Homem tenta proteger filha em assalto e é morto na Grande Natal

Após sair de um missa com a filha, um homem de 38 anos foi morto no fim da noite dessa quinta-feira (17), por volta das 23h, na BR-101 Norte, no município de Extremoz, região metropolitana de Natal enquanto tentava protegê-la em um assalto.

Segundo a polícia, a vítima seguia para casa de motocicleta com a filha adolescente, quando foi abordado por criminosos em outra moto. Na ocasião,  o homem ainda tentou fugir, mas ao perceber que os assaltantes iriam atirar, tentou proteger a filha e acabou sendo baleado três vezes. Os criminosos fugiram sem levar os pertences das vítimas.

Após a ação criminosa, a filha da vítima ligou e pediu ajuda. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou até o local, mas constatou que o motociclista já estava morto.

Informações de familiares dão conta que a vítima trabalhava como motorista em uma empresa que presta serviço à Urbana.

A vítima identificada como João Maria deixou esposa e duas filhas.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Alaca disse:

    É uma gota de sangue em cada depoimento.

  2. marcopolo disse:

    Esses governantes, Juízes, promotores principalmente, são os verdadeiros culpados….Chega os homens de bem vivem em uma sociedade desigual, hipócritas e cheio de Jacarés….Chega!. Puta que pariu…..! e Senhores promotores deixem se virarem estrelas atrás de políticos e vao trabalhar contra as facções ( casta privilegiada e sem produção positiva ao País).

  3. DeSacoCheio disse:

    Muito triste, meus sentimentos a família. Podem ter certeza que os Direitos Humanos não vão dar apoio psicológico a essa família, principalmente a filha que tudo presenciou. Esse país tá de mau a pior e o STF empurrando mais p/ baixo.

  4. Joao disse:

    Até quando ?

COMENTE AQUI