EDITORIAL: Para um crise grave, precisamos de medidas drásticas; não podemos esperar

 

A notícia de que bandidos invadiram e depredaram uma delegacia de polícia na zona Norte de Natal e que invadiram e roubaram a C&A, no centro de Natal, não é o fim, mas o começo do agravamento da crise que assola o Rio Grande do Norte. Estamos chegando ao inevitável, um ponto em que as instituições que aí estão não terão mais condições de reagir ao caos. Elas ainda têm.

Outra prova desta situação é o descumprimento da decisão judicial que determinou o retorno das atividades do policiais militares e bombeiros ao serviço. Quem haverá de criticar a decisão dos policiais? Tomada por uma magistrada dentro de um gabinete refrigerado e com os salários em dia, a decisão descumprida revela um tempo em que o peso da Justiça já não causa nenhum temor.

Em que pese o cenário de caos, as instituições, notadamente o Governo do Estado, têm o dever de repor a ordem. Ora mais, se é evidente que a força judicial não é suficiente para colocar os PMs nas ruas, o governador tem a obrigação de buscar alternativas, pois não basta mais dizer o que foi feito no setor de segurança se isso não resulta em policiamento nas ruas.

As tentativas em conseguir recursos para colocar a folha salarial em dia e fazer com que os PMs voltem às ruas devem obrigatoriamente ser acompanhadas pelo esforço efetivo por mais segurança, pois não podemos esperar mais que as estatísticas desoladoras dos últimos noves dias, tempo em que a PM está aquartelada, cresçam: foram 450 roubos e furtos e 59 homicídios.

Cumpre ressaltar que em período tão periclitante como esse, quando houve a crise no sistema prisional, o governo conseguiu, com o Palácio do Planalto colocar o Exército nas ruas. As mesmas condições se apresentam agora.

Esse blog tem contribuído para o debate sobre o tema e não pode se furtar ao seu papel de criticar quando assim o for. Temos sido alvejados por criticar o posicionamento da PM e a frouxidão do Estado na reação à situação que nos coloca diante dos versos de Tom Jobim: é pau, é pedra é o fim do caminho.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Independencia ou morte disse:

    Acho interessante eh que pra o rio de janeiro rio grande do sul tudo eh liberado , pra nos do RN tudo eh travado? Apoio a greve da PM, apoio deixar os deputados sem salario pra que se pague os demais funcionários, eles nao foram eleitos para representar o povo, entao. No Brasil deveria vigorar leis estaduais independentes semelhante ao EUA. Ai sim a PM poderia fazer uma limpa na bandidagem e nosso estado ficaria um paraiso de verdade.

  2. eu disse:

    Todo Apoio ao Movimento da PM, chega de hipocrisia nesse Estado Mediocre e subdesenvolvido. aqui pagamos imposto para bancar a regalia de uma corte de magistrado e promotores que não tem escrúpulos em serem coniventes com o indecente. Onde estava o MP que não cobrou condições de trabalho pra a PM? deixou munição vencer, colete vencer, viatura sucatear. quando a PM mata um vagabundo o MP está lá para acusar o policial, tentar mandá-lo para a cadeia. Quando o governador é acusado de desvios na assembléia…. onde está o MP?! fazendo acordo pra receber aumento, auxílio moradia, ora tenham vergonha. Onde estão os senhores deputados que não param de meter cargos comissionados na ALRN, de inventar TV para empregar apadrinhados, assembléia cidadã pra promover o presidente. KD que fizeram alguma proposta de reequilíbrio dos repasses para os poderes. KD os desembargadores com seus milhares de cargos comissionados no judiciário, seu auxílios moradias milionários KD?! parem de ser hipócritas e de responsabilizar a PM, ninguém tem a obrigação de colocar a vida em risco por autoridades desse calibre. Todo apoio à greve da PM !! e que Deus nos proteja!!

  3. Pedro disse:

    É só tirar o dinheiro do tjrn, alrn e do TCE para pagar o restante do funcionalismo …

  4. Dalton disse:

    O Rio Grande do Norte não suportará outro político como governador nas próximas eleições, analisem o que estou dizendo… Se não for um cara com outra visão, um gestor, um administrador. Este estado estará fadado a falência total, e lembrem bem. Tem uma senadora que está forte aí se apresentando e poderá ser o CAOS de vez para o nosso Estado. Pois tivemos uma senadora que foi e é prefeita e tinha uma base do que é administrar a coisa pública, e foi no governo decadente. O pior ainda poderá acontecer.

  5. Povo disse:

    Enquanto isso o Governador não faz um pronunciamento tão pouco o vice. A sensação é que abandonaram a cadeira, então nesse caso que seja pedida a intervenção federal

    • paulo disse:

      Ele não pede o boné por que está no STJ e ai pedindo o processo vem para a 1ª instancia e andará rapidinho como o de henriquinho. Esse foro privilegiado é um MURRO na cara do Cidadão de bem.

  6. Ivan disse:

    Se não tem dinheiro pra quitar a folha, prioriza a saúde e educação!!! O resto pode esperar, inclusive os repasses ao poderes inúteis…

  7. Zózimo disse:

    Da mesma forma, nada de votar em agripino, garibaldi e Carlos Eduardo.. O desgoverno é grande, mas a sabotagem dessa turma também.

  8. Pinheiro disse:

    Lembrando a todos que os salários de novembro já foram pagos a Soldados e Cabos da polícia militar e bombeiros desde do dia 22 de dezembro, ouve o pagamento de 2 mil a 3 mil reais.

    • Povo disse:

      Os cabos não receberam… Procure se informar!!! Não seja irresponsável. A luta não é só por salário, envolve condições de trabalho. Pq vc acha que o oficialato da PM está indignado. É pela falta de munições,coletes,viaturas etc, os batalhões estão caindo !!!! Ninguém aguenta mais

    • Rafael disse:

      Minha turma é toda de soldado e tb não recebeu ….ficamos na última turma de férias …e quando se junta salário mais férias passa os 3.000 reais ,resultado tem mais de 600 soldados que já são poucos sem receber tb!!! Então não diga o que vc não sabe .

  9. Paulo disse:

    NÃO REELEJA NINGUÉM !!!!!!!

  10. Jorjão disse:

    Ainda bem que tem Tatiana Mendes Cunha, pois é ela que está governando o Rio Grande do Norte. Robinson há muito que abandonou a nau…

  11. João Maria disse:

    É legitmo a luta dos policiais como qualquer trabalhador que trabalha e não tem seus salários pagos.
    Porém há pouco tempo atrás essa mesma policia com os salários pagos sentarem o sarrafo literalmente nos professores e servidores da UERN e saúde. Que pediam o mesmo que eles.
    A lealdade a Robson FOI paga assim como esse atraso

    • Realista disse:

      Não foi lealdade foi cumprimento de decisão judicial com Oficial de justiça in loco, inclusive, ou os policiais cumprem a decisão do juíz, ou cometem crime de desobediência, seu comentário não conduz com os fatos verídicos.

  12. eu disse:

    Não tem um deputado estadual que tenha a coragem de propor uma mudança na constituição estadual para que os excedentes de recursos do judiciário e legislativo retornem ao executivo para ajudar a menizar essa crise no executivo? paguem a PM e deixem os Deputados sem salário. nos incomodará muito menos a greve dos colarinhos brancos que a da PM. Todo apoio à PM RN.

  13. Jacio Maranhão disse:

    Governador perdeu o controle da situação

  14. Reginaldo disse:

    Quem estiver criticando os policiais, não sabe o que é entrar num carro com pneus carecas, coletes vencidos, munições insuficiente, dois meses de salários atrasados, níveis atrasados, vale refeição devastado que o policial tem que tirar do próprio bolso ou contar com a boa vontade do comerciante.
    Se isso não for humilhante, ainda tem mais, faz 4 anos do último reajuste salarial, fardamento uma vez por ano só pra quem desfila em 7 de Setembro.

    • Umberto disse:

      Rapaz o mesmo risco corre o cidadão comum, no seu carrinho velho. E nem colete vencido tem pra usar. Ó ó mimimi.

    • Rafael disse:

      Ilusão sua que o cidadão de bem corre o mesmo risco ….te convido a fazer uma operação nas bocas de fumo …aquelas que a bala vem primeiro do que a verbalização do policial….e são muitas viu !!!
      Tu mudava de opniao em dois minutos ….e saberia o que um policial passa todo diaaaaaaaaa

    • Silva disse:

      UMBERTO qual é o risco que vc corre aí atrás dessa tela?? Estude! se submeta a um concurso, passe nas provas, nos testes físicos e psicológicos, se forme policial! e se um dia vc tiver capacidade pra isso, vá pra rua defender a sociedade e trocar tiro com quem não tem nada a perder, sobreviva, aí sim vc vai poder abrir sua boca pra criticar a polícia!

  15. JJ disse:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Bora Robinson agora vc só está devendo a PM 2 meses e meio. É só descontar os 15 dias parados. Se ficar mais 2 meses coçando, a dívida está quitada. Outra coisa, acho que os puliça vão ficar em greve eterna, pois sem redução significativa no custeio da máquina do governo, pagamento em dia nunca mais. Sem isso, pode contratar Bil Gattes e ele não resolve. Depois disso, acho que talvez só o chefe da associação do cabos resolva.

  16. Bruno Moura disse:

    Vão esperar o pandemônio? Corram, paguem os nossos policiais e mais, deve ser feito urgente e seguindo orientações de nosso futuro presidente Bolsonaro, coloquem em prática , claro com todo embasamento jurídico , a ação com bastante energia para com os meliantes, nada de encher cadeia, tem q eliminar mesmo, passar umas semanas eliminando marginal e vai ver o bandido mudar de ramo!!!

  17. marcelo disse:

    O poder judiciario nao precisa ser temido. Nesse caso, a decisao sera desrespeitada apenas se o governo nao tiver a coragem de adotar a medida cabivelem face do ilicito cometido por aqueles que insistem na paralizacao.
    Com a decisao judicial determinando o retorno, a manutençao dos braços cruzados deixa de ser exercicio de um direito e passa a configurar ilicito passivel de sancionamento, inclusive demissao.

    • Mauricio disse:

      Deve ser do Judiciário. Ir pra rua "que é bom" e enfrentar bandidos com fuzis e escopetas X revólver velho e sem munição,, ninguém quer..

    • Rafael disse:

      Teoricão……vc devia ser um ministro do supremo !!!
      Mais deve ser apenas um aluno de direito .

  18. Sérgio disse:

    Pode começar o mimimi, mas, Intervenção militar no Brasil já.

  19. Lorena disse:

    Só queria saber quem critica os policiais como está verdadeiro, se estivesse sem salário, a dois meses e sem décimo, iria para as ruas, só sabe quem passa, sem salários não ja segurança, tá certo os policiais

  20. José Lopes disse:

    A população do RN tem que ir as ruas exigir do governador que faça algo pela segurança dos norteriograndenses, se não têm dinheiro pra pagar a polícia que arranje uma outra solução. Cadê as forças armadas que solicitarem . Vamos pra porta do governador, se o problema vem de outros governos não interessa mais que tem que resolver é o pastorador Robson Farias.

  21. Ana disse:

    Cada um tem que cumprir o seu papel, porém o que se quer aqui é o seguinte: trabalhador, cumpra suas obrigações independente de seu salário ser miserável, está ou não recebendo, ter ou não plano de saúde, ter ou não preservado seu direitos é por ai vai. Já aos governantes é seus asseclas, tudo pode. Seja em relação a salarios onde são sempre os maiores é nunca faltam de forma licita ou não, seja com seus planos de saúde onde usam tudo é não pagam nada, auxílio moradia, paletó, …..todo tipo de pinduricalho pode. Portanto está na hora da população se revoltar contra essa política onde é tudo pra uns é nada para os outros.

  22. Revoltada disse:

    Cadê a bancada do RN de Brasília?

    O único político a favor e que está batalhando é o Governador pelos salários dos servidores. Parece até má vontade e boicote a governo.

    Olhas as eleições!!!

    Estamos vendo tudo e sentindo na pele o quanto trabalharam pelo estado e pais.

    Muito ajuda quem pouco atrapalha!!!

  23. Henrique disse:

    A praga dos 824 convocadosPMRN.. foi Rosalba agora Robinson kkkkkkk Peiiia!!!

  24. Chico disse:

    Brilhante BG vc disse tudo.

  25. Verdadeiro disse:

    Só resolveria se quem não voltasse ao trabalho na rua fosse demitido igual as empresas privadas fazem ,não tirando a razão dos policiais que estão sem salários a três meses mas nos cidadãos temos o direito à segurança o que no momento o estado não está cumprindo!

    • Saco cheio disse:

      E com que dinheiro os policiais vão comprar passagem de ônibus para ir ao trabalho? Com que dinheiro vão se alimentar para aguentar a jornada de trabalho??? Conheço servidores dos estado. Aluguéis atrasados, almoço na casa de parentes, empréstimos com amigos e familiares. Isso é o cúmulo do absurdo!!! O governo tem que ser responsável! O salário do querido governador e dos seu assessores, além dos auxílios está ok né…

    • Rafael disse:

      Meio incoerente vc que cobra a polícia na rua …..como é que o cara vai trabalhar sem receber dois salários ???
      Escravo agora ?? Só falta o tronco e o açoite.

  26. Nosle disse:

    A crise começou qdo fizeram a sacanagem com os #824ConcursadosDaPMRN.
    Agora é peia!!

  27. Jose Tavares de Oliveira disse:

    Não é colocar o exército na rua. É intervenção no estado. Retirar o governador e colocar sim,um coronel do exército para assumir o estado. Aí teremos hierarquia e não associação mandando na Polícia.

COMENTE AQUI