Clima

RN tem o pior período de chuvas em cinco anos

Com redução nas chuvas em 2021, 62% dos municípios do Rio Grande do Norte entraram na faixa de locais com clima muito seco ou seco, segundo análise pluviométrica da Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn). No geral são 88 municípios, de todas as regiões, incluindo Natal, Mossoró e Parnamirim, classificados como clima “muito seco”; e 16 como “seco”. Esse é o pior cenário desde 2016, quando o RN enfrentou crise hídrica em 150 dos 167 municípios. Somente 26 cidades potiguares registraram períodos chuvosos normais ou acima do esperado neste ano. Em todo o ano de 2020, apenas 10 cidades ficaram em situação de clima “muito seco”. A orientação das autoridades da área é otimizar o uso da água para evitar possíveis racionamentos.

De janeiro a julho deste ano, as chuvas ficaram 35,7% abaixo do esperado, conforme dados da Unidade Instrumental de Meteorologia da Emparn. O volume médio acumulado de chuvas observado foi de 477,7 milímetros (mm), bem abaixo do aguardado para o período do ano: 761,4 mm. O período acende o sinal de alerta de gestores dos 47 reservatórios com capacidades superiores a 5 milhões de metros cúbicos responsáveis pelo abastecimento da população. Isso porque o volume total armazenado equivale a menos da metade da capacidade máxima: 47,26% ou 2,1 bilhões metros cúbicos. A esta altura, no ano passado, a “caixa d’água” do Rio Grande do Norte, isto é, a soma de todo o recurso natural armazenado, era de 2,4 bilhões de metros cúbicos (55,55%). Durante 2020, o volume médio registrado de chuvas foi de 910,1 mm.

Tribuna do Norte

Opinião dos leitores

  1. A EMPARN é uma prova cabal de que o serviço público no Brasil não funciona. Estamos cansados de ver como eles não conseguem passar uma previsão acertado dos círculos de chuvas.

    1. Para um Estado que depende muito da chuva, de fato precisávamos ter um serviço metereologico de ponta, com alta confiabilidade e sem interferências políticas. Aqui acontece o contrário, a metereologia fica até a última hora afirmando que vai chover, aí o agricultor se prepara, faz investimentos e vem a frustração, só depois os metereologistas vem e diz que não choveu. Tudo isso por interferências políticas, com receio de desagradar os gestores.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Meio Dia RN

VÍDEO MEIO-DIA RN: Confira o programa desta segunda-feira

Confira programa desta segunda-feira (24). O Meio-Dia RN, com este blogueiro, debateu os principais assuntos no Estado, pelo país e no mundo. Clique abaixo e assista via YouTube.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

MP e Defensoria recomendam que Estado suspenda shows públicos e privados por alta de casos de Covid-19 no RN

Foto: Reprodução

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e a Defensoria Público do RN estão pedindo ao Judiciário que determine ao Governo do Estado que proíba grandes eventos de massa. Para isso, o Estado deverá alterar decreto estadual que entrou em vigência na última sexta-feira (21). A medida visa o enfrentamento da variante Ômicron que possui uma alta taxa de transmissibilidade, seguindo uma orientação da Organização Mundial da Saúde (OMS). A ação civil pública (ACP) requer que o Estado cancele todas as autorizações para a realização de shows com grande público, sejam em locais abertos ou fechados.

E ainda que o Judiciário obrigue o Estado a se abster de conceder novas autorizações para shows de massa e congêneres em todo o território potiguar, assim como a suspender tais eventos, até que ocorra novo controle da transmissibilidade do coronavírus no RN. Ou seja, até que a pandemia volte a atingir os patamares de contágio alcançados em novembro e dezembro de 2021.

Na análise feita pelas duas instituições, houve omissão do Estado ao editar o decreto, uma vez que o Comitê de Especialistas da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) havia alertado (por meio da Recomendação n. 33) a não realização desses tipos de eventos dada a realidade de risco iminente de colapso do sistema de saúde. No último dia 17, data em que foi publicado o decreto, houve uma reunião com o MPRN, o Gabinete Civil, a Sesap, a Defensoria Pública Estadual e os Ministérios Públicos Federal e do Trabalho, além de representantes da Federação de Municípios do RN (Fermurn), cujo objetivo foi discutir e deliberar acerca da recomendação do Comitê Científico.

Na ocasião os representantes do MPRN e da Defensoria Pública defenderam a proibição de eventos de massa, o que não foi acatado pelo Governo. As medidas impostas pelo Estado do RN até o momento, apesar de serem importantes para a atividade econômica local uma vez que buscam preservar o setor de promoção de eventos, são insuficientes para reduzir os índices da Covid-19. Eventos de massa públicos ou privados possuem aptidão para amplificar a transmissão do vírus, já que grandes aglomerações são identificados como eventos super-espalhadores. Além disso, ressalta-se que a elevada transmissão da Ômicron aumenta exponencialmente o risco do surgimento de novas variantes, que dificultam o encerramento da pandemia.

Justiça Potiguar

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Os cuidados na contratação de uma empresa para instalação de energia solar

Muitas pessoas já estão convencidas de que esta é a melhor hora para otimizar seu imóvel, seja ele comercial ou residencial, com geração distribuída. A questão é saber como escolher uma boa empresa para instalação de energia solar. É crescente o número de pequenas e médias empresas que oferecem o serviço de instalação dos módulos fotovoltaicos. Porém, a maior oferta exige ainda mais atenção na contratação do serviço.

Vale a pena buscar mais informações sobre o tempo que a empresa de energia solar tem de mercado, verificar se a empresa para instalação trabalha somente com equipamentos aprovados pelo Inmetro, analisar a garantia oferecida, a estrutura da empresa, a forma como os materiais são entregues, o tempo de instalação, a experiência, conferir a capacitação dos profissionais, constatar se possui equipes próprias e conhecer mais da empresa de forma geral.

Nesse contexto, a empresa potiguar Megga Solar vem conquistando lugar de destaque no cenário local e regional. Com soluções personalizadas para cada projeto, na Megga Solar você faz uma simulação da economia do sistema, negocia sem burocracia e conta com a pontualidade necessária para começar a economizar no menor tempo possível. Caminhando para a expressiva marca de 2 mil clientes satisfeitos, a Megga Solar tem na confiança do mercado um diferencial competitivo capaz de conquistar muitos outros clientes em 2022, inclusive você.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

COVID: RN tem mais de 222 mil pessoas com D2 em atraso

Foto: Reprodução

Até o fim da manhã desta segunda-feira (24), o portal RN+Vacina apontou que 222.435 pessoas estão com a segunda dose da vacina contra a Covid-19 em atraso no estado. Desse total, 65.994 pessoas são de Natal e 18.661 de Mossoró.

Além da D2, o estado conta com 682.899 cidadãos com a terceira dose atrasada – 188.108 na capital potiguar e 49.067 em Mossoró.

A recomendação da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) é que a população conclua o esquema vacinal para ampliar a proteção contra a Ccovid-19.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Equipe do Processo Legislativo de Parnamirim recebeu orientações para uso de novo sistema eletrônico

Foto: Reprodução / Câmara de Parnamirim

Na última sexta-feira (21), reunida no Plenário Dr. Mário Medeiros, a equipe que compõe o setor de Processo Legislativo da Câmara de Parnamirim recebeu treinamento para o sistema eletrônico que está sendo implementado na Casa.

A partir dessa implantação, indicações, despachos e ofícios serão eletrônicos. Esta é uma das principais iniciativas para uma Câmara digital. O objetivo é eliminar o uso de papéis, sendo tudo integrado ao sistema.

O treinamento contou com a participação remota do presidente da Casa, vereador Wolney França. “O processo legislativo eletrônico é um legado da nossa gestão”, disse Wolney.

O coordenador do Processo Legislativo, Rodrigo Gurgel, afirmou que são muitos os benefícios do novo sistema, e destaca a maior automação do setor e da própria Câmara. Além disso, a população passará a ter mais acesso ao que acontece no Poder Legislativo Municipal.

Por um aplicativo dos próprios celulares, os parnamirinenses poderão acompanhar a tramitação das proposições parlamentares e tudo que acontece nas sessões ordinárias. Os vereadores também se beneficiam, sendo uma das inovações do sistema a elaboração de proposições a partir do comando de voz.

Na reunião, houve a simulação de uma sessão ordinária. As próximas sessões serão integradas ao sistema eletrônico, e essa primeira simulação esclareceu como tudo irá funcionar.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

DEU RUIM: Mulher doa rim para namorado, que termina relacionamento após traí-la

Foto: Reprodução / TikTok

Uma mulher nos Estados Unidos viralizou nas redes sociais depois de contar que doou o rim esquerdo para o então namorado, que terminou o relacionamento alguns meses após a cirurgia.

Colleen Le, de 30 anos, contou no TikTok que o ex precisava, com urgência, de um transplante de rim. O homem precisava fazer diálise desde os 17 anos, devido a uma doença renal crônica. O nome e a idade do rapaz não foram divulgados.

Após realizar um teste que comprovou que os órgãos eram compatíveis, Colleen logo se ofereceu para doar um de seus rins. “Decidi fazer o teste para ver se éramos compatíveis, porque não queria vê-lo morrer. Eu estava tão nervosa”, comentou.

Em um dos vídeos, ela mencionou que o ex lhe confidenciou que seu rim funcionava apenas 5%. A cirurgia foi feita imediatamente. O casal teve uma recuperação completa e o transplante foi bem-sucedido.

Traição em Las Vegas

Cerca de sete meses após a operação, o ex afirmou que iria a uma despedida de solteiro em Las Vegas, com o grupo da igreja dele, em um fim de semana.

Colleen disse que não se preocupou com a viagem, porque ele era um cristão devoto. A jovem, então, optou por se concentrar em estudar para as provas finais.

Ela contou aos seguidores que ficou sem palavras quando o então namorado voltou para casa e revelou que a traiu. “Muitas discussões depois… Eu finalmente o perdoei e lhe dei uma segunda chance.”

Fim do relacionamento

Três meses depois da traição, o homem terminou o relacionamento, afirmando que, se eles fossem feitos um para o outro, “Deus os reuniria novamente no fim”.

Chegou a acusá-la, inclusive, de realizar o transplante para “ficar bem” nas redes sociais. Depois disso, passou a bloqueá-la em todas as contas.

Metrópoles 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nacional

Novo carregamento da vacina pediátrica da Pfizer chega ao Brasil

Foto: Myke Sena / MS

Chegou nesta segunda-feira (24) no Aeroporto de Viracopos, em Campinas, interior paulista, um carregamento de 1,8 milhões de doses de vacina pediátrica contra a covid-19. É o terceiro lote enviado ao Brasil do imunizante da Pfizer destinado a aplicação em crianças.

A entrega de hoje estava prevista para ser realizada na próxima quinta-feira (27), porém foi antecipada pelo laboratório norte-americano. Já tinham sido enviadas 2,5 milhões de doses desde que a vacinação de crianças com idade entre 5 e 11 anos foi autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Até o fim de março, o governo federal espera receber 20 milhões de doses de vacinas pediátricas da Pfizer.

Na última sexta-feira 21, a vacina Coronavac também foi incluída pelo Ministério da Saúde no plano de imunização contra a covid-19 para crianças e adolescentes de 6 a 17 anos de idade. O governo federal está negociando os termos de compra com o Instituto Butantan, que produz o imunizante no Brasil em parceria com o laboratório chinês Sinovac.

Agência Brasil

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 62,5%

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 62,5%, registrada no início da tarde desta segunda-feira (24). Pacientes com Covid-19 internados em leitos clínicos e críticos somam 148.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 68,9% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 50% e a Região Seridó tem 64,3%.

Até o momento desta publicação são 30 leitos críticos (UTI) disponíveis e 80 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 44 disponíveis e 68 ocupados.

Outros 18 leitos de UTI estão ocupados por pacientes ‘não Covid-19’ e também 32 leitos clínicos também estão ocupados por pacientes ‘não Covid-19’, com outras síndromes gripais.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

COVID: RN possui 30 leitos críticos e 44 leitos clínicos disponíveis

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 12h05 desta segunda-feira (24).

Neste período, havia 22 pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação e cinco (05) aguardavam avaliação.

Foram registrados disponíveis 30 leitos críticos e outros 44, sendo clínicos.

Em relação aos leitos clínicos, havia 58 pacientes na lista de regulação até o momento desta publicação.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Juiz Federal condena criminalmente desembargador aposentado por sonegação de imposto em “rachadinha”

Foto: Reprodução

O Juiz da 14ª Vara Federal do Rio Grande do Norte, Francisco Eduardo Guimarães Farias, ao julgar, nesta data, a Ação Penal nº 0802934-04.2021.4.05.8400, condenou o Desembargador aposentado do Tribunal de Justiça, Rafael Godeiro Sobrinho, por omitir valores nas declarações de imposto de renda, dinheiro proveniente de uma “rachadinha” com um assessor.

A sentença impôs ao réu condenação a quatro anos e oito meses de reclusão, em regime semiaberto, e a uma pena de multa de 146 dias-multa, sendo cada dia-multa equivalente a 1/10 do salário mínimo vigente à época dos crimes.

Ao fundamentar o decisum, o magistrado asseverou que “a detida análise dos elementos probatórios coligidos nos autos (notadamente a Representação para Fins Penais nº 10469.725308/2015-11) revelou que o denunciado RAFAEL GODEIRO SOBRINHO, nas Declarações de Ajuste Anual dos anos-calendário 2010 e 2011, suprimiu imposto de renda mediante omissão de rendimentos caracterizados por depósitos bancários de origem não comprovada”.

O magistrado observou que os depósitos, que somaram R$ 33.650,00, ao longo dos anos de 2010 e 2011, foram transferidos por Francisco Andrade dos Santos Neto para a conta corrente do réu e eram referentes ao cargo comissionado que Francisco Andrade exercia no Tribunal de Justiça do RN, para o qual foi nomeado pelo Desembargador Rafael Godeiro. Para permanecer no cargo, o assessor “era obrigado a transferir uma quantia para a conta do então Desembargador, sob pena de sair do referido cargo”.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *