PROPORCIONALMENTE: Brasil tem menor índice de letalidade e infectados em 25 países

A defesa do isolamento vertical proposta pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, pode ter vindo de análise estatística relativamente simples. O Brasil é, atualmente, 19º na lista de países com mais casos de coronavírus do mundo, mas tem o menor índice de mortalidade entre os 25 da lista. Na prática, a cada um milhão de pessoas, apenas 0,4 morre. Na China, o índice de mortalidade é cinco vezes maior, nos EUA são dez vezes mais e, na Itália, o número é surreal: 340 vezes maior.

O Brasil também tem o menor índice de infectados proporcionalmente à população dos 25 países: são 14 em cada milhão de habitantes.

A República de San Marino tem apenas 208 casos e 21 mortes, mas é proporcionalmente o lugar onde o vírus foi mais contagioso e letal.

Até ontem, a Itália tinha 8.215 mortos, dobro da Espanha (4.145). Com 77 fatalidades, o Brasil aparece em 14º, pouco à frente de Turquia (75).

CLAUDIO HUMBERTO

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Santos disse:

    Parabéns aps gocernadores que tomaram as medidas de contenção na medida certa para mitigar no que for possível.
    Viva aos governadores!👏👏👏👏👏👏👏

  2. José Macedo disse:

    Quero ouvir agora o que os especialistas irão dizer, porque antes destes dados adoravam falar que o início da doença no Brasil era pior que o da Itália que iria disparar.
    Irão dizer agora que a quantidade de doentes é bem maior, mas não pode ser maior pois a quantidade de doentes crônicos ainda não superlotou os hospitais, a globolixo seria a primeira a divulgar.
    Na Itália dizem que o número de infectados é 10 vezes maior. E aí?

  3. Nono Corrêa disse:

    Se não faz testes as mortes não entram nos dados oficiais. Simples assim. Esse Cláudio Humberto é mais um jabazeiro a serviços do empresariado e banqueiros que não estão nem aí para o povo.

  4. Aline Carneiro disse:

    Quando iniciar o "Brasil não pode parar" essa realidade mudará drasticamente. Afinal, o presidente quer parar denpagar a aposentadorias. #genocida

    • Ricardo disse:

      Aí quando tudo parar é só imprimir dinheiro e distribuir, né? É cada 'ciência' opinando.

  5. Carlos disse:

    Esse número é o reflexo das medidas tomadas por pessoas que ousaram legitimamente ir contra a decisão insana de um desgoverno "federal" em insistir em um pensamento egoista e cruel. Caso contrário, esse número estaria na estratosfera. Aplausos pela tomada de decisão dos governadores.

  6. Dra Svetlana Lemos disse:

    Meu filho,
    A questão é a subnotificação. No Brasil, só notifica os casos que fazem testes e estes só são feitos nos casos graves que chegam ao hospital com quadro de falta de ar. Ainda tem muitas mortes suspeitas que não fazem testes por falta de condições. Logo, não se pode confiar muito nesta nossa estatística, onde a maioria dos profissionais da saúde nunca ouviram falar em SINAM, onde se faz a notificação.

  7. Justiceiro disse:

    A comparação é falsa, porque trabalha com tempos diferentes. No Brasil está praticamente começando. O pico da contaminação e consequentemente da doença deve se dar dentro de mais uma ou duas semanas. Nos outros países, como China, na está na fase de diminuição…

COMENTE AQUI