O crescente apetite do consumidor brasileiro por produtos de sites chineses

Foto: Aly SongAly Song | Reuters

O Dia dos Solteiros, principal data do comércio eletrônico na China, está mesmo se firmando no Brasil. Os brasileiros compraram 19% mais este ano na data (11 de novembro) do que em 2019, segundo a Ebanx, empresa curitibana que processa pagamentos de 200 varejistas chineses no país.

O tíquete médio dos clientes brasileiros em sites chineses como AliExpress cresceu de US$ 20 para US$ 35 em dois anos, apesar da disparada do dólar no Brasil.

Os números da Ebanx consideram as compras feitas no intervalo entre os dias 10 e 13 de novembro, já que muitos sites chineses começam suas promoções na véspera do Dia dos Solteiros e mantêm os descontos por alguns dias.

De acordo com a Ebanx, depois de uma queda significativa em março e abril, o nível de consumo por brasileiros em varejistas da China voltou a se recuperar e atingiu os níveis pré-crise já em julho.]

Capital – O Globo