Collor, Lula e Cunha: três grandes espertalhões

Lula, Collor e Cunha (Foto: Arte: Antonio Lucena)Por Ricardo Noblat

Há mais coisas a aproximarem Lula, Fernando Collor e Eduardo Cunha do que possa supor a vã imaginação.

Primeira: são amorais. Não existe o certo e o errado para eles, existe o que lhes convém.

Segunda: amam o poder acima de tudo, da família, dos amigos, dos parceiros.

Terceira, e paremos por aqui: no momento, reclamam da Justiça como se fossem perseguidos por ela. Quem não os conheça que os compre!

 Na última sexta-feira, Lula entrou com reclamação no Conselho Nacional do Ministério Público pedindo a suspensão de inquérito aberto contra ele pelo Ministério Público Federal. Conseguiu que o inquérito corra em segredo.

Lula é suspeito de tráfico de influência para favorecer aqui e lá fora a construtora Odebrecht, o maior cliente do BNDES, banco movido a dinheiro público.

A Odebrecht é também o maior cliente de Lula desde que ele deixou a presidência da República e se tornou lobista e palestrante de quem lhe pague, por vez, R$ 300 mil para falar bem de si mesmo e dos seus governos. Do governo de Dilma, não, porque ele está no “volume morto”.

Lula continua um cara de pau. Disse outro dia: “Se tem um brasileiro indignado sou eu. Indignado com a corrupção.”

Ainda na presidência, Lula não se constrangia em pedir favores às construtoras, hoje enroladas com a roubalheira na Petrobras. Desde favores pequenos do tipo o empréstimo de um helicóptero para transportar parte da comitiva dele, a favores milionários que o beneficiariam diretamente.

Foi assim que se tornou devedor de Léo Pinheiro, presidente da OAS, preso em novembro último.

Pinheiro não cobrou um tostão para terminar a construção de um apartamento tríplex de Lula no Guarujá (SP). Nem mesmo para reformar inteiramente o cinematográfico sítio que Lula e a família frequentam em Atibaia (SP).

Amigos de Lula o defendem com a desculpa de que ele procede como ex-presidentes dos Estados Unidos que ganham a vida na condição de lobistas e palestrantes.

É fato que ganham. Com algumas diferenças. A menor: ex-presidentes americanos não escondem o lobby que fazem. Lula, sim.

A maior diferença: ex-presidentes americanos não podem ser candidato a mais nada. Lula pode. Que tal devolvermos ao poder um ex-lobista de empreiteiras que enriqueceu a serviço delas? Já pensaram? Não seria algo promíscuo? Ou deveras arriscado?

Perguntem a Collor o que ele acharia. Não perguntem. Seria perda de tempo. De adversário visceral de Lula, a quem derrotou na eleição de 1989, Collor passou a seu aliado ganhando em troca duas diretorias da BR Distribuidora, uma subsidiária da Petrobras.

Deu-se bem. Muito bem. Somente em dois contratos ali, embolsou R$ 23 milhões. Mais do que o valor de toda a sua fortuna declarada à Justiça.

Do alto da mais cara frota particular de carros importados de que se tem notícia no país, Collor miou em discurso no Senado: “Fui humilhado. O Poder Legislativo foi humilhado”.

Queixava-se depois que seus endereços em Brasília haviam sido revistados por ordem do Supremo Tribunal Federal (STF). O falso caçador de marajás acabou caçado como o mais descarado e ambicioso deles.

Para competir com Collor e Lula em matéria de desfaçatez, somente Eduardo Cunha. Acusado de ter recebido 5 milhões de dólares de propina, Cunha rompeu com o governo que nada teve a ver com isso.

E bateu no Procurador Geral da República por lhe faltar coragem para bater no STF, que o investiga. Ameaça usar o cargo de presidente da Câmara para azucrinar Dilma. Com medo, blefa.

É outro, como Collor, cujo destino é rolar ladeira abaixo. (Ainda não estou certo do destino de Lula).

Cunha é um político provinciano, que só chegou onde está porque ruiu a qualidade de nossos representantes no Congresso.

Serviu a interessados em derrubar o governo enquanto extraía vantagens do mesmo governo.

Em breve, quando virar réu em processo no STF, não servirá para mais nada.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Mario disse:

    Eu trocaria do testo a palavra espertalhões. Pra eu são desonestos mesmo, etc etc etc etc … e o pior que tem é o chefe.

  2. Carvalho disse:

    Quando o PT era oposição nos anos 90, Fernando Collor era um inimigo visceral.
    Após o PT entrar no governo, Collor converteu-se em um de seus mais fieis aliados da turma do PT, juntamente com José Sarney, Paulo Maluf, Jader Barbalho, entre outros.

    Comparemos a era Collor com os dias atuais:

    1992 -> Collor é acusado de receber um Fiat Elba -> Lindbergh Farias e o PT: 'Queremos impeachment!'

    2015 -> Polícia Federal apreende vários carros importados na residência de Collor -> Lindbergh Farias e o PT: 'Impeachment é golpe!'

  3. Eliana Pinheiro disse:

    Sabe qual é o verdadeiro problema do Lula?
    Os tucanos foram derrotados quatro vezes pelo imenso carisma de Lula e pelos avanços sociais sem precedentes na história do Brasil.
    É isso que os incomoda tanto…
    O resto é firula e conversa pra boi dormir.
    Só que o povo já não está mais tão alienado assim. E a força da grande mídia já foi derrotada quatro vezes seguida…kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    A qui mesmo no RN tivemos um exemplo recente, onde o Dono da mídia local, com institutos de pesquisa produzindo números falsos e todas as lideranças compradas foi derrotado pela vontade do povo, tendo o Governador Robinson representado esse anseio no momento político dessa campanha. Coisa que ele pode capitalizar e repetir o desempenho ou perder essa condição se começar a voltar a trás e se aliar a quem nós derrotamos.

    • joao disse:

      Firula?! Boi nao dorme com tamanha corrupcao. Defender criminoso de colarinho branco como esses tres é perigoso. Nao tenha duvida que quem manda sabe! Sabe tanto que financia a propaganda para esconder o roubo e a conivência. Financia empresas corruptas e grupos ideologicos manipulados para mudar a opiniao em comentarios omissos. O poder hoje é do PT que manda no país ha 13 anos, contaminou toda a estrutura publica com ideologias fracassadas em nome da corrupcao, trocados para funcionarios publicos alienados e ongs corruptas. Chega de PT corruptor e de corruptos. O país esta falido porque nunca se roubou tanto na historia de 500 anos. O trabalhador agradece se acabar com essa esquerda mentirosa. A midia petista elitista nao engana mais ninguem!

  4. Luciano disse:

    Lula faz lobby para empresas brasileiras e empregos pra brasileiros já os tucanos, q o "nobre"Noblat apoia, faz lobby para estrangeiras.

  5. Joana disse:

    ALGUÉM AÍ PODE RESPONDER?
    Talvez algum indignado…
    Por que a mídia golpista está ignorando o encontro entre o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, e deputado Paulinho da Força, do partido Solidariedade, e o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), para discutir o impeachment da presidente Dilma Rousseff?
    Os três não são mais semelhantes entre si e com outros tipo Ronaldo Caiado, José Agripino, Demóstenes Torres, Aécio Neves, Zezé Perrella, Eduardo Azeredo, FHC, e tantos outros na sombra da proteção do "Manto da Invisibilidade" e do "Escudo da IMPUNIDADE" que a nossa hipócrita sociedade insiste em manter?

  6. mM disse:

    Só mesmo os ingênuos e os otários acreditam nos princípios éticos e na imparcialidade dos barões da mídia.

    O silêncio do PSDB sobre o envolvimento do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) na Lava Jato é revelador, não?
    "A justiça deve ser dura e implacável com os corruptos dos escândalos da Petrobras, Lava Jato e outros que virão", mas sobre a LISTA DE FURNAS, CEMIG, CASTELO DE AREIA, DANIEL DANTAS, MENSALÃO MINEIRO, AECIOPORTO DO CLAUDIO, HELICOCA, CARTEL DOS TRENS E METRÔS DE SÃO PAULO, PECADO CAPITAL, ZELOTES, ESCÂNDALO DA FIFA, HSBC, BANESTADO, ETC, ETC, ETC…
    Como ela será?
    Daniel Dantas é inocente recebendo um Habeas Corpus Canguru no menor tempo possível, dado por Gilmar Mendes que é Ministro do STF e do STE, tendo chegado ao Supremo por indicação de FHC, POR TER EXCELENTES SERVIÇOS PRESTADOS COMO ENGAVETADOR DA REPÚBLICA N 1.
    Matérias pagas sobre Lula choveram depois que os Donos do Poder encastelados na Imprensa perceberam que o Golpe ficava cada dia mais difícil e distante. Agora a preocupação é com a próxima eleição, e por isso Lula é a bola da vez.
    A diferença entre Lula, Collor e Cunha é tão gritante que o esforço do jornalista para aproximá-los chega a ser hilário.
    Qualquer Nordestino, Pobre, Preto ou membro da diversidade e das minorias, além das categorias dos trabalhadores sabem o que representou a era Lula. Basta olhar para as Universidades e escolas Técnicas brasileiras…
    Segundo líderes do PSDB consultados pelo jornal O Estado de S. Paulo, todos os interesses do partido passavam, de alguma maneira, por Eduardo Cunha.
    Eduardo Cunha foi indicado de PC FARIAS, Tesoureiro e amigo de Collor, para a Presidência da TELERJ em 1991.
    Será que isso diz alguma coisa?

    Blog do BG: http://blogdobg.com.br/page/3/#ixzz3gR68cFJj

    Quanta HIPOCRISIA!!!

  7. JOAO MARIA disse:

    É realmente incrível, lula dando palestra por 300. mil reais, qual será o assunto ?

  8. Frederico Cabral disse:

    Nessa lista só tem 01 que não é do PT, nem da base do PT, então é IMEDIATAMENTE CULPADO!
    Os outros dois são alvo das "zelites" inconformadas com as vitórias dos proletariados do PT.
    Os outros dois do PT e da base de sustentação do PT são pobres vítimas da classe A brasileira.
    Não interessa se eles SÃO DONOS de apartamento triplex, chácaras luxuosas, carrões de luxo, imóveis avaliados em milhões, se são do PT, serão colocados como pobres coitados vítimas da "oposição", alvos do "ódio" da elite que não sabe ver o povo ter bens. Ponto, simples assim, tudo justificado dentro do discurso mais irresponsável, mentido e defendido na história desse país.
    Corrupção só quem faz é a "zelite" política inconformada.

  9. charles disse:

    Excelente texto. Só cabia mais umas dezenas de espertalhões.

COMENTE AQUI