Bolsonaro ataca fiscais do Ibama e funcionários da Funai durante encontro com índios, diz jornal

Brasília(DF), 4/1/2018 – Presidente Jair Bolsonaro na passagem de comando da aeronáutica. Local: base aérea. Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

Ao receber cinco indígenas no Palácio do Planalto na noite desta quarta-feira para ouvir reivindicações do grupo, o presidente Jair Bolsonaro aproveitou para disparar ataques contra fiscais do Ibama, a Fundação Nacional do Índio (Funai) e ONGs nacionais e internacionais.

De etnias diferentes, eles foram levados ao local pelo pecuarista Nabhan Garcia, secretário de assuntos fundiários do Ministério da Agricultura, que é o responsável do governo por executar a reforma agrária. O encontro foi transmitido ao vivo pela página de Bolsonaro no Facebook, durante mais de 37 minutos.

Ao longo do encontro, o presidente defendeu que os povos tenham autonomia sobre as terras e direito de explorá-la tanto em atividades agrícolas quanto em mineração. Ele prometeu apresentar ao Congresso mudanças na legislação para para a exploração econômica das terras.

— Com todo o respeito, alguns querem que vocês fiquem na terra indígena como se fossem um animal pré-histórico. Não é pré-histórico não, vocês são seres humanos — declarou o presidente. — O índio não pode continuar sendo pobre em cima de terra rica. Todas as ONGs que trabalham contra vocês são nossas inimigas.

Na opinião de Bolsonaro, “o índio tem que dizer o que a Funai vai fazer”, assim como o povo brasileiro tem que dizer o que ele deve fazer como presidente.

— Se não for assim, eu corto toda a diretoria da Funai — disse Bolsonaro.

O presidente chamou de “picaretas” ONGs internacionais e nacionais e até mesmo funcionários do governo que atuam na causa indígena, afirmando que o interesse está relacionado ao valor das terras.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bruno Milla Tech disse:

    Gostei 👏👏👏👏

  2. Ed disse:

    O Brasil está perdido. É um comandante à deriva sob um mar de ignorantes.

  3. Emanoel Simplício disse:

    Aviso logo que se esses índios vierem invadir meu ap de 51m² vão levar bala. Leva bala também quem taxar minha fortuna, tenho 100 mil no banco.

  4. Renato de Luca disse:

    O que foi dito demais? Nada.
    Só falou verdades.
    E tem mesmo é que agir. Cortar funcionarios corruptos, se livrar de gente que fica de mimimi emperrando a porra da maquina.

  5. #Lula Na Cadeia disse:

    Certíssimo presidente…enfia o pé na bunda desses índios malandros e coloque o povo para trabalhar, veja se alguém ganha terra de graça , só nessa bosta de país , esse pessoalzinho do IBAMA TROPA DE VADIOS

  6. Juliao disse:

    Título tendencioso.

COMENTE AQUI