Conselho Municipal de Saúde recomenda LOCKDOWN em Natal pela total falta de estrutura na rede municipal

O Sinsenat informou no final da noite desta quarta-feira que o Conselho Municipal de Saúde – Natal – se reuniu nesta quarta-feira (27) em caráter extraordinário para deliberar sobre o chamado “lockdown” ou isolamento social na capital potiguar. Desde a semana passada, o Conselho estava reunindo informações para nortear o posicionamento do colegiado. E na reunião desta quarta (27) deliberou, por ampla maioria, a adoção da medida extrema. O SINSENAT esteve representado na reunião e votou de forma favorável.

De acordo com a Presidenta do Conselho, Maria Dalva Horácio, a medida foi aprovada como estratégia urgente para enfrentar a pandemia na cidade, considerando a aceleração da curva de contaminação e a limitação estrutural da rede municipal de saúde. Nos últimos dias, há dificuldades de equipamentos e profissionais em todos os níveis da atenção de saúde, dificuldades que só aumentam com a redução da quarentena por parte da população e a falta de testes para aferir quem está contaminado, incluindo os profissionais de saúde.

A Presidenta do Conselho ressaltou ainda que foi uma decisão bem refletida e bastante debatida pelo Conselho. Além da decisão pelo isolamento social (“lockdown”), foi decidido também que o Poder Executivo promova campanhas educativas para a população sobre o combate à pandemia e importância do isolamento. O objetivo é tornar a propagação da doença minimamente administrável para garantir o acesso a saúde para todos que necessitem.

Com a aprovação, o Conselho Municipal de Saúde vai agora buscar o Prefeito e o Ministério Público para a efetivação das medidas.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ivan disse:

    A "Presidenta" do Conselho ressaltou ainda que foi uma decisão bem refletida e bastante debatida pelo Conselho…Quando li" PRESIDENTA", desisiti…isso é muito imparcial…sqn..kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  2. Gaius Baltar disse:

    Lockdown poderia ter sido feito no início da pandemia. Agora é tarde, pois o vírus está circulando livre leve e solto há 75 dias na cidade. Não há mais condições econômicas, sanitárias ou sociais para lockdown em Natal. O isolamento meia boca que foi feito nem impediu a explosão de contaminação e piorou a economia. O estado foi incompetente em prover os meios de combate (hospitais) e a prefeitura foi omissa na sua função de prevenir. O presidente deu a machadada final estimulando a aglomeração.
    Não é mais tempo de lockdown é tempo de abrir o que está fechado, sob pena de morrer todo mundo de fome.

  3. Antonio Turci disse:

    SIM ao Isolamento Vertical.

  4. Rodrigo Carvalho disse:

    Impressiona a ignorância ou má fé mesmo! Onde é que, em algum lugar no mundo, foi decretado lockdown depois da chamada contaminação comunitária??? O vírus está circulando em Natal há mais de 80 dias, aí vêm uns gênios sugerir lockdown! É muita ignorância mesmo!

  5. ELEITOR disse:

    Pra os defensores do confinamento vejam o que aconteceu nos EUA , Espanha,Italia e França com povo educado e esclarecido. imaginem aqui nos bairros populares aonde sala/ cozinha,banheiro e quarto é uma coisa só. Isolamento vertical e higiene ambiental e pessoal mais informação com supervisão e tratamento na fase precoce da doença com os protocolos observacionais funcionam muito mais. Considerem que mais de 80 % da população vão adquirir o vírus e ficar assintomáticos ( daí importância do distanciamento social ) mais de 15% com poucos sintomas ( protocolo nele na fase 1) e somente pouco mais de 1% vão pra fase grave com necessidade de apoio da respiração mecânica invasiva. A POLITIZAÇÃO DA PANDEMIA É MUITO MAIS GRAVE JUNTO COM A CONSEQUENTE CRISE ECONÔMICA DO QUÊ O PRÓPRIO COVID 19 . Obs isso é apenas uma opinião nada pessoal e muito menos viés ideológico .

  6. LULADRÃO disse:

    No Alecrim e Ceasa são os piores lugares. Estão infectados com Covid e o povo não se previnem. Locdown urgente.

  7. Antonio Turci disse:

    Abaixo qualquer iniciativa de "loquedau". Sem ao Isolamento Vertical.

  8. Soraya disse:

    Pode fazer uma pesquisa , consulte as pessoas inteligentes todas são a favor do Lockdown aqui no Rn.

  9. Ricardo Lúcido disse:

    Só pelo uso do termo "presidenta" , já se sabe qual a matiz ideológica do redator dessa nota e dos integrantes do Conselho Municipal de Saúde , composto em sua grande maioria por sindicalistas que há muito não trabalham , vivem mamando nas tetas da viúva !

    • clara disse:

      Esqueça o PT, em nome de Jesus! As pessoas estão morrendo sufocadas na porta das UPAS..O SAMU está completamente travado, pq não tem onde deixar os pacientes. O sistema JÁ COLAPSOU e, quando unificar a fila por leito (vai acontecer!), vai chegar em você também. Vamos dar uma trégua, em nome de Jesus!

    • Carlos disse:

      Pensei exatamente a mesma coisa, Ricardo. São os cavaleiros do apocalipse.

    • Francisco Alves disse:

      Apesar de divergir em algumas oportunidades, desta feita me solidarizo com suas colocações Ricardo. Quanto ao desespero da Sra. Clara, faz-se necessário um esclarecimento da situação por parte do poder público.
      1- estamos caminhando para mais de 90 dias que temos conhecimento do perigo desse vírus, sem que, salvo o isolamento social, nenhuma atitude séria tenha sido tomada por prefeitura e governo. E, olhe que dinheiro não faltou.
      2 – deve ser coincidência que, tão logo a liberação dos recursos federais para estados e municípios estejam para chegar se decrete lockdown.
      3 – com lockdown decretado as verbas públicas poderão ser usadas sem licitação… É uma beleza, não é mesmo?
      4 – com as autoridades constituídas em nosso RN e prefeitura do Natal, só se apagando ao Onipotente, mesmo.

  10. Fábio disse:

    PresidentA é meu eggs!
    Fica em casa quem pode.
    A esmagadora maioria da população precisa trabalhar para comer…
    Alguém aí tem que lembrar que fome mata.
    São TRABALHADORES que, em sua maioria, não tem a mínima condição de ficar em casa.

COMENTE AQUI