MP diz que Marido ‘escravizava’ advogada morta e a tratava por apelidos horríveis

Marido ‘escravizava’ advogada morta e a tratava por apelidos horríveis

Os promotores do Ministério Público do Paraná detalharam casos assustadores de violência doméstica cometidos pelo professor universitário Luís Felipe Manvailer, de 32 anos, contra a advogada Tatiane Spitzner, 29, morta no último dia 22 de julho, em Guarapuava. O MP quer a manutenção da prisão preventiva do rapaz, que é suspeito pelo crime e está preso.

De acordo com os relatos, feito por testemunhas e que estão na denúncia oferecida pelo MP, o marido da vítima costumava chamá-la por apelidos humilhantes, como “bosta albina” devido à sua cor de pele. Além disso, como destaca o UOL, ele também destruía as peças de roupa de Tatiane caso ele não gostasse.

O texto aponta ainda que Manvailer “praticou todas as formas de violência familiar e doméstica contra Tatiane Spitzner”, que era obrigada a realizar todos os serviços domésticos da casa do casal. O suspeito não a ajudava nas tarefas e ainda a proibiu de contratar uma diarista.

Tatiane também foi impedida por Manvailer de usar como quisesse o próprio dinheiro que ganhava de forma livre, como advogada. Se ela comprasse alguma roupa, Luís Felipe teria de aprovar. Caso não gostasse, ele rasgava.

Quando não quis aceitar o divórcio, o acusado chegou a dizer que tinha “ódio mortal” e “nojo” da esposa, ficando dias sem conversar com ela.

O MP alega violência moral, psicológica e física por parte de Luís Felipe Manvailer, que foi gravado por câmeras de segurança agredindo Tatiane com “tapas, puxões de cabelo, empurrões, chutes, socos, golpes de artes marciais, que inclusive deixaram a vítima desacordada por aproximadamente dois minutos no dia do crime”.

Manvailer foi denunciado pelos crimes de homicídio qualificado; cárcere privado; e também por fraude processual.

NOTÍCIAS AO MINUTO

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Patricia disse:

    Eses timpinhos de coisas sãos características de um verdadeiro psicopata .Daqui a pouco ese mostro estará nas rruas dinovo pra fazer mais vítimas iso tudo e muito revoltante.

  2. realmadriddepiumgenerico disse:

    Nas mídias sociais se apresentava como um típico cidadão de bem. Tem muitos assim.

  3. João María disse:

    Mais um tipo eleitor de um certo Mito.
    Um honrado e honesto Brasíleiro que foi às ruas com a camisa da honesta CBF. Bateu panelas na sua cozinha gurnet contra a correção. Apoiava a intervenção militar.
    Para os desinformados todas essas coisas estão ligadas intimamente. Só vê quem não quer

  4. João deixem o Brasil urgente disse:

    BABACA LIXO HUMANO A DORTE DELE É QUE VIVE EM UM PAIS LIXO QUE É GOVERNADO POR VAGABUNDOS QUE POR SUA VEZ WUE FAXEM LEIS PARA BENEFICIAR VAGABUNDOS QUE EXISTE UM BANDO DE INTELECTUALOIDES QUE PROTEGEM ESSES TIPO DE GENTE SE FOSSE EM UM PAIS JUSTO OU DE VERGONHA JÁ ESTAVA MORTO EM UMA FORCA OU TIRO DE FUZIL

  5. Epeu disse:

    É necessário promover esse tipo de violência pela punição dos criminosos e, paralelamente, educar os homens, desde a infância, a respeitar as mulheres e não tratá-las como objetos. As mulheres também devem ser educadas a perceberem os primeiros sinais de abuso demonstrados pelos abusados e deles se afastarem imediatamente. Para piorar, tem um certo candidato que diz que feminicídio é mi mi mi. Deus nos acuda.

    • Epeu disse:

      corrigindo: É necessário ACABAR com esse tipo de violência pela punição dos criminosos e, paralelamente, educar os homens, desde a infância, a respeitar as mulheres e não tratá-las como objetos. As mulheres também devem ser educadas a perceberem os primeiros sinais de abuso demonstrados pelos ABUSADORES e deles se afastarem imediatamente. Para piorar, tem um certo candidato que diz que feminicídio é mi mi mi. Deus nos acuda.

  6. joao maria disse:

    um bandido deste ainda corre o risco de ser solto, sendo necessário promotores do Ministerio publico agirem para este troço ficar na cadeia

  7. Pedro disse:

    Professor de que ??? Pelo amor de Deus…

  8. uthred disse:

    Esse aí dava muito o …..

COMENTE AQUI