PSDB terá candidato à Presidência em 2022, garante Bruno Araújo

Foto: Divulgação/PSDB

O presidente do PSDB, Bruno Araújo, afirmou, neste sábado (7), que o partido não abre mão de ter candidato próprio à Presidência da República em 2022. Ele disse ainda que o PSDB “continua sendo um partido com alternativas” e vai lutar para retomar protagonismo no campo de centro da política.

O congresso da legenda ocorre neste sábado em meio a um novo racha, desta vez por causa da disputa de 2022. O governador de São Paulo, João Doria, prepara sua própria candidatura à sucessão de Jair Bolsonaro. Enfrenta, porém, um concorrente interno: Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul.

O próprio presidente da legenda dirigiu afagos públicos a Leite e, em entrevista ao jornal Valor Econômico, disse que Doria não era a única alternativa do partido para 2022.

Neste sábado, Araújo citou Doria como exemplo de “força” dentro do partido, mas não deixou de mencionar que o PSDB tem “quadros importantes”. “O PSDB continua sendo um partido com alternativas, com a força do governador João Doria, com quadros importantes. O PSDB está vivo e o Congresso mostra que sua base movimenta partido como um todo”, disse a jornalistas no evento.

O presidente do partido disse ainda que o PSDB “não busca extremos”. Ele afirmou que há muitos “se” até a eleição de 2022, mas um que já é possível descartar é se o PSDB terá candidatura própria. “O PSDB terá candidato à presidência da República, como teve desde 1989”, afirmou.

Jovem Pan