Bolsonaro ganha e Doria perde com Lula solto

No cenário para as eleições presidenciais de 2022, Jair Bolsonaro é o político que mais se beneficia com a soltura do petista Lula. O petista assumirá a liderança da oposição a Bolsonaro, tanto quanto o atual presidente continuará sendo a mais forte chance de derrota do PT. Já o governador de São Paulo, João Doria, é quem perde: a polarização Bolsonaro-Lula reduz as chances do projeto presidencial do tucano.

Em 2018, Bolsonaro teve apoio até de eleitores que não gostavam dele, por gostarem menos ainda do PT e dos seus representantes.

Doria sabe que terá de retomar o “Bolsodoria”, essencial na conquista do governo de São Paulo. Mas Bolsonaro não dá sinais de querer isso.

O drama de Doria já não será viabilizar a candidatura a presidente, mas a própria reeleição. E sem o presidente apoiando outra candidatura.

CLÁUDIO HUMBERTO

 

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. CHICÃO disse:

    MORO 2O22 ,CHORA PETRALHADA !!!!!

  2. Sandro disse:

    Todo mundo sabe que Lula ganha no primeiro turno. Por isso, q inventaram toda essa história de corrupção. Quer dizer q a corrupção acabou no Brasil? Moro do coaf cadê o Queiroz? Dallagnol cadê 1 bilhão da sua ong? Jose Agripino e Henrique Alves ?

    • João Maria disse:

      Chora ptralhada, chorar acalma!

    • Zanoni disse:

      Deixa de paixão, Zé Roela. Analise as coisas com mais prudência. Lula é também um condenado pela justiça.

    • Lula_lavador_de_dinheiro disse:

      🙊 como tem trouxa!!!

    • Diogenio disse:

      Caro petista! Creio que o senhor não saiba ler ho tenha medo de ver o que de fato aconteceu com o senhor Lula, Ze Dirceu, o governador do Rio, o presidente da câmara, e outros mais, será que todos são culpados menos o Lula ? Ou será que todos menos o Lula é inocente ? Fica a pergunta aos fanáticos.

  3. NOJO DE BOSTA disse:

    Sempre LULA, PAIXÃO nacional…..BOSTANARO o DIABO toma conta

  4. José disse:

    Quem não gosta do pt, está com Moro. Não tem outra alternativa. A não ser que Bolsonaro mude o rumo de seu governo.

COMENTE AQUI