Política

Coronel Azevedo para Fatima Bezerra: “Não se equipare a ordens dadas pelos nazistas“

Em pronunciamento na sessão ordinária desta quarta-feira na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Coronel Azevedo criticou a decisão do Governo estadual em publicar um decreto que obriga servidores públicos a se vacinar “sob ameaça de demissão daqueles que não o fizerem”.

Coronel Azevedo esclareceu que “não é contra a vacina da Covid-19, mas sou a favor da autonomia da relação médico-paciente. Inclusive do sigilo da profissão do médico. Até porque a vacina contra a Covid-19 é experimental”.

Ele disse que “como toda vacina tem seus prós e contras. Por isso, é preciso que cada cidadão converse com seu médico e tome sua decisão de se vacinar ou não”.

Segundo o deputado, esse decreto do Governo é totalmente contra a liberdade. Coronel Azevedo denunciou que “há relatos e de outros problemas pós vacinação. É preciso pensar se caberá ou não responsabilidade civil no âmbito judicial contra quem der essas ordens que resultarem em problemas gravíssimos”.

Ele lembrou que “todas as fabricantes de vacinas da covid-19 exigiram aos compradores que assinassem documento isentando-os de qualquer efeito danoso, maléfico pós vacinação”.

O parlamentar citou o caso do filho de um servidor da Assembleia Legislativa que, após tomar uma vacina mais antiga, está com sequelas permanentes. “Aconselho a cada um que busque o significa o Código de Nuremberg, que médicos foram utilizados para aplicar experimentos na Alemanha nazista e resultaram em milhares de mortes foram depois condenados à morte. Eles [médicos] disseram que estavam fazendo os experimentos por ordem do Estado cumprindo um dever de servidor e obedecendo ao governante nazista”, explicou.

O deputado do PSC aconselhou a governadora Fátima que “não se equipare a essas ordens dadas pelos nazistas e queira praticar essas atrocidades contra as pessoas”. Coronel Azevedo sugeriu que se respeite a relação médico-paciente e o sigilo da profissão médica para que deixe as pessoas tomarem sua decisão se vão ou não se vacinar.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RÉVEILLON: Após Eduardo Paes anunciar cancelamento, governador do RJ cita reunião com prefeito para ‘decisão final’

Foto: Dhani Accioly Borges/Riotur

Horas depois de o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), anunciar neste sábado (4) o cancelamento das festas de Réveillon na capital carioca, o governador Cláudio Castro (PL) disse que os 2 ainda se reunirão na próxima semana para tomar uma decisão final.

VEJA MAIS: Cidade do Rio de Janeiro decide cancelar festa de Réveillon

“Falei há pouco com o prefeito Eduardo Paes e decidimos, juntos, que faremos uma reunião na próxima semana para uma decisão final sobre as festas de Réveillon. Nesse encontro, participarão técnicos da saúde do Estado e do município”, declarou o chefe do Executivo estadual do Rio.

Poder 360

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acidente

VÍDEO E FOTOS: Lancha pega fogo e fica completamente destruída enquanto era transportada por carreta no interior de AL

Fotos: ASCOM/CMBAL

A carroceria de um caminhão pegou fogo enquanto transportava uma lancha durante a tarde desta sexta-feira (4) no município alagoano de Ouro Branco. A lancha ficou totalmente destruída, mas apesar do susto ninguém se feriu. A causa do incêndio não foi divulgada.

O motorista transitava na rodovia, por volta das 16h, quando a carroceria do caminhão começou a pegar fogo e atingiu a lancha. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBMAL), o homem conseguiu desacoplar a cabine do caminhão da carroceria e não se feriu.

Os militares conseguiram apagar o fogo usando água e Líquido Gerador de Espuma (LGE), que é uma substância biodegradável produzida para aguentar altas temperaturas, além de não ser tóxica. Apesar disso, a lancha ficou completamente destruída. A causa do incêndio só pode ser divulgada após a perícia e a identidade do motorista foi preservada.

Com informações de Repórter Maceió

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Homem usa braço falso feito de silicone para tentar ‘receber’ vacina e obter comprovante na Itália

Foto: Daiano Cristini/Avalon/picture alliance/Photoshot

Um homem de 50 anos tentou usar um braço de silicone para obter um certificado de vacinação contra a Covid-19 em Biella, Piemonte, no norte da Itália. A fraude foi detectada por uma enfermeira, Filippa Bua, quando ela estava prestes a administrar a vacina, na quinta-feira. Ela disse que notou algo estranho no braço.

“A cor da pele era diferente, muito mais clara em comparação com as mãos ou o rosto do paciente”, disse ela. Após inspecionar a área, a enfermeira percebeu que o braço era falso, feito de silicone. “A princípio, senti pena do homem, pensando que ele tinha uma prótese e me perguntando se de alguma forma eu o havia forçado a me dar o braço errado”, disse a enfermeira. “Mas então ele admitiu que estava usando o braço falso de propósito para evitar tomar a vacina!”

“No começo fiquei surpresa, depois fiquei com raiva, me senti ofendida profissionalmente. Ele não mostrou respeito por nossa inteligência e nossa profissão”, disse ela. “Eu nunca esperaria uma coisa dessas em minha vida.”

O governo regional do Piemonte condenou a tentativa do homem de burlar o sistema. “O caso poderia ser classificado como ‘ridículo’, mas estamos falando de um gesto de enorme gravidade, inaceitável pelo sacrifício que toda a comunidade está pagando pela pandemia”, diz um comunicado conjunto do presidente da região do Piemonte e do conselheiro de saúde .

Em um vídeo, o presidente do governo regional do Piemonte, Alberto Cirio, foi além, dizendo que o incidente foi “uma ofensa ao sistema de saúde da região, que está entre os primeiros da Itália em capacidade de vacinação e doses de reforço”.

O departamento de saúde de Biella apresentou uma queixa ao Ministério Público local. O governo italiano assinou no mês passado um decreto tornando o “super passe verde” da Covid-19 obrigatório em bares, restaurantes, teatros e outros locais de entretenimento internos. Pela nova medida, apenas aqueles com vacinação completa ou comprovante de recuperação do coronavírus têm permissão para entrar nesses locais.

CNN Brasil

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Segurança

INSEGURANÇA: Dezenas de jovens que participavam de encontro de igreja evangélica em uma casa em Barreta são vítimas de arrastão

Três bandidos fizeram um arrastão em uma casa localizada em Barreta, no município de Nísia Floresta, onde estavam cerca de 30 jovens de uma igreja evangélica que participavam de um encontro. Os criminosos estavam armados com duas pistolas e uma faca e levaram diversos pertences das vítimas.

A ação criminosa ocorreu durante a madrugada de sexta-feira para sábado (4). A previsão era que o encontro terminasse no início da tarde deste sábado. Mas após a ocorrência os jovens acabaram tendo que retornar para suas casas ainda durante a madrugada.

Um outro grupo que participava de atividade semelhante em Búzios, também voltou para casa, assustado com a insegurança que toma conta também das regiões litorâneas justamente às vésperas da temporada de veraneio no Estado.

Opinião dos leitores

  1. LULA NUNCA MAIS. O POVO NÃO É BESTA. INFOMEI-ME E DESCOBRI QUÃO NOCIVA AO BRASIL FOI ESSA ESQUERDA MALDITA!

    1. Pensei que o presidente era Bolsonaro. 🤔

    2. Responsável pela segurança pública do estado são os governadores , pensei que aqui no RN era Fátima do maculado pt né canhoto amaurótico !

  2. Devem entrar com processo contra o estado pois pagam impostos para terem segurança. Se todos judicializassem talvez teríamos mais segurança na rua.

  3. O que era sinônimo de lazer virou sinônimo de medo, arrastão, abuso, morte. Acabaram com a tradição do potiguar de descansar em suas casas de praia. Bons tempos onde se dormia em redes na varanda sem preocupação com a violência…

  4. Mais um dia atípico na insegurança pública do RN. Não existe policiamento ostensivo suficiente depois da meia noite, principalmente nas praias da grande Natal, é só a imprensa investigar que vai confirmar o que estou falando.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 39,8%

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 39,8%, registrada no início da tarde deste sábado (28). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 111.

Até o momento desta publicação são 97 leitos críticos (UTI) disponíveis e 64 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 94 disponíveis e 47 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 45,1% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 27,3% e a Região Seridó tem 40%.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

COVID: RN possui 97 leitos críticos e 94 leitos clínicos disponíveis

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 12h55 deste sábado (4).

Neste período, havia 01 paciente com perfil para leitos críticos na lista de regulação e outro aguardava avaliação. Foram registrados disponíveis 97 leitos críticos e outros 94, sendo clínicos.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Mendonça vai herdar 911 processos de Marco Aurélio Mello no STF e terá voto desempate em questões polêmicas

Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

O novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), André Mendonça, vai herdar 991 processos que estavam sob relatoria do seu antecessor, o ministro aposentado Marco Aurélio Mello — que se retirou da Corte em julho deste ano.

O recém-chegado magistrado participará do julgamento de temas considerados polêmicos — alguns deles abordarão questões como o bloqueio de perfis de bolsonaristas nas redes sociais, a prisão após condenação em segunda instância e os direitos da comunidade LGBTQIA .

Durante sabatina na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado, que aprovou seu nome — depois ratificado pelo plenário da Casa —, Mendonça foi questionado pelo senador Fabiano Contarato (Rede-ES) sobre o casamento homoafetivo e, na resposta, sinalizou que defenderia os direitos da população LGBTQIA . O novo ministro será obrigado a dar o voto de desempate no julgamento que analisa se as detentas transexuais e travestis têm o direito de optar por cumprir a pena em presídios destinados aos gêneros com os quais se identificam.

A ação foi apresentada pela Associação Brasileira de Gays, Lésbicas e Transgêneros. O caso foi encaminhado ao plenário virtual do Supremo, onde o julgamento foi suspenso depois do empate em 5 a 5. O presidente do STF, Luiz Fux, aguardava a nomeação do 11º ministro para marcar a data de retomada da votação, que deverá ser incluída no calendário de 2022.

Mendonça também vai participar de votações de interesse do governo Bolsonaro, como o marco temporal para demarcação de terras indígenas — ao qual o Palácio do Planalto é favorável — e a derrubada dos decretos de flexibilização armamentista.

Correio Braziliense

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Relator da reforma do Imposto de Renda no Senado diz que projeto tem que ser arquivado e “extinto”

Foto: reprodução/YouTube

O senador Angelo Coronel (PSD-BA), relator da reforma do Imposto de Renda, disse que o projeto do governo será arquivado e “extinto” para a criação de um novo texto. Ele criticou a aprovação rápida na Câmara e insinuou que “90%” dos deputados aprovaram a proposta sem entender o assunto.

Segundo ele, não é possível aprovar o texto sem “ouvir” milhões de brasileiros que vão ser afetados pelo texto. Ele falou que o projeto é “uma das peças mais horríveis” que já tramitaram na história do Congresso, porque sacrifica os pagadores de impostos e prejudica empregos.

As declarações foram feitas nesta sexta-feira (3) durante evento da ACSP (Associação Comercial de São Paulo).

O texto foi aprovado na Câmara em setembro por 398 votos favoráveis, 77 contrários e 5 abstenções. O quórum de votação foi de 481 deputados. Ele foi apresentado pelo Ministério da Economia em junho.

A reforma foi aprovada na Câmara pouco mais de 2 meses do envio ao Congresso. O relator da proposta no Senado criticou a votação precoce.

“Não se pode aprovar uma peça dessa natureza como foi na Câmara, e aqui sem fazer críticas diretas, mas também criticando, com total rapidez e com quórum bastante elevado. Significa que, provavelmente, 90% daqueles que aprovaram na Câmara não devem saber nenhum capítulo, nenhuma linha, nenhum artigo desse projeto”, disse. “Esse projeto não será somente arquivado. Ele será extinto e que se nasça um novo projeto. Com mais base, com mais conteúdo”, completou o senador.

A reforma do Imposto de Renda foi a opção número 1 do ministro Paulo Guedes (Economia) para bancar o Auxílio Brasil. Em setembro, ele criticou Angelo Coronel pelo atraso na votação do texto.

O senador disse nesta sexta-feira (3) que fica “feliz” em ouvir críticas do ministro e insinuou que Guedes não leu o projeto, porque o texto tem 100% da rejeição dos brasileiros. “Todos os segmentos ouvidos até então repudiaram esta obra de arte que é o projeto”, disse. “Ele como economista deveria ter pelo menos a inteligência e perspicácia de ler algo que quando fosse debatido ele soubesse responder”, completou.

Entenda o projeto

O novo texto da reforma do IR (Imposto de Renda) reduz o IRPJ (Imposto de Renda Pessoa Jurídica) de 15% para 8%. O projeto diz que “a redução adicional da carga tributária corporativa se dará por meio da redução das alíquotas da CSLL, em até 1%”. O corte da CSLL (Contribuição Social sobre Lucro Líquido) é condicionado à revogação de benefícios fiscais do PIS/Pasep e da Cofins.

No texto anterior, apresentado em 12 de agosto, Sabino propunha reduzir o IRPJ de 15% para 6,5% e a CSLL de 9% para 7,5%. Com isso, a carga tributária das empresas cairia de 34% para 24%. O texto, no entanto, afetava a arrecadação de Estados e municípios, que recebem parte do IRPJ. Por isso, foi ajustado para reduzir a resistência dos entes federados e da oposição.

No plenário da Câmara, Celso Sabino disse que a reforma do IR reduzirá a carga tributária de todas as empresas. Ele também informou que a proposta do governo de taxar em 20% os lucros e dividendos foi mantida.

“Não haverá empresa que terá aumento de carga tributária. Haverá sim sócios e pessoas físicas que, ao retirarem lucros e dividendos das empresas, serão tributados, assim como são tributados no mundo todo”, afirmou.

Poder 360

Opinião dos leitores

    1. Quem acredita mais nesse país , a REFORMA DO IMPOSTO DE RENDA, vem desde do tempo LULA, congelou 08 anos, DILMA, mais 06 anos TEMER, mais 02 anos e agora este imprevisível mais 04 anos e quem paga a conta o CONTRIBUINTE.
      O certo não votar nestes PICARETA.
      GENTE ! Somando o prejuízo: 20 anos sem corrigir defasagem do IMPOSTO DE RENDA.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Televisão

Startup potiguar participa da ‘Batalha das Startups’ na Record News

Foto: reprodução/Instagram

A Startup potiguar Válerie foi selecionada para participar da Batalha das Startups, reality show do canal Record News que estreia sua segunda temporada na próxima segunda-feira (6), às 19h15. A Válerie foi uma das 32 Startups que conquistaram a oportunidade de fazer parte do programa entre mais de 1.200 empresas inscritas.

“Estamos muito orgulhos em levar o nome do RN para o cenário nacional”, comentou o empreendedor Arlindo Neto que esteve em São Paulo para participar das gravações do programa. Ele está retornando à capital paulista para fazer negócios, fruto dos contatos feitos durante a viagem anterior. “A participação no programa também nos dá a oportunidade de ampliar nossa rede de contatos e possibilitar a expansão do nosso negócio”, conta Arlindo.

A Válerie é uma plataforma atua processando e fornecendo informações relacionadas a diversas áreas de investimento para permitir que seus clientes possam tomar as melhores decisões na hora de investir. Tudo isso em tempo real.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Maior campanha de vacinação da história do Brasil a chega 313,1 milhões de doses aplicadas

Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde-DF

Com as doses de vacinas contra covid-19 que chegaram nesta sexta-feira (3) ao Ministério da Saúde, somente os laboratórios Pfizer e AstraZeneca já entregaram, até agora, 292,7 milhões das 372,5 milhões de doses de imunizantes adquiridos pelo governo brasileiro.

Desde o começo de 2021, na maior campanha de vacinação de todos os tempos, o Brasil já aplicou mais de 313,1 milhões de doses contra Covid-19.

Mais de 159,5 milhões de pessoas tomaram a primeira dose, o que representa 90,1% da parcela da população-alvo (177 milhões), de brasileiros acima dos 18 anos.

Até o momento, mais de 140,5 milhões de pessoas completaram o esquema vacinal, o equivalente a 79,3% do público vacinável.

Foi recebidas nesta sexta-feira (3) mais uma remessa da Astrazeneca, fabricadas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no total 1.258.250 doses.

Também foram entregues outras 1,3 milhão de doses da Pfizer, que desembarcam, nesta noite, no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP).

A entrega é parte do segundo contrato do Ministério da Saúde com a farmacêutica, que prevê 100 milhões de doses. Desde o começo da campanha, em janeiro, 147,2 milhões de doses da Pfizer foram distribuídas aos estados.

Das mais de 372,5 milhões de doses distribuídas pelo Ministério da Saúde aos estados, 145,5 milhões são da Astrazeneca. Dessas, 4,1 milhões foram entregues na semana de 29 de novembro a 3 de dezembro.

As vacinas são distribuídas aos estados e ao Distrito Federal de forma proporcional e igualitária depois de acerto entre representantes da União, estados e municípios

Diário do Poder

Opinião dos leitores

  1. Se fossemos esperar por Bolsonaro, ainda não tinha começado a vacinação. Obrigado, DORIA!! A sua pressão foi fundamental!!

  2. Graças ao MITO,que comprou a vacina rápido , e incentivou ao seu povo a tomar,inclusive deu exemplo tomou a sua! Parabéns Mito e sempre foi a favor das vacinas

  3. Se fossemos esperar pelas vacinas do Consórcio Roubo Nordeste, vc e mais alguns que acreditam nesses pilastra, talvez não estivesse aqui. Tenha um pingo de noção e para de falar mer… essa turma do Consórcio Nordeste eram para está todos presos.

    1. Verdade amigo se não fosse consórcio Nordeste que compraram respiradores com os recursos doados pelos seus filiados e doados aos governos estaduais a situação estaria complicada temos que agradecer a eles por esse ato de desprendimento.

    2. Quantas doses o Consórcio Nordrste comprou mesmo? Graças ao Governo Federal os brasileiros estão sendo vacinados em massa!

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *