RN teve 37 óbitos confirmados neste sabado; número total chega a 305

O Rio Grande do Norte soma 305 óbitos em decorrência da covid-19 e 7.402 casos confirmados da doença, segundo informação divulgada neste sábado (30) pela Secretária de Estado da Saúde Pública (Sesap). Somente nas últimas 24h, o Estado confirmou 939 infecções e 37 mortes. Outras 64 continuam sob investigação.

Ainda de acordo com a Sesap, o RN possui 14.172 casos suspeitos do novo coronavírus. Já o número de pacientes recuperados da covid-19 corresponde a 1.824.

A subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica da Sesap, Alessandra Lucchesi, afirmou, durante coletiva de imprensa realizada  no final da manhã de hoje, na Escola de Governo, no Centro Administrativo, que há uma grande preocupação por parte da Sesap e do Governo do Estado diante do quadro epidemiológico que se apresenta neste momento.

“Há um esforço para que a gente consiga estimular a população a, cada vez mais, compreender que o processo de transmissão ainda está se dando de forma acentuada no RN. Acreditamos estar apenas no início da subida da curva e isso nos indica que precisamos, sim, reforçar todas as medidas de isolamento social”, disse Alessandra Lucchesi.

Dados da Sesap mostram que a maior incidência de contágio do novo coronavírus tem se dado em jovens, que podem ser potenciais transmissores para a faixa etária que, neste momento, tem ido a óbito, que é a de idosos.

O secretário estadual de Saúde, Cipriano Maia, destacou que o governo estadual tem trabalhado medidas para ampliar o número de leitos para tratamento da covid-19 no Estado. “Estamos, inclusive, buscando a contratação de leitos na rede privada, quando disponíveis”, frisou. Ele ressaltou que não é o momento de afrouxar as medidas de isolamento e distanciamento social.

Em Natal, dos 111 leitos de UTI para pacientes com a covid-19, 105 encontram-se ocupados. Em Pau dos Ferros, dos 8 existentes, apenas 2 estão disponíveis e, em Mossoró, dos 41 leitos abertos, 40 estão ocupados. a situação mais confortável, até o momento, é a de Caicó, onde ainda há a disponibilidade de 13 leitos, dos 22 existentes.

A fila da regulação, segundo a Sesap, tem 93 pessoas, sendo 31 para leitos críticos.

NOMINUTO

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marcos Benício disse:

    No DF tivemos 12 óbitos na sexta-feira e ontem, sábado, 8.
    Com a graça de Deus iremos reduzindo mais.

  2. Antônio Carlos disse:

    Porque vcs não colocam os números da covid19 em natal ? Casos, mortes e recuperados

  3. Emmanoel do Nascimento Costa disse:

    O sistema de saúde colapso isto é que tem que ser informado.

  4. LULADRÃO disse:

    Enquanto a Ceasa, Alecrim e zona norte estiverem com a bagunça que tá todos os dias. Infelizmente mais gente irão morrer em Natal.

  5. Gustavo disse:

    Seria mais honesto para o governo dizer quantos foram nas últimas 24 horas, e quantos foram confirmações de casos de semanas e dias anteriores. Senão, o único que isso faz é espalhar o pânico, e não informar nada.

    • ana disse:

      É uma pandemia. Maior crise sanitária do século. Quase 30000 mortos no país (testando pouco). Sim, é caso de pânico. Se "histeria" não resolve, tampouco negar a realidade ou dourar a pílula o faz (além,claro, de soar constrangedoramente infantil e patético)

    • Gustavo disse:

      Assistindo muita TV, senhora. Calma.

  6. Nildo disse:

    Quem dessa equipe merece confiança? Pois só tem doido.

COMENTE AQUI