RN lidera NE em casos de chikungunya

Estado registrou mais de 12 mil casos no ano, com média de 348 a cada cem mil habitantes, ficando atrás somente da incidência no Rio de Janeiro. O RN possui também a maior incidência de arboviroses transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti do Nordeste.

O Rio Grande do Norte atingiu uma marca preocupante em relação ao número de casos de arboviroses transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti; dengue, zika e chikungunya. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pelo ministério da Saúde, o Estado possui a segunda maior incidência de casos de chikungunya do Brasil e a maior incidência de todas as arboviroses do Nordeste. Os números ainda apontam que 97 municípios do RN estão em risco de surto destas doenças.

O boletim epidemiológico reúne dados colhidos entre 30 de de dezembro do ano passado e 13 de outubro de 2019, e aponta 12.206 casos de chikungunya no Estado, incidência de 348,1 casos a cada cem mil habitantes. O RN fica atrás somente do Rio de Janeiro que teve incidência de 481,2, com 83.079 casos registrados. No Nordeste, os Estados que mais se aproximam do RN em incidência de chikungunya são Alagoas e Bahia, com 53,2 e 51 casos a cada cem mil habitantes respectivamente. Em todo o Brasil foram apontados 123.407 casos da doença.

Tribuna do Norte

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. RUI disse:

    O RN SO LIDERA DESGRAÇA…….

  2. Manoel disse:

    KD a governadora num hora dessas? O povo sofrendo doente e sem saúde e ela viajando pra Europa!!!

  3. Carlos disse:

    Ops, pelo menos lideramos alguma coisa. Kkkkkk

  4. Francisco de Assis Xaviet disse:

    Viva o governo do PT, secretário de saúde mais fraco e incompetente

COMENTE AQUI