Secretário de Saúde de Natal diz que Natal já vive 2ª onda de coronavírus, mas com casos assintomáticos ou leves

O secretário de Saúde de Natal, George Antunes, afirmou nesta segunda-feira 23 que a capital potiguar já vive uma espécie de segunda onda de casos de Covid-19, mas que isso não é tão perceptível porque a maior parte dos pacientes não tem apresentado sintomas ou tem sentido apenas efeitos muito brandos da doença.

De acordo com o secretário, apesar de estarem surgindo mais casos de Covid, o número de pacientes internados em estado grave tem se mantido no mesmo patamar do período de baixa da pandemia porque jovens saudáveis têm sido os maiores acometidos pela doença atualmente. Nesse público, a letalidade do novo coronavírus é relativamente baixa.

Dados da plataforma “Monitora Covid-19”, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), mostram que, em uma semana, o número de novos casos de coronavírus aumentou praticamente seis vezes em Natal. Saiu de uma média de 18 casos por dia, em 15 de novembro, para cerca de 107, no último domingo 22. A média considera os casos da doença contabilizados nos sete dias anteriores.

Por outro lado, a taxa de ocupação de leitos segue estável nos hospitais. Até a publicação desta reportagem, havia 9 pacientes internados na UTI do Hospital Municipal de Campanha de Natal, sendo que o local tem capacidade para receber 20 infectados em estado mais grave. Ou seja, na UTI a taxa de ocupação é inferior a 50%.

Nos leitos clínicos do hospital de campanha, a situação é ainda mais confortável: segundo o secretário, cerca de 80% dos leitos estão livres há vários dias.

AGORA RN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rogério disse:

    Tudo esquematizado…primeiro vamos divulgar que os números de casos estão diminuindo, para causar uma falsa impressão de normalidade. Lembrem- se as eleições estavam pra acontecer, logos após as eleições, voltam a manobrar o povo. resumo da história eles não tão nem ai… Eles Estão preocupados com os seus próprios interesses.

  2. Sérgio barchz disse:

    No tempo da política não existia a peste. Aí agora passou tem tudo.

  3. Flávio Martinez disse:

    RN no rumo para imunidade de rebanho

  4. Tarcísio Eimar disse:

    Que segunda onda q nada, ainda é primeiro mesmo, q tirou direto no virote das eleições

  5. pereira disse:

    Todos já Sabiam que Isso iria Acontecer. Tava escrito que a Falta de Fiscalização e o Nao Uso Obrigatório de Mascaras, teria o reflexo no Aumento de infectados. Mas como sempre as autoridade deixam acontecer par tomar as providencias, então taí. Como sempre só pensam em impostos. Para as autoridades Vidas e Mortes são só numeros.

  6. Calígula disse:

    Gastaram o dinheiro nas campanhas eleitorais, agora querem mais do governo federal.
    Mercenários.

  7. Lucis disse:

    Os jovens não transmitem para idosos nem para os demais grupos de risco não?

  8. Lucis disse:

    A segunda onda só chegou depois da eleição.Que onda esperta viu

COMENTE AQUI