Cidades

[VÍDEO] CAOS: Carro é engolido por buraco na Avenida das Fronteiras

Um vídeo mostra a atual situação da Avenida das Fronteiras, Zona Norte de Natal. Um motorista mostra um carro engolido por um buraco. Segundo o morador que enviou o vídeo ao blog, é um buraco da Caern que reabriu e há dias a comunidade reclama, porém nada é feito.

A Avenida é responsabilidade da prefeitura municipal, mas é justamente neste trecho que o governo do estado prometeu, mas não mexeu uma pá de barro nas obras do pró-transporte.

Governo e prefeitura juntos no caos.

Opinião dos leitores

  1. Tem que privatizar a CAERN.
    Tbm com a Dupla Fátima Paraíba e o Prefeito Chibata, Natal tá sendo engolida por buracos.

    1. O preço da tarifa está em 40 reais. Se for privatizada, aumenta pelo menos 4 vezes mais. Assim foi com a COSERN.

  2. Quando isso acontece lembro das propagandas da Caern para economizar água.
    Fechar torneiras, não tomar banho longo, não deixar vazamento…
    Quando tem um vazamento e o concerto/manutenção demora 24, 48, 72 horas em NADA ADIANTA O CIDADÃO PASSAR O ANO TOMANDO CUIDADO, economizando água, a própria Caern DESPERDIÇA MILHÕES DE LITROS DE ÁGUA POTÁVEL com sua letargia e ineficiência.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tecnologia

Governo federal manda TikTok remover conteúdos impróprios para menores; Rede social tem 72 horas para cumprir a ordem

Foto: AFP

A Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), órgão ligado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, determinou que o aplicativo TikTok suspenda a exibição de conteúdos impróprios para menores de 18 anos no Brasil.

A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (24/6) e assinada pela diretora Laura Postal Tirelli, da Senacon. Conforme estabelecido no despacho, a rede social tem 72 horas para cumprir a ordem.

O prazo começa a contar a partir do momento em que a ByteDance, responsável pelo TikTok, for notificada oficialmente. Em caso de descumprimento, será aplicada multa diária no valor de R$ 1 mil.

Segundo a Senacon, os conteúdos exibidos na rede social englobam “por exemplo — mas não somente —, uso de drogas, sexualização, jogos de azar e violência”.

“[A restrição deve valer] Até que o sistema de segurança da plataforma, que impede o cadastro de menores de 13 anos de idade e limita o acesso a todo o conteúdo por menores de 16 anos, seja aperfeiçoado, de modo que a idade dos usuários seja verificada de maneira eficaz pela representada”, ressalta trecho do despacho.

Além da restrição, o governo solicitou que a plataforma envie um ofício com “informações atualizadas do procedimento” aos seguintes órgãos:

  • Ministério Público Federal de São Paulo (MPF-SP);  
  • Secretaria Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos; e  
  • Agência Nacional de Proteção de Dados.

O que diz o TikTok

Em nota (leia a íntegra abaixo), o TikTok disse que não foi notificado oficialmente. A rede social, no entanto, enfatizou que menores de 13 anos não são permitidos no aplicativo, e destacou que removerá conteúdos que estejam em desacordo com as diretrizes da plataforma.

Leia a íntegra da nota do TikTok

“A segurança da comunidade do TikTok é nossa maior prioridade e temos políticas, processos e tecnologias robustas para ajudar a proteger todos os usuários, principalmente os nossos membros mais jovens. Para garantir um ambiente seguro para todos, nossas diretrizes da comunidade deixam claro os conteúdos que não são permitidos em nossa plataforma, como por exemplo violência e conteúdos explícitos, que serão removidos assim que identificados. Fazemos parceria com especialistas e organizações de segurança para apoiar este trabalho, e dialogamos com líderes do setor para promover medidas de segurança dos jovens no TikTok, entre elas definir contas com menos de 16 anos como privadas, por padrão, e permitir que os pais vinculem suas contas às de seus filhos por meio da sincronização familiar.”

 Metrópoles

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Comitê aprova Caio Paes de Andrade para presidência da Petrobras

Foto: MICHEL JESUS/CÂMARA DOS DEPUTADOS – 26.4.2021

O Comitê de Elegibilidade da Petrobras aprovou, nesta sexta-feira (24), a indicação de Caio Mário Paes de Andrade para assumir a presidência da empresa por maioria. Agora, o Conselho de Administração precisa convocar uma assembleia-geral extraordinária para confirmar o novo presidente.

Andrade é formado em comunicação social pela Universidade Paulista, pós-graduado em administração e gestão pela Universidade Harvard e mestre em administração de empresas pela Universidade Duke. Ele foi escolhido no fim de maio para comandar a Petrobras no lugar de José Mauro Ferreira Coelho, que renunciou ao posto na segunda-feira (20).

O Comitê de Elegibilidade é formado por Francisco Petros e Luiz Henrique Caroli, membros do Conselho de Administração e do Comitê de Pessoas, e por Ana Silvia Matte e Tales Bronzato, membros externos do Comitê de Pessoas. Marcelo Mesquita, eleito pelos acionistas minoritários detentores de ações preferenciais, também participará do processo de análise da indicação.

Enquanto isso, Fernando Borges é o presidente interino da estatal. Ele é diretor-executivo de Exploração e Produção e foi nomeado pelo Conselho de Administração em decorrência da vacância na presidência da companhia.

Em caso de aprovação do nome de Andrade pelo Conselho de Administração, será o quarto presidente da Petrobras na gestão de Jair Bolsonaro. Antes dele, comandaram a estatal: José Mauro Ferreira Coelho, Joaquim Silva e Luna e Roberto Castello Branco.

R7

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Pfizer envia à Anvisa pedido para liberar dose de reforço contra a Covid para jovens de 12 a 17 anos

Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) recebeu, nesta sexta-feira (24), o pedido da Pfizer para incluir na bula da sua vacina a indicação da dose de reforço para adolescentes de 12 a 17 anos.

Em nota, a agência reguladora afirmou que vai avaliar os dados clínicos apresentados pela farmacêutica e explicou que as informações devem comprovar o benefício da dose adicional para a faixa etária.

Segundo a Anvisa, o prazo de análise para a solicitação é de 30 dias.

A Pfizer já havia solicitado, em 20 de junho, a inclusão da dose de reforço para crianças de 5 a 11 anos. Atualmente, o reforço da vacina já está liberado para maiores de 18 anos, mas a recomendação do Ministério da Saúde contempla a faixa etária acima dos 40 anos.

R7

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Idosa foi estuprada antes de morrer espancada no RN, aponta laudo do Itep

Foto: InterTV Cabugi

O Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep-RN) concluiu o laudo de conjunção carnal que comprovou que Adalgisa Fagundes Neves, de 61 anos, foi estuprada antes da morte. O corpo foi encontrado no último dia 23 de maio em Baraúna, mas a idosa só morreu em Mossoró, na Região Oeste do RN, no mesmo dia.

Segundo o delegado Luiz Fernando, responsável pelas investigações, o inquérito foi remetido à Justiça com o indiciamento por homicídio e estupro. O resultado foi divulgado na quinta-feira (23).

“Ela teve um traumatismo craniano pelas agressões. O resultado do laudo foi anexado ao inquérito remetido à Justiça”, afirma Luiz.

O suspeito de cometer o crime é Matheus Mangueira da Silva, de 23 anos, que segue foragido da justiça.

G1 RN

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

MPF pede que caso de Milton Ribeiro seja encaminhado ao STF para investigação de suposta interferência de Bolsonaro

Foto: Reprodução/ Flickr Ministério da Educação

O Ministério Público Federal (MPF) pediu à Justiça para que o inquérito que apura denúncias de corrupção no Ministério da Educação sob o comando de Milton Ribeiro seja enviado para o Supremo Tribunal Federal (STF).

A medida seria necessária devido a uma possível interferência política na investigação. De acordo com o órgão, em conversas telefônicas de Ribeiro, há indícios de que houve vazamento de informações sobre a operação e possível interferência ilícita do presidente Jair Bolsonaro (PL). O pedido foi aceito pelo juiz Renato Borelli, da 15ª Vara de Justiça Federal de Brasília, e a relatora do caso no STF será a ministra Cármen Lúcia.

“Outrossim, nesta oportunidade, o MPF vem requerer que o auto circunstanciado nº 2/2022, bem como o arquivo de áudio do investigado Milton Ribeiro, que aponta indício de vazamento da operação policial e possível interferência ilícita por parte do residente da República Jair Messias Bolsonaro nas investigações, sejam desentranhados dos autos e remetidos, de maneira apartada e sigilosa, ao Supremo Tribunal Federal”, escreveu o Ministério Público na solicitação.

Ribeiro foi alvo da operação ‘Acesso Pago’ da Polícia Federal e foi detpreso na quarta, 22, embora tenha obtido um habeas corpus na quinta, 23. A operação foi parte de investigação de supostas irregularidades na liberação de recursos do Ministério da Educação, no período entre julho de 2020 e março de 2022, quando Ribeiro comandou a pasta.

Ele é investigado pela PF desde março por suposto esquema de favorecimento a pastores. Os religiosos Gilmar dos Santos e Arilton Moura são apontados como membros de um gabinete paralelo do MEC, sendo responsáveis por intermediar reuniões entre os prefeitos e o ministro Milton Ribeiro e facilitar os pedidos de mandatários de municípios em troca de propinas, que iam de ouro à compra de Bíblias. Os pastores também são alvo de investigação da Polícia Federal e estão entre os que foram presos preventivamente, mas liberados.

Jovem Pan

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

COVID: Brasil registra 334 óbitos e 60 mil casos nas últimas 24h

Foram divulgados os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta sexta-feira (24), de acordo com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass):

– O país registrou 334 óbitos nas últimas 24h, totalizando 670.229 mortes;

– Foram 60.384 novos casos de coronavírus registrados, no total 32.023.166;

A média móvel de óbitos nos últimos sete dias é de 188. A a média móvel de novos casos é de 49.970.

O ministério da Saúde calcula que mais de 30,5 milhões de pessoas já se recuperaram da Covid.

Opinião dos leitores

  1. O mequetrefe do Lula disse, ” Ainda bem que a natureza criou esse monstro do coronavírus “.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Emprego

Desemprego cai a 9,4% em abril, menor nível desde outubro de 2015, aponta Ipea

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Um estudo divulgado nesta sexta-feira (24), pelo Instituto de Pesquisa Econômica (Ipea), aponta que a taxa de desemprego recuou em abril e chegou a 9,4%. O dado foi calculado pelo órgão a partir dos números trimestrais da Pesquisa Nacional por Amostral de Domicílios Contínua (Pnad), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, (IBGE). Esse é o menor nível registrado desde outubro de 2015.

A análise interanual aponta que a taxa de desocupação recuou 4,9% pontos percentuais em relação a 2021. A população ocupada em abril alcançou 97,8 milhões de trabalhadores, o índice mais alto desde o início da PNAD, em 2012. A força de trabalho cresceu 3,7% de janeiro e abril e atingiu 109,1 milhões de pessoas, maior contingente já apurado na pesquisa.

Atualmente, segundo o trabalho, são cerca de 11 milhões de pessoas desempregadas pelo país. A retomada do emprego é classificada como generalizada: ocorre em todas as regiões, segmentos etários, educacionais e atinge todos os setores da economia. No entanto, ela é mais acelerada nas regiões Centro-Oeste e Sudeste, onde as taxas de desemprego são de 8,5% na primeira e de 11,1% na segunda.

Nacionalmente, os mais jovens foram os mais beneficiados pela redução: a taxa de desemprego neste grupo, que chegou a 30% no primeiro trimestre, caiu para 22,8%. No entanto, ainda é mais que o dobro do índice registrado na população brasileira em geral.

Foram analisados 13 setores econômicos no primeiro trimestre, em relação ao mesmo período do ano passado, e seis deles apresentaram crescimento de ocupação superior a 10%. Os destaques foram os segmentos de alojamento e alimentação (32,5%), serviços pessoais (19,5%) e domésticos (19,4%).

O trabalho apontou ainda redução no desalento: classificação utilizada para incluir as pessoas que gostariam de trabalhar, mas desistiram de procurar emprego por acreditar que não seria possível encontrar um posto de trabalho. A proporção de desalentados recuou de 5,1% para 3,7% e representa um total de 4,2 milhões de pessoas. É o menor total desde setembro de 2017.

Cerca de 6,5% da população trabalha menos de 40 horas semanais e gostaria de trabalhar mais. Essa é a classificação de subocupados: eles são 6,4 milhões de pessoas. O dado atual reflete uma queda de 1,7 ponto percentual em relação ao mesmo período de 2021.

CNN Brasil

Opinião dos leitores

    1. Seu louco, porque você não comenta o caso de corrupção, envolvendo o ex ministro Milton Ribeiro e Bolsonaro, o que foi, está comedo. Você de politica não entende nada, é só mais um bolsonarista sem cérebro

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Homem viaja 1.600 km para beijar mulher e fica plantado no aeroporto

Foto: reprodução

Um homem decidiu viajar da Espanha para o Reino Unido a fim de encontrar uma mulher com quem vinha mantendo contato de forma virtual. David Stevenson, de 32 anos, se deslocou por uma distância de 1.600 km e foi deixado “plantado” no aeroporto pela amada.

Não satisfeito com a situação, ele retornou para casa e, em menos de um mês, realizou nova viagem para ver uma outra mulher. Sem sucesso. Pela segunda vez, foi deixado a ver navios, de acordo com o jornal britânico The Mirror.

Conforme relato do homem, a primeira jovem teria ficado em “silêncio” quando ele informou sobre a viagem. Na próxima vez, a outra mulher apenas cancelou a estadia dele com ela.

A história de Stevenson viralizou no TikTok, deixando muita gente comovida com a situação. “Tudo estava ótimo e eu voei de volta para a Espanha. É difícil namorar morando na Espanha, então estou disposto a me esforçar. Estávamos conversando todos os dias e desta vez voei de volta para a Inglaterra com o plano para me encontrar com ela e não recebi nada de volta”, lamentou.

“No momento em que voltei para a Inglaterra, ela ficou em silêncio. Voltei para solo britânico e nada. É pura decepção. Você está gastando tantas horas de sua vida investindo nessa pessoa – de telefonemas, mensagens. Tudo”, declarou Stevenson sobre a primeira garota.

Sobre a segunda jovem, o homem relatou: “Ela me mandou uma mensagem dizendo que estava com Covid, foi um momento muito ruim e ela estava muito arrependida. Se você tem Covid, você me manda uma mensagem no dia anterior dizendo ‘David, eu sinto muito, mas estou doente’”.

Metrópoles

Opinião dos leitores

  1. Esse homem é um selecionador exigente que só quer namorar mulheres brancas loiras e ruivas de olhos azuis ou verdes da europa central e do leste, ele não gosta e não quer namorar mulheres comuns espanholas brancas de cabelos escuros e olhos escuros.

  2. O pau cantando em BSB e o blog fingindo que estamos na Europa..
    E os áudios do pastor?
    Pastolao do MEC?

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

GRAVE: Por falta de apoio, Núcleo para Tratamento da Obesidade Infantil do Varela Santiago vai fechar

Fotos: Divulgacão 

A notícia não é boa e traz um alerta para os impactos negativos no futuro. O Núcleo para Tratamento da Obesidade Infantil do Varela Santiago vai fechar as portas e suspender o seu funcionamento. A decisão foi tomada nessa sexta-feira (24) com muita tristeza e preocupação, explica o diretor superintendente da instituição Dr Paulo Henrique Xavier. “É muito triste, mas infelizmente não será possível continuar pois não temos apoio do município, do estado nem da união”.

De acordo com dr. Paulo, o Núcleo foi montado com uma estrutura física muito boa e com um atendimento multidisciplinar, referência no país. “Investimos em um projeto diferenciado e pioneiro no Nordeste, com bioimpedância, o que tem de melhor em tecnologia para tal fim. Reunimos uma equipe técnica de primeira. As crianças eram vistas de 15 em 15 dias. Não era aquele núcleo que você faz uma consulta com um endocrinologista ou nutricionista, eles passam uma receita e o paciente volta com 6 meses. No nosso núcleo elas eram vistas quinzenalmente”, afirma o diretor.

A ideia, explica dr Paulo, era que essas crianças continuassem sendo vistas de 15 em 15 dias, mas por falta de transporte dos municípios, elas faltavam e o atendimento passou a ser mensal. “Criamos o núcleo para dar, além da assistência técnica, vale transporte e uma cesta para a criança se alimentar naquele período. Não adianta a gente orientar a criança e a mãe qual alimento ela deve dar, ensinar em uma oficina, e ela chegar em casa e não ter esse alimento, nem como comprá-lo. Nossa ideia era fazer uma coisa completa”, diz o diretor.

Segundo ele, o projeto já começou deficitário. “Tínhamos uma despesa de 20 mil reais por mês. Aguardamos o primeiro ano, segundo ano, não tivemos nenhum apoio. Não suportamos mais e infelizmente vamos ter que fechar. É muito triste, ainda mais em um Estado que amarga o título de segundo colocado no país em número de obesos na faixa etária dos 05 aos 09 anos de idade”, lamenta.

“O mais preocupante é que se essas crianças mantiverem a obesidade até os 10 anos, elas têm uma chance de 80% de se tornarem adultos obesos. Então o problema que já é grave hoje, tende a piorar ainda mais no futuro”, acrescenta a endocrinologista pediatra Iluska Medeiros, coordenadora do Núcleo.

Até hoje foram realizadas, no Núcleo, oito mil consultas, e tiveram 115 crianças atendidas, com excelentes respostas, acrescenta dra Iluska. “Nos primeiros quatro meses de tratamento tivemos redução de peso em 92,5% dos pacientes e 87,5% deles diminuíram a gordura corpórea. A média de perda de peso foi de 450g por consulta, quase meio quilo. Em nenhum lugar do mundo a gente encontra números tão bonitos”, comemora.

Os números também foram muito bons no “pós-pandemia”, explica dra Iluska. “Nos quatro meses após a pandemia, a gente conseguiu fazer com que as crianças mantivessem a perda de peso e redução do IMC, porém num nível menor, com redução na resposta clínica em 30%. Se a gente levar em conta que durante a pandemia a maioria das crianças engordaram, isso mostra que o atendimento multidisciplinar do núcleo foi um sucesso, em manter essas crianças em uma boa evolução do tratamento. Nenhum lugar oferece um tratamento tão completo, nem na rede privada”.

Acabar tudo isso traz muita tristeza e preocupação, lamenta a coordenadora. “Infelizmente vai deixar uma parcela importante da população sem assistência e provavelmente essas crianças, sem um bom acompanhamento, evoluírem para problemas futuros e com certeza onerar ainda mais o sistema de saúde com problemas cardiovasculares, insuficiência renal, hipertensão, etc. Infelizmente os gestores não enxergam a importância de se tratar a obesidade ainda na infância”, finaliza.

Opinião dos leitores

  1. Escândalos e mais escândalos no governo Bolsonaro e esse blog tocando violino em pleno Titanic afundando.

    1. Nostradando, quais os escândalos? Escândalo é um condenado em terceira instância sendo candidato a presidência.

  2. Será que os nossos parlamentares ficarão de braços cruzados? Cadê as ememendas parlamentares dos Senadores, dos Deputados Federais, dos Deputados Estaduais?

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Jornalista é agredida e teve 2 carros roubados em menos de 15 dias em Parnamirim

A jornalista Heloísa Macedo teve seu carro roubado na noite dessa quinta-feira (23), no bairro de Passagem de Areia, em Parnamirim, na Grande Natal. Heloisa teve seu carro do tipo Fox, na cor prata, de placa OFE6D77, levado por três homens, que estavam a pé no meio da rua.

Os suspeitos a “arrancaram” do carro pelos cabelos e a agrediram. A Polícia Militar já faz buscas por suspeitos e por veículos com a característica semelhante ao de Heloisa.

96 FM

Opinião dos leitores

  1. Se com Bolsonaro nada mudou no quesito segurança. iria trabalhar pra endurecer leis, ganhou levantando e nada mudou, imagina a turma do PT que defende bandido como é que não ficar a situação desse Brasil? No caso aqui do RN ja temos o retrato da segurança como é. Esse ano ta foda votar, so tem bagaceira. O povo vai continuar tomando onde a galinha toma.

  2. Mais um dia atípico na insegurança pública do RN, estamos entregue as baratas e o governo de Fátima Bezerra não faz nada.

  3. Styverson Governador.
    SGT Walfrido Deputado Federal e
    Wendel Lagartixa Deputado Estadual.
    O RN vai ter moral.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *