Política

Prefeito Paulinho inaugura Centro Municipal de Ensino Infantil em São Gonçalo

“O momento é difícil, mas estamos cortando na carne pra não deixar o município sair do trilho do desenvolvimento”. Foi assim que o prefeito de São Gonçalo do Amarante/RN, Paulo Emídio (Paulinho) relatou seu desafio em comandar a 4ª maior cidade do Estado, em meio à crise financeira e política que vive o país. Nesta sexta-feira (29), ele deu continuidade a série de inaugurações com o Centro Municipal de Ensino Infantil Rockefeller, no Novo São Gonçalo.

A unidade, mais conhecida como CMEI, oferecerá 360 vagas para crianças de 2 anos e meio a 5 anos de idade, sendo 120 alunos período integral e 240 alunos distribuídos em dois turnos, que terão à sua disposição um prédio com infraestrutura padrão para o bom aprendizado. Essa é a quarta obra entregue à população só nesse mês de setembro. Segundo Paulinho, mais de 550 mil reais de recursos próprios foram investidos nessa obra, que é uma parceira com o Governo Federal.

“Estamos entregando ao povo são-gonçalense mais um equipamento moderno para melhorar a nossa educação pública. Esse Centro de Ensino tem sala multimídia, biblioteca e oito salas de aula em uma área total de 4.149,48 m2. Posso estar sendo audacioso, mas essa nossa creche não perde em qualidade estrutural para nenhuma creche particular”, ressaltou o gestor.

Além de pais e alunos da rede municipal de ensino, estiveram presentes a deputada federal Zenaide Maia, vice-prefeito Eraldo Paiva, ex-prefeito Jaime Calado, vereadores, secretários municipais e lideranças locais.

Série de obras
No último dia 16 de setembro, o prefeito Paulinho deu inicio a uma série de inaugurações prometendo entregar uma obra por semana à população. Só nesse mês já foram entregues uma academia da terceira idade, três pavimentações de vias e, agora, um centro de ensino. Essas obras se somam a duas iluminações públicas, em Regomoleiro III e Pajuçara, entregues anteriormente.

 

Opinião dos leitores

  1. Enquanto Isso o Novo Santo Antônio está entregue as baratas, não tem ônibus, os alternativos fazem o que querem, a iluminação dos postes é a luz de vela sem falar em equipamentos comunitários que não existe, me parece que os benefícios não chegam até aqui porque uma grande parte dos novos moradores ainda não votam nos candidatos daqui por isso não merecem a atenção do poder público o que e lamentável já que todos os anos pagamos os nossos impostos.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Pais de Walewska pedem que viúvo perca o direito à herança

Foto: Reprodução

Pouco mais de dois meses depois da morte de Walewska, os pais da ex-jogadora de vôlei, senhor Geraldo e dona Aparecida, resolveram falar pela primeira vez. O casal deu uma entrevista ao Fantástico, no domingo (03/12), e rebateu alguns pontos levantados pelo viúvo da filha. Além disso, a advogada da família revelou que estão pedindo que ele perca o direito à herança. Walewska faleceu no dia 21 de setembro, aos 43 anos, após cair do 17º andar do prédio onde morava com o marido, Ricardo Mendes.

O primeiro questionamento aos pais foi a respeito do relacionamento deles com Ricardo. Senhor Geraldo contou que, mesmo na presença dos pais, ele xingava a filha: “Considerava ele, assim, igual um filho. Tratava ele bem porque era marido dela. Queria que os dois estivessem bem”, começou ele, antes de completar:

“E na presença dos pais, ele às vezes maltratava ela. Nós chegamos a assistir briga dele com ela. Eu levando eles para o aeroporto e ele xingar ela dentro do carro comigo. Eu ficava assim, chateado. Eu olhei pra ele assim e ele parou de falar. O marido tratar mal a mulher perto dos pais. A gente imaginava: ‘E longe da gente, o que não pode acontecer?’”, questionou o pai da ex-jogadora de vôlei.

O casal lembrou que a última conversa que teve com Ricardo foi no dia da morte da filha e aproveitaram para negar que tenham impedido que ele fosse ao velório: “Eu falei: ‘Você vem para o velório?’. [E ele respondeu] ‘Ah, infelizmente não vou, sabe? Estou abalado, não vou, não vou’”, lembrou Dona Maria.

Um mistério ainda ronda o patrimônio deixado por Waleska. Os pais da ex-atleta descobriram, através de um ex-consultor financeiro, que ela investia muito em imóveis e que, até 2019, último ano que o especialista trabalhou para ela, era 23 ao todo, 22 deles em São Paulo. Mas parece que sobrou apenas um.

“Entre 2019 e agora 2023 a família não teve mais acesso. Sabemos que, na verdade, toda aquela relação de imóveis não existe mais. Tem um imóvel só. Foi afirmado pelo próprio Ricardo que não tem mais imóveis. Pra quem foi vendido? Como foi vendido? Quem pagou? Como pagou? Tudo isso é a resposta que a família está precisando nesse momento. E o Ricardo precisa apresentar. Não foi apresentado”, declarou a advogada da família de Walewska, Maria Toledo.

Ricardo e Walewska eram casados em comunhão parcial de bens e hoje o viúvo é inventariante da ex-jogadora de vôlei. Com isso, ele é o responsável por administrar tudo o que ela deixou.

À polícia, logo após a morte de Walewska, o marido revelou que o casamento estava passando por uma crise e que a mulher era viciada em compras, delapidando todo o patrimônio do casal. O pai dela rebateu:

“Comprar roupa, comprar as coisas pra ela, mas vender imóvel para gastar dinheiro? Ela não tinha essa compulsão. Essas coisas de ele falar dela, eu acho que era muito feio para ele”, disse o pai. A mãe dela ainda completou: “Ele está tentando manchar a imagem dela”.

Metrópoles

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Homem é encontrado embaixo da ponte Newton Navarro; hospital procura familiares

Foto: Adriano Abreu

O Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel (HMWG) está procurando familiares de um paciente que deu entrada na unidade na manhã de quinta-feira (30/11), conduzido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência.

O homem, que aparenta ter aproximadamente 50 anos, foi encontrado embaixo da Ponte Newton Navarro, e não portava nenhuma documentação que o identificasse. Ele possui pele na cor parda, cabelos pretos, barba grisalha, tem aproximadamente 1,70m de altura e 75kg. Possui tatuagem no braço direito com a imagem de um escorpião e no braço esquerdo com tribal e nome Rosa.

O paciente está internado no Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, do HMWG. Ele não tem condições de falar ou fornecer informações sobre sua identidade.

Qualquer informação que possa levar à identificação do paciente deve ser repassada ao setor de Serviço Social do HMWG através dos telefones 3232-7533 e 98132-6541 (WhatsApp). O Serviço Social funciona de domingo a domingo, em plantões de 24h.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

VÍDEO: Após festa, praia de Miami vira um verdadeiro lixão

A praia de Areia Preta foi palco de um evento de samba e pagode neste último sábado (2). Vários relatos falam do caos que ficou o local após a festa. Teve muito trânsito e confusão pela região; mas o pior foi a grande quantidade de lixo que ficou espalhada pelas areias da praia de Miami.

Veja o vídeo:

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por BlogdoBG (@blogdobg)

Opinião dos leitores

  1. Acelitizinha é mais insalubre que esse lixo..
    Esse povo acham que essa praia é privada e exclusiva pra eles olharem lá de cima…
    Que tenha mais evento como esse por toda orla e que essa Elite se fooo…..esses caras nunca são agradados por nada.

  2. Praia bonita: precisa ser preservada.
    Os eventos precisam de prévia organização p estabelecer as normas,caso contrário, todo esforço desenvolvido p repaginá-la vai por água abaixo, apenas p satisfazer interesses comerciais.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Opção por planos funerários diminui burocracia em meio à dor do luto

Simone contou com os serviço do Morada da Paz Essencial na despedida de seu pai

Foto: Divulgação

Conciliar a dor da perda de um ente querido com a burocracia de resolver questões relacionadas à despedida é um dos principais fatores de desgaste de quem precisa lidar com a morte e o luto. Quando contratados separadamente, o investimento total pode superar o valor de R$ 2,5 mil, além dos valores relacionados ao sepultamento ou cremação. Pensando nisso, e com foco em otimizar e humanizar este processo, o cemitério e crematório Morada da Paz criou a Assistência Funerária Morada da Paz Essencial.

Quem vivenciou a situação de precisar lidar com o luto e a tomada de decisões sobre velório e sepultamento foi a advogada Simone Braga de Carvalho. Há três anos, ela perdeu o seu pai em casa, em Parnamirim/RN. “Viver o momento da despedida de meu pai foi de suma importância para mim e para a minha família e sei que isso só foi possível graças ao apoio de amigos queridos e ao plano funerário que já havíamos contratado há certo tempo”, lembra Simone.

“Todas as preocupações com papéis, logística e demais burocracias foram aliviadas graças ao serviço que havíamos contratado, que resolveu tudo para nós. Além disso, eles trataram o nosso momento de luto com todo o respeito e singularidade que a ocasião pedia. Graças a isso, eu e minha família pudemos nos concentrar no que era mais importante: viver os últimos momentos com o meu amado pai’, recorda a advogada.

O serviço de assistência funerária do Grupo Morada oferece, a partir de R$ 29,90/mês, funeral completo e outras facilidades. Com valores que podem variar, cada família pode encontrar o pacote de serviços que melhor atenda suas necessidades e expectativas. Em todos os casos, o plano escolhido conta com o serviço de apoio psicológico, que é oferecido pelo Morada da Paz Essencial e conta, desde o primeiro contato, com profissionais capacitados em luto.

Os pacotes cobrem todos os preparativos para o funeral e velório, e oferecem opções, a depender do plano contratado, com sepultamento em jazigo vertical e o serviço de cremação, podendo até incluir a cremação pet. Ao aderir a um dos planos, o cliente evita gastos excessivos e surpresas desagradáveis. De acordo com o gerente comercial do Grupo Morada, Jarlyson Rocha, o cliente ainda será atendido por profissionais que compreendem o luto, irá proteger a si mesmo e todos os seus dependentes, sem restrições de parentesco, idade ou quantidade.

“Nós pensamos em soluções funerárias completas em um único empreendimento, sem a necessidade do cliente buscar algum outro serviço do ciclo em outro local”, explica Jarlyson. Após tomar a decisão de aderir ao serviço de assistência funerária, o cliente do Morada da Paz Essencial contará com outras facilidades, como: zero custo na adesão, taxas inclusas, acesso a programas de apoio a vivência do luto e a um Clube de Descontos que oferece vantagens ao efetuar compras nos parceiros cadastrados.

Morada da Paz Essencial

O Morada da Paz Essencial é o plano funerário do cemitério, funerária e crematório Morada da Paz, empresa do Grupo Morada. Com uma rede exclusiva de atendimento, centrais de velório, planos de assistência funeral e cemitérios, o Morada da Paz Essencial lidera o mercado oferecendo soluções completas que simplificam a tomada de decisões no momento de dor e são acessíveis a todos. As informações com detalhes sobre os planos oferecidos estão disponíveis no site: http://www.moradaessencial.com.br.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rede Social

VÍDEO E FOTO: Shock Casa Show tem recorde de público no último sábado

O Encanta Natal, festa que contava com a participações de renomados artistas como Pablo, Nadson, Priscila Sena e Rafaela Santos, teve recorde de público no último sábado (2), estimado em mais de 15 mil pessoas.

Evento aconteceu na Shock Casa Show, na Zona Norte de Natal.

Confira o vídeo:

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Governo anuncia pagamento do 13º para servidores do Estado

Com a soma de R$ 713 milhões (excluído IR e Previdência) para os servidores ativos e inativos, a governadora Fátima Bezerra anuncia o pagamento do décimo terceiro salário para 89,7 mil servidores a partir do próximo sábado (09).

No dia 09 de dezembro, os servidores estatutários que recebem salário até R$ 7 mil reais (exceto carreira do magistério e órgãos com arrecadação própria que receberam adiantamento em junho), receberão o décimo terceiro integralmente em suas contas. Serão 66.386 servidores entre ativos e pensionistas.

No dia 20 de dezembro, os servidores ativos de órgãos com arrecadação própria como: Arsep, Ipem, Jucern,  Detran e Idema, que tiveram o adiantamento de 30% em junho, receberão o complemento.

“É com muita felicidade que faço este anúncio, cumprindo com a palavra de pagar nossos servidores em tempo hábil. São trabalhadores e trabalhadoras que se dedicaram o ano inteiro para um Rio Grande do Norte melhor para a população”, disse a governadora Fátima Bezerra.

No dia 30 de dezembro, recebem complemento os servidores ativos da carreira do magistério, que receberam adiantamento em junho. São 21.240 servidores que recebem o valor integral.

Em Janeiro, no dia 10, haverá o complemento do 13⁰ dos demais servidores. Empregados públicos (celetistas) receberam 50% de adiantamento no dia 30 de novembro e no próximo dia 20 de dezembro haverá o complemento.

Ao todo, serão pagos R$ 713 milhões (excluído IR e Previdência) para os servidores. Serão utilizados R$ 286 milhões de recursos extraordinários oriundos do Governo Federal (40% do total) para quitar o 13⁰.

Opinião dos leitores

  1. Faz o L.
    Vão receber picado e atrazado.
    Bolsonaro nao é mais o governador do RN.
    O Estado tá entregue as baratas.
    Sem dinheiro.
    Sem obras.
    Sem estradas.
    Sem saúde.
    Sem educação.
    Sem segurança.
    Quer vê e tirar a prova???
    Compare os índices.
    Tá expostos na internet.
    Ok???

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Rachadinha no gabinete de Janones entra na mira da PF, da PGR e da Câmara

Foto: Reprodução

O suposto esquema de rachadinha no gabinete do deputado federal André Janones (Avante-MG) está na mira da Polícia Federal, da Procuradoria-Geral da República (PGR) e do Conselho de Ética da Câmara dos Deputados. Na última sexta-feira (1º) o caso também chegou ao Supremo Tribunal Federal (STF), que recebeu da PGR um pedido de abertura de inquérito sobre as práticas.

São apurados crimes como peculato, improbidade administrativa e caixa dois, e há análise de pedidos de cassação do mandato.

Janones é alvo de denúncias por rachadinha desde 2021, acusado por Fabricio Pereira, um ex-assessor do parlamentar. O processo corre em sigilo, mas, em conversa com o R7, o ex-assessor afirmou que o esquema envolvia diversos funcionários do gabinete do deputado mineiro.

Na denúncia, está anexado um áudio (ouça abaixo) em que Fabricio conversa com outro ex-assessor de Janones, que alega precisar repassar quase R$ 5.000 do próprio salário, mensalmente, ao suposto esquema de rachadinha no gabinete do parlamentar. A verba seria usada para cobrir um rombo de R$ 675 mil nas contas pessoais do político.

R7

Opinião dos leitores

  1. Besteira essa história de rachadinha envolver PF ou MPF, de vereador a presidente isso funciona, as proporções é que são diferentes. Deixa essas bandidos roubarem em paz, prá saber até quanto o país aguenta. Um país Governado por um Mala feito LULADRAO, queriam mais o que?

  2. Esteira essa história de rachadinha envolver PF ou MPF, de vereador a presidente isso funciona, as proporções é que são diferentes. Deixa essas bandidos roubarem em paz, prá saber até quanto o país aguenta. Um país Governado por um Mala feito LULADRAO, queriam mais o que?

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Celebridades

Após 18 anos, Paolla Oliveira encerra contrato com a TV Globo

Foto: Reprodução

Após 18 anos trabalhando na TV Globo, Paolla Oliveira anunciou, neste domingo (3/12), que não faz mais parte do elenco fixo da emissora carioca. No Instagram, a atriz publicou um texto em tom de despedida, mas deixou as portas abertas para novos trabalhos no canal.

“O tal post do crachá anda tão comum, não é? Eu mesma me questionei se era necessário. E cheguei a conclusão que sim, pois, afinal, são 18 anos em que venho construindo uma história na Globo – uma emissora em que agarrei a todas as oportunidades. E com o tempo, nela, construí uma carreira da qual me orgulho muito, resultado de muita entrega e compromisso”, começou Paolla.

“Na Globo eu estreei cheia de sonhos – belíssima – em 2005. Logo na minha terceira oportunidade encarei minha primeira protagonista em horário nobre, um salto gigante. Aprendi muito com tudo e jamais me acomodei com as conquistas. Porque sucesso, para mim, é resultado de talento e empenho. Pra dar vida a personagens, a gente tem que ir a fundo, se dominar, buscar coisas novas e compreender o que ainda nem sabemos sobre a gente e nossas emoções”, continuou.

Além de recordar papéis antigos, Paolla Oliveira afirmou que ainda tem coisas a lançar com a emissora. “Fui de adolescente, mocinha batalhadora traída pelo irmão, policial linha dura, influenciadora ingênua, mãe de família, garota de programa. Já peguei tirolesa, fui dublê e esbarrei num Emmy. Acabou? Não acabou! Ainda tem a Jordana, de Justiça 2, que logo vocês vão conhecer. E não importa onde eu caia, seja de paraquedas ou não, uma coisa eu sei: seguirei construindo”, contou.

“Encerrar um contrato fixo nos dias de hoje não causa mais estranhamento a ninguém. Mas é claro que coloca as coisas em perspectiva. Reconheço esse ciclo de alegrias e conquistas e não poderia deixar de lado, portanto, meu post do crachá. Foi exatamente como desejei. E como eu trabalhei para que fosse. Obrigada, TV Globo, até já!”, concluiu Paolla Oliveira.

Metrópoles

Opinião dos leitores

  1. A globolixo continua demitindo ? Cadê os milhões que o desgoverno do cachaceiro está dando? É pouco?
    Lacradora não faz falta em lugar nenhum.
    Nem o expresidiario dá valor, demitiu as ministras (turismo e esportes) do seu governo .

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polêmica

VÍDEO: Ciro Gomes dá tapa no rosto de homem após ser chamado de ‘bandido’

Foto: Reprodução

O ex-presidenciável Ciro Gomes (PDT) deu um tapa no rosto de um homem após ser provocado durante um evento em Fortaleza, na noite deste domingo (3). O vídeo foi revelado pelo jornal cearense O Povo.

O que aconteceu

Um homem não identificado se aproximou de Ciro com a câmera na mão e começou a provocar. O episódio se deu durante um show de samba na avenida Beira Mar, em Fortaleza, segundo O Povo.

“Diz para nós como é que rouba a população sem ser preso”, perguntou o homem a Ciro, enquanto seguia filmando.

A gravação mostra que Ciro Gomes respondeu a essa primeira provocação sem se exaltar.

“Quem deve saber isso é bandido, eu não sou, não”, Ciro Gomes, ex-governador do Ceará e ex-presidenciável.

Em seguida, o homem acusou o pedetista de ser “bandido”: “tu é bandido”.

Ciro Gomes reagiu à segunda provocação com um tapa no rosto do homem. No vídeo, não é possível ver o momento do tapa devido à movimentação do celular, mas o próprio Ciro reconhece na sequência do vídeo.

“Tu deu na minha cara, seu racista?”, questionou o homem.

Ciro Gomes respondeu que “sim” e justificou que a agressão é para o jovem aprender a respeitá-lo.

“Dei (…) para você aprender a me respeitar”, Ciro Gomes.

No vídeo, o provocador ainda diz que vai chamar a Polícia Militar. “Ciro Gomes deu na minha cara”.

Com informações do UOL

Opinião dos leitores

  1. Não tenho o menor apreço por Ciro Gomes, mas o que esse moleque fez foi provocação e falta de respeito, achei pouco.
    Quis lacrar e se lascou

  2. Quando aparecer com a boca cheia de formiga , um tiro na testa não sabe o que aconteceu. Difícil é encontrar POLITICO HONESTO. Político ladrão tem em todo lugar

  3. Não deve ser esse o comportamento de um homem público, infelizmente o Ciro briga até om os irmãos! Nâo tem condições de pacificar o país.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Insegurança no Brasil faz 8 de cada 10 mulheres evitarem sair à noite ou passar por locais desertos

Foto: BRUNO ROCHA/ENQUADRAR/ESTADÃO CONTEÚDO

Mulheres têm adotado cada vez mais estratégias para não serem vítimas da falta de segurança pública no Brasil. Uma pesquisa sobre percepções e experiências das mulheres quando se deslocam pelas ruas das cidades, feita pelos institutos Patrícia Galvão e Locomotiva, mostra que pelo menos oito de cada dez delas evitam sair à noite ou passar por locais desertos.

Para a análise, 1.618 mulheres com 18 anos ou mais, que precisam sair de casa ao menos uma vez por semana, foram entrevistadas entre setembro e outubro. A margem de erro é de 2,2 percentuais. A pesquisa teve apoio da Uber.

O estudo mostrou que 94% das entrevistadas evitam passar por locais desertos ou escuros, 89% evitam sair à noite, 86% pedem a alguém que as espere em casa.

R7

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *