Pré-sal atinge novo recorde diário: 1,45 milhão de barris

A Petrobras informou, na sexta-feira (15) que a produção total de petróleo e gás natural em novembro foi de 2,72 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed), sendo 2,62 milhões boed produzidos no Brasil e 99 mil boed no exterior.

A produção média de petróleo no país foi de 2,13 milhões de barris por dia (bpd), volume 1,5% inferior ao de outubro. Esse resultado se deve, principalmente, à parada programada para manutenção do FPSO Cidade de Niterói, que opera no campo de Marlim Leste, na Bacia de Campos.

A produção de gás natural no Brasil, excluído o volume liquefeito, foi de 78,4 milhões de m³/d, 2,3% abaixo do mês anterior. Essa redução também foi decorrente da parada do FPSO Cidade de Niterói, além da redução da produção em campos do Amazonas devido à manutenção no sistema de compressão.

Produção no pré-sal atinge novo recorde

Em novembro, a produção de petróleo operada pela Petrobras (parcela própria e dos parceiros), na camada pré-sal, atingiu um novo recorde diário, alcançando a marca de 1,45 milhão de barris no dia 30 de novembro.

A produção mensal foi de 1,65 milhão boed, volume 1,5% acima do mês anterior. Esse resultado se deve, principalmente, ao crescimento da produção do campo de Lula, no pré-sal da Bacia de Santos, por meio da plataforma P-66.

Produção de óleo e gás no exterior

Em novembro, a produção de petróleo nos campos do exterior foi de 60 mil bpd, volume 2,8% inferior ao mês anterior. Essa redução deve-se, principalmente, à ocorrências operacionais nos campos produtores de Lucius e Cascade, ambos no Golfo do México.

A produção de gás natural foi de 6,8 milhões de m³/d, volume 6,8% inferior ao mês de outubro de 2017, devido à ocorrências operacionais no campo de Hadrian South.

Comentários:

  1. Pedro disse:

    Já era, perdeu brasil

  2. webrevenger disse:

    eita, achei que estava quebrada…
    imagina se não tivessem vendido o pré-sal para a shell…

  3. avante Brasil disse:

    Privatiza já!!!

  4. Paulo disse:

    BG.
    O País numa crise sem precedentes e essa política NEFASTA contra a população com um preço de combustíveis na estratosfera.

  5. Antônio disse:

    Durante os governos lulopetistas, houve o petrolão.

    a Petrobrás.
    Mas não é por isso que deva ser privatizada.
    O PT já saiu.
    Agora não adianta aumentar a produção no pré sal, se a produção total não aumenta.
    Desde 2007 o PT enche a boca de pré sal, que o Brasil tinha ficado rico.
    Tudo mentira.
    Se bem que a atual administração com essa história de preço seguir mercado internacional também está errado.
    Se bem que a gasolina aumentou 40 centavos porque foi aumentada a cide para reduzir o déficit do orçamento este ano.
    Pior estava antes no desgoverno lulopetista.

  6. Comedor de mortadela disse:

    E tinha coxinha dizendo q era invenção do PT.

  7. Junior_100 disse:

    Não existe capitalismo no Brasil, pois se existisse o aumento da produção reduziria o preço do produto. Mas o que ocorre é o contrario.

  8. Teixeira disse:

    Então qual é a razão dos aumentos dos combustíveis, por várias vezes por ano hemm? Brasileiros?????????.

  9. almir disse:

    De que adianta? Os ingleses e americanos levam tudo. E o preço da gasolina aqui aumenta todo santo dia.

  10. Humilde Iconoclasta disse:

    Aproveita a noticia boa e privatiza logo esse antro de corrupçao, esse elefante branco, que chamam de Petrobras.