Empresas não terão de pagar multa de 10% do FGTS a partir de 2020

A partir do dia 1.º de janeiro de 2020, as empresas estarão dispensadas de pagar a multa adicional de 10% do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) nas demissões de trabalhadores.

Hoje, as empresas pagam 50% de multa nas demissões: 40% ficam com o trabalhador e os outros 10% vão para os cofres da União, que repassa os recursos para a administração do fundo. Por ano, esses 10% correspondem a R$ 5,4 bilhões pagos pelas empresas. O fim do adicional da multa não diminui o quanto o trabalhador recebe. Representa um alívio para as empresas.

Estadão Conteúdo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carlos Bastos disse:

    Burro é vc vc seu babaca

  2. Potiguar disse:

    Bozo tira 7,5% dos desempregados para contribuicão previdenciária e abre mão de 10% do FGTS aos patrões, ou seja, tira dos pobres para dar aos ricos. Simples assim!

    • Severino Dantas Jr disse:

      Aí quando se joga no colo dos patrões, esses repassam aos preços (se é pra ter preju, melhor fechar ad portas, demitir e gerar menos imposto) e deixar que todos paguem a mais pelas coisas. Discursinho de luta de classes e o maior atraso mesmo.

  3. Antonio Turci disse:

    Taxar o FGTS do trabalhador não é para maltratá-lo, mas sim para que ele possa contar, nos meses que estiver neste desempregado, poder contar, lá adiante, com os benefício do INSS. Elementar!

  4. Severino disse:

    A alternativa de se cobrar mais de quem produz termina se refletindo no preço de tudo. Aula de Massinha I.

  5. Cico disse:

    É fofa mesmo, não se pode se opor ou opinar contra o governo que o cara já é taxado de comunista, petista ou qq coisa que valha. Tamo no pior governo da história desse país e temos que aguentar calado, votz.

  6. Alisson disse:

    É impressionante como todo esquerdista é cego… Putz..

  7. Az disse:

    Jumento é os 10% que iria pra união, o trabalhador não perde nada.

  8. Lucia Vasconcelos disse:

    Não muda nada para o trabalhador. Esse valor é pago pelo empregador ao governo.

    • E. Costa disse:

      Cara, não muda nada…rs
      Governo perdendo arrecadação, quem tem pago a conta no final? Por outro lado retirar a multa é incentiva tb a demissão. Ele deveria é tentar arranjar medidas para reduzir de forma significativa o 12 milhões de desempregados nesse país.

  9. Carlos Bastos disse:

    👏👏👏👏👏👏👏 valeu Bozo mais uma contra os trabalhadores

    • Ricardo Minion disse:

      Essa multa não ia pro bolso do trabahador. Pare de opinar com o fígado. Criaram essa multa para compensar as meladas que Sarney e Collor fizeram no FGTS e jogaram nas costas de quem produz.

    • Joel Rocha disse:

      Deixa de ser Burro, Carlos Bastos… Esses 10% são referentes ao repasse feito pelas empresas para o governo… Os 40% que são pagas aos trabalhadores em caso de demissão sem justa causa, continuam do mesmo jeito. Cansado de ver pessoas leigas e com informações que não existem, atacando o governo Bolsonaro de forma leviana, sem ao menos ter estudado do assunto. Se informe um pouco mais, para realizar críticas ao atual governo. No mínimo você deve ser um petista acostumado a mamar nos peitos da máquina pública, e por isso está desesperado com as ações do atual governo. Passa bem!

    • Chico da Burra disse:

      Lê a matéria primeiro idiota útil!!! Esses 10% iam pros cofres públicos e não para o trabalhador. Para o trabalhador continuam os 40% como d`antes. Fica criticando qualquer coisa, deixa de ser antipatriota seu acéfalo!!! O que vc e outros estão fazendo só prejudica o Brasil e não Bolsonaro.

    • Acorda Brasil disse:

      Você é a ilustração perfeita da ignorância militante que predomina. Não leu uma linha sequer além da manchete e já sentiu o dever de exalar a sua sabedoria. Última frase: "O fim do adicional da multa não diminui o quanto o trabalhador recebe. Representa um alívio para as empresas."

    • arqueiro -) disse:

      Pois é, o governo deixaria de arrecadar muito com isso, mas como vão taxar o seguro desemprego o governo irá arrecadar ainda mais. Ou seja, tira a taxa do empresário e passa pro trabalhador. Viva o Bozo… SQN.

COMENTE AQUI