TSE já registra 52 candidatos que usam o nome ‘Bolsonaro’ para eleições deste ano


Foto: Reuters

O TSE já contabiliza 52 candidatos que usarão a alcunha “Bolsonaro” nas urnas durante as eleições municipais deste ano. Destes, 46 não têm o sobrenome em seus documentos, ou seja, usarão somente para fins eleitorais.

O número ainda pode aumentar já que o prazo para registro de candidaturas vai até este sábado 26.

Dos 52, apenas um concorrerá a prefeito, dois disputarão para vice-prefeito e 49 tentarão se eleger vereadores.

O uso dos nomes varia: dois deles serão chamados apenas “Bolsonaro”, sem qualquer outro nome. Outro será identificado como “Messias Bolsonaro”. Há ainda o  “Rafa apoiadores do Bolsonaro” e a “Paula Milani Camp c/ Bolsonaro”

A maior parte da lista é composta por homens e brancos: 35 homens e 17 mulheres.

Dentre os que possuem o sobrenome de fato estão o filho de Jair Bolsonaro, Carlos Bolsonaro, a ex-mulher do presidente Rogéria Bolsonaro e Marcos Antônio Bolsonaro, um primo de Jair Bolsonaro que concorrerá à Prefeitura de Jaboticabal.

Eles estão espalhados por diversos partidos. Lideram a lista Patriota, com dez candidatos, Republicanos (oito) e PSL (sete). Mas ainda tem políticos no PP, PSC, MDB, PSB, PL, PTB, Cidadania, DC e PRTB com o sobrenome do presidente.

O uso do nome mesmo sem relação com o presidente é permitido pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), que deixa à escolha do candidato como vai ser representado nas urnas.

Com informações de UOL e Época