Meio Dia RN

VÍDEO MEIO-DIA RN: Confira o programa desta sexta-feira, que entrevistou o senador Styvenson Valentim(PODEMOS-RN)

Confira programa desta sexta-feira(12). O Meio-Dia RN, com este blogueiro, debateu os principais assuntos no Estado, pelo país e no mundo, e ainda entrevistou o entrevistou o senador Styvenson Valentim(PODEMOS-RN). Clique abaixo e assista via Youtube.

Opinião dos leitores

    1. Não tenho a menor dúvida.
      Qualquer um desses aí é disparado melhor que Fátima.
      O RN nunca teve abandonado, agora está.
      A mulher não se move.
      Não faz nada de produtivo.
      Nada!!
      Só mentiras.

    2. Pra mim vale o mesmo em relação à Bozo e qualquer um que o apoie.

    1. Bebeça de nós todos, criticar a superestrela não quer dizer que votarei nos mesmos sobrenomes. Saia da quinta-série.

  1. STVENSON, já votei para senador e tem meu voto para governador do RN em 2022. O cara é arrochado , não é subserviente , vamos eleger, se não corresponder a gente bota para fora, mais no momento atual é o melhor nome. O resto é BALELA e muita conversa.

    1. Balela foi oq falaste. A superestrela do quartel não mostrou a que veio no Senado, só lorota. Na lei seca, Isaac Leão vem fazendo um ótimo trabalho sem 1% da gabolagem.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Bebê morre na barriga da mãe, após demora no parto em hospital

Foto: Reprodução

Uma paciente grávida deu entrada no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) na noite do último 14 de maio. Gabriela Cezaria dos Santos, 27 anos, e o marido Carlos Nataniel, 24, estavam ansiosos pela chegada do pequeno Carlos Francisco. Porém, após mais de 3 horas de espera na unidade de saúde, foi mandada de volta para casa. Por volta das 3h da manhã, ela sentiu contrações violentas.

“É meu terceiro filho. Era uma contração de parto. Mas eu não estava mais sentindo os movimentos do bebê”, contou. Carlos entrou em sofrimento fetal e morreu, ainda dentro da barriga da mãe. “Passei um dia e meio com ele morto dentro de mim”, desabafa Gabriela, que denuncia negligência médica.

Em 14 maio, com contrações, sangramento e o tampão rompido, a gestante deu entrada no HRSM às 21h30, administrado pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IgesDF). Após triagem, Gabriela foi encaminhada para espera. “Pediram para eu aguardar, e quando sentisse vontade de fazer xixi e cocô, avisasse, para que fosse internada”. O hospital estava lotado, por isso a gestante ficou esperando do lado de fora da unidade de saúde, enquanto sentia as dores do parto iminente.

Foram mais de três horas na fila, quando um funcionário do hospital mandou Gabriela para casa, sob a justificativa de que não haveria médico para atendê-la naquele horário. Após sentir dores de madrugada, na manhã de 15 de maio, Gabriela voltou ao HRSM. Recebeu atendimento às 10h, quando começou o pesadelo.

“As moças da triagem tentaram escutar o coração do bebê, mas ninguém conseguia escutar”, relatou. Logo uma médica solicitou uma ecografia, mas o exame só foi realizado às 15h20, quando o médico constatou o coração parado.

Gabriela passou a noite e parte da madrugada no corredor do hospital. Logo depois, foi acomodada em uma sala. Por volta das 5h40, a mãe expeliu o corpo do filho, já sem vida.

Segundo ela, na hora de retirar o bebê, a criança foi puxada e o hospital não a costurou. “No histórico do hospital mostra que eu fui atendida por um médico, o que não aconteceu”, disse. O casal permaneceu na unidade de saúde. “Proibiram a gente de ficar com telefone. Retiraram o QR Code da ouvidoria. Não queriam me dar alta”, comentou. Após uma longa espera, o casal deixou o local.

Gabriela registrou boletim de ocorrência na 33ª Delegacia de Polícia (Santa Maria). A família também apresentou denúncia na Comissão de Direitos Humanos da Câmara Legislativa (CLDF).

Metrópoles

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Despenca número de eleitores que acham Lula melhor que Bolsonaro

Foto: Reprodução 

A taxa de eleitores que dizem preferir o governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao de Jair Bolsonaro (PL) despencou 13 pontos percentuais desde janeiro de 2024. No início deste ano, havia 51% dos eleitores declarando que a gestão petista era “melhor” que a bolsonarista. Em março, a taxa já havia caído para 44%. Agora, está em 38%. É o menor patamar desde o início do mandato. Os dados são da pesquisa PoderData realizada de 25 a 27 de maio de 2024, com margem de erro de 2 pontos percentuais.

Na outra ponta, 41% dos brasileiros afirmam que o governo atual é “pior” que o seu antecessor. O número se manteve inalterado desde março. Mas agora é a 1ª vez que a taxa supera numericamente a dos que dizem que a administração Lula é “melhor”, como mostra o infográfico a seguir:


Há uma curiosidade nas respostas em que os eleitores comparam os governos Lula e Bolsonaro. O gráfico acima mostra que a administração do ex-presidente tem uma avaliação quase imóvel. O que tem piorado é o juízo que os eleitores fazem da gestão petista.

Ocorre então um fenômeno: o grupo decepcionado com o atual presidente não diz que Lula é pior do que Bolsonaro. Esses eleitores migraram para a opção de dizer que as duas administrações são iguais –eram 9% nessa categoria em janeiro. Agora, são 18%.

A pesquisa foi realizada pelo PoderData com recursos próprios. Os dados foram coletados de 25 a 27 de maio de 2024, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. Foram 2.500 entrevistas em 211 municípios nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. O intervalo de confiança é de 95%.

Para chegar a 2.500 entrevistas que preencham proporcionalmente (conforme aparecem na sociedade) os grupos por sexo, idade, renda, escolaridade e localização geográfica, o PoderData faz dezenas de milhares de telefonemas. Muitas vezes, são mais de 100 mil ligações até que sejam encontrados os entrevistados que representem de forma fiel o conjunto da população.

Poder 360

Opinião dos leitores

  1. As coisas são vão melhorar quando todos, inclusive a imprensa descobrir que nenhum dos dois presta.

  2. Mas democracia é assim mesmo, não importa a vontade do povo, o que importa é a vontade de integrantes da Corte Suprema

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Secretario de saúde de Natal deixa cargo após 55 dias

Foto: Reprodução

Adilson Boldo, secretário da saúde de Natal desde abril deste ano, teve a exoneração publicada no Diário Oficial do Município (DOM) desta quarta-feira (29). De acordo com a portaria, a saída foi realizada a pedido. Adilson assumiu a pasta após a saída de George Antunes para a disputa eleitoral como pré-candidato a vereador.

No DOM, ainda não foi publicado quem deve assumir o cargo. Adilson Boldo é MBA em administração de negócios pela Fundação Armando Alvares Penteado e tem experiência em empresas relacionadas ao ramo da saúde. Ele foi nomeado no dia 4 de abril e deixa o órgão após 55 dias.

Tribuna do Norte

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

VÍDEO: Polícia prende “estuprador em série” suspeito de abusar 12 crianças no interior do RN


Vídeo: Reprodução

Policiais civis da 13ª Delegacia Regional de Goianinha (13ª DR), juntamente com a 101ª Delegacia de Polícia de Goianinha (101ª DP), deram cumprimento, na manhã desta terça-feira (28), a um mandado de prisão em desfavor de um homem, de 42 anos, investigado pela prática de estupro de vulnerável contra 12 crianças. A prisão aconteceu no município de Espírito Santo, interior do RN.

As investigações apontam que o suspeito havia cometido o mesmo tipo de delito contra 12 vítimas, as quais tinham entre cinco e oito anos na data dos fatos. Após diligências e oitivas, a prisão preventiva do homem foi solicitada pela Polícia Civil e deferida pelo Poder Judiciário.

O suspeito foi conduzido ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

No intuito de resguardar a intimidade e a integridade emocional das vítimas, a Polícia Civil não fornecerá detalhes como: nomes das pessoas envolvidas e endereço.

A Polícia Civil solicita que a população continue denunciando atividades criminosas através do Disque Denúncia 181. O sigilo é garantido.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Faixa de ônibus acelera tempo de viagens na av. Felizardo Moura

Foto: Adriano Abreu

A abertura de uma faixa exclusiva para o transporte público, na Avenida Felizardo Moura, facilitou a vida de quem utiliza a via em horário de pico para atravessar a ponte de Igapó, na zona Norte de Natal. O tempo de travessia dos ônibus caiu em 75% desde a segunda-feira (27), quando a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) adotou a medida.

A faixa é aberta tanto pela manhã, quanto no final da tarde e animou os motoristas do transporte público. “Está ótimo agora. Era pra ter feito isso há muito tempo. Antes eu demorava de meia hora a quarenta minutos para atravessar. Agora passo em cinco minutos”, disse o motorista Francisco Edson.

A faixa é sinalizada com cones ao longo do trecho. A operação é acompanhada pelos inspetores e agentes de mobilidade da STTU que permanecem na via para orientar a prioridade dos ônibus e opcionais e o fluxo para os veículos particulares, no sentido Centro/região Norte, a partir da Compal até o acesso à Ponte de Igapó, das 16h30 às 19h30 – no mesmo modelo que acontece com relação à restrição para quem vem da região Norte no período da manhã. Os agentes também coordenam a travessia de pedestres.

Se para os motoristas a medida foi benéfica, para aqueles que sofrem diariamente para passar pelo local de ônibus, foi melhor ainda. A auxiliar de escritório, Ana Lúcia, 61, trabalha nas imediações e pega o horário de maior movimento todos os dias. “A mudança é que a gente não está mais passando uma eternidade no trânsito. Eu ficava cerca de meia hora, 40 minutos para conseguir ir de um lado para o outro. Ontem não demorou 10 minutos”, disse ela.

Os carros particulares e outros veículos permanecem com duas faixas para cada lado. Nesta terça-feira (28), a retenção durante todo o horário de pico do final da tarde não passava da Compal. A orientação da STTU é para que quem estiver num veículo particular e tem maior flexibilidade, evite usar a ponte durante esse horário, uma vez que o DNIT está realizando a obra de restauração da ponte e essa intervenção tem deixado o fluxo de veículos lento nos horários de pico.

Após oito meses do início, as obras na ponte alcançaram apenas 25% de conclusão (neste mês de maio), segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), responsável pela restauração e que aponta não haver atrasos na execução da obra. Pelo cronograma, os trabalhos só devem ser concluídos no primeiro semestre de 2025.

Tribuna do Norte 

Opinião dos leitores

  1. Até a fachada da Flávio VEICULOS oficial tá em reforma saiu o ponto estratégico chama 🔥 só agradeço vcs futuro clientes me orgulho com muita fé 🇧🇷🙏seguidores insta

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Lula remove embaixador brasileiro de Israel e transfere para Genebra

Foto: Reprodução

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), removeu oficialmente o embaixador brasileiro em Israel e transferiu para Genebra, na Suíça. A decisão foi publicada no diário oficial desta quarta-feira (29).

O embaixador Frederico Meyer havia retornado a Israel na sexta-feira (24), depois de quase três meses fora do país. Ele assumirá uma missão permanente com o nome Conferência do Desarmamento, que ocorre em Genebra.

Em fevereiro, o embaixador passou por um momento de constrangimento ao ser chamado pelo chanceler israelense, Israel Katz, ao Museu do Holocausto para ouvir queixas públicas sobre uma fala de Lula, em que o presidente comparou as ações de Israel contra Gaza às ações de Hitler contra os judeus.

No local, Meyer também ouviu que o presidente brasileiro era uma “persona non grata” no país. O governo brasileiro entendeu como “inaceitável” o comportamento de Katz.

A CNN entrou em contato com o Itamaraty, mas ainda não obteve resposta.

CNN

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Desastres naturais afetam 93% dos municípios do Brasil em 10 anos e causam prejuízo de R$ 32,1 bi

Foto: Gustavo Mansur/ Palácio Piratini/Divulgação

Das 5.570 cidades do país, 5.233 foram afetadas por desastres naturais de 2013 a 2023, o que resultou na emissão de 64.742 decretos de Situação de Emergência e Estado de Calamidade Pública, 6.322 somente no ano passado. Em 2024, entre 1º de janeiro e 13 de maio, os danos e prejuízos causados por intempéries acarretaram em 2.358 decretações no país e num prejuízo de R$ 32,1 bilhões, sendo R$ 26,32 bilhões privados e R$ 5,77 bilhões públicos. Os números foram divulgados pela CNM (Confederação Nacional dos Municípios).

Os desastres de 2023 causaram R$ 639,4 bilhões de prejuízos em todo o Brasil.

“São os municípios que sofrem diretamente os impactos negativos dos desastres, que desencadeiam danos humanos, como mortes, ferimentos, desabrigados, desalojados, doenças e outros efeitos negativos ao bem-estar físico, mental e social da população atingida”, afirma a CNM (Confederação Nacional de Municípios).

R7

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pesquisa

PODERDATA: 47% reprovam e 45% aprovam governo Lula

Foto: Sérgio Lima/Poder360

O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é desaprovado por 47% e aprovado por 45% dos eleitores. É a 1ª vez desde o início do mandato que a avaliação negativa supera numericamente a positiva, mas ainda dentro da margem de erro da pesquisa, de 2 pontos percentuais.

Desde a posse de Lula, em janeiro de 2023, o percentual dos que dizem “desaprovar” subiu 8 p.p. (de 39% para 47%). A aprovação ao governo petista caiu 7 pontos percentuais (de 52% para 45%) e atingiu a menor taxa da série histórica.

alt

A pesquisa foi realizada pelo PoderData, empresa do grupo Poder360 Jornalismo, com recursos próprios. Os dados foram coletados de 25 a 27 de maio de 2024, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. Foram realizadas 2.500 entrevistas em 211 municípios nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. O intervalo de confiança é de 95%.

Poder360

Opinião dos leitores

  1. Eu continuo dizendo, eu aprovo o governo de LULADRAO, pois ele está fazendo exatamente o que se propôs, roubar, mentir, corromper, apoiar seus comparsas, e tomar muita cachaça. Viva LULADRAO, o verdadeiro.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Taxar compras de até US$ 50 piora desigualdade, diz AliExpress

Foto: Unsplash

O AliExpress se disse “surpreendido” com a decisão da Câmara dos Deputados de taxar em 20% as compras feitas em sites internacionais. Segundo a varejista chinesa, o imposto afetará principalmente os mais pobres, além de desestimular investimentos estrangeiros no país.

Na terça-feira (28.mai.2024), a Câmara aprovou o PL (projeto de lei) do Mover (Programa de Mobilidade Verde e Inovação), com o dispositivo que dá fim à isenção de tributação federal para compras estrangeiras de até US$ 50 e estabelece uma alíquota de 20%. Agora, o texto vai ao Senado. A expectativa é que seja apreciado nesta quarta-feira (29.mai), para não perder o prazo.

Em nota, a gigante de comércio eletrônico afirma que a medida “impactará de forma muito negativa a população brasileira, principalmente aqueles de classes mais baixas, que deixarão de ter acesso a uma ampla variedade de produtos internacionais, que em sua maioria não são encontrados no país, a preços acessíveis”.

A empresa destaca que o PL “não altera a isenção para viagens internacionais”. Brasileiros podem viajar para o exterior e fazer compras de até R$ 5.000 a cada 30 dias sem pagar imposto sobre os itens na volta ao país. Segundo o AliExpress, isso aumenta “ainda mais a desigualdade social”.

Poder360

Opinião dos leitores

  1. Uma vitória do governo.
    Conseguiu mais 20%.
    É o jeito os burros de cargas pagarem ou deixar de comprar coisas boas, baratas.
    Faz o L.
    Governo fraco é assim.
    Só pensa em impostos.
    Diminuir as mordomias, ja mais.

  2. Impossível discordar disso… Ao contrário de proteger a indústria e o comércio nacional, esse tipo de iniciativa prejudica o consumidor, especialmente o mais pobre… Se o Nine realmente é contrário, como ele se dizia, que assim o vete. Mas sabemos que não é esse o posicionamento do governo.

  3. E o pobre continua levando tromba no governo do amor. O amor voltou e a sopa de osso também.

    1. Quem taxou essas compras foi o congresso, cuja maioria foi eleita por idiotas como você.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Líder do governo defende mudanças na gestão Lula: ‘Se estivesse bem, teria 80% de aceitação’

Foto: Bruno Spada/Câmara dos Deputados

Líder do governo na Câmara dos Deputados, José Guimarães (PT-CE) defendeu uma renovação na Esplanada dos Ministérios e uma chacoalhada geral no PT para o enfrentamento do bolsonarismo nas ruas e nas redes sociais.

“Toda renovação é bem-vinda. Evidentemente que o presidente é quem encaminha. Mas às vezes nós temos que evitar em qualquer governo a acomodação, a sensação de que está tudo bem. Se estivesse tudo bem, o Lula estava com seus 80% de aceitação. Não está tudo bem”, afirmou Guimarães ao ser questionado sobre a necessidade de uma reforma ministerial.

As declarações do congressista foram dadas horas antes do governo sofrer uma série de derrotas na votação dos vetos presidenciais do Congresso Nacional nesta terça-feira (28).

Folha de S. Paulo

Opinião dos leitores

  1. Falavam de Fernando Henrique, Aécio Neves, Michel Temer e agora Jair Bolsonaro. Quem vai ser o próximo?

  2. Esse povo da esquerda tem que ter alguém para falar.
    Foi assim com Fernando Henrique
    Aécio Neves
    Michel Temer
    E agora Jair Messias Bolsonaro.
    Quem vai ser o próximo?

  3. Então, de acordo com o “deputado do $ na cueca”, a culpa pela má gestão é dos ministros…nada a ver com o cachaceiro ladrão…çey!!! Como sempre, o PT (Partido da Terceirização) delegando a culpa…

  4. Um cabra safado desses sair com uma dessas, é o mesmo que fazer um gol de bicicleta, aos 49 do segundo tempo e depois correr pata o abraço em Gustavo Mafra, sai coceira.

  5. ESSE É O FAMOSO DÓLAR NA CUECA.
    kkkkk…
    Imaginem!
    Pra permanecerem no poder absoluto, agora quer dizer o que é certo ou errado.
    Como pode o povo votar tão mal.
    Esse sujeito não perde uma eleição no Ceará.
    É muita jumentice.

  6. Traz de volta Dirceu, Genoíno, Silvinho do PT, Delúbio, Palloci e os outros 35 sujeitos da turma do ALIBABÁ.

  7. Ladrão cuidando de ladrão , ambos reciclados pelos togados canhotos e cidadãos amauroticos !

  8. MUDANÇAS, COMO EM ADMINISTRAÇÃO DE ESQUERDA PT LULA NÃO TEM MUDANÇA É SÓ O CAOS NA ECONOMIA [GASTANÇAS E GASTANÇAS , ERAM 23 MINISTROS, AGORA 40 , VIAGENS E VIAGENS HOSPEDAGENS TURISTICAS COMO A DA CHINA 3 AVIOÕES 200 PESSOAS E JUNTO O MST, JÁ + DE 10 MIL COLOCADOS NO FEDERAL EMPREGUISMOS, ARRUMAÇÃO DE CUMPANHEIROS, TEMOS QUE AGUENTAR SOFRENDO O RETROCESSO!!

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *