Bolsonaro e PT podem levar o País ao descontrole e a uma divisão, afirma Marina

Foto: Jãmarrí Nogueira/CBN

A candidata da Rede à Presidência, Marina Silva, criticou nesta segunda-feira (1º) a “divisão” no país que, segundo ela, foi causada pelo PT e pelo candidato do PSL, Jair Bolsonaro. Para Marina, a população brasileira não precisa ficar entre a “cruz da corrupção e do PT” e a “espada da violência do Bolsonaro”.

Marina cumpriu agenda de campanha nesta segunda em João Pessoa (PB). Na capital paraibana, a candidata almoçou em um restaurante na Praça da Independência, no Centro da cidade, e, depois, fez uma caminhada no Parque Solón de Lucena, também no Centro.

“Vamos continuar dialogando com a população, falando a verdade e dizendo que a população brasileira não precisa ficar entre a cruz e a espada. A cruz da corrupção e do PT e a espada da violência do Bolsonaro. Nós somos uma alternativa, um caminho para unir o Brasil”, disse Marina.

“O Brasil não pode ficar como está a Venezuela hoje e o que a gente está vendo é o perigo de PT e Bolsonaro levarem o Brasil para uma situação de descontrole, desunindo os brasileiros. Uma casa dividida não tem como subsistir”, complementou.

G1

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. joao disse:

    Ate daqui a 4 anos….tchau querida.

  2. Pedro Ernesto disse:

    Ah, Marina, sou mais você… Mas, sabe qual é o seu problema? No interstício entre uma campanha e outra você se esconde, ninguém te vê (pelo menos, essa é a minha impressão).
    Seu apoio à Aécio Neves também foi determinante para o insucesso na atual campanha. Antes, não tivesse declarado voto, nem aos coxinhas, nem aos mortadelas. Posicionamento íntegro, honesto, de quem não corrobora com a velha forma de se fazer política nesse país.
    Apesar disso, sigo admirando sua história, seu exemplo, seu caráter, suas ideias… Mas, no momento, vou de Ciro. Apesar dos destemperos deste cearense, suas propostas me agradam, sua formação também.
    Quanto a nós, Marina, nos vemos em 2022. Mas, até lá, vê se dá notícias.

  3. Arnaldo Lopes disse:

    O povo do norte,lhe conhece. Vc ainda é do Pt. Qdo o pt roubava ,Vc era ministra: fez o quê?

    • Pedro Ernesto disse:

      Todo ministro rouba? Todo secretário de estado rouba? Pela sua lógica, confirmada a vitória do seu candidato, se um dos seus ministros vier a incorrer em um ato de improbidade administrativa, todos estarão condenados.

  4. João disse:

    Do alto de seus 3% de intenções de votos, Marina tenta dar lição de moral.
    É bem claro quem quer dividir o Brasil.
    Tática de Gramsci. Dividir para o poder.
    O único que se contrapõe a essa ideologia ultrapassada é Bolsonaro.

COMENTE AQUI