Saúde

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 22,2%

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 22,2%, registrada na tarde desta quinta-feira (19). Pacientes com Covid-19 internados em leitos clínicos e críticos somam 16.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 22% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 23,1% e a Região Seridó tem 0%.

Até o momento desta publicação são 33 leitos críticos (UTI) disponíveis e 12 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 57 disponíveis e 4 ocupados.

Outros 09 leitos de UTI estão ocupados por pacientes ‘não Covid-19’ e também 15 leitos clínicos também estão ocupados por pacientes ‘não Covid-19’, com outras síndromes gripais.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polêmica

Cantor católico lamenta que seu show foi cancelado após revelar ser gay

Foto: Reprodução

As passagens aéreas do cantor carioca Bruno Camurati, de 41 anos, já estavam compradas para desembarcar em Fortaleza e se apresentar no festival Halleluya, no dia 23 de julho. O show dele, porém, foi cancelado dias após ele se assumir gay em publicação nas redes sociais.

No dia 10 de junho, mês marcado pelo Orgulho LGBTI+, Bruno expressou em texto o “orgulho de ser”, e reforçou que as músicas que canta e que compõe sobre Deus são possíveis por ele ser “exatamente quem é”.

“Alguns podem estar hoje cancelando, outros celebrando. Eu, desse jeito, coloquei tudo de mim pra fora, de mãos dadas com o Espírito Santo. E você ouviu, te tocou. Você pode ter encontrado a Deus através de uma pessoa gay. Te incomoda?”, escreveu.

Dias depois da publicação, contudo, o cantor recebeu um contato da organização do Halleluya informando que o show dele não aconteceria mais. “Canto no festival há 10 anos. Cancelaram há cerca de 3 semanas, mas não informaram o motivo exato”, disse o cantor em entrevista ao Diário do Nordeste.

Bruno frisa que “não houve declaração oficial” do festival sobre haver relação entre o cancelamento e a postagem dele, mas que “tudo leva a crer que sim, pelo tempo que se deu entre uma coisa e outra”. Shows do cantor em outras cidades também foram cancelados.

“Eu entendo por que eles tomam essa decisão, tem muito a ver com a forma como enxergam o que é pecado. Mas fico triste, porque o trabalho que construo há muito tempo passa a ser invalidado, e a única coisa enxergada agora é a minha sexualidade”, disse.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de comunicação do Halleluya, para saber qual o motivo do cancelamento do show, se outras atrações também foram canceladas ou se houve relação com a sexualidade de Bruno. Não houve resposta até esta publicação.

Diário do Nordeste

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Homem e adolescente são mortos a tiros em festa junina no Oeste do RN

Foto: Cedida

Um homem e um adolescente foram mortos a tiros durante uma festa na cidade de Severiano Melo, no Oeste potiguar. O crime foi registrado na madrugada desta sexta-feira (1º) e, segundo a Polícia Militar, foram ouvidos pelo menos seis disparos. Ninguém foi preso.

As vítimas foram identificadas como José Juliano Soares Oliveira, de 20 anos, e Pedro Inácio de Lima Júnior, de 15 anos. Ambos são moradores do município e não resistiram aos disparos, morrendo no local.

Ainda de acordo com a PM, a festa onde o crime foi registrado ocorreu na Praça de Eventos , no centro do município. Às 4h30, os disparos foram ouvidos e os militares que faziam patrulhamento durante a madrugada, foram até o local.

Segundo testemunhas, criminosos armados chegaram ao local e atiraram apenas contra as duas vítimas, fugindo em seguida. Os militares visualizaram um deles, mas o suspeito conseguiu fugir. O caso será investigado pela Delegacia Regional de Apodi.

G1 RN

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Receita Federal faz alerta para golpe de empréstimos utilizando Pix

Foto: Reprodução

A Receita Federal alertou que recebeu vários relatos de golpes envolvendo empréstimos e aproveitou para dar orientações de como evitá-los. De acordo com o órgão, as supostas empresas de crédito condicionam a liberação do valor ao pagamento antecipado do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF).

Para convencer a vítima a recolher taxas inexistentes para a liberação do dinheiro, os estelionatários mostram notificações e documentos de arrecadação falsos.

De acordo com os relatos recebidos pela Receita, o pagamento das supostas taxas ou IOF são feitos por meio de transferências via Pix para pessoas físicas. “Trata-se de golpe, já que a Receita Federal não fornece dados para recolhimento de tributos ou taxas via transferência”, informa o órgão em nota.

O recolhimento do IOF é feito apenas mediante Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf), pago pela entidade que fornece o crédito e não pelo contribuinte. Além disso, os servidores da Receita não prestam serviços de empréstimos à população e nem entram em contato para cobrar esses tipos de taxas.

Caso haja suspeita de golpe, a orientação do órgão é registrar um boletim de ocorrência com a polícia, fornecendo todas as provas possíveis.

Estadão Conteúdo

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Lula descarta tentar reeleição se for vitorioso em outubro

Foto: Agência Brasil

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta sexta-feira (1°) que, caso eleito, não irá tentar a reeleição ao término do mandato. Segundo ele, ao lado do vice, Geraldo Alckmin (PSDB), a prioridade do governo será “recuperar” o País. “O que eu quero é deixar o País preparado, quero lutar contra fome”, disse o petista em entrevista à rádio Metrópole, de Salvador.

A escolha de Alckmin como vice foi articulada diretamente por Lula, que aposta no nome do ex-governador de São Paulo para atrair eleitores de centro, parte da elite empresarial, do agronegócio e do eleitorado mais conservador e religioso. Fundador do PSDB, Alckmin migrou para o PSB há apenas alguns meses para assumir a vice na chapa.

O ex-tucano evita comentar a hipótese de disputar a sucessão do petista, mas integrantes do PSB não escondem essa expectativa. Ainda assim, Lula não citou o nome do ex-governador nesse contexto de um segundo mandato. “Daqui a quatro anos vai ter gente nova”, afirmou Lula.

O petista participa em Salvador, neste sábado, das comemorações de 2 de julho, data que marca a independência do Brasil na Bahia. “Não vou fazer motociata, eu vou conversar com o povo”, afirmou. O presidente Jair Bolsonaro (PL) e o pré-candidato do PDT, Ciro Gomes, também estarão na capital baiana para as comemorações.

Na entrevista, Lula ainda fez críticas ao Congresso Nacional, que, segundo ele, “se apoderou” do orçamento da União. E ainda prometeu revogar todos os sigilos de 100 anos impostos pelo presidente Bolsonaro em casos sensíveis ao atual governo.

Estadão Conteúdo

 

 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Federação do PT, PV e PCdoB marca convenção para homologar alianças e apresentar candidatos às eleições 2022

Foto: Reprodução

A Federação Brasil da Esperança composta pelos Partidos dos Trabalhadores (PT), Partido Comunista do Brasil (PCdoB) e Partido Verde (PV) realizará convenção partidária no Rio Grande do Norte no próximo dia 23, das 9 às 17h, em local a ser confirmado.

No evento, serão homologadas as alianças com outros partidos e a chapa majoritária que tem como candidatos a governadora Fátima Bezerra (PT) concorrendo à reeleição, o deputado federal Walter Alves (MDB) como vice-governador e o ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves (PDT) concorrendo a uma vaga no senado.

Também serão homologadas as chapas proporcionais para deputados federal e estadual com os candidatos e candidatas que compõem os partidos da Federação.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Governo Federal vai investir mais R$ 9 milhões em obras da CBTU na Grande Natal

Foto: Adalberto Marques

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), anunciou, nesta sexta-feira (1º), investimentos em mobilidade e infraestrutura urbana na Região Metropolitana de Natal, no Rio Grande do Norte. O ministro Daniel Ferreira cumpriu agendas em Parnamirim e São José de Mipibu, onde visitou obras da linha férrea que atende os municípios e autorizou aportes de recursos nessas localidades.

Em São José de Mipibu, foi feita vistoria técnica às obras da Estação Bonfim, da Linha Branca da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU). Além disso, foi anunciado o aporte de mais R$ 9 milhões para o prosseguimento das obras dos Trechos II e III da Linha Branca.

O ministro Daniel Ferreira lembrou que, a partir da operacionalização de toda a Linha Branca, haverá redução de custos para os usuários do transporte público em São José de Mipibu, Parnamirim e Nísia Floresta – cidades que passarão a ser atendidas a partir da conclusão de toda a linha férrea – no deslocamento até a capital Natal. Além disso, ele destacou o impacto positivo para as famílias.

“Hoje, quem faz esse trajeto gasta R$ 12 em ida e volta. Ele vai passar a gastar R$ 5, menos da metade. Em um orçamento familiar, significa muito. E reduz o tempo de deslocamento. É aquela mãe, é aquele pai, que vão passar a ter alguns minutos a mais com seu filho no final do dia”, reforçou.

As obras dos Trechos II e III têm previsão de serem finalizadas ainda neste ano. As duas etapas contam com R$ 51,6 milhões em investimentos federais e estão com 37% de execução. Juntas, terão 20 quilômetros de vias e três estações de parada, sendo uma em São José de Mipibu e duas em Nísia Floresta.

Em março, foi entregue a Estação Cajupiranga, que marcou a conclusão do Trecho I da Linha Branca, que atende o perímetro urbano de Parnamirim, com 3,4 quilômetros de via férrea. A infraestrutura passou a ser operacional em maio. O primeiro ponto de parada da linha férrea, a Estação Boa Esperança, foi inaugurada em fevereiro.

Ao todo, o Governo Federal vai investir R$ 90,7 milhões na malha férrea no Rio Grande do Norte, que contempla ainda a construção da Linha Roxa. Os recursos possibilitarão a construção de oito estações, 30 quilômetros de linha férrea e a aquisição de 30 composições e três vagões. Com isso, a malha ferroviária da Grande Natal se tornará a mais extensa do Nordeste e a terceira maior do País, atrás apenas das Regiões Metropolitanas de São Paulo e do Rio de Janeiro.

A CBTU no Rio Grande do Norte transporta, em média, 11,6 mil pessoas por dia. O sistema conta com 60 quilômetros de linhas férreas e 25 estações.

Linha Roxa

A construção da Linha Roxa da CBTU na Grande Natal teve a pedra fundamental lançada em setembro de 2021. Com aporte de R$ 18,7 milhões do Governo Federal, o empreendimento contempla a instalação de 4,1 quilômetros de trilhos e a construção de três estações: BR-101 Norte, Guararapes e Vicunha. A previsão é que 2 mil pessoas sejam atendidas diariamente pelo ramal, que ligará a Região Metropolitana de Natal aos municípios de São Gonçalo do Amarante e Extremoz. As obras estão 43% concluídas.

Outras praças

Além dos investimentos para a Linha Branca da CBTU de Natal, o ministro Daniel Ferreira também anunciou o aporte de outros R$ 20 milhões para o custeio das operações nas praças atendidas pela Companhia Brasileira de Trens Urbanos. Esses valores vão atender as Regiões Metropolitanas de Natal (RN), Recife (PE), Belo Horizonte (MG), Maceió (AL) e João Pessoa (PB).

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 76,8%

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 76,8%, registrada no início da tarde desta sexta-feira (1). Pacientes com Covid-19 internados em leitos clínicos e críticos somam 76.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 79,5% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 75% e a região Seridó tem 60%. Até o momento desta publicação são 11 leitos críticos (UTI) disponíveis e 43 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 19 disponíveis e 33 ocupados.

Outros 2 leitos de UTI estão ocupados por pacientes ‘não Covid-19’ e 1 leito clínico também está ocupado por paciente ‘não Covid-19’, com outra síndrome gripal.

Opinião dos leitores

  1. Se mais de 90% da população foi vacinada, como explicar esse número alto de ocupação de leitos?

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

COVID: RN possui 11 leitos críticos e 19 leitos clínicos disponíveis

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 14h00 desta sexta-feira (1).

Neste período, havia dez (10) pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação e nenhum aguardando avaliação. Foram registrados disponíveis 11 leitos críticos e outros 19, sendo clínicos.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN registra 1 óbito por Covid-19 nas últimas 24h; novos casos são 885

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta sexta-feira (1). São 527.789 casos totalizados. Nas últimas 24 horas foram registrados 885 novos casos e um (01) óbito (Baía Formosa).

Óbitos confirmados para Covid-19: 8.269. Em investigação são 1.320. Recuperados são 507.971. Casos suspeitos somam 3.218 e descartados são 994.744. Estimativa de casos em acompanhamento: 11.549.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Promotoria volta a pedir bloqueio de bens de Alckmin no caso Odebrecht

Foto: Divulgação 

O Ministério Público de São Paulo não desistiu de ver os bens do ex-governador Geraldo Alckmin (PSB-SP) bloqueados pela Justiça. O futuro vice na chapa do ex-presidente Lula é réu em uma ação de improbidade administrativa por suposto recebimento de caixa dois da Odebrecht nas eleições de 2014.

O promotor Ricardo Manuel Castro entrou com um recurso contra a decisão da Justiça paulista que revogou no último dia 19 o bloqueio dos bens de Alckmin até o valor de R$ 9,9 milhões. A medida havia sido determinada em 2019 para garantir que o ex-governador tenha como devolver dinheiro aos cofres públicos caso seja condenado.

A juíza Luiza Barros Rozas Verotti, da 13ª Vara da Fazenda Pública, afirmou que não havia mais motivo para manter os imóveis, veículos e contas bancárias em nome de Alckmin indisponíveis depois das alterações feitas pelo Congresso na Lei de Improbidade no ano passado, afrouxando as punições.

Segundo a magistrada, o MP precisaria agora mostrar que “há indícios concretos de dilapidação do patrimônio” para justificar o bloqueio — ou seja, seria necessário provar que Alckmin tinha a intenção de se desfazer do patrimônio para escapar da devolução do dinheiro em caso de condenação.

Para o promotor, contudo, a nova Lei de Improbidade não deve ser aplicada de forma retroativa, em ações já aceitas pela Justiça no passado, e o bloqueio de bens no caso de Alckmin se mostra “razoável e proporcional” para quem “dilapidou o patrimônio público apossando-se fraudulentamente daquilo que não lhe pertencia”.

Alckmin foi acusado de receber R$ 7,8 milhões da Odebrecht por meio de caixa dois na campanha de 2014, quando foi reeleito governador pelo PSDB.

Além da delação dos ex-executivos da empreiteira, o MP agregou à investigação planilhas de um doleiro, mensagens trocadas pela transportadora encarregada de distribuir os valores e gravações telefônicas que mostram entregas de dinheiro vivo na casa de um ex-assessor do governo em São Paulo. Alckmin nega todas as acusações.

O recurso pedindo o novo bloqueio de bens do ex-governador ainda será analisado pela Justiça e pode causar incômodo à chapa Lula-Alckmin em plena campanha.

Metrópoles

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *