Mulher destrói 500 garrafas de cerveja, gim e vinho em supermercado


Foto: reprodução/Twitter

Durante cinco minutos, uma mulher ficou incontrolável em um supermercado em Stevenage (Inglaterra) na tarde da última quarta-feira (25/11). Esse foi o tempo que durou o seu ataque de fúria, que acabou destruindo ao menos 500 garrafas de bebidas alcoólicas, especialmente de cerveja, gim e vinho. O ato foi testemunhado pelo apresentador de TV britânico Lee Clark.

“Nunca tinha visto algo assim na minha vida”, disse ele ao “Sun”.

Durante a quebradeira, a mulher, que usava um capuz, manteve-se em silêncio.

“Ela não disse uma palavra o tempo todo e estava com uma expressão muito vazia. Um homem disse a ela para se acalmar, então ela jogou uma garrafa de gim que o atingiu numa perna”, completou Lee.

A fúria só foi contida quando um segurança interveio e dominou a mulher até a chegada da polícia. A direção do supermercado não esclareceu por que a reação demorou tanto.

Ainda não foi esclarecido o que motivou o ataque.

Assista abaixo:

Blog Page Not Found – Extra

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. aof disse:

    Empoderada.

  2. Rafael Bezerra disse:

    Se ela fosse negra, ja estaria com a Ycotland Yard, metendo bala.

  3. Laura disse:

    O que tem a Bahia com essa conversa boba.
    Se quer respeito, aprenda a respeitar.

  4. Beto Araújo disse:

    É a segunda vídeo mais cruel que assisti em toda minha vida, a primeira foi um capotamento de um caminhão de cerveja. Onde a humanidade vai parar?

  5. Pedro Henrique disse:

    O que aconteceria se a pessoa fosse negra. Ela teria conseguido quebrar pelo menos a segunda garrafa?

  6. Junin disse:

    O que porra tem a ver ??? Isso foi lá na casa do carai….!!!! Brasil se importa com tudo? Quer justificar toda bosta??? Nam!!!!

  7. Tião disse:

    Se o caba mata uma desgrama dessa aí explode um movimento chamando nós de misógino. É uma misera mermo

    • Ciço disse:

      Pelo vocabulário, Voce já foi a Bahia Donald? Acho que vc é soteropolitano kkkk. Agora me digam, se os seguranças da loja dessem uma rasteira num torço desse, tinha haver com racismo? Eim, eim?

COMENTE AQUI