Geral

Sinduscon do RN conquista vitória inédita e TCE admite reajuste de contrato de obras públicas para reequilíbrio econômico financeiro de negociações

O Sindicato da Indústria da Construção Civil do Rio Grande do Norte conquistou uma vitória que se coloca numa provocação inédita no Brasil. O Tribunal de Contas do Estado admitiu o reajuste de contratos vigentes em função do desequilíbrio financeiro provocado pela pandemia da Covid-19, que levou a inflação dos insumos.

A consulta foi formulada pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, a pedido do Sinduscon, já que a provação a Corte de Contas, por lei, precisaria ser feita pela Casa Legislativa.

O relator foi o conselheiro Paulo Roberto Alves, que foi seguido a unanimidade.

Na resposta do TCE ao Sinduscon, foi firmado que se pode considerar a pandemia um caso fortuito ou de força maior para aplicação da “teoria da imprevisão”, ou seja, do reajuste do valor principal do contrato.

A Corte de Contas respondeu positivamente ao questionamento de que é possível o gestor público ser responsabilizado em caso de execução de serviços que não fazem parte do escopo contratual.

A consulta formulada pelo Sinduscon-RN e encaminhada pela Assembleia, foi a maior que o conselheiro Paulo Roberto Alves já viu em mais de duas décadas no TCE. A informação foi dada pelo próprio membro da Corte quando estava proferindo seu voto.

“É com enorme alegria que recebemos, todos do Sinduscon, essa vitória conquistada. Imagino servirá para outros sindicatos de todo Brasil. Muito diálogo, bom senso, e habilidade política fizeram o nosso Sinduscon sair na frente de todos os estados da federação”, avaliou o presidente do Sinduscon-RN, Sílvio Bezerra, ressaltando que o posicionamento do TCE foi importante para aquecer o setor de obras públicas, que depende das correções serem aprovadas legalmente e as obras paradas retomadas.

Opinião dos leitores

  1. Parabéns a este sindicato. As empresas Precisam de uma ajudam urgente para não se ver novamente um país parado ou falência. Precisa sim de mudanças nas leis que cobrem os reajustes de preço imediatamente aos seus aumentos. Referente terraplenagem será necessário atuar diretamente nos custos embutidos nas composições auxiliares – parabéns e agradecemos em muito a atuação deste órgão já que muitos estos como Rondônia e Minas Gerais estão em falência nas estruturas.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Rafael se coloca como oposição à Fátima em conversa com Styvenson

Foto: Reprodução

Na conversa que teve com o senador Styvenson Valentim, o deputado federal Rafael Motta afirmou que a candidatura de Styvenson é importante para levar a eleição para o segundo turno.

O argumento é frontalmente contrário à estratégia do grupo da governadora Fátima Bezerra, que trabalha para liquidar a eleição no primeiro turno.

A posição de Rafael o coloca, portanto, no campo da oposição à governadora.

A reunião ocorreu em meio à crise entre o grupo de Fátima e Rafael Motta, que ontem viu uma entusiasta de sua campanha, a deputada Natália Bonavides, declarar apoio a Carlos Eduardo Alves para o Senado.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Styvenson deixa entender que vai disputar governo

Foto: Reprodução

O senador Styvenson Valentim, em conversa com esse comunicador, deixou entender que vai disputar o governo do RN.

Ele inclusive já participou de reunião técnica para elaboração do plano de governo.

Oficialmente, no entanto, o senador ainda mantém o discurso de que está pensando no assunto.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Rafael Motta tenta costurar candidatura de Styvenson ao governo

Foto: Canindé Soares

Após se queixar do que o governismo vem fazendo para inviabilizar sua candidatura, o deputado Rafael Motta propôs ao senador Styvenson que ele seja candidato ao governo e pediu o apoio do senador a sua candidatura ao Senado.

A reunião durou mais de uma hora e aconteceu no escritório político do senador e foi articulada pelo assessor, estrategista e marqueteiro de Motta, o jornalista Octávio Santiago.

Esta seria inclusive, a forma de levar a disputa ao segundo turno, segundo Rafael.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acidente

Motociclista colide com ônibus em cruzamento de avenidas em Natal

Foto: TV Tropical

Um acidente foi registrado nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (24), no cruzamento das Avenidas Nevaldo Rocha (antiga Bernardo Vieira) com Prudente de Morais, próximo ao Midway Mall.

A colisão entre uma moto e um ônibus do transporte público de Natal deixou o motoqueiro ferido. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel (SAMU) foi acionada e prestou os primeiros socorros ainda no local. O homem foi levado ao Pronto Socorro Clóvis Sarinho, no Hospital Walfredo Gurgel para atendimento.

De acordo com o motorista do ônibus, que não quis se identificar, o motociclista teria vindo em alta velocidade, e não percebeu que o semáforo estava quebrado. Sem conseguir frear, o condutor da moto bateu na lateral do ônibus. O homem identificado apenas como Carlos, saiu do local consciente, apenas se queixando de dores na coluna.

Portal da Tropical

 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Todos os laboratórios dos serviços próprios da Unimed Natal realizam teste rápido para covid

Informação importante!

Todos os laboratórios dos serviços próprios da Unimed Natal realizam o teste rápido para COVID-19.

Confira os locais e horários de funcionamento:

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

VÍDEO: Bandidos explodem cofre de posto de combustível em Tangará

Vídeo: TV Tropical

Pelo menos cinco criminosos fortemente armados explodiram um cofre em um posto de combustíveis às margens da BR-226, no município de Tangará, no Agreste do Rio Grande do Norte. O crime aconteceu por volta de 1h da madrugada desta sexta-feira (24).

De acordo com as informações iniciais, que foram repassadas pela gerência do estabelecimento para a reportagem da TV Tropical, o valor roubado ainda é desconhecido. Até o momento, não há informações sobre o paradeiro dos criminosos.

Na ação, os bandidos renderam pelo menos dois funcionários e caminhoneiros que estavam no estabelecimento. Em seguida, eles instalaram os explosivos no prédio e no cofre. Após a detonação, o local e o equipamento que guardava o dinheiro ficaram completamente destruídos. A quadrilha pegou o dinheiro e fugiu.

Após a fuga, o cenário no posto foi de caos, com notas espalhadas. O dinheiro que não foi levado ficou manchado pela tinta anti-furto. Uma câmera de segurança ficou destruída no chão, o que pode dificultar as investigações. A parte das bombas de combustíveis não foi afetada pela explosão.

Portal da Tropical

 

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Emprego

UFRN abre inscrições para concurso de professores; 27 vagas são ofertadas

Foto: Cícero Oliveira

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abriu nesta quinta-feira (23) as inscrições para concurso público. Ao todo, são ofertadas 27 vagas para os cargos de professores adjuntos e auxiliares. As inscrições são feitas exclusivamente pelo SIGRH, pelo menu Concursos, e estão abertas até o dia 12 de julho. O edital já está disponível.

São 10 vagas destinadas ao Campus Natal nas áreas de: Mecânica dos Sólidos; Teoria da Elasticidade e Dinâmica de Estruturas; Circuitos para Comunicação e Redes Inteligentes; Geologia Econômica; Pediatria Geral; Geriatria/Saúde do Idoso/Internato em Medicina de Família e Comunidade/MAPS; Hematologia; Hematologia Clínica; Direção de arte, animação e prática na criação e na finalização das imagens; Filosofia Moderna; Hipersônica e Matemática; Inteligência Artificial e Ciência de Dados Aplicadas a Negócios.

Nove vagas são destinadas às diversas áreas de Saúde da Escola Multicampi de Ciências Médicas. Duas vagas ofertadas são para o Centro de Ensino Superior do Seridó (Ceres), para a área de Administração e Gestão de Tecnologia da Informação e de Direito Processual Civil e Direitos Especiais.

Já outras três vagas para a Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi (Facisa) e mais três vagas para a Faculdade de Engenharia, Letras e Ciências Sociais do Seridó (Felcs), nas áreas de Engenharia de Produção e Administração Geral.

O valor da inscrição pode chegar até R$220,00, a depender de cada área. O pagamento deve ser efeituado no local indicado na Guia de Recolhimento da União (GRU), até o dia 15 de julho.

A prova escrita de todas as áreas de conhecimento será aplicada no dia 9 de outubro, às 8h, no município de Natal, com exceção do Departamento de Computação e Tecnologia e do Departamento de Análises Clínicas e Toxicológicas, ambos do Ceres, e das áreas de Administração e Gestão de Tecnologia da Informação e Hematologia Clínica, que será aplicada às 14h.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Ajuda humanitária dos EUA se torna prejuízo milionário para o Brasil

Foto: Michael Melo/Metrópoles

Uma enorme doação de equipamentos hospitalares chineses por uma empresa norte-americana se tornou o proverbial “presente de grego” para o Brasil. A ajuda humanitária, com valor estimado de US$ 155 milhões (cerca de R$ 810 milhões) se mostrou imprestável, segundo avaliação do Ministério da Saúde, e apenas a incineração do material que chegou vai custar R$ 10 milhões e demorar sete meses. Enquanto isso, os cofres públicos bancam os custos de armazenamento – valor que não está incluído no prejuízo potencial.

A ajuda que virou abacaxi está sendo investigada pelo Tribunal de Contas da União (TCU), que cobra do governo federal informações sobre as condições em que a doação foi aceita e medidas para evitar um prejuízo maior ainda ao patrimônio público.

Os produtos doados são aventais hospitalares que foram oferecidos ao Brasil como ajuda humanitária no contexto da pandemia de coronavírus. Quem bancou a doação foi a McKesson Medical Surgical, uma das maiores distribuidoras de equipamentos hospitalares dos EUA.

A oferta era de 85 milhões de peças, que viajariam em 900 contêineres por conta da empresa doadora até o Porto de Santos (imagem em destaque), onde o governo brasileiro assumiria os custos de desembaraço alfandegário: transporte, estocagem e distribuição.

Em dezembro do ano passado, quando o material começou a chegar, porém, as autoridades sanitárias perceberam defeitos e contaminação por mofo em alguns poucos pallets analisados. Isso, concluiu o Ministério da Saúde, tornava todo o material inútil, mesmo que os aventais tenham chegado em datas diferentes, em carregamentos espaçados.

O governo então pediu à empresa que interrompesse novos embarques, mas o Brasil já havia recebido 324 contêineres. Atualmente, a pasta paga para manter em estoque em São Paulo 26 milhões de aventais que considera imprestáveis.

Metrópoles

Opinião dos leitores

  1. Pensei que a terra dos comediantes fosse o meu Ceará, que exporta Cris e outras mamulengos, mais vejo que aqui também tem, Viva o MITO.

  2. Bom dia boiada imunda 💩
    Notícias boas.
    A CRIANÇA de 11 anos pode voltar a sonhar em ter uma vida normal, estudar e brincar
    Lulão vai ganhar no 1º, 53% dos votos válidos
    O 🤡 continua com a cara chamuscada
    E a boiada continua imunda como sempre.

    1. Vc, com certeza, deve ter um distúrbio mental enorme, comemorar uma volta de chefe de quadrilha, que juntos promoveram roubo de mais de um trilhão de reais, num país de miseráveis e abandonados pelo estado. Tudo comprovado, inclusive, com a ações maléficas suspensas momentaneamente por moro, e recuperado 20 bilhões de reais, dinheiro suficiente pra fazer toda a transposição do rio São Francisco, já incluso aí valores pra corruptos. Um sujeito que festeja a volta de um criminoso corrupto ao poder, nem precisa se apresentar.

  3. 🇧🇷Pronto já dirão que esse presente de grego é culpa do Bolsonaro, apodreceu em um período muito curto, a empresa se livrou de ter que incinerar os aventais que já deveriam estar com problema, igual a venderem pneus recauchutados barato para os países que depois terão que se livrar das carcaças. Sai mais barato para eles e ainda ganham fama de humanitários.🇧🇷

  4. Pra que serve as embaixadas e embaixadores , devolvam pra os responsáveis o prejuízo mesmo com transporte será menor!

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tecnologia

Amazon treina Alexa para reproduzir vozes de pessoas mortas

Foto: Divulgação

A Amazon anunciou que está desenvolvendo um novo recurso de voz para a Alexa, a sua assistente virtual. O robô será capaz de imitar a voz de pessoas vivas ou mortas.

A novidade foi divulgada pelo cientista-chefe da Alexa, Rohit Prasad, na conferência re:MARS 2022 da Amazon, na quarta-feira (22.jun.2022). Na demonstração, ele exibiu um vídeo de um menino pedindo para a assistente virtual ler “O Mágico de Oz” na voz de sua avó. O comando foi atendido pela Alexa.

“Embora a IA [inteligência artificial] não possa eliminar a dor da perda, ela pode definitivamente fazer com que as memórias durem”, falou Prasad.

Segundo o cientista, a Alexa aprende a imitar uma voz depois de ouvir uma gravação de menos de 1 minuto.

O funcionário da Amazon disse acreditar que, em breve, a inteligência artificial estará totalmente inserida no dia a dia das pessoas. “Estamos vivendo inquestionavelmente na era de ouro da IA, onde nossos sonhos e ficção científica estão se tornando realidade.”

A Amazon não informou quando o novo recurso será lançado.

Poder360

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Guedes diz que governo avalia elevar Auxílio Brasil de R$ 400 para R$ 600

Foto: Edu Andrade/Ascom/ME

O governo federal estuda a possibilidade de elevar o valor do Auxílio Brasil dos atuais R$ 400 para R$ 600 até o fim deste ano. Para concretizar o reajuste, o governo abria mão da iniciativa de compensar os estados pela redução da alíquota do ICMS cobrada sobre o diesel e o gás de cozinha. A medida foi confirmada por Paulo Guedes ao site Poder360, porém, o ministro da Economia não deu maiores detalhes sobre o projeto.

O argumento utilizado pelo governo seria de que a guerra na Ucrânia tem trazido prejuízo às famílias mais pobres em razão dos aumentos da energia e no preço dos alimentos.

Outras iniciativas avaliadas pelo governo são dobrar o valor oferecido pelo vale-gás e a criação de um vale para os caminhoneiros no valor de R$ 1 mil para ajudar a compensar os reajustes no preço do diesel. Para isso, seria necessário instituir um estado de emergência para escapar das restrições impostas pelo período eleitoral, que impede a criação de benefícios sociais em ano de eleições.

Gazeta do Povo

Opinião dos leitores

  1. Quem vai pagar esse rombo? A classe média, mais uma vez.
    Tá foda viver nesse país de merda onde temos que viver bancando esses auxílios.

  2. Quem diria, que em apenas 3 anos e meio o liberal da escola de Chicago se tornaria mais um comunista! Eita que esse mundo véi dá voltas. E pegue furo no teto de gastos. brazil não é pra amadores.

  3. hum, então daqui a pouco a pessoa nem trabalha e ganha um salario minimo, ta certo. É um tapa na cara dos que levantam de 5h da manhã pra ir trabalhar todo dia…

    1. Tapa na cara de quem acreditou que esse governo seria liberal. Tapa na cara de quem acha que esse governo é anticomunista. Estamos mais perto da Venezuela depois do governo do minto do que nos governos petistas.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *