Suspeitos de crimes no sistema prisional do RN prestam depoimentos após condução coercitiva

Agentes da Polícia Civil e Ministério Público do RN ainda ouvem no fim da manhã desta quarta-feira as pessoas alvejadas pela Operação Queijo Suíço, que visa desarticular um grupo, que envolve agentes públicos, suspeito de crimes no sistema penitenciário.

De acordo com as primeiras informações colhidas pelo Blog do BG na Delegacia Geral de Polícia Civil, ainda não há confirmação sobre o número de mandados cumpridos, mas a reportagem apurou preliminarmente que não haveria ordens de prisão, apenas de condução coercitiva.

Ainda de acordo com as primeiras informações, haveria pelo menos um advogado envolvido no grupo conduzido coercitivamente.

Os suspeitos estariam envolvidos num esquema de burlar a segurança fo sistema com a entrada de itens como drogas e armas.

O grupo, cuja quantidade ainda não foi especificada, está sendo ouvido no núcleo de delegacias especializadas da Polícia Civil, na Avenida Ayrton Senna, na zona Sul.

Comentários:

  1. paulo disse:

    BG.
    Demissão e prisão para esses indivíduos.

  2. Olegario disse:

    Engraçado que o povo preso e conduzido não tem nomes e fotos, se fossem ladrão de galinha já tava estampado em todo lugar.