‘Nem a pau, Juvenal’, diz Ciro sobre já pensar em apoio a Haddad

O presidenciável do PDT, Ciro Gomes, rebateu durante entrevista à Rádio CBN nesta quarta-feira (19) a declaração do candidato Fernando Haddad (PT), dada no dia anterior à mesma emissora, de que tinha certeza que seria apoiado pelo pedetista no segundo turno das eleições.

“Nem a pau, Juvenal. Eu não cedo a instituto de pesquisa a minha responsabilidade com o meu país”, disse Ciro ao ser questionado se já pensa na possibilidade.

O candidato afirmou ainda que a declaração de Haddad era uma amostra de inexperiência e arrogância do petista e seu partido, falando também da possibilidade de derrota do ex-prefeito de São Paulo para Bolsonaro em segundo turno, uma vez que a pesquisa Ibope divulgada nesta terça (18) mostra os dois candidatos empatados nesse cenário.

“Ele está se precipitando como uma demonstração a mais de inexperiência e ou arrogância. A petezada costuma cultivar uma certa arrogância, uma certa superioridade, que não sei de onde tiraram isso. Ele já se acha vitorioso, já se acha no segundo turno e sabe que é o candidato marcado para perder”, completou.

O pedetista também disse que é “diferente em tudo” em Haddad. Ele afirmou que o candidato continuará atendendo aos interesses do mercado e que está fazendo uma nova versão da “Carta ao povo brasileiro”, a exemplo de Lula, mas “agora em parágrafos”.

Folhapress

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Felinto disse:

    O que esse diz não se escreve, basta prometer um ministério a ele que ele correndo, esse aí é o Luiz Almir cearense.

  2. Beto disse:

    Já tem uma vaga garantida numa casa de repouso, 17 caixas de gardenal e 17 de diazepan e 17 de Rivotril, todas 17.000 mg também estão separadas.

  3. Ceará-Mundão disse:

    Esse sujeito já bateu em repórter, já chamou vereador negro de SP de "capitão do mato", já prometeu "receber o juiz Sérgio Moro à bala", já propôs "sequestrar o Lula e entrega-lo a uma embaixada amiga", já disse que "a Venezuela é um país tão democrático quanto os EUA"… Sinceramente, esse maluco não passa de um fanfarrão, um boquirroto autoritário, mentiroso e truculento, que pensa que o Brasil é o quintal da casa de sua família, em Sobral, interior do Ceará. Rivaliza com o "Andrade", o laranja do presidiário, para ver quem é o mais perigoso para o nosso país. 17 neles!!!

COMENTE AQUI