EDITORIAL FOLHA: “Uma campanha sórdida de difamação, repleta de alegorias sexistas e termos chulos”

A Folha de S. Paulo, em editorial, repudiou os ataques sofridos por uma de suas repórteres:

“Convocado a testemunhar na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito sobre um esquema fraudulento de disparos de mensagens pelo WhatsApp durante as eleições de 2018, Hans Nascimento, ex-funcionário de uma agência envolvida no escândalo, pôs-se a agredir a jornalista Patrícia Campos Mello, coautora da reportagem que, em dezembro daquele ano, revelou a trama nesta Folha.

Nascimento, que à época contribuiu com a apuração do jornal, pretendeu falsificar os fatos no depoimento prestado a congressistas. Mentiu ao afirmar que não entregou aos jornalistas informações sobre a fraude. Na verdade, repassou naquele período fotos, vídeos e dados, como foi sobejamente demonstrado em reportagem na mesma terça.

A patranha dita diante de parlamentares, criminosa por tratar-se de testemunho juramentado, tornou-se insulto quando o depoente acusou a repórter de ter oferecido sexo em troca de informações.

Desse pântano emergiu o segundo tartufo dessa lamentável passagem da vida nacional, cujo sobrenome, não por acaso, é Bolsonaro.

O deputado Eduardo, terceiro filho do presidente da República, entrou em cena para difundir e tentar emprestar credibilidade às ofensas da testemunha contra a jornalista.

Catalisou a rede de massacres de reputações do bolsonarismo, que por sua vez deslanchou uma campanha sórdida de difamação, repleta de alegorias sexistas e termos chulos, contra a repórter da Folha.

Nada parece casual nessa opereta grotesca. O depoimento falso da testemunha, as manifestações levianas do deputado e a saraivada de impropérios disparada pelas falanges governistas compõem um método de alvejar seja a imprensa profissional, seja o próprio regime das liberdades civis que a supõe (…).

O que falta é a responsabilização exemplar de quem agride a Carta e reincide em atos indecorosos. Até quando Eduardo Bolsonaro abusará da paciência republicana?”

O ANTAGONISTA

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bento disse:

    Chupa Foia

  2. Calixto Silva disse:

    A Folha de São Paulo, provando do chá das suas folhas que ela dar para os seus poucos leitores, o chá de fak news que todos os dias ela oferece para aqueles que ainda lêem e reproduzem as matérias deste jornaleco que se chama Folha de São Paulo que era pra se chamar Folha de fofocas, Folha de boatos sobre o governo Bolsonaro. Toma este chá Folha, este chá amargo e sinta o sabor do quanto é ruim ser caluniado e difamado todos os dias ,por uma imprensa imparcial que prefere bandidos no poder que derramam rios de dinheiro para noticiar só aquilo que os bandidos querem, que se noticie, agora a Folha é desmascarada e fica se fazendo de vítima.

  3. MAURICIO disse:

    para vcs a verdade é mentira e mentira é verdade, até quando esse blog vai replicar matérias da folha lixo? levaram um jornalista para falar mal de bolsonaro, não combinaram antes com ele, então ele falou a verdade, desmascarou o pt com rui falcão que tentou de todas as maneiras inverter a situação, quando sentiu que seria desmascarado, a folha claro vai defender a jornalista que é funcionaria do jornaleco e filha de um dos recebedores de propina da odebrecht

  4. Bruno disse:

    Quem disso usa, disso cuida. A folha diariamente faz acusações, difama, cria situações inexistentes, tenta quebrar o governo e desqualificar a família Bolsonaro. As mentiras não duram 24 horas e são, inquestionavelmente destruídas.
    Mas foi só aparecer um depoente, desmistificando a folha e a forma de atuação de jornalistas que se vitimam, vão para o ralo dos coitadinhos, se lançam no esgoto dos protetores que usam os meios imundos para obter informação sem saber se são reais.
    Se 01 repórter é capaz de usar essa forma para obter informações, imaginem o que outros, sem escrúpulos, não fazem. Tudo garantido pela imoral ordem, sigilo da fonte, que causa o mesmo mau, que a impunidade. Então folha, experimentando uma gota do veneno que vocês diariamente despejam as toneladas nas ruas?

  5. Carlos disse:

    Folha de São Paulo jornalzinho criminoso está provando do próprio remédio. Que a sua falência chegue a passos largos

  6. Ricardo Carvalho disse:

    Eu não lembro de nenhum membro da folha se indignar com as agressões sofridas por Regina Duarte, bastou o depoente revelar que a repórter petralha queria dar o furo que a extrema imprensa passou a dar chiliques! kkkkkkkkkkkkkk

  7. @BragaRN disse:

    Realmente isso é uma “falta de absurdo”! Nunca um(a) jornalista usou destes métodos sórdidos para dar um furo (de reportagem). Ainda mais para uma pessoa negra, de origem humilde e diabética.

  8. Santos disse:

    É o preço Folha, qdo escolheu um lado ao invés da imparcialidade. Para todo investimento exuste o risco e vce calcularam errado.
    Agora deixa de mimimi.

  9. Guga disse:

    O povo repudia a Folha de São Paulo e a sua forma sórdida de fazer jornalismo, baseada na mentira deslavada.

  10. natalsofrida disse:

    Lixo! Pimenta nos olhos dos outros é refresco. A esquerdalha ataca todo mundo, chama quem quiser de ladrão, canalha etc, nenhum jornal fiz nada. Esse jornaleco, que vai falir, é a pior escória da imprensa brasileira.

  11. Antenado disse:

    “….alvejar a imprensa profissional…” kkkkkkkkkkkkk conta outra!!

  12. Raimundo disse:

    Folha tem que repudiar a fakenews da sua jornalista

COMENTE AQUI