Judiciário

ABORTO: Hospital interrompe gestação de menina de 11 anos em SC após recomendação do MPF

Foto: UFSC

A menina de 11 anos que teve o aborto negado pela Justiça catarinense, teve a gestação interrompida nesta quarta-feira, 22. A informação foi divulgada pelo Ministério Público Federal (MPF) no início da tarde desta quinta-feira, 23.

Em nota, o MPF afirma que o Hospital Universitário (HU) Polydoro Ernani de São Thiago, vinculado à Universidade Federal de Santa Catarina, que havia negado a realização do aborto inicialmente à garota, foi procurado na quarta-feira, 22, pela mãe e pela criança, e que “adotou as providências para interrupção da gestação da menor“.

VEJA MAIS: REVIRAVOLTA: Deputado afirma que menina “estuprada” que engravidou aos 11 anos foi de um menino de 13 anos que ela se relacionava

“O Ministério Público Federal (MPF), considerando a grande repercussão do caso envolvendo menor vítima de estupro e, que teve a interrupção legal da gestação negada pelo serviço de saúde, vem informar o acatamento parcial da recomendação expedida nesta quarta-feira (22) ao Hospital Universitário (HU) Polydoro Ernani de São Thiago, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). O hospital comunicou ao MPF, no prazo estabelecido, que foi procurado pela paciente e sua representante legal e adotou as providências para a interrupção da gestação da menor”, informou o comunicado.

Na quarta-feira, o MPF enviou uma recomendação ao Hospital Universitário para que a unidade realizasse o aborto, e fixou o prazo de até meio-dia desta quinta-feira para que o HU se manifestasse sobre a recomendação.

No documento, a procuradora Daniele Cardoso Escobar, que assina a recomendação, argumentou que, no caso de aborto legal, não há restrições relacionadas à idade gestacional ou ao peso do feto que pudessem impedir a interrupção da gravidez.

O HU foi procurado pela vítima para realizar o aborto no início de maio, quando a criança estava com 22 semanas de gestação. O hospital, porém, negou a ela o procedimento alegando que as normas da unidade permitem a interrupção da gravidez só até a 20ª semana.

O episódio veio à tona na última segunda-feira, 20, quando gravações de uma audiência mostram a juíza Joana Ribeiro Zimmer, da Comarca de Tijucas (cidade a 30 quilômetros de Florianópolis), e então responsável pelo caso, sugerindo à menina que suportasse a gravidez por mais algumas semanas para conseguir dar à luz ao bebê. Os diálogos foram divulgados em reportagem publicada pelo portal Catarinas e o The Intercept Brasil.

Joana Ribeiro Zimmer já não está mais à frente do caso. No último dia 15, antes da publicação da reportagem, ela foi promovida e transferida para a 1ª Vara Comercial de Brusque.

Com informações de Estadão Conteúdo

Opinião dos leitores

  1. CRIME, ASSASSINATO DE UM SER INDEFESO!!!
    NÃO PASSAM DE ASSASSINOS, TODOS QUE PARTICIPARAM DESSE ATO CRUEL!

  2. Esse caso serve para refletir ate que ponto chega o INDIVIDUALISMO e EGOISMO da nossa humanidade, fruto obviamente do nosso sistema capitalista selvagem. O capitalista selvagem pensa somente em si. O egoista e individualista a mesma coisa. Vou fazer uma ressalva: SE A MENINA DE 11 ANOS CORRIA RISCO DE VIDA, com certeza o Direito nao seria contra, nem a Ciência e nem a Medicina também seria contra e nem o Bom Senso do “homem médio” tambem seria contra e ponto final. Acredito que no caso dessa ressalva só uma pessoa irracional seria contra. Mas tirando a ressalva… AÍ VEM A POLÊMICA. E ela vem, porque cada profissao quer defender suas regras a todo custo e esse egoísmo profissional é um perigo até para a vida das pessoas. O Código penal de 1940, um mero escrito antigo e precisando de atualização urgente para não violar as regras da Medicina. Aí chega a procuradoria da república ( = promotoria federal, para os leigos), pressionada pela MÍDIA, e recomenda a um hospital federal, um aborto (ou um homicídio de bebê?), uma procuradoria que nao entende nada de Medicina, mas deveria entender, porque pensa numa coisa irracional é usar uma letra de lei fria e antiga como o Código penal de 1940, sem embasamento médico-científico atual, de 2022, para se resolver casos jurídicos de 2022! Infelizmente é assim. Mas da mesma forma que defendi, no começo deste comentário, que se a Medicina atesta risco de vida para a criança de 11, o bom senso racional (rei de todas as profissões) é suficiente para justificar o aborto. Mas se a Medicina nao atesta risco de vida para a criança de 11 anos, sinceramente, o egoísmo e individualismo humano desse sistema capitalista selvagem acabou prevalecendo. E em nao havendo risco de vida para a criança de 11 anos, o bebê poderia muito bem nascer (o direito da vida é da Constituição Federal, está acima de qualquer egoísmo humano, esta acima de um codigo penal antigo de 1940!), e o bebê nasceria, seria doado para alguma instituição que se encarregaria de fazer adoção do mesmo (tantas familias aí querendo adotar um bebe, a maioria quer um bebê para adotar, o pior é isso!). E a criança de 11 anos encaminhada para tratamento psicossocial, o qual ela ja teria de fazer independente do aborto individualista e egoísta. RESSALTO QUE DEFENDO ISSO APENAS NO CASO DE A CRIANÇA DE 11 ANOS NÃO CORRER RISCO DE VIDA, POIS SE CORRER, O BOM SENSO MANDA ABORTAR. Nos seres humanos precisamos de tratamento psicologico urgente, estamos muito egoistas, pensando somente em nós mesmos, ao ponto de ter que tirar a vida de um bebê, para a criança de 11 anos nao se sentir incomodada com isso? isso é um absurdo! Para esse tipo de incômodo, ela ja teria que ser submetido de todo jeito a acompanhamento psicossocial, como alias, ela vai precisar agora depois que abortou. E se nao abortasse, ia precisar do mesmo jeito. O que o bebê tem a ver com o crime? PELO AMOR DE DEUS! O pessoal do Direito nao pode sair defendendo tudo o que estudou na faculdade às cegas nao. O direito nao é totalmente independente de outras profissoes como a Medicina nao. Ao contrario, o Direito precisa das regras da medicina em muitos casos e este da menina é um deles! E todas as profissoes precisam do bom senso. Se fosse direito civil, os pais do suposto “estuprador” de 13 anos (13 anos?! pois é ainda tem isso) e os pais da “estuprada” seria responsabilizados civilmente (pagando dinheiro do proprio bolso pelo ilícito), mas como é direito penal (e neste caso, os pais não pode ser responsabilizados), aí infelizmente os pais e maes de ambos os envolvidos não estão na cadeia, mas era o que era pra acontecer, porque se vigiassem melhor os seus filhos, isso nao teria acontecido. Pois é, nosso mundo tá todo errado. Precisa mudar esse codigo penal arcaico para nesses casos, os pais e maes irem pra cadeia. Aí quem foi condenado aí foi o bebê. Mas repito, se a criança de 11 anos corria risco de morrer se nao fizesse o aborto no dia 22/06/22, eu defendo o aborto feito por ela. Afinal, o ideal seria ver a menina e o bebe vivos, caso a menina nao corresse risco de vida. E egoismos feministas que fiquem excluidos dessa história. ô coisa repugnante é o egoísmo feminista! Sim, e outra coisa, mesmo que bebe e menina ficassem vivos, entendo que o codigo penal precisa incluir a cadeia para os pais e as maes de ambos caso o inquerito conclua que houve de fato estupro. E a Midia precisa tambem antes procurar ouvir os médicos antes e nao ficar defendendo bandeira feminista egoista contra a vida de bebes. Esse é o nosso mundo cruel e sinceramente quem nao concordar comigo, é porque é doido mesmo. Aí eu nem converso mais, paro logo a conversar para nao perder meu tempo.

  3. Como fica o caso?
    O assassinato da criança ja choca por si só.
    E agora pior ainda quando se descobriu que a menina nao foi estuprada.
    O pai do bebê tem 13 anos e morava na mesma casa da menina, pois é filho do padrasto da menina.
    A juíza tinha princípios e foi covardemente atacada por sua decisão contrária ao aborto.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

COVID: RN possui 17 leitos críticos e 24 leitos clínicos disponíveis

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 16h00 desta segunda-feira (4).

Neste período, havia quatro (04) pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação e dois (02) aguardando avaliação. Foram registrados disponíveis 17 leitos críticos e outros 24, sendo clínicos.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN registra 1 óbito por Covid-19 nas últimas 24h; novos casos são 124

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta segunda-feira (4). São 529.031 casos totalizados. Nas últimas 24 horas foram registrados 124 novos casos e um (01) óbito (Natal).

Óbitos confirmados para Covid-19: 8.275. Em investigação são 1.324. Recuperados são 509.050. Casos suspeitos somam 2.256 e descartados são 996.190. Estimativa de casos em acompanhamento: 11.706.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 70%

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 70%, registrada na tarde desta segunda-feira (4). Pacientes com Covid-19 internados em leitos clínicos e críticos somam 85.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 71,8% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 62,5% e a região Seridó tem 80%. Até o momento desta publicação são 17 leitos críticos (UTI) disponíveis e 42 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 24 disponíveis e 43 ocupados.

Outro 1 leito de UTI está ocupado por paciente ‘não Covid-19’ e 1 leito clínico também está ocupado por paciente ‘não Covid-19’, com outra síndrome gripal.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Oito bairros de Natal ficam sem abastecimento de água após danos causados pela chuva

Foto: Reprodução

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) informou que as fortes chuvas que caíram em Natal durante todo o domingo (3) também interferiram no fornecimento de água. De acordo com a Companhia, são oito bairros da capital potiguar que estão com sem abastecimento, devido aos danos causados pelas chuvas.

Um exemplo ocorreu em Felipe Camarão. A rede de drenagem na rua Mirassol foi rompida, o que causou a formação de uma cratera na BR-226. A via está interditada e o abastecimento de água suspenso.

A Caern prefere não prever o retorno do abastecimento para a região e afirma que está aguardando a conclusão do reparo, que está sendo executado pela Prefeitura do Natal, para restabelecer o funcionamento do sistema.

Já nos bairros Dix-Sept Rosado, Nazaré e Bom Pastor, também na zona Oeste de Natal, um vazamento na rua Miguel Castro foi identificado e também forçou a suspensão do abastecimento para os clientes da região. Nesse caso, a previsão do retorno é de até 72h, prazo que a Companhia prevê como suficiente para a conclusão do reparo e o restabelecimento do fornecimento de água.

Do outro lado da cidade, na zona Leste, mas também por um vazamento, clientes dos bairros de Cidade Alta, Petrópolis, Barro Vermelho e Tirol estão sem abastecimento. O prazo para restabelecimento é de 72h e o que causou a suspensão no fornecimento de água foi um vazamento em uma rua próximo ao viaduto do Baldo.

A Caern não informou quantos clientes foram atingidos com a suspensão do abastecimento.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Meio Ambiente

FOTOS: Veja como ficou a Rota do Sol depois que a Estação de Tratamento transbordou e inundou com dejetos

Na noite desse domingo (3), por causa do grande volume de chuva que caiu na Grande Natal durante o final de semana, a Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) Rota do Sol da Caern transbordou e inundou a Rota do Sol com dejetos nos dois sentidos, interrompendo o trânsito.

Veja as imagens:

Por meio de nota, a Caern informou que por ser responsável pela ETE, “está com equipes trabalhando para manter a ETE funcionando plenamente”.

Opinião dos leitores

  1. Que absurdo nem no período medieval era precário assim,falta de planejamento , previsão e responsabilidade,compromisso com a saúde pública zero,bem típico deste governo petista!!!

  2. Vamos aguardar qual penalidade o Ministério Público vai sugerir pra CAERN, que já é reincidente da merda na rodovia. Alô Dra Gilka da Mata.

  3. Políticos e técnicos da Caern INCOMPETENTES, toda grande chuva os dejectos são jogados na rodovia, deveriam responder criminalmente por esse absurdo.

  4. Essa CAERN absolutamente é uma MERDA … privatiza , enfia o pé na BUNDA desse povo. Cabide de emprego para políticos 🤮

  5. Privatiza … enfia o pé na BUNDA desse povo quecso faz mamar , veja o exemplo da COSERN? Veja se tem engenheiro com o casaco pendurado na cadeira e dormindo em casa ?? PRIVATIVA é essa MERDA vai acabar … RIMOU … MERDA

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

SGA: Eraldo, o Ingrato…

Foto: Divulgação

Empossado prefeito de São Gonçalo do Amarante após a morte de Paulo Emídio, Eraldo Paiva tem demonstrado ter o pior dos defeitos que um ser humano pode cultivar: o de ingrato.

Nem bem o corpo de Paulinho Emídio esfriou na sepultura, Eraldo Paiva passou a fazer uma limpa nos cargos de confiança nomeados pelo prefeito que tinha em média 80 por cento de aprovação.

Paiva não poupa nem os ocupantes de cargos comissionados mais próximos de Paulo Emídio.

A ingratidão não poupa nem as bases de Terezinha Maia, viúva de Paulinho Emídio e candidata a deputada estadual.

Este comunicador procurou o secretário de comunicação, Rodolfo Ramon, para apurar as informações sobre exonerações.

Surpreendentemente, foi informado de que o próprio Rodolfo acabara de ser exonerado na manhã desta segunda sem receber pelo menos um telefonema do prefeito.

Em São Gonçalo do Amarante, Eraldo Paiva, que não seria hoje prefeito se Paulinho tivesse ouvido os conselhos para trocar de vice na campanha da reeleição, em 2020, ganhou um cognome e está sendo chamado de “Eraldo, o Ingrato”.

Merecido, pelo visto.

Se ligue, Jaime Calado…

Opinião dos leitores

  1. Bem feito pra JAIME E ZENAIDE, falamos que ERALDO não era de confiança, e o pior é que estamos alertando JAIME E ZENAIDE de novo, pra não votar com FÁTIMA. Se Ela ganhar, talvez, nunca mais os CALADOS voltem a governar São Gonçalo. Triste fim, pra uma cidade tão bonita…

  2. Pelo que me consta o cargo comissionado é do prefeito, ou ele quando era vice nomeou algum secretário?

  3. Rodolfo deveria trabalhar na área dele sem ser cargo comissionado em prefeitura, mas pelo mérito numa empresa! Né não, Rodolfo Maia?

  4. Vão voltar a mamar em São Fernando, esses que são uns ingratos só voltam a SF na política e olhe lá. Aprender a sobreviver sem o padrinho finado Paulinho é bom.

  5. Se o político nomeia apadrinhados, é criticado. Se demite pra poupar o erário público, também é criticado. Prefeitura é pra ser cabide de emprego???? Ou o BG também tava pendurado???

  6. FEZ MAIS DO QUE CERTO. TEM QUE MANDAR ESSA CORJA PRA FORA. ELES QUE SE VIREM PRA MAMAR NA PREFEITURA DE SAO FERNANDO

    1. Já mamam, devem retornar a mamar! Acho certo, Paulinho colocou os dele, Eraldo coloca os seus.

  7. Ele reze muito junto com o irmão dele que é padre e ptralha, a surra nas urnas vai acontecer. Aguarde carta traira.

  8. O que se pode esperar de um petista, que não seja ingratidão, vide as traições de Fátima com Antenor, Jean Pool e Rafael Mota. Petista não tem compromisso com moral e ética, para eles o que vale é o poder pelo poder, hoje vemos Fátima abraçada ao traidor contumaz Carlos Alves e aos que ele tanto criticava Garibaldi e Walter Alves, todos em um acasalamento de cobra com escorpião, vamos ver quem será o primeiro a ser traído e por quem.

  9. Não sabe Eraldo que em 2024 vai precisar de todo mundo que ele ezonerou, que os votos das pessoas desse povo ia contar muito pra reeleição dele, coitado desse rapaz, acha que estar por cima da carne seca, estar sendo apenas prefeito de uma cidadezinha de interior dum estado pobre do nordeste kkk

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

OAB/RN pede ao CNJ providências em relação ao pagamento de precatórios do TJRN

Foto: Divulgação

A Ordem dos Advogados do Brasil no Rio Grande do Norte (OAB/RN) enviou um pedido de providências ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em relação ao pagamento de precatórios do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN). “A OAB/RN, desde março, vem em constante contato com o TJRN tentando uma solução para esse problema que travou completamente o pagamento de precatórios e alvarás”, explicou o presidente Aldo Medeiros.

No documento, a Seccional Potiguar afirma que a situação é urgente “pois ultrapassam quatro meses de inoperância do sistema de pagamento de precatórios judiciais no âmbito do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte”. Além disso, diante de todos os questionamentos já feitos, a Justiça Estadual se limita a informar que não dispõe de recursos humanos e tecnológicos suficientes às adequações necessárias para a implementação das mudanças constitucionais advindas das Emendas Constitucionais de nº 113 e 114. A OAB/RN ainda chama atenção para a falta dos mais básicos elementos tecnológicos para uma atuação célere, segura e eficiente por diferentes setores do TJRN, dentre eles o de precatórios.

A Seccional Potiguar pede que o CNJ fixe um prazo de até 10 dias para que o TJRN faça as adequações tecnológicas necessárias no Sistema de Gerenciamento de Precatórios (SIGPRE) para a retomada dos pagamentos. Além disso, a OAB/RN também solicita o mesmo prazo para a Justiça Estadual responder os questionamentos realizados através de ofício, que permitem a melhoria da eficiência e eficácia em relação às atividades da Divisão de Precatórios.

Entre as providências a serem adotadas, a OAB/RN também pede para que seja assegurada a não interrupção do pagamento dos precatórios estaduais e municipais, conforme a disponibilidade financeira para cada ente devedor. “Sem prejuízo da adoção de outras medidas administrativas decorrentes das respostas aos questionamentos formulados e, até a presente data, não respondidos”, diz o documento.

“Apresentamos um pedido de providência ao CNJ para que haja algum tipo de solução, para que voltem a ocorrer os pagamentos. Os valores estão depositados tanto pelo Estado, quanto municípios na conta do Tribunal. Embora não seja um problema fácil, outros Estados conseguiram superar as dificuldades por diferentes meios, então aguardamos ter uma manifestação do CNJ em até 10 dias”, explicou Aldo Medeiros.

Ainda no mérito, a OAB/RN solicita que o CNJ disponibilize um aplicativo nacional para os cálculos de liquidação, a teor do previsto no art. 509, §3º do Código de Processo Civil, no prazo de 180 dias. “Em função da inércia do CNJ em disponibilizar a calculadora judicial os Tribunais de Justiça têm desenvolvido os seus aplicativos, uns de melhor qualidade, outros mais simples. Contudo, o caso do Rio Grande do Norte é objeto de muitas reclamações pelos usuários”, diz o documento.

O pedido de providências é assinado pelo presidente da OAB/RN, Aldo Medeiros, o corregedor da Seccional, Augusto Maranhão, o presidente da Comissão Especial de Precatórios, João Victor de Hollanda, além da assessoria jurídica.

Opinião dos leitores

  1. Não sei se é praxe mas o fato é que tenho um RPV de 20 salários mínimos transitado em julgado desde junho de 2021 e apesar de ter mais de 60 anos que eles consideram como prioridade até hoje não recebi essa quantia.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acidente

Muro desaba e mata homem na Grande Natal

Foto: Reprodução

Um homem morreu após ser atingido por um muro, nesse domingo (4), no Sítio Japecanga, em São José do Mipibu, na Grande Natal, enquanto tentava desentupir uma vala.

De acordo com relatos de moradores ao Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (ITEP), acionado para realizar o recolhimento do corpo, a vítima foi atingida por um muro que desabou no local.

Segundo o ITEP, estão ocorrendo os procedimentos para identificação da vítima que supostamente morava na região há 20 anos.

96 FM

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN tem mais um caso suspeito de varíola dos macacos

Foto: Adriano Abreu

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) informou, nesta segunda-feira (4), a existência de mais um caso suspeito de contaminação pelo vírus Monkeypox, transmissor da doença popularmente conhecida como varíola dos macacos, no Rio Grande do Norte. Esse é o segundo caso suspeito no estado, sendo que o primeiro já foi confirmado.

O foi notificado pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS) nesta segunda-feira (4) está sendo acompanhado pela Subcoordenadoria de Vigilância Epidemiológica (Suvige). Trata-se de um paciente de 34 anos e residente em Natal, com histórico de viagem recente à Europa, com passagem por Inglaterra, Portugal e Espanha.

De acordo com a Sesap, a pessoa foi atendida no Hospital Giselda Trigueiro, uma das unidades de referência para tais casos no Rio Grande do Norte, e está em isolamento domiciliar, com quadro de saúde estável.

Tribuna do Norte

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

VÍDEO: Clorisa Linhares publica vídeo dos policiais em protesto sobre a situação atual no RN

A pré-candidata ao governo do estado, Clorisa Linhares, fez um desabafo em suas redes sociais nesta segunda-feira (4). Em forma de vídeo, Clorisa falou da total falta de segurança, impunidade desenfreada.

Ela diz na publicação que o estado se encontra em “má gestão pública, esse é o cenário que se encontra o nosso Rio Grande do Norte; e que faz hoje mais uma vítima: perdemos para o crime o agente de polícia penal Josivaldo Queiroz, que foi assassinado brutalmente em Nova Cruz, na noite deste sábado. Não vamos esquecer que a menos de uma semana outro agente civil, Cláudio Ferreira da Silva, também perdeu a vida, sendo executado em São José do Mipibu”.

A pré-candidata ainda termina perguntando: “Ao governo que se encontra no poder, deixo minha indignação maior e a pergunta de cada cidadão Norte-rio-grandense: até quando?”.

Opinião dos leitores

  1. Eu não vejo polícia na cidade. E de repente aparece essa ruma de gente. Pqp como tem polícia, só não sei onde esse povo se esconde,

  2. Já começou a fuleiragem atrás de aumento de novo. Vcs tem que botar moral para bandido. O agente cheio de cachaça na cabeça, em um bar fuleira e de bobeira deixando a arma a mostra na cintura. É mesmo que tomar doce de criança. Fica um aviso aos puliça!!! Se vcs não tomarem cuidado e botarem moral, nesses dias vão apanhar na cara.

    1. Um policial bebendo com arma visível , o cara com tornozelos tomou a arma e ele não viu , policial precisar ser valente e cuidadoso , ele deixar tomar sua arma daquele jeito , a culpa é de quem ? Da governadora ?

    2. Policial precisa ser valente e cuidadoso , o que houve em Nova Cruz foi o que ? Policial bebendo com a arma visível , o bandido tomou sem ele ver , policial precisa ser valente e altamente cuidadoso.

  3. Segundo Lula .. policial não é gente… e o RN deu PT !!
    Há ainda quem vote nesses vermes do PTCC ..

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *