Petrobras reduz em 4% os preços da gasolina e 5% o diesel em suas refinarias a partir de hoje

Em meio à forte queda dos preços do petróleo de um lado, e a alta da moeda americana de outro por conta dos temores do impacto sobre a economia mundial do coronavírus, a Petrobras decidiu reduzir os preços da gasolina e do diesel em suas refinarias. A companhia confirmou que a partir deste sábado vai reduzir em 4% os preços da gasolina e em 5% os preços do diesel em suas refinarias e bases de entrega dos combustíveis.

A decisão da companhia surpreendeu o mercado, que  não esperava mudanças nos preços dos dois combustíveis neste momento, pois se de um lado os preços do petróleo  já caíram 23% neste ano, o câmbio teve alta de 12,4%.

Só neste ano,  é a sexta vez que a Petrobras altera os preços da gasolina, tendo feito quatro movimentos de baixa, e um de alta no último dia 20 de fevereiro, quando reajustou em 3%.

Já em relação ao diesel, esta é a quinta vez que são alterados nas refinarias neste ano. O último movimento foi no dia 6 de fevereiro, quando os preços do diesel tiveram uma redução de 4,4% nas refinarias.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Tony disse:

    Parabens aos petroleiros a greve valeu..tapa no fucim dos bolsotralhas

    • Zé roberto disse:

      No mínimo esse deve ser um baderneiro que gosta de bbb, mangar dos outros e receber bolsa família.

      Petista e a raça mais economicamente improdutiva que existe, nunca vi igual!!!

  2. Emmanoel do Nascimento Costa disse:

    Paulo Guedes disse que privatizando BR é vendendo as refinarias os combustíveis baixava.Parece que já estão mudando a conversa ou seja procurando outros culpados.

  3. […] Petrobras reduz em 4% os preços da gasolina e 5% o diesel em suas refinarias a partir de hoje […]

  4. Dilermando disse:

    Mas os preços não chegam nas bombas. Esse é o livre mercado que alimenta a verborragia de alguns. Outro exemplo é o valor do Etanol, que eles sempre reajustam junto com a gasolina…

  5. Bosco disse:

    Concordo plenamente com Junin e Marcelo!

  6. Junin disse:

    Balela e cao…..mentiras pra tapear os otarios de plantão !!!! Esse governo xibata não baixou porra nenhuma até agora……algum babão burro bitolado explica essa MERDA talkey P****…..

    • Thalia disse:

      Voce deve ter se esquecido que o governo nao define os precos do mercado. Nao existe tabelamento de precos. Se a gasolina nao baixa o preco nas bombas, eh por culpa dos sanguessugas dos donos de postos que fazem lobismo nesse pais, sempre em buca do lucro.

    • bader disse:

      A culpa não é do governo federal, é dos donos de postos safados que não baixam na bomba.
      Burro é o brasileiro otário que abastece e paga caro, comecem e andar de bus e uber, aí eu quero vê.

    • Ricardo disse:

      Não vou fazer propaganda. Mas tem posto da Shell dando um belo desconto se vc botar 20 litros.

    • Marcos disse:

      O Thalia, no governo anterior o culpado era o governo, agora, nesse o culpado é o mercado internacional do petróleo e o dólar. Interessante a mudança de opinião em tão pouco tempo. Vamos ser sensatos e não querer só defender a nossa ideologia, isso nós mostra uma evolução. Dois pesos e duas medidas.

    • Thalia disse:

      Senhor Marco. Os governos, nem os anteriores e nem o atual, tem culpa pelo aumento do preco dos combustiveis, pois, como o senhor mesmo disse, eh o mercado internacional que dita as regras dos precos.

  7. Marcelo disse:

    Nós últimos 90 dias, a redução da gasolina e óleo diesel nas refinarias chega a 15,89%, e o reflexo nas bombas e 0%, vejo gente verno federal querendo zerar impostos federais e querendo que os governos estaduais reduzam ou zerem os impostos estaduais, não adianta de nada pois os cartéis dos donos de postos não vão reduzir o valor do combustível e vão lucrar muito mais. Combinem antes com os donos dos postos…..

    • Lagoa seca. disse:

      Falou e disse Marcelo, aí surgi a pergunta para que Procon, apenas cabide de emprego.

COMENTE AQUI