Unicamp lamenta morte de dentista filho do médico Ricardo Curioso; velório será no RN

Unicamp lamenta morte de dentista filho de Ricardo Curioso; velório será no RN
Fotos: Caco Ferry/Apoio PM Piracicaba

 

A Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP), da Universidade de Campinas (Unicamp), lamentou a morte do dentista e estudante de pós-graduação Pedro Augusto Bulhões Curioso, de 37 anos, após um acidente na noite de sábado (18).

Pedro é filho do médico Ricardo Curioso, que há anos se dedica a Liga Norte-riograndense Contra o Câncer, sendo uma referência no setor no Rio Grande do Norte.

Em nota enviada na tarde deste domingo (19), a FOP informou que o dentista era aluno de doutorado na área de Patologia e que o corpo dele será velado e enterrado em Natal (RN), cidade em que nasceu, segundo divulgou o portal G1 de Piracicaba.

“A Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP) da Unicamp se solidariza com os familiares e amigos do aluno da área e Patologia, Pedro Augusto Bulhões Curioso, que faleceu na noite do dia 18 de maio, em acidente automobilístico”, manifestou a faculdade.

GRANDE PONTO

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Eunice. disse:

    Conheci Pedro anida minino,soube hoje de sua partida tão rápida. Fiquei muito comovida, mando meu abraço pra Dr Ricardo e Dra Eulina, tenho um apreço grande pelos os dois Deus saberá como dar o conforto para eles superar tamanha saudade.

  2. Isis ventura disse:

    Só Deus pra entender e confortar essa perda de um filho , Dr Ricardo Curioso pessoa de um respeito e profissional exemplar, Natal perde também com um profissional seu filho, que foi tentar ser especializar e fazer o seu melhor em conhecimento , Deus conforte sua família…

  3. Wellington Medeiros disse:

    As mãos que já amenizaram tantos sofrimentos e salvaram milhares de pacientes, hoje recebem um aperto de solidariedade pela morte do filho Pedro, por ele muito bem encaminhado na vida. O Médico Ricardo Curioso – que também atuou no jornalismo nos anos 70 – sente o peso da notícia que durante toda a vida age com dedicação para não dar às famílias dos seus pacientes. A vida tem dessas curvas. Inexplicáveis, mas tem.

COMENTE AQUI