É uma decisão do parlamento, Coaf sempre atuou na economia, diz Alcolumbre

Em coletiva de imprensa, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), fez um apelo para que os senadores aprovem a medida provisória da reforma administrativa conforme o texto votado na Câmara, tirando o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Além do prazo apertado – a MP perde a validade no dia 3 de junho se não for aprovada – Alcolumbre citou que o órgão sempre funcionou mesmo quando pertencia ao extinto Ministério da Fazenda, hoje incorporado à pasta da Economia, comandada pelo ministro Paulo Guedes.

“Esse órgão de controle sempre atuou mesmo estando dentro do Ministério da Fazenda, agora Ministério da Economia, tanto é que o Brasil conhece os resultados em relação à fiscalização e ao trabalho do Coaf”, declarou Alcolumbre. “Não há uma decisão de divisão, se é melhor em um ministério ou em outro. É uma decisão do parlamento.”

Estadão Conteúdo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ivan disse:

    E descobriu as maracutaias de Flávio Bolsonaro no inicio de 2018, mas devido as eleições , para não prejudicar a família Bozo a jogou para debaixo do tapete.

  2. Nica disse:

    Cala tua boca Batoré!!!

  3. Fernando disse:

    Coaf na economia sempre fez vista grossa pra os ladrões de dinheiro público, tanto que no gunverno luladrão/Dilmanta/temer rodaram no país, 100 bilhões desviados dos cofres públicos, e pra esse órgão era como se tudo tivesse dentro da normalidade.

COMENTE AQUI