TV Brasil censura clipe de Arnaldo Antunes e veta nome de Marielle Franco e temáticas LGBT

Foto: Divulgação/Redes sociais

Um clipe do cantor e compositor Arnaldo Antunes foi alvo de censura na TV Brasil, segundo funcionários que pediram para não ser identificados, por tratar de temas considerados sensíveis ao governo federal. O vídeo da música “O real resiste” mostra cenas de violência policial e disseminação de preconceitos no país. A canção cita milícias, terraplanistas, torturadores e fundamentalistas.

“Miliciano não existe. Torturador não existe. Fundamentalista não existe. Terraplanista não existe. Monstro, vampiro, assombração. O real resiste. É só pesadelo, depois passa”, diz trecho da música.

O BuzzFeed News, que divulgou a informação, teve acesso à grade de programação interna do dia 23 de novembro, quando o programa Alto Falante, sobre Antunes, seria levado ao ar às 14h. Em resposta ao site, a EBC, estatal que controla a TV Brasil, confirmou que retirou o programa da grade, mas disse que a mudança ocorreu em cima da hora porque entraram flashes da final da Libertadores, em que jogaram Flamengo e River Plate, no Peru, no último dia 23. O jogou começou às 17h, ou seja, três horas após o início previsto para o programa.

Em nota interna, funcionários da EBC contam que ocorreu censura. Segundo eles, o nome da ex-vereadora Marielle Franco, assassinada em março de 2018, e temáticas LGBT também estão vetados na emissora.

“No lugar do Alto Falante, que é uma produção da Rede Minas, a TV Brasil passou o Hypershow, programa também produzido pela emissora pública mineira e que trata do universo cultural. Este é mais um episódio de censura na TV Brasil. Estão proibidas também menções à vereadora assassinada no Rio de Janeiro Marielle Franco e temas LGBTQ+”, diz o comunicado que circula internamente.

Congresso em Foco

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Brilhante Ustra disse:

    Musica tosca e Maribelle só enche o saco! Próximo passo é fechar ou vender essa estatal idiota!

  2. aof disse:

    Interessante, o Arnaldo Antunes (péssimo cantor) não citou terrorista. Indignação seletiva.

  3. Rui disse:

    Essa TV é um Cabide de emprego,já era pra está fechada!!!!!

  4. Neto disse:

    Isso não é censura. A TV Brasil, assim como qq outra no mundo, pode e deve escolher o q passar em sua programação. A censura na verdade ocorre quando se quer obrigar a TV a passar algo q sua direção não quer. O material “censurado” pode circular livremente em qq emissora de TV do Brasil e do Mundo.

  5. Cigano Lulu disse:

    Bolsonaro é só mais um político sem palavra, que não honra as calças que veste: prometeu fechar essa porcaria de TV estatal mas continua mantendo o cabide de empregos tão precioso à amamentação do valhacouto petralha.

  6. A voz da verdade disse:

    Tá com medinho ladrao?

  7. Geraldo disse:

    A CENSURA VOLTANDO E TODO.MUNDO CALADO, FINGINDO QUE NAO VÊ.
    SE FOSSE A ESQUERDA CENSURANDO, HEIN?
    NÃO ESQUECAM QUE A DITADURA MILITAR DE 64 NAO SE INSTALOU DA NOITE PRO DIA. FOI UM ATO ATRÁS DO OUTRO, DIA APÓS DIA, ATÉ NÃO PODERMOS MAS NEM COMENTAR NADA NOS BLOGS E NEM SE REUNIR PRA CONVERSAR NUMA CALÇADA, QUE JÁ É CADEIA, TORTURA E MORTE.
    SE NÃO ACORDARMOS A TEMPO, QUANDO O FIZERMOS JA PODERÁ SER TARDE E MUITA GENTE INOCENTE MORRERÁ TAMBÉM.

    • VTNC disse:

      Se assim fosse pra que chegar à presidência pela via democrática? Chega de choro e aceita os resultado das urnas,os governos militares são passados foi necessário naquela ordem política mundial. O resto é perfumaria.

COMENTE AQUI