NÃO FOI SÓ EM NATAL: Polícia também apreende material de campanha que Lula aparecia como candidato em Minas Gerais

Não foi só em Natal. Uma ação conjunta das polícias Federal, Militar e Civil apreendeu, nesta sexta-feira (28) em Belo Horizonte e em Itaobim, no Vale do Jequitinhonha, material de campanha em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aparece como candidato à presidência da República.

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), as apreensões foram feitas em diversos endereços ligados aos diretórios do PT e do PCdoB. A decisão liminar, da juíza Cláudia Cruz, atendeu a um pedido da Coligação “Reconstruir Minas (PSDB / PSD / SOLIDARIEDADE / PTB / PPS / PMN / PSC / DEM / PP / PTC / PATRI / PMB)”. O processo está sob segredo de Justiça.

Condenado na Operação Lava-Jato por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, Lula cumpre pena em Curitiba desde abril deste ano. Em 1º de setembro, o ex-presidente teve o pedido de registro de candidatura negado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) devido à Lei da Ficha Limpa.

Até as 17h30, o material apreendido somava 20 caixas e pacotes contendo panfletos, adesivos e santinhos de candidatos dos dois partidos com o nome do ex-presidente Lula como candidato nas duas cidades.

Procurada, a assessoria do PT disse que estes materiais certamente foram encomendados antes do indeferimento do pedido de registro de candidatura, o que, segundo o partido, “justifica a existência de eventuais remanescentes”.

“O PT informa, ainda, que tem expedido orientações a todos os seus candidatos para que fiquem atentos à determinação judicial acerca da cessação e recolhimento de eventuais sobras desses materiais”, informou a legenda por meio de nota.

Já a assessoria do PC do B disse que a apreensão foi “uma medida autoritária da polícia que mostra a ‘justicialização’ das eleições”.

Nesta sexta-feira (28), também houve apreensões em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, e no litoral do Piauí. Em Pernambuco, a Justiça eleitoral autorizou o recolhimento desse tipo de material.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. joão gomes disse:

    o PT deveria ser fechado. Não respeita as leis. Todos os candidatos deste partido deveriam ser impugnados por usar o nome e a imagem de LULA, um presidiário, desobedecendo uma ordem direta da justiça

    dia 7 vote 17 pra acabar com essa gente que não respeita nada nem ninguém

  2. Gomes disse:

    E por isso é muito mais que não vou vira em hadade não tem pessoalidade nem para a sumir a priria campanha e com isso vou rever meus votos no rn

  3. Paula disse:

    Em País sério isso já tinha se dado um jeito! Mas enfim não é ele mesmo o candidato do PT ?Haddad é apenas uma marionete dessa quadrilha, quer dizer desse partido. Vergonha !!!
    Ele foi proibido de aparecer na campanha , mas na propaganda eleitoral da REDEBOBO O companheiro Lula aparece com a marionete dele Haddad .

  4. carlos cunha disse:

    Nenhuma novidade.
    Um partido em que seus dirigentes estão ou foram presos e um candidato que busca na prisão os conselhos e orientações para sua campanha, não poderia ser diferente.
    Ser contra a justiça ou ir de encontro as suas decisões é coisa normal na rotina do PT.
    A fraude do santinho é tão grave quanto a todas as mentiras veiculadas nas propagandas do horário político.

  5. Dilmanta disse:

    povinho nojento que faz as coisas erradas edepois se faz de vítima…. mentirosos, trapaceiros, ladrões do povo e da nação…. cadeia neles todos…. candidatos e povo….

  6. Ana disse:

    Só bandido nesse partido. Todos tem prazer de enfrentar a lei e fazer o errado. É corrupto raiz.

  7. Rosali disse:

    Teria que impugnar as candidaturas dos que estão no panfleto, pois estão induzindo os eleitores a erros, e isso, no mínimo, é estelionato eleitoral, podendo enquadrar em mais atos ilegais, pois infringem a lei eleitoral. Querem fazer, mais uma vez, a justiça e os eleitores de bobos.

  8. Roberio Maurício da Silva disse:

    Sobre a pesquisa DataFolha de hoje nem postão e nem comentão. Kkkkkk

COMENTE AQUI