‘A professora que cola’: Caso de plágio em programa de Fátima se amplia na imprensa nacional

Pelo menos três veículos da imprensa nacional repercutem ainda o polêmico caso de plágio do programa de governo que a senadora Fátima Bezerra, candidata do PT ao governo do RN, apresentou à Justiça Eleitoral. O documento transcreve a íntegra de promessas que Welligton Dias fez em 2014 no Piauí.

Na coluna ‘Painel’, da Folha de S.Paulo, primeira a repercutir o assunto nacionalmente, a seção ‘Tiroteio’ aspeia uma declaração do governador Robinson Faria, que diz: “Aos olhos do povo do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra é uma professora que colou na prova”.

No jornal O Globo também há o registro. Sob o título “Tudo para o povo piauiense, quer dizer, potiguar”, a reportagem de Daniel Salgado destaca os trechos revelados na segunda pelo BlogdoBG.

No programa ‘Os Pingos nos Is’, na Jovem Pan, nessa terça-feira, José Maria Trindade fez o registro sob crítica irônica. “Como a ladainha petista costuma ser sempre a mesma, basta dá CTRL+C CTRL+V”.

O caso obrigou a equipe de campanha de Fátima a substituir o programa de governo. Em nota, a assessoria explicou que o programa se inspira, além de plenárias e consultas populares, em casos de governos que deram certo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carlos Bastos disse:

    Bg em 2014, seu governador disse que copiaria o programa de segurança do Ceará qual é o problema copiar um programa que está dando certo.

  2. Ems disse:

    Onde estão aqueles que criticavam o Bolsonaro por uma simples anotação em sua mão ? Usarão do mesmo rigor com essa senhora ? A atitude de Bolsonaro não chega ao rastro da petista.

  3. Tarcísio Eimar disse:

    Essa vai ser reprovada nas eleições. Vai tentar novamente passar de ano letivo, mas só daqui a 4 aninhos.

  4. daysy disse:

    É sempre uma mentira esse PT

  5. Joca disse:

    Isso não sabe nem falar , quer administrar o RN.

  6. Roberto Lucio disse:

    Parafraseando o cientísta Lavoisier, que afirmou: "na natureza nada se crua, nada se perde, tudo se transforma", se copia; praticamente todos fazem isso.
    Porém ninguém admite isso publicamente.
    É óbvio que a revelação de uma situação dessas é inusitado e pode causar alguma indagação. Entretanto graves são as inúmeras acusações de processos que tramitam contra a maioria dos nossos tradicionais políticos do Rio Grande da Morte, por improbidade, desvios de recursos e corrupção; e não vejo ninguém tão indignado com isso da mesma forma que parecem estar com um mero erro que não deverá comprometer seu governo.
    Quanta hipocrisia!

    • Ceará-Mundão disse:

      "Todos fazem isso". Dessa forma, também não devemos nos importar com a corrupção dos políticos. Afinal, "todos" (Bolsonaro não) praticam, não é? Fátima é despreparada e esse plágio é mais uma demonstração disso. Além de também demonstrar sua despreocupação com a ética e sua falta de compromisso com o estado. Afinal, o RN enfrenta graves dificuldades já faz tempo. E o que ela pretende fazer a respeito? Plagiar o Piaui? É por causa de pensamentos e eleitores desse naipe que chegamos a esse ponto.

    • Roberto Lucio disse:

      Se vc copiar projetos, programas ou ações que estão dando certo e/ou funcionando em outros Estados não desabona ninguém. Pois devemos sim buscar exemplos onde as coisas estão indo bem e os problemas sendo solucionados. O contrário é burrice.
      Ainda mais sabendo que o governo no qual ela se inspirou é do mesmo partido e todos sabem que os partidos são nacionais e podem e devem compartilhar as experiências de sucesso.
      Vamos procurar críticas mais consistentes para atacar a única candidata com chances de chegar ao governo que não pertence as oligarquias tradicionais dos Alves, Maias e Rosados.

    • Helio Motta disse:

      Beleza, mas custava dizer ao povo do RN que por falta de capacidade ou de ideias a candidata estava copiando o plano de governo do Piauí?
      Se seus argumentos quanto ao alcance do partido, qualidade das ideias fossem verdadeiros e não meras desculpas esfarrapadas, poderiam ter sido mais honestos. Opa… honestidade e PT é como água e óleo, não é?

COMENTE AQUI