questão foi resumida por Ciro: “É um dos problemas mais graves do Brasil. Temos que estudar o assunto e apresentar ideias novas”.

Ele lembrou que, quando morava em Brasília, no dia do seu aniversário entregaram um jet ski na sua casa. Era um presente de Léo Pinheiro, dono da empreiteira OAS. Ciro disse que devolveu o presente, e se calou.

“Mas o Ciro não contou o fim da história, que minha mulher vive repetindo”, disse Bresser. “Quando o Léo Pinheiro se encontrou com o Ciro, perguntou-lhe se ele achara que o jet ski era uma tentativa de corrupção. E o Ciro respondeu: ‘Se eu achasse que fora uma tentativa de corrupção, teria mandado prendê-lo'”.

Folha de São Paulo

 

COMENTE AQUI

GRAVE ACIDENTE -(FOTOS): Carros batem de frente na Via Costeira e mulher é socorrida em estado grave

Um grave acidente envolvendo dois carros foi registrado na manhã desta terça-feira (24), por volta das 7h, na Via Costeira, próximo ao hotel Imirá. De acordo com o Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE), a mulher estava em um carro modelo Ford Ka e seguia em direção a Ponta Negra, quando perdeu o controle do veículo, derrubando um poste e atravessando a pista contrária até atingir frontalmente um veículo Corolla.

Segundo o CPRE, depois de ser retirada das ferragens, a mulher foi levada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência(SAMU) em estado grave para o Pronto-Socorro Clóvis Sarinho. No outro veículo, ninguém ficou ferido. O trânsito no local ficou bloqueado. Fotos abaixo cedidas.

COMENTE AQUI

gust  24/04/2018

Lamentável, mas imagino que um acidente desse só ocorre por imprudência do próprio motorista. não é fatalidade. O brasileiro é incivilizado. Termina vítima de sua própria falta de educação. A via é muito bem sinalizada quanto á velocidade permitida. - Responder

Souza  24/04/2018

Passei por aí e vi o estrago. Pelo estado do carro dá pra imaginar que seguia em altíssima velocidade. Quando será que as pessoas vão entender que essa via não é uma auto estrada e, como em qualquer via urbana, a velocidade deve ser reduzida?! É triste ver fatos como esse ocorrerem com certa frequência. Que Deus ajude essa pessoa e que ela escape com vida. - Responder

henrique  24/04/2018

SE NÃO TOMAREM UM PROVIDENCIA URGENTE VAI ACONTECER AINDA MAIS ACIDENTES, VIA COSTEIRA,ROTA DO SOL E ROBERTO FREIRE SÃO UMA VERDADEIRA PISTA DE CORRIDA E NÃO SE TEM SOLUÇÃO POR PARTE DAS AUTORIDADES. - Responder

PF faz buscas nos gabinetes do presidente do PP e de deputado e prende ex-deputado federal

A Polícia Federal (PF) cumpre mandados em Brasília, nesta terça-feira (24), na Câmara dos Deputados e no Senado. Os alvos são o presidente do PP, senador Ciro Nogueira (PI), e o deputado Eduardo da Fonte (PP-PE). Os mandados foram autorizados pelo ministro Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato.

A PF comunicou aos presidentes da Câmara e do Senado para entrar nas Casas. Também é cumprido um mandado de prisão contra um ex-deputado, Márcio Junqueira.

Os parlamentares são investigados por suposta prática de associação criminosa (artigo 2.º da Lei 12.850/2013) com outros integrantes do PP em Brasília: Aguinaldo Ribeiro, Arthur Lira, Benedito de Lira, José Otávio Germano, Luiz Fernando Faria e Nelson Meurer.

De acordo com a denúncia do Ministério Público Federal em setembro de 2017, os parlamentares seriam integrantes do núcleo político de uma organização criminosa voltada ao cometimento de delitos contra a Câmara dos Deputados, entre outros, visando ‘a arrecadação de propina por meio da utilização de diversos órgãos públicos da administração pública direta e indireta’.

Em uma investigação decorrente, Fachin deferiu pedido da Procuradoria-Geral da República de arquivamento dos autos com relação a Simão Sessim, Roberto Balestra, Jerônimo Goergen, Eduardo da Fonte, Aguinaldo Ribeiro, Mario Negromonte Júnior e Waldir Maranhão.

ESTADÃO CONTEÚDO

COMENTE AQUI

VÍDEO: Diretor do Fortaleza Esporte Clube é morto em saidinha bancária em Fortaleza

Por G1/CE

Um homem morreu baleado na tarde desta segunda-feira (23) na saída de uma agência bancária em Fortaleza. A vítima foi identificada como Roberto Mamede Studart Soares, diretor de Esportes Amadores e Olímpicos do Fortaleza Esporte Clube. O clube lamentou a morte de Roberto Mamede e decretou luto oficial de três dias.

Testemunhas relatam que a vítima havia feito um saque na unidade do Banco do Brasil da Avenida Santos Dumont e foi baleada na saída da unidade.

Conforme testemunhas, dois homens são suspeitos do crime. Imagens de câmera de segurança mostram o momento em que um dos suspeitos atira contra Roberto Mamede. A vítima estava no carro com uma bolsa onde supostamente estava o dinheiro que ela havia sacado; o suspeito tenta tirar o dinheiro, resiste e é baleado quando corre atrás do suspeito.

COMENTE AQUI

Juvenal  24/04/2018

Isso é mais um GÓPI orquestrado pelas ZÉLITES que não se conformar em ver o pobre andar de avião. Mas não vai ficar assim, pegaremos em armas, denunciaremos os abusos do Judiciário reaça à OEA, à ONU e ao Papa, chamaremos o mundo árabe para integrar a luta! Azeredo, guerreiro, do povo brasileiro! - Responder