‘OMS tem tido posições antagônicas’, diz Bolsonaro, ao citar últimas posições revistas pela entidade

Foto: Reprodução/TV Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta terça-feira (9) que a Organização Mundial da Saúde (OMS) “tem adotado posições antagônicas nos últimos tempos” e citou como exemplo a retomada dos estudos com hidroxicloroquina e a fala de sua líder técnica de que a disseminação do novo coronavírus por pessoas assintomáticas parece ser rara.

Bolsonaro se referia a uma declaração de Maria Van Kerkhove na segunda-feira (8). “”A partir dos dados que temos, ainda parece raro que uma pessoa assintomática realmente transmita adiante para um indivíduo secundário”, disse Maria Van Kerkhove em coletiva de imprensa.

“Foi noticiado ontem, ainda de forma não comprovada, como nada é comprovado na questão do coronavírus, mas que a transmissão por parte de assintomáticos é praticamente zero”, disse o presidente na abertura de reunião do Conselho de Governo com seus ministros.

Para o presidente, essa questão vai ser foco de muitos debates nesta terça. “Então, com toda certeza, isso pode sinalizar para uma abertura mais rápida do comércio e a extinção daquelas medidas restritivas adotadas, segundo decisão do STF, pelos governadores e prefeitos”, afirmou.

Ele afirmou que o governo federal espera que, nas próximas horas ou dias sejam anunciadas medidas concretas de reabertura que, afirmou, serão boas não só para o Brasil, mas para todo o mundo.

“O que nós mais queremos é voltar para a normalidade e o país retornar ao caminho da prosperidade”, disse o presidente.

Com CNN Brasil

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. José Macedo disse:

    Ninguém sabe de nada e o governo de São Paulo mesmo com recordes de morte viu que o país não pode parar e está abrindo o comércio.
    Isso mostra que o JB sempre teve razão.

  2. Natalense disse:

    Esse presidente, desde o começo dessa pandemia só pensa, em dinheiro , reabertura , comércio , economia , capitalismo , voltar as normalidades , incentivar aglomerações e inclusive em ir para as mesmas sem colocar uma máscara . Ou seja, subestima o poder destruidor do vírus e enquanto isso o número de casos de covid no Brasil só aumentam e o número de mortes também. Triste realidade a nossa brasileira . É revoltante tudo isso .

    • Cosme disse:

      Essa narrativa da esquerda não muda.
      Querem é o Brasil quebrando. Pra eles, quanto pior, melhor!
      Desde quando essa porcaria de distanciamento social serviu de nada?

  3. Apolônio disse:

    Quem sabe é vc, cidadão pagador de impostos,vai comer teu pão com mortadela que é melhor!

  4. Cidadão pagador de impostos disse:

    Bolsobosta lá sabe de nada…

    • Ricardo Mendes disse:

      Nem a OMS, flor

    • paulo disse:

      A oms cheia de meliantes comunas deram ré com as suas afirmações sem nexo. uns babacas, bem fez os EUA que retiraram a ajuda desses incompetentes

    • Nélson disse:

      Bolsonaro não sabe de nada? Mas você sabe, não é cientista (Cidadão pagador de impostos)? Muitas vidas poderiam ter sido salvas caso o medicamento tivesse sido administrado no início da pandemia, flor (respeitando o comentário do Ricardo Mendes).

COMENTE AQUI