Petrobras anuncia queda de 5% no preço da gasolina nas refinarias; a segunda redução nesta semana

Imagem: Paulo Whitaker

A Petrobras anunciou aos seus clientes que o litro da gasolina vendida em suas refinarias vai ficar 5% mais barato a partir de amanhã. Essa é a segunda queda de preço do combustível da semana. A primeira foi na segunda-feira (26), também de 5%.

O preço do combustível vai cair R$ 0,0829 nas refinarias, conforme informação da Abicom (Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis) obtida pelo Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado.

UOL/Estadão Conteúdo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Tarcísio Eimar disse:

    O negócio é evitar o consumo. Simples assim. Já era pra ter baixado essa semana pelo menos uns 20 centavos

  2. Mortadela disse:

    cd o ministério público pra investigar os donos dos postos de natal. É incrível, descarado e o MP n faz nada…..

  3. TBT disse:

    Pelascaridade! Se pra cada brasileiro existir um BRASIL desse, nós estamos lascados! Com certeza voce não usa automóvel e se usa, deve ser mainha ou painho que enche o tanque. Jumento!

  4. José Luiz de Castro Cortez disse:

    Brasil. Brasil. Brasil….

  5. Luciana Morais Gama disse:

    O Governo do Estado do RN cobrar 29% de ICMS ANTECIPADO, tributando como se todo posto vendesse a gasolina a R$ 4,76

    • Tarcísio Eimar disse:

      A recíproca é verdadeira. Quando se comprar com valor abaixo paga-se menos ICMS e depois do aumento como fica. Será q o posto paga a diferença em virtude do aumento?

  6. Batista disse:

    Na primeira da semana os postos não baixaram um centavo sequer. Tinha que colocar o imetro e o MP pra investigar nesses postos, é um absurdo o que esses donos de postos fazem.

  7. Calígula disse:

    RN Véio desgraçado, com essa governadora temos os combustíveis mais caro do NE.

  8. Brasil disse:

    Interessante quando o combustível baixa ninguém diz nada, agora se aumenta todo mundo fala do governo. Vá entender

    • Crítico disse:

      È por que quando aumenta a culpa não é da petrobrás, que apenas processa, refina e fornece.
      O aumento real no preço final que vai pro bolso do consumidor é tributário, portanto a culpa não é da companhia mas do governo. Como a petrobrás é uma empresa mista, quando os preços sobem é muito cômodo pro governo tirar o dele da reta perante a opinião pública e botar a culpa na companhia.

COMENTE AQUI