Insegurança e falta de ônibus atormentam usuários do transporte coletivo na área do Campus Universitário em Natal

Os usuários do transporte coletivo que moram ou frequentam a área do Campus Universitário entraram em contato com o Blog para reclamar da falta de ônibus nos fins de semana. De acordo com os reclamantes, a linha 48, que circulava na área só vai até Nova Descoberta e retorna pelo mesmo bairro.

Os usuários ainda alertam para o período de férias na UFRN, e dizem que a situação se agrava, quando nesta área os ônibus demoram “séculos”  para que passem nos pontos de parada. Em decorrência, quem aguarda pela transporte fica exposto e visado aos olhos de assaltantes.

Governo aumenta valor máximo de auxílio-reclusão e salário-família

Pixabay

O Ministério da Economia reajustou o auxílio-reclusão e beneficiários devem receber, no máximo, R$ 1.364,43 por mês. Também houve reajuste para o salário-família.

A portaria, assinada por Paulo Guedes, foi publicada no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (16) e também dispõe sobre o reajuste da aposentadoria dos trabalhadores que recebem mais do que um salário mínimo (R$ 998).

O reajuste foi de R$ 45,25, já que o teto do benefício era de R$ 1.319,18 em 2018. O valor do auxílio-reclusão é calculado com base no salário do preso enquanto ele trabalhava. Quando o salário de contribuição for maior do que R$ 1.364,43, os dependentes não terão direito ao benefício.

Salário-família

A portaria determina que o valor por filho será de R$ 46,54 para o segurado com remuneração mensal menor do que R$ 907,77 e de R$ 32,80 para aqueles com salário maior do que R$ 907,77 e igual ou menor a R$ 1.364,43.

Em 2018, a cota de R$ 45 valia para os segurados que ganhavam até R$ 877,67. Para quem recebe entre R$ 877,68 e R$ 1.319,18, a cota corresponderá a R$ 31,71.

Quem tem direito?

Segundo o INSS, o salário-família é um valor pago ao empregado, inclusive o doméstico, e ao trabalhador avulso, de acordo com o número de filhos ou equiparados que possua. Filhos maiores de 14 anos não têm direito, exceto no caso dos inválidos (para quem não há limite de idade).

O auxílio-reclusão é um benefício concedido pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) garantido aos dependentes dos presos que contribuíram com a Previdência enquanto trabalhavam. Pode ser dado a presos em regime fechado ou semiaberto.

O tempo de validade do auxílio varia de acordo com a idade dos dependentes e o tipo de beneficiário. Quando a pessoa presa não tiver contribuído 18 meses à Previdência ou se o casamento ou união estável começar em menos de dois anos antes da prisão, o benefício tem duração de 4 meses.

Caso a prisão aconteça depois das 18 contribuições, o tempo de duração do benefício varia de acordo com a tabela abaixo.

Reprodução

R7

 

Anac autoriza reajuste de 5,39% para tarifas de embarque de aeroportos da Infraero

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) publicou no “Diário Oficial da União” desta quarta-feira (16) um reajuste de 5,39% para o teto das tarifas de embarque, conexão, pouso e permanência nos aeroportos administrados pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

Os novos valores podem ser aplicados depois de 30 dias que a Infraero fizer a divulgação oficial do reajuste.

Com o reajuste, a tarifa máxima de embarque doméstico a ser paga pelos passageiros passará de R$ 31,27 para R$ 32,95 e a tarifa máxima de embarque internacional passará para R$ 58,35.

Nas viagens internacionais, os passageiros ainda vão pagar, junto com a tarifa de embarque, até US$ 18 de adicional do Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC).

As tarifas aeroportuárias são valores pagos aos operadores aeroportuários pelas companhias aéreas, pelo operador da aeronave ou pelo passageiro.

A tarifa de embarque é a única paga pelo passageiro e tem a finalidade de remunerar a prestação dos serviços, instalações e facilidades disponibilizadas nos aeroportos.

As tarifas aeroportuárias dos aeroportos que foram concedidos para a iniciativa privada têm reajustes em datas diferentes, dependendo do contrato de concessão.

G1

 

FOTO: Polícia prende no Rio de Janeiro um dos suspeitos por homicídio em 2016 na Zona Sul de Natal

Uma investigação da Polícia Civil do Rio Grande do Norte com apoio da Polícia Civil do Rio de Janeiro resultou no cumprimento a um mandado de prisão em desfavor de Douglas William Barbosa da Rocha, 23 anos, um dos suspeitos pelo homicídio de Diogo Ewerton de Oliveira, em 17 de Outubro de 2016, no bairro de Lagoa Nova, Zona Sul de Natal. Ele foi preso no Rio de Janeiro por tráfico de drogas.

De acordo com a investigação realizada pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a motivação para o crime teria sido uma discussão entre Douglas William e um homem identificado como Janielson, durante uma festa n noite anterior ao crime. No momento da ação, Diogo foi confundido com o alvo do homicídio, Janielson, que emprestou sua moto e capacete para a vítima. Além de Douglas William, Pedro Barbosa da Rocha, tio de Douglas, também foi indiciado pelo homicídio.
No crime, Douglas teria efetuado disparos contra a vítima em um veículo celta, o qual Pedro conduzia, tendo ele emprestado a arma para seu sobrinho. A dupla foi indiciada por homicídio qualificado.

Nota de esclarecimento – Phoenix Empreendimentos e Camanor

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Sobre recentes informações veiculadas nesse espaço jornalístico, cumpre esclarecimento que as licenças ambientais expedidas pelo Instituto de Desenvolvimento Ambiental do Rio Grande do Norte (IDEMA) em favor de empreendimentos da Phoenix Empreendimentos e da Camanor cumpriram, integralmente, todas as exigências da legislação ambiental. Inclusive, a expedição da documentação foi precedida de audiência pública, no caso do loteamento da Phoenix.

A Phoenix Empreendimentos e a Camanor se colocam à disposição para, quando oportunizado o conhecimento completo da investigação, apresentar todo e qualquer esclarecimento necessário à elucidação dos fatos, reiterando a seriedade com a qual construiram a longa história de trabalho no Rio Grande do Norte, empregando milhares de pessoas e com reputação de moral, qualidade nas atividades e legalidade no que desenvolvem.

Natal, 16 de janeiro de 2019

Assessoria de Comunicação da Phoenix Empreendimentos e Camanor

Semurb inicia estudo sobre poluição sonora no entorno de estádios de futebol em Natal

Um novo estudo sobre poluição sonora vai levar os fiscais ambientais da Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) ao Estádio Arena das Dunas e ao Frasqueirão para conhecer os impactos causados pela energia sonora produzida pelos torcedores durantes às partidas de futebol. As rodadas do Campeonato Estadual serão usadas como observatório pela equipe de fiscais que medirão os ruídos antes do início dos jogos, durante e nos intervalos de cada partida.

A primeira medição ocorreu nesse fim de semana, no domingo (13), no jogo entre América x Potiguar, que terminou com um empate pelo placar de 1 x1. Segundo o Supervisor de Fiscalização de Poluição Atmosférica e Sonora da Semurb, Gustavo Szilagyi, o estudo poderá servir de base para ações de políticas públicas que venham a surgir futuramente.

“Esse diagnostico não gerará a aplicação de punição para os clubes ou federação. Ter esses dados em mãos será útil para todos aqueles que venham a investir no entorno dessas áreas esportivas, uma vez que indicará como é o comportamento desses ambientes em dias de jogos de futebol” explica Szilagyi.

Na primeira partida alvo da pesquisa os sons emitidos pelas torcidas chegaram a alcançar, dentro da arena, cerca de 90 decibéis (dB), medida física do som. O padrão para áreas mistas definidas pela ABNT e de 55 dB durante o dia e 50 dB após às 22h.

“Foram coletadas 30 amostras de som a cada 10 minutos e para a surpresa da equipe, às áreas externas não sofreram alteração com a movimentação. Os maiores picos de ruído aconteceram durante o final da partida, momento no qual a torcida buscava, ao cantar, motivar os jogadores”, comenta Szilagyi.

Ao final do Campeonato Estadual, a equipe de fiscais da Semurb anunciará ao público qual foi a torcida mais animada. O projeto da Semurb ainda esta sem um nome oficial e você pode contribuir com sua sugestão esta até o dia 31 de janeiro para o e-mail: [email protected]

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Irany Gomes disse:

    E a porcaria do Carnatal, que este ano se escutava o som na cidade alta, tirol, barro vermelho, e ninguém faz nada.

  2. m.c disse:

    Secretaria boa é assim, não tem o que fazer vai inventar serviço. rsrsrs

No Planalto ao lado de Bolsonaro, Macri diz que Maduro é ‘ditador’ que quer se perpetuar no poder com ‘eleições fictícias’

Reprodução: NBR

Em visita ao presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto, o chefe de Estado da Argentina, Mauricio Macri, afirmou nesta quarta-feira (16) que os governos brasileiro e argentino não aceitam o que ele classificou de “escárnio com a democracia” que, supostamente, foi a eleição que reelegeu Nicolás Maduro. Ele também ressaltou que a comunidade internacional já percebeu que o líder venezuelano é um “ditador que quer se perpetuar no poder com eleições fictícias”.

De acordo com Macri, Brasil e Argentina compartilham uma preocupação com a crise política e econômica da Venezuela. Na semana passada, Maduro assumiu o segundo mandato como presidente do país sul-americano diante da reprovação de parte da comunidade internacional.

O grupo de Lima, que inclui o Brasil e outros 12 países, anunciou no início do mês que não reconheceria o novo mandato de Maduro por considerar que se trata de resultado de eleições ilegítimas.

O argentino afirmou ainda que os dois principais países da América do Sul reconhecem apenas a Assembleia Nacional da Venezuela – parlamento comandado pela oposição ao regime bolivariano – como única instituição legítima do país vizinho, “eleita democraticamente pelo povo venezuelano”.

“Compartilhamos a preocupação pelos venezuelanos. Reafirmamos nossa condenação à ditadura de Nicolás Maduro. Não aceitamos esse escárnio com a democracia, e menos ainda a tentativa de vitimização de quem na verdade é o algoz”, discursou Macri em um pronunciamento conjunto com Bolsonaro no Palácio do Planalto.

“A comunidade internacional já se deu conta. Maduro é um ditador que tenta se perpetuar no poder com eleições fictícias, prendendo opositores e levando os venezuelanos a uma situação desesperadora e angustiante”, complementou o presidente argentino.

Bolsonaro foi o primeiro a fazer pronunciamento no Palácio do Planalto ao final da audiência bilateral com o presidente argentino. Ao se manifestar, o novo chefe de Estado brasileiro também falou sobre a crise na Venezuela.

“Nossa cooperação na questão da Venezuela é o exemplo mais claro do momento. As conversas de hoje com o presidente Macri só fazem reforçar minha convicção de que o relacionamento entre Brasil e Argentina seguirá avançando no rumo certo: o rumo da democracia, da liberdade e segurança e do desenvolvimento”, declarou Bolsonaro.

G1

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo disse:

    BG

    Também o índio cocaleiro da Bolívia é outro cara de pau idêntico a elles. Já vai pro terceiro mandato

  2. paulo disse:

    BG
    Todo mundo sabe disso, irmão gêmeos dos ptRALHAS daqui, queriam se perpetuarem no poder aqui no Brasil achando que o País era delles.

Estatuto do Desarmamento fracassou

O aspecto mais positivo do decreto de Jair Bolsonaro sobre a posse de armas é o reconhecimento de que o Estatuto do Desarmamento fracassou.

Sergio Moro disse à GloboNews:

“Se fosse tão exitosa a politica de desarmamento, o país não teria batido ano a ano recordes no número de homicídios (…). Tivemos uma política de desarmamento desde 2003 e o que houve foi o aumento do número de homicídios.”

O Antagonista

Taxistas em Natal pedem à Câmara Municipal regras para os transportes via aplicativos

Foto: Elpídio Júnior & Assessoria CMN

A presidente interina da Câmara Municipal de Natal, vereadora Nina Souza (PDT) recebeu na manhã dessa terça-feira (15), representantes do segmento de táxis de Natal para tratar sobre o projeto de lei, de autoria do vereador Sandro Pimentel (PSOL), para a regulamentação do serviço de transportes que funcionam via aplicativos. Os taxistas apresentaram propostas que regram o serviço.

A Lei Federal 13.640 está em vigor há quase um ano e deixou exclusivamente para os municípios e ao Distrito Federal a competência de regulamentar e fiscalizar o serviço de transporte remunerado privado individual de passageiros. “Já que temos a lei federal precisamos de lei municipal que determine regras para operar harmonicamente. Que o transporte por aplicativo tenha sua documentação e regras da mesma forma que os taxistas”, reivindica o presidente da Cooperativa de Táxis (CoopTaxi-Natal), Genário Torres.

Entre as sugestões, os taxistas querem que o número de veículos de transporte por aplicativos seja limitado, que o Município mantenha o controle através de cadastro dos motoristas, inclusive com a comprovação de que os condutores passaram por qualificação e que seja determinado um prazo para renovação do cadastro.

O diretor do Sindicato dos Taxistas, Aldemir Calixto, diz que os taxistas passam por fiscalização. “Queremos que esse serviço tenha parâmetros legais e debatendo, temos certeza que chegaremos a um consenso”, completa. Além disso, eles pedem que os carros tenham emplacamento em Natal e que seja proibida a tarifa dinâmica, que é um método de cobrança para o aumento automático do preço das corridas quando a demanda por motoristas está alta.

A presidente interina da Câmara que também é relatora do projeto na Comissão de Justiça, enfatizou os aspectos legais no projeto e agendou para a próxima quinta-feira (17) às 10h, uma nova reunião, dessa vez com representantes dos transportes via aplicativos. “Alguns pontos são perfeitamente aplicáveis e vamos fazer acréscimo nas emendas. O ponto mais complexo é em relação ao limite de carros que devem ser cadastrados. Estamos convocando o pessoal dos aplicativos para que, em conjunto, cheguemos a um termo que não pode ser de forma unilateral”, declarou Nina Souza.

A votação do projeto em plenário só deve acontecer após o retorno dos trabalhos que ocorre no próximo mês. “Estamos conscientes dessa questão e abrimos o diálogo para que, na volta do recesso parlamentar possamos votar de forma que todas as partes sejam beneficiadas, especialmente os usuários”, destacou o presidente da Comissão de Transportes, vereador Preto Aquino (PATRI). Os vereadores Kleber Fernandes (PDT), Aroldo Alves (PSDB), Sueldo Medeiros (PHS) e Erico Jácome (PODE) também participaram da reunião.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. José Carlos disse:

    Coisa mais antiga.. reserva de mercado…

  2. Lauro Soares Cardoso disse:

    Os taxistas foram atingidos com os novos aplicativos de forma direta, depois de manter um monopólio por décadas e o serviço ser explorado de forma distorcida e ineficiente.
    Em todos os locais desenvolvidos as alternativas de transporte público é bem mais diversificada e eficiente que as praticadas no Brasil e principalmente em Natal.
    Nossa opção de alternativos é deficitária, não temos metrô, ônibus com má conservação, trens limitados a uma região, só para começar a conversa.

  3. HSA disse:

    Pq não se modernizam.
    Se não procurarem se adequarem ao mercado não sobreviveram.
    É batalha perdida.

  4. Luciana Morais Gama disse:

    Pq não baixam as tarifas dos táxis. Os aplicativos sugiram nesse vácuo. A população opta pelo mais barato.

    • Edilania disse:

      Eles não querem baixar os valores pq acham que o errado é cobrar mais baixo. Na cabeça do taxista baixar os valores é se rebaixar, eles preferem cair em cima de quem cobra valores justos, não baixos.

São Gonçalo sem Calazar: confira o calendário de ações do projeto

A Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, através do Controle de Zoonoses do município, está promovendo o calendário de atividades do projeto São Gonçalo Sem Calazar. O programa visa identificar casos da doença provocada pelo protozoário do gênero Leishmania que acomete cães e até mesmo humanos.

Testes rápidos que identificam a doença em cães são realizados em comunidades do município que foram classificadas como áreas de risco. Caso o resultado seja positivo, o teste ELISA (teste imunoenzimático que permite a detecção de anticorpos específicos) é feito para uma confirmação. Com dois positivos, o animal infectado deve ser recolhido e passa a ser de responsabilidade do município.

O Controle de Zoonoses já preparou o calendário de ações do projeto para 2019. Confira as datas e comunidades:

Olho D’Água do Carrilho 08/02
Poço de Pedra 22/02
Ladeira Grande 22/03
Serrinha de Cima 12/04
Igreja Nova 24/04
Rio da Prata 10/05
Uruaçu 24/05
Pajuçara 07/06
Guanduba 28/06
Guajirú12/07
Barro Duro 26/07

O que é calazar?

Leishmaniose visceral, também conhecida como calazar canino, é uma doença transmitida através da picada de insetos contaminados com um protozoário do gênero Leishmania. A enfermidade pode acometer cães de qualquer raça, sexo e idade. Podendo também contaminar humanos, a patologia pode ser letal principalmente para crianças desnutridas e indivíduos cujo sistema imunológico está enfraquecido. A transmissão para os humanos não acontece pelo contato com o animal e sim pela picada de um inseto que picou um cão infectado.

Sintomas da doença:

Problemas de pele e no pelo: dermatite seborreica, feridas na ponta das orelhas e na ponta do focinho, falta de pelo ao redor dos olhos

Emagrecimento

Sangramento nasal ou oral

Apatia

Problemas nos olhos

Crescimento exagerado das unhas

Febre

Possível crescimento do abdômen por causa do aumento de órgãos, como o baço e o fígado

Problemas renais

Obs: Vale ressaltar que mais da metade dos cães não apresentam nenhum desses sintomas. O teste é fundamental para esses casos.

Como prevenir:

Algumas medidas podem ser adotadas para a prevenção do calazar. Entre elas estão: manter a vacina do animal em dia, uso de coleiras especiais para essa doença e uso de repelentes.

Os insetos transmissores costumam se reproduzir em locais com grande quantidade de matéria orgânica em decomposição, como depósitos de lixo e lixeiras abertas. Uma maneira fácil de controlar a proliferação do transmissor é não acumular lixo e manter o ambiente em que o cão vive sempre limpo.

Contato do setor responsável: (84) 9 81529740

CNN terá canal no Brasil e prevê contratação de 400 jornalistas

Fundador e presidente do conselho da construtora MRV vai trazer para o Brasil a operação do canal de notícias CNN (Reprodução/Wikimedia Commons)

O empresário Rubens Menin, fundador e presidente do conselho da construtora MRV, vai trazer para o Brasil a operação do canal de notícias CNN. A empresa, de capital brasileiro, terá Douglas Tavolaro, ex-Rede Record, como presidente. O grupo nacional, que terá o licenciamento da marca americana no País, terá um canal de notícias 24 horas a ser transmitido por meio de TV por assinatura e por plataformas digitais.

O objetivo da companhia é que o novo projeto esteja em operação no início do segundo semestre de 2019. O trabalho de preparação do canal e do site começa imediatamente, com previsão de contratação de 400 jornalistas.

A CNN Brasil terá sede em São Paulo, com escritórios previstos também para Rio de Janeiro e Brasília. Menin anunciou no domingo o projeto em sua conta na rede social Twitter.

Em comunicado, a CNN Brasil anunciou que os projetos CNN International e CNN en Español, que são de responsabilidade da matriz, continuam a ser restransmitidos no País e que não terão relação com o projeto em português. “O Brasil é um país empolgante para continuar a expansão da marca CNN”, disse, no comunicado, o vice-presidente de vendas de conteúdos da CNN International Commercial (CNNIC).

“Nosso objetivo é contribuir com a democratização da informação no Brasil. Um país com uma sociedade livre e desenvolvida só é construído com uma imprensa plural”, afirmou Menin, no comunicação que anunciou o projeto.

A CNN chegou a ter um serviço em português no Brasil, nos anos 2000, mas o projeto não prosperou.

Estadão

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo disse:

    BG
    Tomara que não contratem jornalistas comunistas e ptRALHAS, já estamos cheios dos da rede bobo/cbn, fanáticos e caras de pau. Estes deveriam irem pra Cuba o "paraíso" delles.

Governo do Estado conclui nesta quarta pagamento antecipado de janeiro de salários de até R$ 3 mil

Foto: Rayane Mainara

O Governo do Estado conclui nesta quarta-feira (16), ao longo do dia, o pagamento antecipado do salário do mês de janeiro dos servidores que ganham até R$ 3 mil (valor bruto) e o salário integral de todos os servidores da segurança pública. O montante repassado aos servidores é de R$ 109,2 milhões. No último dia 11 já foi pago, antecipadamente, 30% do salário bruto para todas as faixas salariais.

A folha de janeiro será concluída no dia 31, com o pagamento dos 70% restantes dos servidores que recebem acima de R$ 3 mil, os da Educação e dos órgãos com arrecadação própria.

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Administração e Recursos Humanos (SEARH), somou esforços colocando servidores em três turnos de trabalho para dar conta da elaboração de duas folhas salariais seguidas, com um curto intervalo de apenas 4 dias.

“A antecipação salarial conseguida pelo Governo é uma forma de movimentar a economia do Rio Grande do Norte e valorizar o papel do servidor público”, diz o Estado em nota.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Francisco Alves disse:

    Antecipação do pagamento do mês de janeiro com, parte do décimo terceiro de 2017 sem receber, salário de dezembro/2018 e décimo terceiro/2018, sem praso para pagar, não passa de uma forma vigarista de enganar o servidor. Mas, esperar o que de um partido que se especializou na mentira e no engodo como forma de governo?
    Aliás, até esse momento não caiu um centavo na minha conta, que diga-se de passagem, encontra-se com saldo negativo.

  2. Ivan disse:

    Maisum governo que chega apenas p/se dedicar a administrar folha!!! Hoje nosso estado se limita a uma folha de pagamento. Muitíssimo mal dimensionada por sinal!!!

  3. Araujo disse:

    Nada até agora dos salários….

  4. Regina disse:

    Duas horas da tarde, até agora nada se pagamento.

  5. Bosco disse:

    Incrível como é fácil enganar o povo! Quer dizer que o competente governo antecipou o pagamento dos servidores? Tomara que no dia 10 de fevereiro, antecipe o mês de fevereiro. Acabou a crise! Interessante !

  6. Lucia disse:

    Na minha conta olhei agora nem um real entrou.

  7. Sérgio disse:

    Atraso de Salário

    O salário de dezembro, chamado de janeiro, antecipado que está atrasado mas vai ser adiantado, porém com atraso, será pago atrasado, por motivos técnicos de sistema, mas será pago adiantado, porém, com atraso.

    Att
    Dilma Rousseff
    Assistente de Fátima Bezerra
    Governadora do Estado do RN

  8. Manoel disse:

    Antecipar salário quando se tem 3 meses em atraso, isso é conversa pra boi dormir, o pior é os sindicatos terem caído nessa história,

  9. Lorena Galvão disse:

    Absurdo, além de parcelar até agora nada, ai fica em atraso DEZEMBRO e 13º de 2018, não da para entender. vergonha

  10. Victorino disse:

    Quem votou em Fátima do PT não reclame, pois é assim que eles governam, enganando, ou alguém ainda tem dúvidas?

  11. Silva disse:

    Tirei um saldo hoje e até agora nada.

  12. Danielle disse:

    Só queria entender qual a lógica da fábula "antecipação dos salários", uma vez que nem foi pago Dezembro e muito menos 13! A dívida com nós servidores, é do Estado e não do Desgovernador passado. Nossas contas não pulam o mês para serem pagas.

  13. Alysson disse:

    Nada na conta, ainda.

  14. Marcel disse:

    Falar em “antecipação salarial” quando se deve vários meses em atraso beira o ridículo. O estado não paga o que deve e “antecipa” o que não deve.

Asteroide passa próximo da Terra a mais de 50.000 Km/h

Pixabay

O asteroide 2019 AG3, descoberto pela Nasa (Agência Espacial Norte-Americana) em 2018, passou próximo da Terra, a uma distância de 4,9 milhões de quilômetros, na madrugada da última segunda-feira (14).

A agência norte-americana registou a passagem do 2019 AG3 às 00h18, horário de Brasília.

O asteroide teria de 64 a 140 metros de comprimento, tamanho comparável ao de um avião, e estava a uma velocidade de mais ou menos 14 Km/s, cerca de 50.400 Km/h.

A Nasa considera o 2019 AG3 como um Near-Earth Object (Objeto Próximo da Terra), porém não espera que o asteroide atinja o planeta. A agência espacial segue monitorando a movimentação para registrar possíveis mudanças de rota do objeto espacial.

Possíveis colisões

A Nasa catalogou aproximadamente um terço dos 25.000 objetos próximos à Terra que tem no mínimo 140 metros diâmetro. Atualmente, o asteroide com risco de colisão com a Terra mais conhecido é o Apollo, que tem um diâmetro de 7 Km.

No dia 01 de janeiro deste ano, a sonda OSIRIS-REx chegou próximo do asteroide Bennu, que orbita o Sol à mesma distância da Terra. Os cientistas calculam que existe alguma chance de ocorrer um choque catastrófico com o planeta daqui 166 anos.

R7

Guarda Municipal em Natal detém suspeito de ameaçar a vida da mãe de 86 anos

Agentes da Ronda Ostensiva da Guarda Municipal do Natal (Romu/GMN) detiveram em flagrante delito o homem identificado como Hernesto Monteiro Rocha Filho, 50 anos, suspeito de ameaçar a vida da própria mãe, uma idosa de 86 anos de idade. A prisão foi realizada na Rua Laranjal, bairro de Cidade Nova, zona Oeste da capital.

Os guardas municipais foram acionados pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) que recebeu a denúncia moradores da localidade onde Hernesto Monteiro estava a práticar o delito. A guarnição da Ronda Ostensiva da GMN chegou ao local e encontrou o suspeito alterado, sendo preciso conter e algemar o detido.

De acordo com informações coletadas pelos guardas municipais, Hernesto Monteiro é usuário de entorpecentes e álcool, e as agressões sofridas pela mãe são recorrentes. “Já houve agressões anteriores relatadas pelas familiares e pela idosa vítima do suspeito”, contou um dos guardas municipais.

O detido foi conduzido pela guarnição da GMN à Delegacia de Plantão Zona Sul onde foi registrada a prisão em flagrante delito. Hernesto ficou preso e o delegado de plantão não arbitrou fiança baseado na idade da vítima, que tem 86 anos, e pela acusação do delito não ser a primeira vez que a situação ocorre. O detido deve ser encaminhado para audiência de custódia nesta quarta-feira (16), sendo em seguida definido pela justiça os procedimentos legais.

http://natal.rn.gov.br/noticia/ntc-29841.html

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo disse:

    BG
    Não será novidade nenhuma se for solto, enquanto ele não matar a mãe fica livre leve e solto.

‘Jenifers’ do Tinder aproveitam o sucesso da música nos apps de pegação

Garotas chamadas ‘Jennifer’ estão bombando nos apps de pegação graças ao novo hit do Carnaval (Foto: Pexels)

“O nome dela é Jenifer”, e isso você provavelmente já sabe. Desde o lançamento, a música do cantor Gabriel Diniz que rima “Jenifer” com “Tinder” anda bombando no Brasil inteiro, mesmo que ela gere opiniões bem divididas sobre sua qualidade musical.

Como era de se esperar, a canção que já é tida por alguns como o hit do Carnaval 2019, está tornando a vida das “Jenifers” muito mais agitada nos aplicativos de pegação.

A estudante Jennifer Takayama, de 23 anos, viu nas últimas semanas os seus matches triplicarem no Tinder, tudo por conta da canção da moda, segundo ela. “Eu nunca fui uma usuária muito assídua do Tinder, mas nessa de ouvir a música tocar em todo canto resolvi voltar a usar mais o app por incentivo de amigos, e agora todo dia eu tenho matches novos”, explica ela.

A maioria das interações iniciais são bem parecidas, com os possíveis crushes referenciando a canção de Gabriel Diniz. “Quase todo mundo já manda mensagem com ‘o nome dela é Jenifer’, cantando, ou eles só dão um oi e já puxam o assunto da música. Eu me sinto muito famosa”, brinca a estudante.

Mas com tanta fama, também vem uma certa dose de dor de cabeça. A nutricionista Jeniffer Gonzales, de 26 anos, até deu um tempo dos apps. “Nas primeiras vezes que o pessoal puxa conversa usando a música, é até divertido, mas depois enche o saco. E o pior é que eu nem gostei da música. E fora que tem gente que vem falar com você só para zoar. Talvez quando essa música passar eu volte a usar os apps, agora não está dando”, diz ela.

Takayama também confessa que já está cansando da referência, mas para ela é possível tirar proveito da fase. “Um menino deu match comigo e veio falando que estava procurando uma ‘Jenifer’ pra ele, que ele curtia muito a música e como eu achei ele gato, dei corda. Saímos e foi bem legal. Tenho que agradecer à música’, conta.

O fato é que se você quiser encontrar uma Jenifer para chamar de sua, saiba que em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília são as cidades que você terá mais sorte. O Tinder divulgou recentemente um ranking das 10 cidades no Brasil onde é mais fácil encontrar uma Jenifer e, em grande parte, as capitais brilharam:

Agora é com você: escolha uma cidade, abra o Tinder e saia dando likes ou, se você não curtiu muito a possível música do Carnaval 2019, só resta tentar fugir da música que tomou conta do Brasil.

DEU MATCH!? -UOL

Após pedido de “socorro”, Goiás não se encaixa no plano de recuperação fiscal do governo federal, aponta relatório do Ministério da Economia

Estado tenta redução temporária do pagamento de dívidas com a União para conseguir organizar as contas públicas. Governador afirma que dívida é de R$ 3,4 bilhões. Servidores estão com salários de dezembro atrasados.

Sede da Secretaria da Fazenda de Goiás — Foto: Reprodução/Sefaz

Um relatório divulgado pelo Tesouro Nacional aponta que Goiás não se enquadra no Regime de Recuperação Fiscal. O governo tentava entrar no programa para conseguir suspensão no pagamento de juros e amortização da dívida com o governo federal para tentar colocar as contas estaduais em dia. Uma missão do Ministério da Economia está em Goiânia para analisar as contas e débitos.

O governador Ronaldo Caido afirma desde o início da gestão que assumiu o estado com uma dívida de R$ 3,4 bilhões, sem dinheiro inclusive para o pagamento dos salários dos servidores do mês de dezembro. Apenas sete órgãos tiveram a folha de pagamento quitada.

O G1 entrou em contato com a Secretaria da Fazenda por email e telefone às 9h30 pedindo um posicionamento diante do relatório e como ficam as negociações com a equipe que está na capital para analisar a situação financeira do Estado, mas não obteve resposta até a publicação dessa reportagem.

Segundo o documento, para se enquadrar no programa, o estado deve ter uma “dívida consolidada maior do que a Receita Corrente Líquida (RCL), gastos correntes obrigatórios (pessoal e serviço de dívida) acima de 70% da RCL e obrigações contratadas superiores às disponibilidades de caixa de recursos não vinculados”.

Goiás não se encaixa em programa de recuperação fiscal do governo federal — Foto: Reprodução/Tesouro Nacional

Os estados que aderem ao regime ganham redução temporária no pagamento das dívidas com a União em troca de medidas de ajustes fiscais como privatizações, proibição de contratação e de reajustes salariais.

Diante de todas as análises, incluindo dados de 2018, o Tesouro Nacional aponta que o estado não se encaixa nesse quadro. Além disso, pontuou que Goiás tem classificação C no quesito Capacidade de Pagamento.

Por fim, o documento aponta melhorias que o estado precisa fazer para melhorar sua classificação e ajustar as contas. Entre os itens listados estão suspender novas contratações, privatizar estatais, aumentar alíquota de impostos, reduzir incentivos fiscais, cortar despesas com servidores e melhorar a gestão de caixa.

G1 – GO

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. David disse:

    Kkkkkkk, quero ver o estado de Fátima gopi, que com 3 meses de atraso só fala em contratar, recuperação de salários, investimentos e gastos. Receita que é bom, nada. ela jura de pé junto que não moverá uma palha pra fazer dinheiro com os ativos do RN. Sabe muito! Kkkkkkk