Economia

CRISE GRANDE – Empresas de ônibus vão quebrando pelo Nordeste

Foto: Reprodução

A crise no setor de transporte coletivo de passageiros por ônibus continua fazendo estragos na região Nordeste. Há registros de falência de empresas de ônibus em várias capitais nordestinas. Em Natal, a Viação Campos, que atuava no transporte intermunicipal, encerrou suas atividades.

Em Fortaleza, quatro empresas faliram depois da licitação em 2012 e outras duas – a Santa Cecília e a Ceará Grande – estão em recuperação judicial. Em Maceió, uma empresa tradicional faliu mesmo depois da licitação do transporte público em 2014.

Em Salvador, um dos três consórcios de empresas que ganharam a licitação em 2014 teve a falência decretada. Em Fortaleza, a falência mais recente foi a da Fretcar, que operava com transporte intermunicipal e urbano. A empresa anunciou ter chegado o momento de parar “por absoluta falta de condições econômico-financeiras para prosseguir honrando com os compromissos”.

A Fretcar foi uma das empresas vencedoras da licitação pública ocorrida em 2009 para a operacionalização das linhas intermunicipais do interior do Ceará e respondia por 5 por cento do transporte urbano de Fortaleza.

Em comunicado interno, a Fretcar destacou que a pandemia do Covid-19 trouxe a redução drástica e sistemática do número de passageiros, acarretando enormes prejuízos”.
Em nota pública, o Sindiônibus (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará) lamentou o encerramento das atividades da empresa e destacou que “essa é a crise mais grave já enfrentada pelo setor”.

Ainda segundo a nota do Sindiônibus, mesmo com o retorno da economia, em Fortaleza, o número de passageiros está em 65% se comparado com a demanda registrada em 2019.
Na capital cearense, as empresas de transporte coletivo contam com um subsídio mensal no valor de 6 milhões de reais.

O Sindiônibus alertou para a situação de outras duas empresas Santa Cecília e Ceará Grande, que entraram com pedido de recuperação judicial por falta de opção.

Opinião dos leitores

  1. Só empresas INTERMUNICIPAIS.
    Agora veja se tem uma de transporte coletivo urbano quebrada… Agora tenha!?
    As empresas urbanas são ASSALTANTES DO POVO POBRE BRASILEIRO. Do Oiapoque ao Chuí estão todas mamando. Elas tiram subsídio das prefeituras, especialmente da capitais e cobra duas vezes do passageiro. Todo setor social desse país tem podridão. Ao invés de consertar privatizam. Aja desgraças

  2. Só empresas INTERMUNICIPAIS.
    Agora veja se tem uma de transporte coletivo urbano quebrada?
    As urbanas são ASSALTANTES DO POVO POBRE BRASILEIRO

  3. Com a alta do diesel a tarifa não suporta mais tanta gratuidade e meia-passagem. Como o reajuste real, de acordo com a inflação, é inviável, as empresas estão quebrando.

  4. Agradeça ao governo federal ele não está quebrando só as empresas de ônibus e sim quase todos os segmentos

    1. Vamos todos ficar em casa,a economia agente vê depois.Esse magote de desgraçados da esquerda são uns trates mesmo.

  5. O serviço só piora, vai terminar usando apenas idosos e estudantes. É triste como decaiu muito, fora as ingerências dos administradores.

    1. Se Natal tivesse metrô decente a população não seria tão dependente dessas empresas.

  6. Tem uma solução rápida e fácil, vasta estimular e spoiar a criação de una cooperativa de motoristas e cobradores, onde cada motorista operaria seu proprio veículo e rodaria em distema de rodízio nas linhas predeterminadas pela STTU.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Unimed consegue liminar na justiça e anestesistas deverão continuar atendendo

A UNIMED NATAL, vem através do presente, comunicar que prezando pelo atendimento médico de qualidade e cuidado com seus mais de 204.000 clientes, seus médicos cooperados, adotou todas as medidas cabíveis para garantir a continuidade dos atendimentos dos anestesistas.

Assim sendo, informa ainda que na manhã dessa segunda-feira foi deferida liminar para manutenção provisória do contrato de prestação de serviços de anestesiologia firmado entre a COOPANEST RN e a Unimed Natal, devendo a COOPANEST RN adotar as providências necessárias ao imediato cumprimento da decisão judicial.

Hoje também haverá, às  14hs reunião com o MP e as duas partes. Portanto, as cirurgias e procedimentos realizados com participação dos Anestesiologistas seguem sem interrupção ou mudança nos procedimentos.

De toda forma, a Unimed Natal continua buscando todos os meios negociais junto a COOPANEST para que a questão saia da esfera judicial e o contrato seja efetivamente estabelecido entre as partes.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acidente

VÍDEO: Motociclista morre e carro pega fogo após colisão frontal na BR-226 no RN

Video: Cedido

Um motociclista morreu em um grave acidente na BR-226, no município de Bom Jesus, na Região Metropolitana de Natal. O sinistro foi registrado por volta das 18h30 desse domingo (07).

A vítima fatal foi identificada como José Alves de Souza, de 58 anos. Segundo informações da polícia, o homem conduzia a motocicleta pela contramão da rodovia federal.

Ainda de acordo com a polícia, após a colisão frontal, o carro pegou fogo. O homem não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local, sem chance de qualquer socorro médico. Veja vídeo acima.

Polícias Militar, Civil e Rodoviária Federal, além dos bombeiros, foram ao local do acidente. O Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep-RN) também foi ao ponto onde aconteceu o acidente para remover o corpo e fazer as análises iniciais.

Portal da Tropical

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Idosa de 80 anos, filha e genro são feitos reféns durante arrastão em Parnamirim

Foto: Vinicius Marinho

Uma família foi feita refém durante um arrastão a uma residência em Emaús, Parnamirim, na manhã desta segunda-feira (8). Uma idosa de 80 anos estava entre as vítimas.

De acordo com a Polícia Civil, o morador saía de casa acompanhado da esposa e da sogra por volta das 5h30 quando foi abordado pelos criminosos. Os bandidos mandaram todos entrarem na casa e começaram a recolher pertences da família.

Eles pegaram joias, eletrônicos, aparelhos de celular e dinheiro. Os bandidos colocaram tudo dentro do carro da família e fugiram em direção ao bairro Planalto, em Natal.

A Polícia  Militar foi acionada e interceptou o veículo. Os três criminosos foram presos e os pertences roubados foram recuperados.

G1 RN

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trânsito

Buraco volta a abrir na avenida Felizardo Moura e deixa trânsito lento na saída da ZN

Foto: Hellysmar Lima

O trânsito está congestionado na avenida Felizardo Moura para quem precisa sair da zona Norte, na manhã desta segunda-feira (08). O motivo é um vazamento em uma tubulação de água da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern).

A lentidão no trânsito começa ainda nas avenidas Tomaz Landim e Doutor João Medeiros Filho, na zona Norte, e se estende até o buraco, na altura do bairro Nordeste.

Durante o fim de semana, a Caern já havia trabalhado no local e finalizado o serviço. No entanto, a rede voltou a apresentar problemas. “A Caern esclarece que o serviço foi realizado no sábado (06), contudo, após o sistema ser religado a rede voltou a vazar. A Companhia realizou um novo isolamento na área, para realizar um novo reparo nesta segunda-feira (08)”, explicou em nota.

Por causa do serviço, quatro bairros de Natal estão com o abastecimento de água suspenso. Alecrim, Dix-Sept Rosado, Bairro Nordeste e Quintas estão  sem água, com o fornecimento devendo ser retomado no início da noite, com até 48h para normalização.

“A Caern esclarece ainda que está desenvolvendo o projeto de substituição de toda a rede do trecho, a ser realizada durante a execução da obra de requalificação da avenida pela SEINFRA”, finalizou.

Agentes da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana de Natal estão no local para organizar o trânsito.

Portal da Tropical

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

EDITORIAL: Análise debate da BAND

Foto: Reprodução 

O primeiro debate entre os candidatos ao Governo do Rio Grande do Norte, realizado nesse domingo (7) na Band RN, serviu como apresentação para os postulantes à vaga, com exceção de Fátima Bezerra (PT). Com grande audiência, chegou a ultrapassar as 10 mil pessoas simultâneas no YouTube, sem contar a TV aberta.

Fátima começou arrasadora, o formato facilitou no primeiro bloco. Ficou muito claro que ela foi a única que realmente mergulhou em sua preparação para o debate. Por gerir o Estado, tem recursos, conhecimentos dos números e uma equipe que com certeza lhe preparou bem, Fátima é disciplinada.

Já Fábio Dantas (Solidariedade) não começou bem. No primeiro bloco começou mal e apenas “levantou a bola” para a governadora. Porém, do segundo bloco em diante, o debate se tornou um tiroteio para Fátima e o ex-vice governador aproveitou e foi quem finalizou melhor.

Independente do que ela queira, Fátima caiu em duas armadilhas. Ainda no primeiro bloco, ela pediu três direitos de resposta e saiu da parte técnica, onde começou tão bem, e focou no discurso de politização e se sentiu extremamente incomodada com as críticas a sua gestão. Na minha visão a governadora cometeu outro erro, foi ter escolhido Fábio como seu grande adversário no debate.

Fábio, com o tempo passando, cresceu. Ficou mais seguro durante o debate, implementou o que vem destacando durante sua campanha em entrevistas e puxou para municipalização.

No caso de Styvenson Valentim (Podemos), ele sofreu com a bipolaridade: por duas vezes confundiu o debate com um ringue. Duas “pegadinhas” em que Styvenson caiu não foram jogadas por nenhum candidato, ele mesmo foi de encontro. Uma foi a pergunta de Fátima sobre as mulheres e outra sobre os policiais de Danniel Moraes (PSOL). Em ambos os casos, não houve agressão, apenas perguntas, mas o senador retrucou ao jeito dele, também bateu recorde de caras e bocas. O senador foi bem em defender suas ações no senado.

Danniel Morais, fez o papel que coube ao PSOL. Para quem imaginou que iria acontecer uma dobradinha entre seu partido e o PT, se enganou.

Ele foi o mais incisivo sobre a gestão de Fátima, principalmente na área da saúde, destacando a situação do Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel por várias vezes. Daniel foi muito mal em tentar defender o projeto do PSOL que defende “os pequenos bandidos”. Styvenson foi no queixo dele.

Apesar de ter acertado em puxar para o bolsonarismo, Clorisa Linhares (PMB) demostrou não ter conhecimento de alguns assuntos do RN, além de ter ficado muito nervosa, o que é normal para o 1º debate. Sua finalização no debate, em que fez uma oração – mesmo defendendo a família e questões religiosas – foi apelativo. De toda forma sai melhor que entrou, teve uma grande visibilidade.

No final, fica a dúvida se Fátima irá a outros debates, já que os formatos não irão facilitar. Fábio Dantas, por sua vez, acabou com excelência.

PROPOSTAS

Poucas propostas foram apresentadas. Pouquíssimas.

CONCLUSÃO DO DEBATE

Para resumir, apesar de Fátima ter iniciado de forma arrasadora, o debate não foi bom para ela. Principalmente porque vários recortes de suas falas irão servir para contestação pública: na imprensa e no programa eleitoral e sua gestão foi atacada por todos os adversários em todas as áreas.

Tenho dúvidas se a governadora irá em outros debates no 1º turno, principalmente se o formato for o da BAND da noite deste domingo.

O debate nem tirou e nem levou voto para ninguém, mas é muito importante para analisarmos os candidatos.

A BAND está de parabéns, assim como a amiga Ana Ruth Dantas pela apresentação. Golaço.

BG

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Bombeira Civil baleada durante tiroteio em festa beneficente morre em Mossoró

Foto: Reprodução

A bombeira civil, Daniely Francisca Dantas, morreu no início da noite do domingo (7), no Hospital Tarcísio Maia em Mossoró, vítima de tiros.

A jovem foi baleada durante a madrugada, em uma festa beneficente na Praia de Pernambuquinho, no município de Grossos, na região da Costa Branca Potiguar.

Daniely foi a terceira vítima da ação criminosa. As duas outras foram Luan Melo da Silva, de 25 anos, e Antônio Francielton Peixoto, 32 anos.

96 FM

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

VÍDEO: Bandidos explodem posto de combustível em Sítio Novo

Um posto de combustível, na cidade de Sítio Novo, foi alvo de bandidos na noite deste domingo (7). Como podemos ver nas imagens, explodiram o estabelecimento, fazendo um grande estrago no local.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Campanha contra pólio será incorporada pelo RN Mais Vacina

Foto: Reprodução

Mesmo estando livre da poliomielite desde 1994, o Brasil está na área de risco da doença, conforme alerta feito pela Organização Mundial de Saúde. O reaparecimento da enfermidade, que acomete principalmente crianças, tem como principal causa a baixa procura pela vacina, que pode ser encontrada em todo o sistema de saúde público.

De acordo com levantamento feito pela FioCruz, apesar da gravidade das sequelas provocadas pela pólio, o Brasil não cumpre, desde 2015, a meta de 95% do público-alvo vacinado, patamar necessário para que a população seja considerada protegida contra a doença.

Em 2021, o percentual de crianças vacinadas chegou a 67%, com as três doses iniciais, que são ministradas durante o primeiro ano de vida. Esse percentual é ainda menor quando se trata da dose de reforço, não ultrapassando os 52%.
Com o intuito de mudar esse quadro, a partir de segunda-feira, dia 8 de agosto, começa, em todo o país, mais uma campanha de vacinação contra poliomielite, uma doença infecto-contagiosa aguda causada pelo poliovírus selvagem.

Ela pode provocar desde sintomas como os de um resfriado comum a problemas graves no sistema nervoso, como paralisia irreversível, principalmente em crianças com menos de cinco anos de idade.

RN Mais Vacina
No Rio Grande do Norte, a plataforma RN Mais Vacina irá auxiliar no gerenciamento de todo o processo de imunização da população alvo. Segundo os mesmos parâmetros já utilizados, com a plataforma poderá ser feito o controle de destoque de cada localidade, dos quantitativos distribuídos, além de haver um controle do processo de imunização.

O RN Mais Vacina é a plataforma criada pelo Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS/UFRN) que permite o rastreio da vacina, desde seu recebimento na Central Estadual de Rede de Frio até aplicação na sala de vacina em uma interface web intuitiva e acessível. Possui o cruzamento de dados que identifica incidentes, gera alertas e relatórios inteligentes centrados na experiência do cidadão e profissional da saúde.

Para que todo o processo seja acompanhado, é necessário que as crianças, até quatro anos, que forma o público-alvo da campanha, estejam cadastradas, na categoria de dependente, no RN Mais Vacina. O cadastro precisa ser feito pelos pais ou responsáveis legais da criança. Mas atenção, é necessário haver o cadastro do adulto responsável para que a criança seja inserida no sistema.

Conforme levantamento realizado na própria plataforma, menos de 50% do público da campanha estão cadastrados no RN Mais Vacina. “Com o cadastramento, os gestores da saúde terão as informações necessárias para planejar e gerenciar o processo de imunização das crianças, em todo o estado”, argumentou o diretor executivo do LAIS, Ricardo Valentim.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

1 em cada 4 brasileiros não consegue quitar contas no fim do mês, diz CNI

Foto: Getty Images

Um levantamento realizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) aponta que um em cada quatro brasileiros (25%) não consegue quitar todas as dívidas no fim do mês.

A pesquisa mostra ainda que 69% dos brasileiros não conseguem poupar dinheiro. Os que conseguem economizar chegam a 29%.

Entre as pessoas que não consegue poupar dinheiro no fim do mês, 44% afirmaram que quase sempre ficam apertados, pagam as contas, mas não sobra nada.

A pesquisa divulgada nesta segunda-feira (8) mostra ainda que, com o orçamento apertado, mais da metade dos entrevistados reduziram as despesas com lazer, deixaram de comprar roupas ou desistiram de viajar.

Contudo, pouco mais da metade dos entrevistados pela confederação (56%) acreditam que, até dezembro, estarão com uma situação econômica pessoal melhor ou muito melhor.

CNN Brasil

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polêmica

VÍDEO: Pai é criticado ao passear com filhos quíntuplos em ‘coleiras’: ‘são cachorros?’

O norte-americano Jordan Driskell virou alvo de críticas ao passear com os filhos quíntuplos, presos a cordas, chamadas de “coleiras infantis” por internautas.

O morador do Kentucky disse ao jornal da NBC que a solução das guias torna a saída com os pequenos menos estressante e mais segura.

No entanto, nas redes sociais, muita gente afirmou que Jordan tratou os filhos como animais. “Eu não usaria, são crianças, com idade para ficar perto, não são cachorros”, protestou um internauta.

Jordan declarou que carregar os cinco filhos nos carrinhos tradicionais seria inviável.

Metrópoles

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *